FIXISMO
Cada espécie viva teria surgido por um ato
de criação divina, tendo hoje exatamente a
mesma característica que pos...
EVOLUÇÃO
O que é a evolução?
Evolução é o processo através no qual
ocorrem as mudanças ou transformações
nos seres vivos a...
EVIDÊNCIAS DA EVOLUÇÃO
Há um número muito grande de fatos
acumulados que mostra que a evolução
realmente ocorreu e continu...
HOMOLOGIA
Mesma origem e funções diferentes
HOMOLOGIA E DIVERGENCIA ADAPTATIVA
ANALOGIA
Origem diferente com funções iguais
ANALOGIA E CONVERGÊNCIA ADAPTATIVA
ÓRGÃOS VESTIGIAIS
Órgãos vestigiais :
órgãos reduzidos em
tamanho e geralmente
sem função, que
correspondem a órgãos
maior...
EMBRIOLOGIA COMPARADA
O estudo comparado
da embriologia de
diversos vertebrados
mostra a grande
semelhança de
padrão de
de...
FÓSSEIS
É considerado fóssil
qualquer indício da
presença de organismos
que viveram em tempos
remotos da Terra.
FOSSÉIS
TEORIA EVOLUCIONISTAS
LAMARKISMO
 Entende-se por Lamarquismo
a teoria evolucionista de Jean
Baptiste, cavalheiro Lamark a...
LAMARKISMO
1.
A evolução ocorre por sucessivas
transformações em seus órgãos, tais
alterações acontece pelo uso ou desuso ...
LAMARKISMO
2.
Tais alterações sofridas pelo indivíduo
durante sua vida, seria transmitida por
hereditariedade. Sabe-se que...
LAMARKISMO
LAMARKISMO
Exemplos:
Sobre a hereditariedade, August Weissman
cortou a cauda de camundongos por
gerações, observando que a...
CHARLES DARWIN
 Charles Robert Darwin
foi um naturalista britânico
que alcançou fama ao
convencer a comunidade
científica...
DARWINISMO
1- Há indivíduos diferentes dentro de uma
mesma espécie, tais diferenças os dão
melhores condições de se adapta...
DARWINISMO
2- Os seres vivos aumentam em progressão
geométrica e lhes falta o alimento, que
aumentaria em progressão aritm...
DARWINISMO
3.Na luta pela sobrevivência sobrariam os
mais aptos, e os menos aptos seriam
eliminados.
4.Os mais aptos trans...
DARWINISMO
 Nas hipóteses de Darwin foram formulados alguns erros como,
na luta pela sobrevivência dos mais aptos Darwin ...
LAMARKISMO
NEODARWINISMO
 O neodarwinismo, tem suas bases nos
escritos de Hugo De Vries sobre as teorias
das mutações, a qual mantém...
FATORES EVOLUTIVOS
1- MUTAÇÕES
Gênicas e cromossômicas
2-RECOMBINAÇÕES
Crossing-over e segregação independente dos
genes.
...
TIPOS DE SELEÇÃO NATURAL
1-Estabilizadora
2-Direcional
3- Disruptiva
ESPECIAÇÃO
ESPECIAÇÃO
Isolamento reprodutivo
Os mecanismos pré-copulatórios : impedem a
cópula.
- Isolamento estacional : diferenças ...
ISOLAMENTO REPRODUTIVO
Mecanismos pós-copulatórios: Mesmo que
a cópula ocorra, estes mecanismos
impedem ou reduzem seu suc...
EVOLUÇÃO DO HOMEM
EVOLUÇÃO DO HOMEM
 Australopithecus
Os fósseis mais antigos aparentados com o homem
são originário do Pleistoceno Inferio...
 Australopithecus
Dos caracteres humanes evidenciamos a
existência de uma bacia e de uma
articulação craniana, capazes de...
EVOLUÇÃO DO HOMEM
 Homo Habilis
Em 1960 Louis Leakey encontrou, na África, cerca de seis
fósseis e os chamou de Homo habi...
EVOLUÇÃO DO HOMEM
 Homo Erectus 
O homem de Java, um dos mais antigos hominídeos, foi descoberto
por Eugene Dubois, em 18...
EVOLUÇÃO DO HOMEM
 Homo Sapiens 
Há cerca de 70.000 anos atrás, surgiu o Homo
sapiens, do qual existem numerosas amostras...
Evolução
Evolução
Evolução
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Evolução

1.367 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.367
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
772
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
23
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Evolução

  1. 1. FIXISMO Cada espécie viva teria surgido por um ato de criação divina, tendo hoje exatamente a mesma característica que possuía na época primitiva. As espécies biológicas, assim, seriam fixas e imutáveis. As idéias fixistas perduraram desde a Antiguidade até o século XIX.
  2. 2. EVOLUÇÃO O que é a evolução? Evolução é o processo através no qual ocorrem as mudanças ou transformações nos seres vivos ao longo do tempo, dando origem a espécies novas.
  3. 3. EVIDÊNCIAS DA EVOLUÇÃO Há um número muito grande de fatos acumulados que mostra que a evolução realmente ocorreu e continua ocorrendo. 1- Anatomia comparada 2- Fósseis 3- Bioquímica comparada 4- Órgãos vestigiais 5- Embriologia comparada
  4. 4. HOMOLOGIA Mesma origem e funções diferentes
  5. 5. HOMOLOGIA E DIVERGENCIA ADAPTATIVA
  6. 6. ANALOGIA Origem diferente com funções iguais
  7. 7. ANALOGIA E CONVERGÊNCIA ADAPTATIVA
  8. 8. ÓRGÃOS VESTIGIAIS Órgãos vestigiais : órgãos reduzidos em tamanho e geralmente sem função, que correspondem a órgãos maiores e funcionais em outros organismos. Indicam ancestralidade comum.
  9. 9. EMBRIOLOGIA COMPARADA O estudo comparado da embriologia de diversos vertebrados mostra a grande semelhança de padrão de desenvolvimento inicial.
  10. 10. FÓSSEIS É considerado fóssil qualquer indício da presença de organismos que viveram em tempos remotos da Terra.
  11. 11. FOSSÉIS
  12. 12. TEORIA EVOLUCIONISTAS LAMARKISMO  Entende-se por Lamarquismo a teoria evolucionista de Jean Baptiste, cavalheiro Lamark a qual há dois pontos de grande importância, que se distingue do fixismo de sua época, eles são :
  13. 13. LAMARKISMO 1. A evolução ocorre por sucessivas transformações em seus órgãos, tais alterações acontece pelo uso ou desuso de tal órgão.O uso constante do órgão, se daria por necessidade do indivíduo adaptar-se ao meio ambiente.
  14. 14. LAMARKISMO 2. Tais alterações sofridas pelo indivíduo durante sua vida, seria transmitida por hereditariedade. Sabe-se que, com o uso da musculatura há um desenvolvimento em força e tamanho, e com o desuso acaba-se por atrofiar. Essa observação levou Lamarck a um erro, pois conclui que tal transformação ocorreria também com os órgãos.
  15. 15. LAMARKISMO
  16. 16. LAMARKISMO Exemplos: Sobre a hereditariedade, August Weissman cortou a cauda de camundongos por gerações, observando que as caudas continuavam nascendo perfeitas, assim provou que as características não eram transmitidas para as novas gerações.
  17. 17. CHARLES DARWIN  Charles Robert Darwin foi um naturalista britânico que alcançou fama ao convencer a comunidade científica da ocorrência da evolução e propor uma teoria para explicar como ela se dá por meio da seleção natural e sexual
  18. 18. DARWINISMO 1- Há indivíduos diferentes dentro de uma mesma espécie, tais diferenças os dão melhores condições de se adaptar do que outros.
  19. 19. DARWINISMO 2- Os seres vivos aumentam em progressão geométrica e lhes falta o alimento, que aumentaria em progressão aritmética, então para a sobrevivência deveria haver uma luta pela vida.
  20. 20. DARWINISMO 3.Na luta pela sobrevivência sobrariam os mais aptos, e os menos aptos seriam eliminados. 4.Os mais aptos transmitiriam as características para seus descendentes. As gerações estariam aprimorando suas características, para a sobrevivência.
  21. 21. DARWINISMO  Nas hipóteses de Darwin foram formulados alguns erros como, na luta pela sobrevivência dos mais aptos Darwin afirma que haveria uma constante luta entre os indivíduos, hoje sabemos que há uma luta entre o indivíduo e o meio ambiente. Os mais aptos a acomodar-se ao meio, a resistir aos predadores, clima etc terão maior possibilidade de reprodução, e conseqüentemente a ascensão da espécie.Sobre a hereditariedade Darwin e Lamarck elaboraram o erro da hereditariedade de caracteres adquiridos, a qual Hugo De Vries corrige com a teoria da mutação, sugerindo que a variação de uma mesma espécie daria-se por alterações no material genético
  22. 22. LAMARKISMO
  23. 23. NEODARWINISMO  O neodarwinismo, tem suas bases nos escritos de Hugo De Vries sobre as teorias das mutações, a qual mantém as hipóteses de Darwin sobre a seleção natural e luta pela vida, introduzindo a idéia da mutação, e assim explicando como novas espécies surgem.
  24. 24. FATORES EVOLUTIVOS 1- MUTAÇÕES Gênicas e cromossômicas 2-RECOMBINAÇÕES Crossing-over e segregação independente dos genes. 3-SELEÇÃO NATURAL 4- MIGRAÇÕES 5- DERIVA GÊNICA
  25. 25. TIPOS DE SELEÇÃO NATURAL 1-Estabilizadora 2-Direcional 3- Disruptiva
  26. 26. ESPECIAÇÃO
  27. 27. ESPECIAÇÃO Isolamento reprodutivo Os mecanismos pré-copulatórios : impedem a cópula. - Isolamento estacional : diferenças nas épocas reprodutivas. -Isolamento de hábitat ou ecológico: ocupação diferencial de hábitats. – Isolamento etológico: o termo etológico refere- se a padrões de comportamento - Isolamento mecânico: diferenças nos órgãos reprodutores, impedindo a cópula.
  28. 28. ISOLAMENTO REPRODUTIVO Mecanismos pós-copulatórios: Mesmo que a cópula ocorra, estes mecanismos impedem ou reduzem seu sucesso.  – Mortalidade gamética:  – Mortalidade do zigoto:  – Inviabilidade do híbrido :  – Esterilidade do híbrido :
  29. 29. EVOLUÇÃO DO HOMEM
  30. 30. EVOLUÇÃO DO HOMEM  Australopithecus Os fósseis mais antigos aparentados com o homem são originário do Pleistoceno Inferior e são chamados de Australopitecídeos. O primeiro crânio foi descoberto em 1925 na África Meridional. Tal crânio pertencia a uma criança com 6 anos de idade, com volume craniano pequeno, maxilares robustos e acentuado prognatismo.
  31. 31.  Australopithecus Dos caracteres humanes evidenciamos a existência de uma bacia e de uma articulação craniana, capazes de assegurar uma postura vertical quase perfeita. 
  32. 32. EVOLUÇÃO DO HOMEM  Homo Habilis Em 1960 Louis Leakey encontrou, na África, cerca de seis fósseis e os chamou de Homo habilis. A reconstrução do Home habilis sugere uma criatura com 1,25m de altura, dentes pequenos e pés semelhantes aos do homem. Junte com os restos foram encontrados seixos trabalhos com bordos cortantes, indicando que o Homo habilis era capaz de trabalhar a pedra. Essa espécie, datada de 1.700.000 anos é considerado o ancestral da espécie humana.
  33. 33. EVOLUÇÃO DO HOMEM  Homo Erectus  O homem de Java, um dos mais antigos hominídeos, foi descoberto por Eugene Dubois, em 1891, na região leste de Java. Inicialmente foi chamado de Pithecantropus erectus, nome posteriormente alterado para Homo erectus. A reconstrução esquelética indicou que o adulto atingia 1,70m de altura, pesava 70 quilogramas a tinha um andar semelhante ao homem atual. A capacidade craniana variava de 700 a 1.100 centímetros cúbicos. As arcadas supra-ciliares eram preeminentes e não apresentava queixo, dentes grandes e caninos não ultrapassando os demais dentes. Vivia em cavernas ou abrigos de pedras, por ele construídos.
  34. 34. EVOLUÇÃO DO HOMEM  Homo Sapiens  Há cerca de 70.000 anos atrás, surgiu o Homo sapiens, do qual existem numerosas amostras. Ele teria se apresentado em duas superfícies: Homo sapiens neanderthalensis e Homo sapiens sapiens. O primeiro, homem de Neandertal, foi descoberto no vale de Neander, próximo a Dusseldorf, sendo da constituição forte, cuja altura variava de 1,50 a 1,60m.

×