SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 11
Baixar para ler offline
Citação é a menção no texto de informação
extraída de outra fonte.
Existem 3 tipos de citação:
Direta: É a transcrição (reprodução integral) de parte da obra
consultada, conservando-se a grafia, pontuação, idioma etc.
Indireta: É o texto criado com base na obra de autor
consultado, em que se reproduz o conteúdo e ideias do
documento original; dispensa o uso de aspas duplas.
Citação de citação: É a citação direta ou indireta de um texto
em que não se teve acesso ao documento original.
Em todas é obrigatório constar o autor(es), data e página do
trecho citado (com exceção da citação indireta).
Citação Direta com até 3 linhas
É a transcrição (reprodução integral) de parte da obra
consultada, conservando-se a grafia, pontuação, idioma etc.
É obrigatório constar o autor(es), data e página do trecho
citado, que deve estar entre aspas.
Exemplos:
• De acordo com as conclusões de Waldow (2001, p. 62), “hoje
se constata a presença cada vez maior do uso de práticas de
saúde e rituais de cuidar não convencionais”.
• “As citações são os elementos retirados dos documentos
pesquisados durante a leitura da documentação” (SEVERINO,
2000, p. 106).
Citação Direta com mais de 3 linhas
É a transcrição (reprodução integral) de parte da obra consultada,
conservando-se a grafia, pontuação, idioma etc.
É obrigatório constar o autor(es), data e página do trecho citado. A citação
deve vir com margem recuada, sem aspas e com fonte menor que o texto.
Exemplo:
Dornelas (2001, p. 162) constata
que:
No Brasil, o sucesso de um
empreendimento depende
muito da capacidade de se
administrar financeiramente um
negócio, em razão dos ciclos
recessivos que têm atingido a
economia.
No Brasil, o sucesso de um
empreendimento depende
muito da capacidade de se
administrar financeiramente
um negócio, em razão dos
ciclos recessivos que têm
atingido a economia.
(DORNELAS, 2001, p. 162)
Sobre o empreendedorismo pode-se
afirmar que:
Recuar
margem
esquerda
em 4 cm
Citação Indireta
É o texto criado com base na obra de autor consultado, em
que se reproduz o conteúdo e ideias do documento
original; dispensa o uso de aspas duplas e da página do
trecho citado no original.
Exemplo:
A análise bibliométrica tem sido aplicada principalmente a
textos científicos, para avaliação da produção científica,
buscando a atender a diversos objetivos: identificar as
tendências de crescimento de uma área do conhecimento,
identificar as pesquisas de cada autor, identificar as
principais revistas de uma área (SPINAK, 1998).
Citação de citação
É a citação direta ou indireta de um texto em que não se teve
acesso ao documento original. Deve ser usada com parcimônia.
Nesse tipo de citação, a obra citada deve ser referenciada
em nota de rodapé e apenas a obra efetivamente
consultada deve ser colocada nas Referências.
Exemplo:
O conceito original utilizado neste trabalho foi
definido pela primeira vez na década de 1950,
reafirmando a importância do tema para a área
(LOPES, 19511, p. 20 apud LIMA, 2010, p. 55).
Obra citada mas não
consultada
Obra efetivamente
consultadaCitado por
Citação com omissão
A omissão do texto é permitida desde que não altere
o sentido do texto, devendo ser usado nestes casos a
reticências entre colchetes no inicio, meio ou final da
citação.
Exemplo:
Segundo Bottomore (1987, p. 72) assinala “[...] a
Sociologia, embora não pretenda ser mais a ciência
capaz de incluir toda a sociedade [...] pretende ser
sinóptoca”.
Como citar no texto
Um autor Pereira (2015) (PEREIRA, 2015)
Dois autores Silva e Ribeiro (2002) (SILVA; RIBEIRO, 2002)
Três autores Sá, Ribeiro e Cardoso (2014) (SÁ; RIBEIRO; CARDOSO, 2014)
Mais de 3 autores Campos et al. (2009) (CAMPOS et al., 2009)
Documento do mesmo autor
e ano
Mendes (2003a)
Mendes (2003b)
(MENDES, 2003a)
(MENDES, 2003b)
Mesmo sobrenome e ano Barbosa, C. (1992)
Barbosa, N. (1992)
(BARBOSA, C., 1992)
(BARBOSA, N., 1992)
Mesmo sobrenome, mesma
inicial dos pronomes e
mesmo ano
Silva, Joana (2003)
Silva, José (2003)
(SILVA, Joana, 2003)
(SILVA, José, 2003)
Publicações anônimas Controle... (2001) (CONTROLE..., 2001)
Entidades coletivas Sociedade Entomológica do
Brasil – SEB (2008)
(SOCIEDADE ENTOMOLÓGICA
DO BRASIL – SEB, 2007)
Citações de vários autores à
uma mesma ideia
colocar em ordem alfabética
de sobrenome
Antonelli (2001), Carmo (2009),
Lopes (2005) e Ventura (2006)
(ANTONELLI, 2001; CARMO,
2009; LOPES, 2005; VENTURA,
2006)
Eventos 27º Congresso Brasileiro de Administração (2007)
Como citar corretamente fora e dentro de parênteses
com 1 autor em citações direta e indireta
De acordo com Souza (2008, p. 20)
Segundo Souza 2008, p. 20
Citação citação citação citação citação citação citação
citação (SOUZA, 2008).
Citação citação citação citação citação citação citação
citação (Souza, 2008).
O ano e a paginação vem sempre entre parênteses
De um espaço entre autor e ano
Sobrenome em letras maiúsculas
Como citar corretamente fora e dentro de parênteses
com 2 autores em citações direta e indireta
De acordo com Souza e Carvalho (2008, p. 20)
Segundo Souza, Carvalho 2008, p. 20
Citação citação citação citação citação citação citação
citação (SOUZA; CARVALHO, 2008).
Citação citação citação citação citação citação citação
citação (Souza, Carvalho, 2008).
Entre dois autores usar e e ano e paginação vem dentro
de parênteses
Dois autores usar e
Sobrenome em letras maiúsculas e usar
entre os autores ;
Neste caso use ; entre os autores
Como citar corretamente dentro de parênteses com
mais de 3 autores
(SOUZA et al., 2008, p. 20)
(SOUZA ET AT.,2008, p. 20)
A expressão é em letras minúsculas e com espaço depois
da vírgula
A expressão permanece em minúsculo e ao final acrescenta-se vírgula
Use sempre 1 espaço nas indicações
Como citar corretamente fora de parênteses com
mais de 3 autores
De acordo com Souza et al. (2008, p. 20)
De acordo com Souza etal. (2008, p. 20)
De acordo com Souza et. al. (2008, p. 20)
De acordo com Souza et ali. (2008, p. 20)
Não existe este ponto
A expressão é separada
Não é ali
A expressão é separada e o ponto é apenas no final

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Artigo cientifico (como fazer)
Artigo cientifico (como fazer)Artigo cientifico (como fazer)
Artigo cientifico (como fazer)Fernanda Câmara
 
Modelo slide para apresentação do artigo
Modelo   slide para apresentação do artigoModelo   slide para apresentação do artigo
Modelo slide para apresentação do artigoAdelmo Bicalho
 
Modelo padrao relatorio
Modelo padrao relatorioModelo padrao relatorio
Modelo padrao relatorioCamila Neitzke
 
Modelo de trabalho escolar
Modelo de trabalho escolarModelo de trabalho escolar
Modelo de trabalho escolarSHEILA MONTEIRO
 
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURAAULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURAMarcelo Cordeiro Souza
 
Gêneros Textuais
Gêneros TextuaisGêneros Textuais
Gêneros TextuaisEdna Brito
 
Slide projeto de pesquisa
Slide projeto de pesquisaSlide projeto de pesquisa
Slide projeto de pesquisarivanialeao
 
Coerência e coesão textual
Coerência e coesão textualCoerência e coesão textual
Coerência e coesão textualISJ
 
Resenha de artigo científico
Resenha de artigo científicoResenha de artigo científico
Resenha de artigo científicoMarcelo Souza
 
AULA 3 - COESÃO E COERÊNCIA
AULA 3 - COESÃO E COERÊNCIAAULA 3 - COESÃO E COERÊNCIA
AULA 3 - COESÃO E COERÊNCIAaulasdejornalismo
 
Referencial teórico + abnt3
Referencial teórico  + abnt3Referencial teórico  + abnt3
Referencial teórico + abnt3aula123456
 
Modelo relatorio
Modelo relatorioModelo relatorio
Modelo relatoriorsaloes
 

Mais procurados (20)

AULA 08 - RESENHA CRÍTICA - PRONTA
AULA 08 - RESENHA CRÍTICA - PRONTAAULA 08 - RESENHA CRÍTICA - PRONTA
AULA 08 - RESENHA CRÍTICA - PRONTA
 
Artigo cientifico (como fazer)
Artigo cientifico (como fazer)Artigo cientifico (como fazer)
Artigo cientifico (como fazer)
 
Modelo slide para apresentação do artigo
Modelo   slide para apresentação do artigoModelo   slide para apresentação do artigo
Modelo slide para apresentação do artigo
 
Modelo padrao relatorio
Modelo padrao relatorioModelo padrao relatorio
Modelo padrao relatorio
 
Modelo de trabalho escolar
Modelo de trabalho escolarModelo de trabalho escolar
Modelo de trabalho escolar
 
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURAAULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
 
Gêneros Textuais
Gêneros TextuaisGêneros Textuais
Gêneros Textuais
 
Modelo de artigo cientifico
Modelo de artigo cientificoModelo de artigo cientifico
Modelo de artigo cientifico
 
Slide projeto de pesquisa
Slide projeto de pesquisaSlide projeto de pesquisa
Slide projeto de pesquisa
 
Coerência e coesão textual
Coerência e coesão textualCoerência e coesão textual
Coerência e coesão textual
 
Resenha de artigo científico
Resenha de artigo científicoResenha de artigo científico
Resenha de artigo científico
 
Resenha crítica
Resenha crítica Resenha crítica
Resenha crítica
 
Como elaborar uma resenha
Como elaborar uma resenhaComo elaborar uma resenha
Como elaborar uma resenha
 
Apresentação TCC
Apresentação TCCApresentação TCC
Apresentação TCC
 
AULA 3 - COESÃO E COERÊNCIA
AULA 3 - COESÃO E COERÊNCIAAULA 3 - COESÃO E COERÊNCIA
AULA 3 - COESÃO E COERÊNCIA
 
Referencial teórico + abnt3
Referencial teórico  + abnt3Referencial teórico  + abnt3
Referencial teórico + abnt3
 
Normas da abnt
Normas da abntNormas da abnt
Normas da abnt
 
Modelo relatorio
Modelo relatorioModelo relatorio
Modelo relatorio
 
Modelo tcc 1_2 (5)
Modelo tcc 1_2 (5)Modelo tcc 1_2 (5)
Modelo tcc 1_2 (5)
 
Apresentação TCC
Apresentação TCCApresentação TCC
Apresentação TCC
 

Semelhante a Como fazer citação segunda ABNT

Citações no Texto Conforme ABNT
Citações no Texto Conforme ABNTCitações no Texto Conforme ABNT
Citações no Texto Conforme ABNTUnir-Metodologia
 
Citacoes slides unesp-abnt_2009
Citacoes slides unesp-abnt_2009Citacoes slides unesp-abnt_2009
Citacoes slides unesp-abnt_2009André de Oliveira
 
ABNT/NBR 10520:2002 Regras da ABNT para citação em artigos
ABNT/NBR 10520:2002 Regras da ABNT para citação em artigosABNT/NBR 10520:2002 Regras da ABNT para citação em artigos
ABNT/NBR 10520:2002 Regras da ABNT para citação em artigosigorscherwitz7
 
Normalização e Citações em Documentos
Normalização e Citações em DocumentosNormalização e Citações em Documentos
Normalização e Citações em DocumentosCarla Façanha de Brito
 
Aula 5 - Citações de trabalhos científicos
Aula 5 - Citações de trabalhos científicosAula 5 - Citações de trabalhos científicos
Aula 5 - Citações de trabalhos científicosCarlosDaniloLuz2
 
TUTORIAL_Treinamento padronização Referências.pptx
TUTORIAL_Treinamento padronização Referências.pptxTUTORIAL_Treinamento padronização Referências.pptx
TUTORIAL_Treinamento padronização Referências.pptxAlexandreAparecidoDe
 
poderdetrásprafrente.ppt
poderdetrásprafrente.pptpoderdetrásprafrente.ppt
poderdetrásprafrente.pptDavidYuri4
 
CITAÇÃO.pdf
CITAÇÃO.pdfCITAÇÃO.pdf
CITAÇÃO.pdfaldair55
 
TUTORIAL_Treinamento Referências.ppt
TUTORIAL_Treinamento Referências.pptTUTORIAL_Treinamento Referências.ppt
TUTORIAL_Treinamento Referências.pptCludia366017
 
TUTORIAL_Treinamento Referências.ppt
TUTORIAL_Treinamento Referências.pptTUTORIAL_Treinamento Referências.ppt
TUTORIAL_Treinamento Referências.pptfagio
 

Semelhante a Como fazer citação segunda ABNT (20)

Como fazer citações
Como fazer citaçõesComo fazer citações
Como fazer citações
 
Citações no Texto Conforme ABNT
Citações no Texto Conforme ABNTCitações no Texto Conforme ABNT
Citações no Texto Conforme ABNT
 
13 citações
13 citações13 citações
13 citações
 
Citacoes slides unesp-abnt_2009
Citacoes slides unesp-abnt_2009Citacoes slides unesp-abnt_2009
Citacoes slides unesp-abnt_2009
 
Citações.pptx
Citações.pptxCitações.pptx
Citações.pptx
 
ABNT/NBR 10520:2002 Regras da ABNT para citação em artigos
ABNT/NBR 10520:2002 Regras da ABNT para citação em artigosABNT/NBR 10520:2002 Regras da ABNT para citação em artigos
ABNT/NBR 10520:2002 Regras da ABNT para citação em artigos
 
Resumo normas abnt
Resumo normas abntResumo normas abnt
Resumo normas abnt
 
Citações biblográficas
Citações biblográficasCitações biblográficas
Citações biblográficas
 
Citacoes
CitacoesCitacoes
Citacoes
 
Normalização e Citações em Documentos
Normalização e Citações em DocumentosNormalização e Citações em Documentos
Normalização e Citações em Documentos
 
Citacoesnotexto abnt[1]
Citacoesnotexto abnt[1]Citacoesnotexto abnt[1]
Citacoesnotexto abnt[1]
 
Aula 5 - Citações de trabalhos científicos
Aula 5 - Citações de trabalhos científicosAula 5 - Citações de trabalhos científicos
Aula 5 - Citações de trabalhos científicos
 
ABNT
ABNT ABNT
ABNT
 
Aula - Guia de Citações (ABNT-UFC)
Aula - Guia de Citações (ABNT-UFC)Aula - Guia de Citações (ABNT-UFC)
Aula - Guia de Citações (ABNT-UFC)
 
TUTORIAL_Treinamento padronização Referências.pptx
TUTORIAL_Treinamento padronização Referências.pptxTUTORIAL_Treinamento padronização Referências.pptx
TUTORIAL_Treinamento padronização Referências.pptx
 
poderdetrásprafrente.ppt
poderdetrásprafrente.pptpoderdetrásprafrente.ppt
poderdetrásprafrente.ppt
 
CITAÇÃO.pdf
CITAÇÃO.pdfCITAÇÃO.pdf
CITAÇÃO.pdf
 
Aula 03 16 de abril legale
Aula 03  16 de abril   legaleAula 03  16 de abril   legale
Aula 03 16 de abril legale
 
TUTORIAL_Treinamento Referências.ppt
TUTORIAL_Treinamento Referências.pptTUTORIAL_Treinamento Referências.ppt
TUTORIAL_Treinamento Referências.ppt
 
TUTORIAL_Treinamento Referências.ppt
TUTORIAL_Treinamento Referências.pptTUTORIAL_Treinamento Referências.ppt
TUTORIAL_Treinamento Referências.ppt
 

Mais de Biblioteca Central FZEA/USP

Tutorial para elaboração de ficha catalográfica para dissertações, teses e TC...
Tutorial para elaboração de ficha catalográfica para dissertações, teses e TC...Tutorial para elaboração de ficha catalográfica para dissertações, teses e TC...
Tutorial para elaboração de ficha catalográfica para dissertações, teses e TC...Biblioteca Central FZEA/USP
 
Tutorial Dedalus - Banco de Dados Bibliográficos da USP
Tutorial Dedalus - Banco de Dados Bibliográficos da USPTutorial Dedalus - Banco de Dados Bibliográficos da USP
Tutorial Dedalus - Banco de Dados Bibliográficos da USPBiblioteca Central FZEA/USP
 
Quer saber a classificaçao Qualis de uma revista?
Quer saber a classificaçao Qualis de uma revista?Quer saber a classificaçao Qualis de uma revista?
Quer saber a classificaçao Qualis de uma revista?Biblioteca Central FZEA/USP
 
Tutorial do Portal de Busca Integrada do SIBiUSP
Tutorial do Portal de Busca Integrada do SIBiUSPTutorial do Portal de Busca Integrada do SIBiUSP
Tutorial do Portal de Busca Integrada do SIBiUSPBiblioteca Central FZEA/USP
 
O que é plágio e medidas práticas para evitá-lo
O que é plágio e medidas práticas para evitá-loO que é plágio e medidas práticas para evitá-lo
O que é plágio e medidas práticas para evitá-loBiblioteca Central FZEA/USP
 
Oficina de normalização de projeto acadêmico de graduação
Oficina de normalização de projeto acadêmico de graduaçãoOficina de normalização de projeto acadêmico de graduação
Oficina de normalização de projeto acadêmico de graduaçãoBiblioteca Central FZEA/USP
 
Oficina de citação e referências bibliográficas
Oficina de citação e referências bibliográficasOficina de citação e referências bibliográficas
Oficina de citação e referências bibliográficasBiblioteca Central FZEA/USP
 
Normas para elaboração de trabalhos acadêmicos na FZEA-USP
Normas para elaboração de trabalhos acadêmicos na FZEA-USPNormas para elaboração de trabalhos acadêmicos na FZEA-USP
Normas para elaboração de trabalhos acadêmicos na FZEA-USPBiblioteca Central FZEA/USP
 
Levantamento bibliográfico e recuperação da informação
Levantamento bibliográfico e recuperação da informaçãoLevantamento bibliográfico e recuperação da informação
Levantamento bibliográfico e recuperação da informaçãoBiblioteca Central FZEA/USP
 
Como inserir paginação frente-verso em documentos.
Como inserir paginação frente-verso em documentos.Como inserir paginação frente-verso em documentos.
Como inserir paginação frente-verso em documentos.Biblioteca Central FZEA/USP
 
Recursos e dicas de pesquisa para a Pós-graduação
Recursos e dicas de pesquisa para a Pós-graduaçãoRecursos e dicas de pesquisa para a Pós-graduação
Recursos e dicas de pesquisa para a Pós-graduaçãoBiblioteca Central FZEA/USP
 

Mais de Biblioteca Central FZEA/USP (20)

Oficina normalização projeto_graduação
Oficina normalização projeto_graduaçãoOficina normalização projeto_graduação
Oficina normalização projeto_graduação
 
Oficina citação referência_atualizada
Oficina citação referência_atualizadaOficina citação referência_atualizada
Oficina citação referência_atualizada
 
Normalização pós graduação
Normalização pós graduaçãoNormalização pós graduação
Normalização pós graduação
 
Abnt normalização fzea_atualizada
Abnt normalização fzea_atualizadaAbnt normalização fzea_atualizada
Abnt normalização fzea_atualizada
 
Tutorial para elaboração de ficha catalográfica para dissertações, teses e TC...
Tutorial para elaboração de ficha catalográfica para dissertações, teses e TC...Tutorial para elaboração de ficha catalográfica para dissertações, teses e TC...
Tutorial para elaboração de ficha catalográfica para dissertações, teses e TC...
 
Tutorial Dedalus - Banco de Dados Bibliográficos da USP
Tutorial Dedalus - Banco de Dados Bibliográficos da USPTutorial Dedalus - Banco de Dados Bibliográficos da USP
Tutorial Dedalus - Banco de Dados Bibliográficos da USP
 
Quer saber a classificaçao Qualis de uma revista?
Quer saber a classificaçao Qualis de uma revista?Quer saber a classificaçao Qualis de uma revista?
Quer saber a classificaçao Qualis de uma revista?
 
Tutorial do Portal de Busca Integrada do SIBiUSP
Tutorial do Portal de Busca Integrada do SIBiUSPTutorial do Portal de Busca Integrada do SIBiUSP
Tutorial do Portal de Busca Integrada do SIBiUSP
 
O que é plágio e medidas práticas para evitá-lo
O que é plágio e medidas práticas para evitá-loO que é plágio e medidas práticas para evitá-lo
O que é plágio e medidas práticas para evitá-lo
 
Oficina de normalização de projeto acadêmico de graduação
Oficina de normalização de projeto acadêmico de graduaçãoOficina de normalização de projeto acadêmico de graduação
Oficina de normalização de projeto acadêmico de graduação
 
Oficina de citação e referências bibliográficas
Oficina de citação e referências bibliográficasOficina de citação e referências bibliográficas
Oficina de citação e referências bibliográficas
 
Normas para elaboração de trabalhos acadêmicos na FZEA-USP
Normas para elaboração de trabalhos acadêmicos na FZEA-USPNormas para elaboração de trabalhos acadêmicos na FZEA-USP
Normas para elaboração de trabalhos acadêmicos na FZEA-USP
 
Levantamento bibliográfico e recuperação da informação
Levantamento bibliográfico e recuperação da informaçãoLevantamento bibliográfico e recuperação da informação
Levantamento bibliográfico e recuperação da informação
 
JCR InCites
JCR InCitesJCR InCites
JCR InCites
 
Como inserir paginação frente-verso em documentos.
Como inserir paginação frente-verso em documentos.Como inserir paginação frente-verso em documentos.
Como inserir paginação frente-verso em documentos.
 
Recursos e dicas de pesquisa para a Pós-graduação
Recursos e dicas de pesquisa para a Pós-graduaçãoRecursos e dicas de pesquisa para a Pós-graduação
Recursos e dicas de pesquisa para a Pós-graduação
 
Google ID: Já ouviu falar? Já fez o seu?
Google ID: Já ouviu falar? Já fez o seu?Google ID: Já ouviu falar? Já fez o seu?
Google ID: Já ouviu falar? Já fez o seu?
 
Apresentando-se com o Currículo Lattes.
Apresentando-se com o Currículo Lattes.Apresentando-se com o Currículo Lattes.
Apresentando-se com o Currículo Lattes.
 
Conheca a Biblioteca FZEA-USP
Conheca a Biblioteca FZEA-USPConheca a Biblioteca FZEA-USP
Conheca a Biblioteca FZEA-USP
 
Como inserir paginação em documentos
Como inserir paginação em documentosComo inserir paginação em documentos
Como inserir paginação em documentos
 

Último

EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxHenriqueLuciano2
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terraBiblioteca UCS
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e Américawilson778875
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesGilbraz Aragão
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024GleyceMoreiraXWeslle
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...DominiqueFaria2
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsxGilbraz Aragão
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...azulassessoria9
 

Último (20)

Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e América
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das Religiões
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
 
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
 

Como fazer citação segunda ABNT

  • 1. Citação é a menção no texto de informação extraída de outra fonte. Existem 3 tipos de citação: Direta: É a transcrição (reprodução integral) de parte da obra consultada, conservando-se a grafia, pontuação, idioma etc. Indireta: É o texto criado com base na obra de autor consultado, em que se reproduz o conteúdo e ideias do documento original; dispensa o uso de aspas duplas. Citação de citação: É a citação direta ou indireta de um texto em que não se teve acesso ao documento original. Em todas é obrigatório constar o autor(es), data e página do trecho citado (com exceção da citação indireta).
  • 2. Citação Direta com até 3 linhas É a transcrição (reprodução integral) de parte da obra consultada, conservando-se a grafia, pontuação, idioma etc. É obrigatório constar o autor(es), data e página do trecho citado, que deve estar entre aspas. Exemplos: • De acordo com as conclusões de Waldow (2001, p. 62), “hoje se constata a presença cada vez maior do uso de práticas de saúde e rituais de cuidar não convencionais”. • “As citações são os elementos retirados dos documentos pesquisados durante a leitura da documentação” (SEVERINO, 2000, p. 106).
  • 3. Citação Direta com mais de 3 linhas É a transcrição (reprodução integral) de parte da obra consultada, conservando-se a grafia, pontuação, idioma etc. É obrigatório constar o autor(es), data e página do trecho citado. A citação deve vir com margem recuada, sem aspas e com fonte menor que o texto. Exemplo: Dornelas (2001, p. 162) constata que: No Brasil, o sucesso de um empreendimento depende muito da capacidade de se administrar financeiramente um negócio, em razão dos ciclos recessivos que têm atingido a economia. No Brasil, o sucesso de um empreendimento depende muito da capacidade de se administrar financeiramente um negócio, em razão dos ciclos recessivos que têm atingido a economia. (DORNELAS, 2001, p. 162) Sobre o empreendedorismo pode-se afirmar que: Recuar margem esquerda em 4 cm
  • 4. Citação Indireta É o texto criado com base na obra de autor consultado, em que se reproduz o conteúdo e ideias do documento original; dispensa o uso de aspas duplas e da página do trecho citado no original. Exemplo: A análise bibliométrica tem sido aplicada principalmente a textos científicos, para avaliação da produção científica, buscando a atender a diversos objetivos: identificar as tendências de crescimento de uma área do conhecimento, identificar as pesquisas de cada autor, identificar as principais revistas de uma área (SPINAK, 1998).
  • 5. Citação de citação É a citação direta ou indireta de um texto em que não se teve acesso ao documento original. Deve ser usada com parcimônia. Nesse tipo de citação, a obra citada deve ser referenciada em nota de rodapé e apenas a obra efetivamente consultada deve ser colocada nas Referências. Exemplo: O conceito original utilizado neste trabalho foi definido pela primeira vez na década de 1950, reafirmando a importância do tema para a área (LOPES, 19511, p. 20 apud LIMA, 2010, p. 55). Obra citada mas não consultada Obra efetivamente consultadaCitado por
  • 6. Citação com omissão A omissão do texto é permitida desde que não altere o sentido do texto, devendo ser usado nestes casos a reticências entre colchetes no inicio, meio ou final da citação. Exemplo: Segundo Bottomore (1987, p. 72) assinala “[...] a Sociologia, embora não pretenda ser mais a ciência capaz de incluir toda a sociedade [...] pretende ser sinóptoca”.
  • 7. Como citar no texto Um autor Pereira (2015) (PEREIRA, 2015) Dois autores Silva e Ribeiro (2002) (SILVA; RIBEIRO, 2002) Três autores Sá, Ribeiro e Cardoso (2014) (SÁ; RIBEIRO; CARDOSO, 2014) Mais de 3 autores Campos et al. (2009) (CAMPOS et al., 2009) Documento do mesmo autor e ano Mendes (2003a) Mendes (2003b) (MENDES, 2003a) (MENDES, 2003b) Mesmo sobrenome e ano Barbosa, C. (1992) Barbosa, N. (1992) (BARBOSA, C., 1992) (BARBOSA, N., 1992) Mesmo sobrenome, mesma inicial dos pronomes e mesmo ano Silva, Joana (2003) Silva, José (2003) (SILVA, Joana, 2003) (SILVA, José, 2003) Publicações anônimas Controle... (2001) (CONTROLE..., 2001) Entidades coletivas Sociedade Entomológica do Brasil – SEB (2008) (SOCIEDADE ENTOMOLÓGICA DO BRASIL – SEB, 2007) Citações de vários autores à uma mesma ideia colocar em ordem alfabética de sobrenome Antonelli (2001), Carmo (2009), Lopes (2005) e Ventura (2006) (ANTONELLI, 2001; CARMO, 2009; LOPES, 2005; VENTURA, 2006) Eventos 27º Congresso Brasileiro de Administração (2007)
  • 8. Como citar corretamente fora e dentro de parênteses com 1 autor em citações direta e indireta De acordo com Souza (2008, p. 20) Segundo Souza 2008, p. 20 Citação citação citação citação citação citação citação citação (SOUZA, 2008). Citação citação citação citação citação citação citação citação (Souza, 2008). O ano e a paginação vem sempre entre parênteses De um espaço entre autor e ano Sobrenome em letras maiúsculas
  • 9. Como citar corretamente fora e dentro de parênteses com 2 autores em citações direta e indireta De acordo com Souza e Carvalho (2008, p. 20) Segundo Souza, Carvalho 2008, p. 20 Citação citação citação citação citação citação citação citação (SOUZA; CARVALHO, 2008). Citação citação citação citação citação citação citação citação (Souza, Carvalho, 2008). Entre dois autores usar e e ano e paginação vem dentro de parênteses Dois autores usar e Sobrenome em letras maiúsculas e usar entre os autores ; Neste caso use ; entre os autores
  • 10. Como citar corretamente dentro de parênteses com mais de 3 autores (SOUZA et al., 2008, p. 20) (SOUZA ET AT.,2008, p. 20) A expressão é em letras minúsculas e com espaço depois da vírgula A expressão permanece em minúsculo e ao final acrescenta-se vírgula Use sempre 1 espaço nas indicações
  • 11. Como citar corretamente fora de parênteses com mais de 3 autores De acordo com Souza et al. (2008, p. 20) De acordo com Souza etal. (2008, p. 20) De acordo com Souza et. al. (2008, p. 20) De acordo com Souza et ali. (2008, p. 20) Não existe este ponto A expressão é separada Não é ali A expressão é separada e o ponto é apenas no final