Aula 3 evolução

698 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
698
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 3 evolução

  1. 1. Evolução
  2. 2. Origens sem evolução: Século VII, VI e V aC. → períodos de florescimento do comércio e do intercâmbio, no Mediterrâneo Oriental e no Oriente;  Gregos (jônios, da Ásia menor) → viajavam para o Egito e Mesopotâmia → conhecendo a geometria egípicia e a astronomia dos babilônios;  Ficou bastante claro a explicação de fenômenos “naturalmente” (antes, atribuídos aos deuses)
  3. 3. • Surgimento de indagações → matéria, mundo, vida.../??? Filósofos (não havia ciência) 1º filósofo → Thales Mileto (625 – 527 aC.), astrônomo, geômetra, metereologista... Não interessava-se por fenômenos biológicos;• Água era o princípio de tudo → possuía papel importante na vida dos animais e plantas (ciclo de vida) → sêmen úmido (H2O)
  4. 4. Thales Mileto (625 – 527 aC.),
  5. 5. Discípulo de Tales → Anaximandro (610 – 546 aC.), mais conhecido como astrônomo e geógrafo, porém demonstrava sinais de interesse por fenômenos da vida;→ Imaginava 1ª geração de organismos → metamorfose = inseto emerge do estágio de crisálida:
  6. 6. “Os primeiros animais foram gerados na umidade, e estavam envoltos em cascas espinhentas. Quando cresceram mais, eles migraram para a terra mais seca;... O homem, para começar, foi gerado de seres vivos de outra espécie, porque, enquanto outros conseguem rapidamente caçar a sua própria comida, só os homens necessitam de prolongada nutrição. Se ele tivesse sido assim desde o princípio nunca teria sobrevivido. Por isso, os homens foram formados dentro dessas [criaturas pisciformes] e permaneceram dentro delas como embriões, até chegarem ao estado maduro. Então, finalmente, as criaturas rebentaram, e fora delas vieram os homens e as mulheres, que estavam aptos a se defenderem por si mesmos.”
  7. 7. • Não se refere a uma antecipação da evolução; • Refere-se à ontogenia das gerações espontâneas;• Na época → crença na geração espontânea → terra úmida;
  8. 8. Anaximandro (610 – 546 aC.)
  9. 9. Empédocles (492 – 432 aC) → propôs teoria absurda sobre origem dos seres vivos “inicialmente, originavam-se apenas as partes do corpo:” - cabeça e membros sem o corpo; - cabeças sem olhos e boca;Impossível chamar esta teoria de prenúncio da teoria darwiniana da seleção natural
  10. 10. Empédocles (492 – 432 aC)
  11. 11. Demócrito (500 – 404 aC.)→ 1º a levantar o problema dos mecanismos ao acaso versus tendências direcionadas a um fim;
  12. 12. Demócrito (500 – 404 aC.)
  13. 13. Dois aspectos importantes, caracterizaram osconceitos das origens do mundo dos 1º filósofos gregos • Os atos de “criação” são desdeificados → o mundo, ou a vida, organismos são resultados do poder gerador da natureza; • As origens não possuíam um plano ou objetivo → ao contrário, foi resultado do acaso ou necessidade irracional.
  14. 14. Atualmente, pode parecer ingênuas e primitivas estas especulações mas, os filósofos foram os 1º a fornecerem uma explicação racional (mesmo invocando forças e agentes materiais como o calor do sol, água, terra...)Constituem a 1º revolução científica → uma rejeição do sobrenatural, em favor de explicações materiais
  15. 15. Platão• Ensinamentos filosóficos → existência de pontos promissores para o desenvolvimento do pensamento evolutivo: c) Idéia de tempo ilimitado; e) A geração espontânea; g) Mudanças no ambiente; i) Alterações ontogenéticas do indivíduo.
  16. 16. Platão (427 – 347 aC.)
  17. 17. Mudança de direção da filosofia → metafísicaabstrata, que foi influenciada pela matemática (geometria) →Procura de “realidades imutáveis”→ Prejudicou o desenvolvimento da biologia
  18. 18. 4 dogmas de Platão exerceram impacto na biologia (2.000 anos seguintes)• Essencialismo → crença em idéias fixas/constantes; • Conceito de um cosmo animado/harmonioso dificuldade de aceitar a evolução perturbação da harmonia
  19. 19. 3) Substituição da geração espontânea por um poder criativo → Demiurgo → “Deus cria e organiza o mundo com a matéria existente”4) Referências a princípios não-corporais → alma
  20. 20. Aristóteles• 1º grande naturalista• 1º a perceber uma graduação na natureza viva “a natureza passa dos objetos inanimados, por meio das plantas, para os animais, numa seqüência ininterrupta” Exemplo: animais marinhos como as esponjas e as anêmonas do mar, se parecem mais com plantas do que com os animais
  21. 21. • Conceitos conservados por Aristóteles eram irreconciliáveis com a evolução: - estática / constante;- idéias de espécies fixas, imutáveis e eternas.
  22. 22. Aristóteles (384 – 322 aC.)
  23. 23. Alguns historiadores especularam sobre a razão por que os gregos foram tão mal sucedidos quanto ao fundar o evolucionismo• Ausência de um conceito de tempo (retorno sempre ao mesmo princípio); • Conceito de Kosmos perfeito; • Essencialismo;
  24. 24. De certa maneira, os gregos lançaram o fundamento para a biologia evolutiva Aristóteles foi uma evidência indireta Fundador da História natural
  25. 25. Impacto do Cristianismo • Abolia a liberdade de pensamento • A Bíblia tornou-se a medida de todas as coisas → religiões cristã e judaica acreditavam em um todo- poderoso autor de todas as coisas;• Criou o mundo do nada e, em algum dia, poria fim a tudo → juízo final
  26. 26. A própria criação da terra em 6 dias (Antigo Testamento) possuía muitas alusões a seqüênciaslineares, que eram mais adequadas como base dopensamento evolutivo do que o mundo constante e cíclico, do Gregos. → A Reforma representou um obstáculo aoevolucionismo, porque o advento do protestantismo reforçou a autoridade da bíblia
  27. 27. Advento do evolucionismo • Evolução → contradição ao senso comum Ou seja: A progênie de qualquer organismo sempre sereproduz repetindo o tipo parental (“o gato sempre produz apenas gatos”)
  28. 28. • Antes da evolução → existência de teorias de mudanças:- geração espontânea, heterogonia (sp. poderia produzir outra sp. → trigo / centeio)…Porém, eram teorias sobre a origem e não sobre a evolução
  29. 29. • Maior obstáculo para o estabelecimento da teoria da evolução → ausência de observação direta (como o cair de uma pedra...) • Evolução era por inferência → através de fósseis, fatos da variação e hereditariedade • Pré-requisito para a proposição do pensamento evolucionista era o rompimento com a visão de mundo que prevalecia na cultura Ocidental g) universo concebido por um criador inteligente; h) idéia de mundo estático, imutável.
  30. 30. • Século XVII, XVIII e XIX → espantosa revolução intelectual >> pesquisas científicas e mudança do meio cultural e intelectual Três vertentes de avanços científicos, prepararam o terreno para a teoria evolucionista: V) Filosofia da natureza (ciências físicas) VII) Geologia IX) Historia natural
  31. 31. A evolução antes de Darwin • Espaço longo entre: 1ª intimações provocativas do evolucionismo (Leibniz, 1694) X Proposta de Lamarck (1800) **Leibniz → já afirmava a continuidadeInfluenciou Buffon e outros filósofos do iluminismo Todos influenciaram Lamarck
  32. 32. • Lamarck → passo decisivo para:CONVERTER A CADEIA DE SEQÜÊNCIA ININTERRUPTA , SEMPRE PERFEITA, EM UMA LINHA DE DESCENDÊNCIA
  33. 33. Interpretação de Lamarck no contexto do seu meio intelectual contemporâneo • Não se pode e nem se deve, interpretar Lamarck em termos da teoria evolucionista de Darwin • Não existia nenhuma teoria da origem das espécies• Ele não levou em consideração a descendência comum • Ignorou a distribuição geográfica das espécies
  34. 34. • A distribuição geográfica → usada pelos naturalistas → era uma das mais poderosasfontes de informações da teoria darwiniana e da descendência comum
  35. 35. A estagnação Pré- Darwiniana• Desde a publicação do Philosophie Zoologique (1809) → estudiosos de espécies, faunas, distribuições, fósseis, extinção... não mais podiam ignorar a possibilidade de evolução • 1809 até 1859 (Origin of Species) → houve um acúmulo de evidências a favor de uma teoria de um mundo dinâmico e evolutivo
  36. 36. Em que data poderia a evidência em favor da teoria da evolução orgânica ... ser considerada francamente consumada??? 4) Descobertas de Cuvier (1812)- crescente diferenciação taxionômica dos mamíferos fósseis
  37. 37. 1) Outras evidências que levaram a mesma conclusão - fatos das variações geográficas (refuta a constância das espécies)- Persistência de diversos tipos de animais (moluscos), através de muitos períodos geológicos (contradizia a ocorrência de catástrofes universais) ** evidências que deram suporte à teoria darwiniana (1859)
  38. 38. • Autoridades de diversas áreas como zoologia, botânica e geologia continuavam a rejeitar a evolução • As crescentes e mais notáveis evidências da evolução surgiram da biogeografia, sistemática, estratigrafia e anatomia comparada • Origin of species (1859)

×