Agrupamento de Escolas Luciano Cordeiro                   Mirandela                                 BIBLIOTECA ESCOLAR /  ...
DOMÍ SUBDOMÍNI                                                                                                  ATIVIDADES...
DOMÍN SUBDOMÍNIOS                                                                                                         ...
DOMÍ                                                                                                                      ...
SUBDOMÍN                 IOS                                                                                              ...
1)Elaborar (no grupo SABE) um manual coletivo da Política Documental.         1)A partir de Janeiro   1)SABE              ...
Síntese Geral da Avaliação da BE do Agrupamento de Escolas Luciano CordeiroDomínio Avaliado em 2010/2011:    Domínio C – ...
 C.1.2 Dinamização de actividades livres, de carácter lúdico e cultural na escola/agrupamento Pontos fortes identificado...
   Auscultação da opinião dos alunos para a dinamização de actividades.   Pontos fracos identificados   A não formaliza...
   Pontos fracos identificados      O trabalho ao nível do SABE não teve, este ano, os resultados esperados, não tendo c...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Plano de atividades 2011 2012 cópia

2.464 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.464
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
21
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
33
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Plano de atividades 2011 2012 cópia

  1. 1. Agrupamento de Escolas Luciano Cordeiro Mirandela BIBLIOTECA ESCOLAR / CENTRO DE RECURSOS EDUCATIVOS PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2011/2012DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DO NORTE
  2. 2. DOMÍ SUBDOMÍNI ATIVIDADES 2011/2012 CALENDARIZAÇÃO INTERVENIENTESNIOS OS 1)Colaborar na elaboração do Plano Anual de Atividades do Agrupamento. 1)Início do ano letivo. 1)BE e professores a articulação curricular da biblioteca 2)Reunir com regularidade com a Direção (sempre que se considere 2)Todo o ano 2)PB e direção necessário). os docentes 3)Promover contactos formais e informais com os Coordenadores de 3)Todo o ano 3)PB e Coordenadores Departamento com vista à articulação de atividades. 4)Organizar recursos de acordo com as diferentes unidades de ensino ou 4)Todo o ano 4)BE e professores pedagógicas e temas para serem utilizados pelos professores. 5)Informar com regularidade os docentes acerca dos recursos disponíveis na 5) Todo o ano 5)BE e professores BE. 6)Promover contactos formais e informais com os docentes de forma a uma 6) Todo o ano 6)PB e professores com as estruturas A.1.Desenvolver cada vez maior utilização da BE e dos seus recursos.A. Apoio ao Desenvolvimento Curricular 1)Fazer uma sessão de formação de utilizadores a todas as turmas de 5º ano. 1)Outubro 1) PB, alunos e prof. Port. 2)Desenvolver um programa de desenvolvimento da literacia de informação 2)Todo o ano em algumas turmas da escola – LITEA (projeto do SABE). 2)BE, prof. de TIc e alunos A.2.Promover o desenvolvimento da Literacia de 3)Escolher um guião de pesquisa a adotar na escola e promover sessões de 3)Todo o ano 3)BE, prof. de TIc e alunos trabalho sobre o mesmo. 4)Produzir e divulgar o guião de utilizadores da BE de forma a incutir regras de 4)Todo o ano Informação, Tecnológica e Digital 4) Equipa da BE e alunos comportamento e correta utilização da mesma. 5)Promover uma sessão de formação para professores sobre literacia 5)A definir 5)BE e professores estatística- Formação RBE/INE. 6)Produzir guiões para auxílio dos alunos nas pesquisas e na elaboração de 6) Todo o ano 6)BE e alunos trabalhos. 7)Promover uma sessão para e. Educação sobre “segurança na Internet” 7)A definir 7)BE e E. Educação
  3. 3. DOMÍN SUBDOMÍNIOS ATIVIDADES 2011/2012 CALENDARIZAÇÃO INTERVENIENTESIOS 1)Organizar o “Chá com Letras” uma vez por período. 1)1º, 2º e 3º período 1)BE e professores 1)40€ 2)Divulgar as obras do PNL existentes na BE e fomentar a sua utilização em sala de aula. 2)Todo o ano 2)BE, professores e alunos 3)Organizar pacotes de livros que circularão em regime rotativo por todas as escolas do 3)Todo o ano 3)BE, professores e alunos 3. Impacto do trabalho da BE nas B.2. integração da BE nas estratégias e B.1. Trabalho da BE ao serviço da meio rural do Agrupamento. 4)Alargamento do projeto “Livro com Pernas “ a mais JI. 4)Todo o ano 4)BE, professoras e alunos tudes e competências dos alunos, no programas de leitura ao nível da promoção da leitura na escola/agrupamento 5)Dinamização do Clube de Leitura 5) A partir de 5)BE e alunos Novembro 6)Promover a sugestão de livros e leituras através do blogue. 6)Todo o ano 6)BE e comunidade educativa 7)Oferta de uma atividade semanal de promoção da leitura na BE 7)Todo o ano 7)BE, professores e alunos 8)Criação da “Hora do contador de histórias” 8)Todo o ano 8)BE, professores e alunos 1)Articular com o grupo de português a dinamização do PNL. 1)Todo o ano 1)PB e professores 2)Articular com o projeto “LerHáLetra” as atividades a desenvolver. 2)Todo o ano 2)PB e ProjetoB. Leitura e Literacia 3)Promover seminários para professores e E.Educação sobre a leitura (Semana da Leitura) 3)Semana da Leitura 3)BE, professores e E.Educação 4)Promover o encontro com escritores, contadores de histórias, leituras com os 4)Todo o ano 4)BE, alunos, E.Educação, escola/agrupamento. encarregados de educação, etc. professores 5)Promover atividades de promoção da leitura: 5)Outubro 5)BE e comunidade educativa 5)150€ Dia da Biblioteca Escolar; Contos de Natal; Semana da Leitura… Dezembro Março 1)Premiar o melhor leitor do período. 1)1º, 2º e 3º período 1)BE e alunos 1)30€ 2)Promover concursos de leitura. 2)Semana da Leitura 2)BE, professores e alunos 3) Usar o facebook da BE como espaço de partilha sobre as leituras efetuadas. 3)Todo o ano 3)BE e comunidade educativa bito da leitura e da literacia 4) Promover o encontro entre turmas para partilha de leituras efetuadas. 4)2º e 3º período 4)BE, profs e alunos 5)Publicação da turma com maior assiduidade na BE. 5)A partir de 5)BE, profs e alunos Outubro 6)Organização da Feira do Livro (Semana da Leitura). 6)Março 6)BE e comunidade educativa 7) Envolver os pais em atividades de leitura, especificamente na Semana da Leitura. 7)Março 7)BE e Encarregados de Educação
  4. 4. DOMÍ ATIVIDADES 2011/2012NIOS CALENDARIZAÇÃO INTERVENIENTES 1)Criar o grupo dos “Colaboradores da BE/CRE”. 1)2º Período 1)BE e alunos 2)Disponibilizar apoio aos alunos, sempre que solicitada. 2)Todo o ano letivo 2)BE e alunos curriculares e de enriquecimento curricular C.1. Apoio a actividades livres, extra- 3)Criação de guiões de pesquisa para auxiliar os alunos nos trabalhos a realizar. 3)Todo o ano letivo 3)BE e alunos 4)Disponibilizar livros e outros materiais de apoio aos curricula. 4)Todo o ano letivo 4)BE, profs e alunos 5)Realização de concursos, passatempos e outras actividades de acordo com as temáticas 5)Todo o ano letivo 5)BE, profs e alunos a decorrer: dia da alimentação; dia do deficiente; dia de São Martinho; semana dos afetos; semana da europa… 6)Atribuição de prémios de desempenho aos alunos que participam nas actividades. 6)Todo o ano letivo 6)BE e alunosC. Projectos, parcerias e actividades de abertura à comunidade 7)Atribuição de um prémio e divulgação do leitor do trimestre. 7)1º, 2º e 3º período 7)BE e comunidade educativa 1)Participar em reuniões RBE, interconcelhias e demais que se considerem necessárias. 1)Todo o ano letivo 1)PB, coordenadores 2)Participar ativamente nas reuniões SABE e iniciar o trabalho de definição de uma política 2)Todo o ano letivo 2)PB`s e Bibliotecária documental para as escolas. Municipal 3)Todo o ano letivo 3)PB`s 3)Participar em reuniões de trabalho com os PB do concelho para concepção de documentos estruturantes para as BE`s. 4)Articular actividades com as escolas do concelho e a BM: Semana da Leitura; Dia da 4)Todo o ano letivo 4)PB´s e BM Poesia; Semana do Agrupamento. 5)Partilhar recursos com as BE do concelho e a BM. 5)Todo o ano letivo 5)PB`s e BM 6)Dar continuidade ao trabalho de parceria com a Esproarte através da presença destes 6)A partir de Janeiro 6)BE e ESproarte C.2. Projectos e Parcerias quinzenalmente na BE/CRE ( a iniciar em Janeiro). 7)Todo o ano letivo 7)PB e projeto LerHáLetra 7)Dar continuidade ao trabalho de articulação constante com o Projecto LerHáLetra, através da realização de diversas actividades conjuntas como a Semana da Leitura e a Semana do Agrupamento. 8)Expandir o projecto “Livros com Pernas” a um maior número de escolas. 8)Todo o ano letivo 8)PB, profs e alunos dos JI 9)Reunir com a Associação de Pais de forma a planificar actividades com o envolvimento 9)A definir 9)PB e A. Pais dos pais. 10)Envolver a turma de Português para Estrangeiros em actividades da BE/CRE. 10)BE, prof. e alunos 10)3º periodo
  5. 5. SUBDOMÍN IOS ATIVIDADES 2011/2012 CALENDARIZAÇÃO INTERVENIENTES 1)Promover, de forma sistemática, a articulação com as várias estruturas pedagógicas do 1)Todo o ano 1)PB e coordenadores Agrupamento. Escola/Agrupamento. Acesso a serviços prestados 2) Elaborar um Plano Anual de Atividades tendo em conta as ações para a melhoria 2) Setembro/Outubro 2)PB e equipa apontadas no Relatório de avaliação. 3) - Rever e reajustar alguns documentos estruturantes da BE. 3)Todo o ano 3)PB e equipa 4)Utilizar o Blogue e o Facebook da BE como espaço de partilha e divulgação de 4)Todo o ano 4)BE e comunidade educativa D.1. Articulação da BE com a informação. 5)Implementar um sistema de circuito de maletas de livros que rodarão mensalmente 5)Todo o ano 5)BE, profs e alunos do meio rural por todas as escolas do meio rural do Agrupamento. 6)Promover, através do Blogue, do Facebook, de panfletos, cartazes e outros a utilização 6)Todo o ano 6)BE e comunidade educativa da BE e dos recursos que disponibiliza. pela BE. 7)Criar instrumentos de autoavaliação das atividades realizadas e dos serviços prestados 7)Todo o ano 7)BE e comunidade educativa pela BE. 1)Assegurar uma equipa multidisciplinar que cobre integralmente o horário de 1)Todo o ano 1)BE funcionamento da BE de forma a garantir o apoio necessário aos alunos. D.2. Condições humanas e materiais para a prestação 2)Promover sessões informais de trabalho no Porbase a alguns elementos da equipa da 2)Todo o ano 2)BE BE.D. Gestã da BE 3)Formação específica para PB, alguns elementos da equipa e o assistente operacional. 3)A definir 3)BE 4)Distribuir e responsabilizar os elementos da equipa por tarefas específicas. 4)Início do ano 4)BE 5)Tentar afetar um maior número de computadores à BE. 5)1º período 5)BE 6)Distribuição do mobiliário da BE conforme as atividades a realizar, tentando criar 6)Todo o ano 6)BE espaços diversificados e agradáveis. 7) Reunião com os elementos da equipa da BE 7)Todo o ano (pelo 7)BE menos uma vez por dos serviços. período)
  6. 6. 1)Elaborar (no grupo SABE) um manual coletivo da Política Documental. 1)A partir de Janeiro 1)SABE 2)Continuar a reforçar o fundo documental com a aquisição de recursos de 2)Todo o ano 2)PB acordo com as verbas disponíveis.D.3. Gestão da colecção / da informação 3)Promover a atualização e o desbaste da coleção. 3)Todo o ano 3)PB 4)Iniciar o tratamento informático dos recursos disponíveis na BE com vista à 4)Todo o ano 4)BE criação de um catálogo concelhio coletivo. 5)Fazer o tratamento técnico dos recursos com o auxílio dos técnicos da BM. 5)A definir 5)PB e técnicas da BM 6)Lançamento do jornal on-line. 6)2º período 6)BE e comunidade educativa
  7. 7. Síntese Geral da Avaliação da BE do Agrupamento de Escolas Luciano CordeiroDomínio Avaliado em 2010/2011:  Domínio C – Projectos, parcerias e actividades livres e de abertura à comunidade.  Subdomínio C.1 (Apoio a actividades livres, extra-curriculares e de enriquecimento curricular) Nível obtido: 3.2  Subdomínio C.2 (Projectos e parcerias) Nível obtido:3.2  C.1.1 Apoio à aquisição e desenvolvimento de métodos de trabalho e de estudo autónomos  Pontos fortes identificados  A BE garante um horário de funcionamento que cobre integralmente o tempo de permanência dos alunos na escola.  Durante todo o tempo de funcionamento, para além do assistente operacional, está sempre presente, pelo menos um professor que garante o apoio aos alunos, sempre que solicitado ou necessário.  Os alunos utilizam os diferentes espaços da BE com autonomia e responsabilidade, construindo de forma livre e autónoma a sua própria aprendizagem.  Os alunos fazem um uso intensivo dos recursos da BE, desenvolvendo as diferentes tarefas de acordo com as diferentes áreas funcionais que a BE oferece.  Os alunos frequentam a BE individualmente ou em grupo, vivendo-se aí um clima calmo, agradável e propício ao desenvolvimento das aprendizagens dos mesmos.  Pontos fracos identificados  Os alunos denotam alguma resistência ou dificuldade em fazer pesquisa em suporte livro, manifestando preferência pela pesquisa na Internet.  A utilização das novas tecnologias, nomeadamente do computador ainda não se faz da forma mais eficaz, notando-se bastantes falhas ao nível da orientação nas pesquisas.  Os computadores são em número insuficiente nomeadamente quando se trata de actividades de pesquisa com grandes grupos, tornando mais difícil o apoio individual aos alunos.
  8. 8.  C.1.2 Dinamização de actividades livres, de carácter lúdico e cultural na escola/agrupamento Pontos fortes identificados Quantidade e qualidade das actividades proporcionadas. Elevada taxa de participação dos alunos nas actividades. Melhoria significativa da articulação com os vários grupos curriculares na organização e realização das actividades. Utilização do blogue da BE para divulgação das actividades. Pontos fracos identificados Necessidade de um maior e mais efectivo envolvimento dos pais na organização, dinamização e participação das actividades. C.1.3 Apoio à utilização autónoma e voluntária da BE como espaço de lazer e livre fruição dos recursos Pontos fortes identificados Horário da BE coincidente com a permanência dos alunos na escola permite uma forte utilização da mesma principalmente na paus a do almoço e nos intervalos. Livre acesso dos alunos aos diferentes espaços e recursos da BE. A alteração constante das diferentes áreas funcionais permite a criação de um ambiente acolhedor que procura ir ao encontro d os interesses dos alunos. Ambiente criado pela equipa da BE que se apresenta sempre disponível e solicita para receber e ajudar os alunos. Colecção de livros de literatura infanto-juvenil actual e do agrado dos alunos. Acréscimo sentido na utilização quer dos recursos para sala de aula quer na própria BE. Pontos fracos identificados A zona de visionamento de filmes torna-se, por vezes, algo ruidosa. Número de computadores a necessitar de reforço. Os jogos didácticos para computador necessitam de instalação o que nem sempre é possível. C.1.4 Disponibilização de espaços, tempos e recursos para a iniciativa e intervenção livre dos alunos Pontos fortes identificados Elevada taxa de utilização dos espaços da BE por parte dos alunos. Elevada taxa de utilização dos recursos da BE por parte dos alunos. Divulgação dos trabalhos realizados pelos alunos através da sua afixação. Participação voluntária dos alunos na organização e dinamização de actividades na BE, bem como na manutenção do funcionamento diário da mesma.
  9. 9.  Auscultação da opinião dos alunos para a dinamização de actividades. Pontos fracos identificados A não formalização do grupo de "Amigos da BE". C.2 Projectos e Parcerias C.2.1 Envolvimento da BE em projectos da respectiva escola/agrupamento ou desenvolvidos em parceria, a nível local ou mais amplo Pontos fortes identificados Presença da BE nas várias actividades da escola. Qualidade do trabalho desenvolvido com o projecto "LerHáLetra" e "Livros com Pernas" Trabalho conseguido com a turma PIEF. Trabalho desenvolvido com a EPA de Carvalhais. Pontos fracos identificados Necessidade de estabelecer parcerias com outras instituições locais. C.2.2 Desenvolvimento de trabalho e serviços colaborativos com outras escolas, agrupamentos e BE Pontos fortes identificados Articulação entre todos os PB´s do concelho. Partilha constante de recursos. Pontos fracos identificados Impossibilidade de realizar actividades conjuntas com a Escola da Torre, pela distância e isolamento da mesma. C.2.3 Participação com outras escolas/agrupamentos e, eventualmente, com outras entidades (RBE, DRE, CFAE) em reuniões da BM/SABE ou outro grupo de trabalho a nível concelhio ou interconcelhio Pontos fortes identificados A participação da PB em todas as reuniões ou sessões de trabalho. A dinâmica e articulação existente entre os PB`s do concelho resultando daí a elaboração do Manual de Procedimentos concelhio e outro tipo de documentos internos estruturantes; resultando daí ainda a realização de actividades conjuntas.
  10. 10.  Pontos fracos identificados  O trabalho ao nível do SABE não teve, este ano, os resultados esperados, não tendo conseguido fazer-se o tratamento documental planeado.  C.2.4 Estímulo à participação e mobilização dos pais/encarregados de educação no domínio da promoção da leitura e do desenvolvimento de competências das crianças e jovens que frequentam a escola/agrupamento. (Só para o Ensino Básico)  Pontos fortes identificados  Abertura e receptividade por parte da Associação de Pais em participar nas actividades propostas.  Existe um grupo de pais muito participativos e colaboradores.  Pontos fracos identificados  Ainda não há um efectivo envolvimento dos Encarregados de Educação.  Necessidade de ampliar o grupo de pais que colaboram e participam nas actividades propostas.  C.2.5 Abertura da BE à comunidade local.  Pontos fortes identificados  A BE contempla no seu regulamento interno a possibilidade de utilização por parte da comunidade.  Receptividade das entidades locais para a participação nas actividades propostas.  Pontos fracos identificados  A abertura à comunidade ainda não é sistemática e consolidada.Acções para melhoria- Apoiar os alunos ao nível da pesquisa e elaboração de trabalhos.- Propor um guião de pesquisa a adoptar por toda a escola.- Propor um guião para elaboração de trabalhos de forma a parametrizar a elaboração dos mesmos.- Reforçar o número de computadores de forma a facilitar a utilização do espaço multimédia por parte do grupo turma.- Rever a zona funcional de visionamento dos filmes de forma a não interferir com as actividades a decorrer em simultâneo.- Alargar o grupo de pais que participam nas actividades.- Formalizar a criação do grupo de alunos "Colaboradores da BE".

×