iMasters InterACT 2010 Beatriz Brandão Polivanov [email_address]   UFF/Pan Media Lab (ESPM)
<ul><li>PANORAMA DO ATUAL CENÁRIO MIDIÁTICO </li></ul><ul><ul><li>a) Cultura pan-midiática e novos arranjos midiáticos </l...
<ul><li>Cultura da convergência  (JENKINS,  2008):  </li></ul><ul><li>“ onde as velhas e as novas mídias colidem, onde míd...
“ Bert is evil”
 
<ul><li>Arranjos midiáticos: “conjunto de novos modos de diferentes mídias se associarem a outras mídias para efetivar prá...
<ul><li>Narrativas transmidiáticas </li></ul>
b) A centralidade do  entretenimento   como linguagem http://www.youtube.com/watch?v=96DN77IFRrA
Na Publicidade
 
<ul><li>Na educação </li></ul>
<ul><li>Nas atividades de lazer e consumo </li></ul>Selfridge, Londres
<ul><li>Em todo lugar </li></ul>
<ul><li>c) O efeito cauda longa (ANDERSON, 2006) </li></ul><ul><li>Mercado de Massa  (hits)  X Mercado de nichos </li></ul...
 
<ul><li>Resultado: </li></ul><ul><li>Novos hábitos culturais e novas maneiras de se  consumir e produzir mídia </li></ul>
<ul><li>II.  DESAFIOS PARA A PUBLICIDADE </li></ul><ul><li>a)  Sobrecarga de informações e atenção dividida entre diferent...
<ul><li>b) Consumidores perspicazes e com maior poder de escolha e decisão  </li></ul>
<ul><li>c) A figura do consumidor-produtor: mudança do “consumer” para o “prosumer” </li></ul>
<ul><li>A web 2.0: </li></ul><ul><li>->  Arquitetura de participação (O'Reilly); </li></ul><ul><li>->  Forma híbrida dos m...
<ul><li>d) O poder das redes sociais na Internet </li></ul>http://www.youtube.com/watch?v=sIFYPQjYhv8&feature=related
<ul><li>Top sites do mundo </li></ul><ul><li>1 – Google </li></ul><ul><li>Enables users to search the Web, Usenet, and ima...
Fonte:  http://lynneconrad.com/wordpress/
<ul><li>e) Hipersegmentação do público-alvo </li></ul>->  Até que ponto segmentar? ->  Quais critérios usar na segmentação...
<ul><li>III.  PROPOSTAS EM CURSO PARA TV DIGITAL </li></ul><ul><li>Propagandas direcionadas </li></ul><ul><li>Targ.TV - Sp...
<ul><li>Perfil das empresas/produtos (1/5): </li></ul>
<ul><li>Perfil das empresas/produtos (2/5): </li></ul>
<ul><li>Perfil das empresas/produtos (3/5): </li></ul>
<ul><li>Perfil das empresas/produtos (4/5): </li></ul>
<ul><li>Perfil das empresas/produtos (5/5): </li></ul>
Coleta de dados Criação msg nicho Reports/Métricas Targ.TV Spot Runner Jivox Navic Invidi Tidal TV Samba Tech Google TV Ad...
<ul><li>Critérios para segmentação da audiência: </li></ul>
<ul><li>b) Social TV </li></ul><ul><li>“ crescente integração entre televisão e tecnologia de computador para dar apoio a ...
 
<ul><li>Questões: </li></ul><ul><li>Novos modelos de linguagens publicitárias poderão emergir — por exemplo, um comercial ...
<ul><li>Realização de 2 grupos focais (total de 40 participantes). </li></ul><ul><li>Dados relativos ao consumo: </li></ul...
<ul><li>Apontamentos finais: </li></ul><ul><li>Novo cenário midiático; </li></ul><ul><li>Momento de reestruturação cultura...
<ul><li>Obrigada! </li></ul>
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação Imasters Interact 2010

657 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
657
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação Imasters Interact 2010

  1. 1. iMasters InterACT 2010 Beatriz Brandão Polivanov [email_address] UFF/Pan Media Lab (ESPM)
  2. 2. <ul><li>PANORAMA DO ATUAL CENÁRIO MIDIÁTICO </li></ul><ul><ul><li>a) Cultura pan-midiática e novos arranjos midiáticos </li></ul></ul>
  3. 3. <ul><li>Cultura da convergência (JENKINS, 2008): </li></ul><ul><li>“ onde as velhas e as novas mídias colidem, onde mídia corporativa e mídia alternativa se cruzam, onde o poder do produtor de mídia e o poder do consumidor interagem de maneiras imprevisíveis”. </li></ul><ul><li>Processo cultural (não tecnológico); </li></ul><ul><li>Narrativas transmidiáticas; </li></ul><ul><li>Economia afetiva. </li></ul>
  4. 4. “ Bert is evil”
  5. 6. <ul><li>Arranjos midiáticos: “conjunto de novos modos de diferentes mídias se associarem a outras mídias para efetivar práticas de comunicação” (PEREIRA, 2009). </li></ul>
  6. 7. <ul><li>Narrativas transmidiáticas </li></ul>
  7. 8. b) A centralidade do entretenimento como linguagem http://www.youtube.com/watch?v=96DN77IFRrA
  8. 9. Na Publicidade
  9. 11. <ul><li>Na educação </li></ul>
  10. 12. <ul><li>Nas atividades de lazer e consumo </li></ul>Selfridge, Londres
  11. 13. <ul><li>Em todo lugar </li></ul>
  12. 14. <ul><li>c) O efeito cauda longa (ANDERSON, 2006) </li></ul><ul><li>Mercado de Massa (hits) X Mercado de nichos </li></ul><ul><li>Poucos grandiosos X Muitos pequenos </li></ul><ul><li>Cabeça curta X Cauda longa </li></ul><ul><li>http://www.youtube.com/watch?v=jnABx_iHvs4 </li></ul>
  13. 16. <ul><li>Resultado: </li></ul><ul><li>Novos hábitos culturais e novas maneiras de se consumir e produzir mídia </li></ul>
  14. 17. <ul><li>II. DESAFIOS PARA A PUBLICIDADE </li></ul><ul><li>a) Sobrecarga de informações e atenção dividida entre diferentes meios  economia da atenção (Davenport & Beck, 2001) </li></ul>
  15. 18. <ul><li>b) Consumidores perspicazes e com maior poder de escolha e decisão </li></ul>
  16. 19. <ul><li>c) A figura do consumidor-produtor: mudança do “consumer” para o “prosumer” </li></ul>
  17. 20. <ul><li>A web 2.0: </li></ul><ul><li>-> Arquitetura de participação (O'Reilly); </li></ul><ul><li>-> Forma híbrida dos modelos push (conteúdo “empurrado” pelos meios tradicionais) e pull (“puxado” pelos consumidores); </li></ul><ul><li>-> Social bookmarking (favoritos ou marcadores) ; social tagging; folksonomia; </li></ul><ul><li>-> Consumer-Generated Media </li></ul><ul><li>(CGM); espontaneidade; </li></ul><ul><li>-> Consumo por demanda. </li></ul>
  18. 21. <ul><li>d) O poder das redes sociais na Internet </li></ul>http://www.youtube.com/watch?v=sIFYPQjYhv8&feature=related
  19. 22. <ul><li>Top sites do mundo </li></ul><ul><li>1 – Google </li></ul><ul><li>Enables users to search the Web, Usenet, and images. Features include PageRank, caching and tra... </li></ul><ul><li>2 – Facebook </li></ul><ul><li>A social utility that connects people, to keep up with friends, upload photos, share links and ... Morevideos. </li></ul><ul><li>3 - YouTube - Broadcast yourself </li></ul><ul><li>YouTube is a way to get your videos to the people who matter to you. Upload, tag and share your... More videos worldwide! </li></ul><ul><li>4 - Yahoo! </li></ul><ul><li>Personalized content and search options. Chatrooms, free e-mail, clubs, and pager. </li></ul><ul><li>5 - Windows Live </li></ul><ul><li>Search engine from Microsoft. </li></ul><ul><li>Fonte: http://www.alexa.com/topsites/global </li></ul>
  20. 23. Fonte: http://lynneconrad.com/wordpress/
  21. 24. <ul><li>e) Hipersegmentação do público-alvo </li></ul>-> Até que ponto segmentar? -> Quais critérios usar na segmentação? Gênero, faixa etária, localização geográfica, interesses? -> Selecionar aqueles mais relevantes para o seu produto/serviço
  22. 25. <ul><li>III. PROPOSTAS EM CURSO PARA TV DIGITAL </li></ul><ul><li>Propagandas direcionadas </li></ul><ul><li>Targ.TV - Spot Runner – Jivox - Navic (Microsoft) – Invidi - Tidal TV - Samba Tech - t!v! - Google TV Ads – OnMedia - Television Advertising - FloTV </li></ul>
  23. 26. <ul><li>Perfil das empresas/produtos (1/5): </li></ul>
  24. 27. <ul><li>Perfil das empresas/produtos (2/5): </li></ul>
  25. 28. <ul><li>Perfil das empresas/produtos (3/5): </li></ul>
  26. 29. <ul><li>Perfil das empresas/produtos (4/5): </li></ul>
  27. 30. <ul><li>Perfil das empresas/produtos (5/5): </li></ul>
  28. 31. Coleta de dados Criação msg nicho Reports/Métricas Targ.TV Spot Runner Jivox Navic Invidi Tidal TV Samba Tech Google TV Ads Television Advertising
  29. 32. <ul><li>Critérios para segmentação da audiência: </li></ul>
  30. 33. <ul><li>b) Social TV </li></ul><ul><li>“ crescente integração entre televisão e tecnologia de computador para dar apoio a experiências sociais de consumo de TV em grupo” (Oehlberg et alii, 2006) </li></ul>
  31. 35. <ul><li>Questões: </li></ul><ul><li>Novos modelos de linguagens publicitárias poderão emergir — por exemplo, um comercial que se apresente em episódios, ou que mude diariamente, apresentando ofertas específicas etc; </li></ul><ul><li>Novas dinâmicas de recepção dessas novas linguagens publicitárias se darão, inevitavelmente — Aceitação? Identificação? Recusa?...; </li></ul><ul><li>Novas métricas de consumo, hoje difundidas apenas na internet e que proporcionarão maior flexibilidade ao anunciante para tomar decisões importantes sobre sua campanha, se apresentarão. </li></ul>
  32. 36. <ul><li>Realização de 2 grupos focais (total de 40 participantes). </li></ul><ul><li>Dados relativos ao consumo: </li></ul><ul><li>Atual de TV analógica e uso do computador </li></ul><ul><li>Atual de propaganda “padrão” </li></ul><ul><li>Potencial de propaganda direcionada </li></ul><ul><li>Potencial de um novo arranjo midiático: TV e sites de redes sociais </li></ul>
  33. 37. <ul><li>Apontamentos finais: </li></ul><ul><li>Novo cenário midiático; </li></ul><ul><li>Momento de reestruturação cultural; </li></ul><ul><li>Consumidor pró-ativo; </li></ul><ul><li>Novas linguagens; </li></ul><ul><li>Novos arranjos midiáticos; </li></ul><ul><li>Publicidade segmentada e social. </li></ul>
  34. 38. <ul><li>Obrigada! </li></ul>

×