SlideShare uma empresa Scribd logo

Apostila phonetics

Apostila de estudos fonéticos da Língua Inglesa.

1 de 10
Baixar para ler offline
PHONETICS: THE SOUNDS OF AMERICAN ENGLISH.



                                                                                Roberto Rodrigues Campos1


INTRODUÇÃO


           Aprender uma língua estrangeira tornou-se meta para muitos brasileiros, seja
por motivos educacionais, culturais ou profissionais. O grande problema é que,
muitos desses brasileiros entram em cursos de idiomas ou iniciam um processo de
autodidatismo, mas não conseguem a pronúncia desejada. Por conta desses
problemas é que se faz necessário o estudo da fonética e da fonologia da língua
inglesa.
       Este guia tem como objetivo ajudar os professores e graduandos de língua
inglesas a trabalhar com alunos adultos que estudam Inglês, como segunda língua,
para aumentar a sua confiança na pronúncia, tanto no ensino quanto na
aprendizagem, de forma eficaz. Baseie-me em diversos precedentes, todas
decorrentes da:
        constatação de que a pronúncia é um dos aspectos mais problemáticos do
            idioma Inglês para professores e alunos
        crença de que isso não precisa ser o caso: pronúncia pode ser ensinado e
            aprendido de forma eficaz.
       O estudo dos símbolos fonéticos da língua inglesa auxilia o falante do português
a familiarizar-se com todos os sons que compõem uma palavra. Desta forma, uma
vez aprendido os símbolos, é possível pronunciar, de maneira perfeita (ao menos é
o que se espera), todas as palavras contidas em um dicionário de língua inglesa.
       Vale lembrar que aprender a pronunciar todas as palavras não o torna fluente na
língua: é necessário aprender, também, a fonologia do inglês, as maneiras como os
falantes nativos de língua inglesa pronunciam as palavras numa frase, sempre de
maneira harmoniosa, com certa melodia e sotaque.
       Este guia – repito – apenas traz um estudo da fonética, e não fonologia da língua
inglesa. Espero que este possa ajudar-lo. Bom trabalho!

1
    Professor de Língua e Literatura Inglesa formado pela Universidade do Estado da Bahia – UNEB – Campus II.
PHONETICS: THE SOUNDS OF AMERICAN ENGLISHi
                 FONÉTICA: OS SONS DO INGLÊS AMERICANO


First of all, we should know a little bit of anatomy. Follow the pictures.

Primeiramente, precisamos saber um pouco sobre anatomia. Acompanhem as
imagens.




Now, here are the contents we’re going to study:

Agora, eis aqui os conteúdos que nós iremos estudar:

    CONSONANTS (CONSOANTES)
    VOWELS (VOGAIS)
CONSONANTS (CONSOANTES)



The consonants are divided by three categories of articulation:

As consoantes são divididas em três categorias de articulação:




MANNER (MODO)



Manner of articulation refers to how the sound is produced and the way in which the
airstream I modified as it passes through the vocal tract.

O Modo de articulação refere-se à forma como o som é produzido e a forma em que
a corrente de ar é modificada à medida que passa através da extensão vocal.




PLACE (PONTO)



Place of articulation refers to which articulators are involved in the production of a
particular sound.

O Ponto de articulação refere-se a que articuladores estão envolvidos na produção
de um som em particular.
VOICE (VOZ)



Voicing refers to whether the vocal folds are vibrating during a production of a
particular consonant.

A categoria Voz refere-se a como saber se as cordas vocais estão ou não vibrando
durante a produção de uma consoante em particular.




To become simpler to understand and learn, let’s focus on only the MANNER OF
ARTICULATION category.

Para ser mais simples de entender e aprender, concentremo-nos apenas na
categoria MANEIRA DE ARTICULAÇÃO.




OCLUSIVA: É uma consoante (som consonantal) caracterizada pela completa
obstrução da passagem do ar. São oclusivos os seguintes sons consonantais:
FRICATIVA: É uma consoante (som consonantal) caracterizada pela liberação da
passagem do ar. São fricativos os seguintes sons consonantais:
AFRICADA: É uma consoante (som consonantal) caracterizada pela união das

oclusivas     e    + as fricativas   e    . São africadas os seguintes sons
consonantais:




NASAL: É uma consoante (som consonantal) caracterizada pela liberação da
passagem do ar. São fricativos os seguintes sons consonantais:

Recomendados

Frase, Oração e Periodo.
Frase, Oração e Periodo.Frase, Oração e Periodo.
Frase, Oração e Periodo.Keu Oliveira
 
Locução adjetiva
Locução adjetivaLocução adjetiva
Locução adjetivaKaira Nunes
 
Adjunto adnominal e adjunto adverbial
Adjunto adnominal e adjunto adverbialAdjunto adnominal e adjunto adverbial
Adjunto adnominal e adjunto adverbialClaudia Ribeiro
 
Vozes verbais (voz ativa, voz passiva e voz reflexiva)
Vozes verbais (voz ativa, voz passiva e voz reflexiva)Vozes verbais (voz ativa, voz passiva e voz reflexiva)
Vozes verbais (voz ativa, voz passiva e voz reflexiva)Geane Ribeiro
 
Período composto por subordinação - Introdução
Período composto por subordinação - IntroduçãoPeríodo composto por subordinação - Introdução
Período composto por subordinação - IntroduçãoNAPNE
 
Pronome 7o ano 1 o bimestre
Pronome 7o ano 1 o bimestrePronome 7o ano 1 o bimestre
Pronome 7o ano 1 o bimestreMarcia Facelli
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (20)

Figuras de linguagem
Figuras de linguagemFiguras de linguagem
Figuras de linguagem
 
Ambiguidade
AmbiguidadeAmbiguidade
Ambiguidade
 
Texto e discurso
Texto e discursoTexto e discurso
Texto e discurso
 
Coesão e Coerência Textual
Coesão e Coerência TextualCoesão e Coerência Textual
Coesão e Coerência Textual
 
Pronomes Relativos.
Pronomes Relativos.Pronomes Relativos.
Pronomes Relativos.
 
Aposto e vocativo
Aposto e vocativoAposto e vocativo
Aposto e vocativo
 
Conto de terror- Estudo de gêneros textuais
Conto de terror- Estudo de gêneros textuaisConto de terror- Estudo de gêneros textuais
Conto de terror- Estudo de gêneros textuais
 
7º ano E. F. II - Preposição, Crase
7º ano E. F. II - Preposição, Crase7º ano E. F. II - Preposição, Crase
7º ano E. F. II - Preposição, Crase
 
Tipos de sujeito
Tipos de sujeitoTipos de sujeito
Tipos de sujeito
 
Elementos da narrativa
Elementos da narrativaElementos da narrativa
Elementos da narrativa
 
Verbos no modo imperativo apresentação
Verbos no modo imperativo   apresentaçãoVerbos no modo imperativo   apresentação
Verbos no modo imperativo apresentação
 
Gêneros e suportes textuais
Gêneros e suportes textuaisGêneros e suportes textuais
Gêneros e suportes textuais
 
Predicado classificação
Predicado   classificaçãoPredicado   classificação
Predicado classificação
 
Frase, oração e período
Frase, oração e períodoFrase, oração e período
Frase, oração e período
 
Período composto por coordenação
Período composto por coordenaçãoPeríodo composto por coordenação
Período composto por coordenação
 
Revisão inicial 8º ano.
Revisão inicial 8º ano.Revisão inicial 8º ano.
Revisão inicial 8º ano.
 
Formação de Palavras
Formação de PalavrasFormação de Palavras
Formação de Palavras
 
Predicados e predicativos
Predicados e predicativosPredicados e predicativos
Predicados e predicativos
 
Tempos e modos do verbo
Tempos e modos do verboTempos e modos do verbo
Tempos e modos do verbo
 
Flexão e grau do substantivo
Flexão e grau do substantivoFlexão e grau do substantivo
Flexão e grau do substantivo
 

Destaque

01. fonética e fonologia
01. fonética e fonologia 01. fonética e fonologia
01. fonética e fonologia Laysa Valéria
 
1000palavras em inglês com fonética
1000palavras em inglês com fonética1000palavras em inglês com fonética
1000palavras em inglês com fonéticaJoseph Romacoj
 
Fonética e fonologia
Fonética e fonologia Fonética e fonologia
Fonética e fonologia Ana Vogeley
 
Fonética das palavras em inglês
Fonética das palavras em inglêsFonética das palavras em inglês
Fonética das palavras em inglêsamandaalves999
 
Uso do Dicionário de Língua Inglesa
Uso do Dicionário de Língua InglesaUso do Dicionário de Língua Inglesa
Uso do Dicionário de Língua InglesaFabio Lemes
 
Plano De Aula - Trabalhando a Língua Inglesa no cotidiano
Plano De Aula - Trabalhando a Língua Inglesa no cotidianoPlano De Aula - Trabalhando a Língua Inglesa no cotidiano
Plano De Aula - Trabalhando a Língua Inglesa no cotidianoFabio Lemes
 

Destaque (7)

01. fonética e fonologia
01. fonética e fonologia 01. fonética e fonologia
01. fonética e fonologia
 
1000palavras em inglês com fonética
1000palavras em inglês com fonética1000palavras em inglês com fonética
1000palavras em inglês com fonética
 
Fonética e fonologia
Fonética e fonologia Fonética e fonologia
Fonética e fonologia
 
Fonética das palavras em inglês
Fonética das palavras em inglêsFonética das palavras em inglês
Fonética das palavras em inglês
 
Uso do Dicionário de Língua Inglesa
Uso do Dicionário de Língua InglesaUso do Dicionário de Língua Inglesa
Uso do Dicionário de Língua Inglesa
 
Phonology ppt
Phonology pptPhonology ppt
Phonology ppt
 
Plano De Aula - Trabalhando a Língua Inglesa no cotidiano
Plano De Aula - Trabalhando a Língua Inglesa no cotidianoPlano De Aula - Trabalhando a Língua Inglesa no cotidiano
Plano De Aula - Trabalhando a Língua Inglesa no cotidiano
 

Semelhante a Apostila phonetics (20)

4 linguistica geral
4 linguistica geral4 linguistica geral
4 linguistica geral
 
Fonética e fonologia
Fonética e fonologiaFonética e fonologia
Fonética e fonologia
 
Fonética
FonéticaFonética
Fonética
 
Aula_2_sincrona.pptx
Aula_2_sincrona.pptxAula_2_sincrona.pptx
Aula_2_sincrona.pptx
 
Noções de fonética e ortografia
Noções de fonética e ortografiaNoções de fonética e ortografia
Noções de fonética e ortografia
 
Fonética e fonologia
Fonética e fonologiaFonética e fonologia
Fonética e fonologia
 
Fonética x fonologia
Fonética x fonologiaFonética x fonologia
Fonética x fonologia
 
Fonética fonologia
Fonética fonologiaFonética fonologia
Fonética fonologia
 
Lp 1 aula becmann
Lp 1 aula becmannLp 1 aula becmann
Lp 1 aula becmann
 
Gabarito aula 01 beckman lp
Gabarito aula 01 beckman lpGabarito aula 01 beckman lp
Gabarito aula 01 beckman lp
 
Da fonética até à sintaxe1
Da fonética até à sintaxe1Da fonética até à sintaxe1
Da fonética até à sintaxe1
 
Iniciação à fonética e à fonologia.pptx 2
Iniciação à fonética e à fonologia.pptx  2Iniciação à fonética e à fonologia.pptx  2
Iniciação à fonética e à fonologia.pptx 2
 
Fonética
FonéticaFonética
Fonética
 
Fonética & fonologia
Fonética & fonologiaFonética & fonologia
Fonética & fonologia
 
Introdução à fonética e à fonologia parte 1
Introdução à fonética e à fonologia   parte 1Introdução à fonética e à fonologia   parte 1
Introdução à fonética e à fonologia parte 1
 
Sons e letras 2
Sons e letras 2Sons e letras 2
Sons e letras 2
 
Convenções e transcrição fonética
Convenções e transcrição fonéticaConvenções e transcrição fonética
Convenções e transcrição fonética
 
FONOLOGIA
FONOLOGIAFONOLOGIA
FONOLOGIA
 
Fonologia
FonologiaFonologia
Fonologia
 
Trabalho 0207
Trabalho 0207Trabalho 0207
Trabalho 0207
 

Último

ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024excellenceeducaciona
 
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...azulassessoriaacadem3
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...azulassessoriaacadem3
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...azulassessoriaacadem3
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...azulassessoriaacadem3
 
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...azulassessoriaacadem3
 
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...azulassessoriaacadem3
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...azulassessoriaacadem3
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Mary Alvarenga
 
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...apoioacademicoead
 
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdfAtividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdfRuannSolza
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...azulassessoriaacadem3
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...azulassessoriaacadem3
 
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptxSlides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...apoioacademicoead
 
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.azulassessoriaacadem3
 
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...azulassessoriaacadem3
 
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...azulassessoriaacadem3
 
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...excellenceeducaciona
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...azulassessoriaacadem3
 

Último (20)

ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
 
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
 
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
 
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
 
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
 
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdfAtividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
 
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptxSlides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
 
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
 
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
 
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
 
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 

Apostila phonetics

  • 1. PHONETICS: THE SOUNDS OF AMERICAN ENGLISH. Roberto Rodrigues Campos1 INTRODUÇÃO Aprender uma língua estrangeira tornou-se meta para muitos brasileiros, seja por motivos educacionais, culturais ou profissionais. O grande problema é que, muitos desses brasileiros entram em cursos de idiomas ou iniciam um processo de autodidatismo, mas não conseguem a pronúncia desejada. Por conta desses problemas é que se faz necessário o estudo da fonética e da fonologia da língua inglesa. Este guia tem como objetivo ajudar os professores e graduandos de língua inglesas a trabalhar com alunos adultos que estudam Inglês, como segunda língua, para aumentar a sua confiança na pronúncia, tanto no ensino quanto na aprendizagem, de forma eficaz. Baseie-me em diversos precedentes, todas decorrentes da:  constatação de que a pronúncia é um dos aspectos mais problemáticos do idioma Inglês para professores e alunos  crença de que isso não precisa ser o caso: pronúncia pode ser ensinado e aprendido de forma eficaz. O estudo dos símbolos fonéticos da língua inglesa auxilia o falante do português a familiarizar-se com todos os sons que compõem uma palavra. Desta forma, uma vez aprendido os símbolos, é possível pronunciar, de maneira perfeita (ao menos é o que se espera), todas as palavras contidas em um dicionário de língua inglesa. Vale lembrar que aprender a pronunciar todas as palavras não o torna fluente na língua: é necessário aprender, também, a fonologia do inglês, as maneiras como os falantes nativos de língua inglesa pronunciam as palavras numa frase, sempre de maneira harmoniosa, com certa melodia e sotaque. Este guia – repito – apenas traz um estudo da fonética, e não fonologia da língua inglesa. Espero que este possa ajudar-lo. Bom trabalho! 1 Professor de Língua e Literatura Inglesa formado pela Universidade do Estado da Bahia – UNEB – Campus II.
  • 2. PHONETICS: THE SOUNDS OF AMERICAN ENGLISHi FONÉTICA: OS SONS DO INGLÊS AMERICANO First of all, we should know a little bit of anatomy. Follow the pictures. Primeiramente, precisamos saber um pouco sobre anatomia. Acompanhem as imagens. Now, here are the contents we’re going to study: Agora, eis aqui os conteúdos que nós iremos estudar:  CONSONANTS (CONSOANTES)  VOWELS (VOGAIS)
  • 3. CONSONANTS (CONSOANTES) The consonants are divided by three categories of articulation: As consoantes são divididas em três categorias de articulação: MANNER (MODO) Manner of articulation refers to how the sound is produced and the way in which the airstream I modified as it passes through the vocal tract. O Modo de articulação refere-se à forma como o som é produzido e a forma em que a corrente de ar é modificada à medida que passa através da extensão vocal. PLACE (PONTO) Place of articulation refers to which articulators are involved in the production of a particular sound. O Ponto de articulação refere-se a que articuladores estão envolvidos na produção de um som em particular.
  • 4. VOICE (VOZ) Voicing refers to whether the vocal folds are vibrating during a production of a particular consonant. A categoria Voz refere-se a como saber se as cordas vocais estão ou não vibrando durante a produção de uma consoante em particular. To become simpler to understand and learn, let’s focus on only the MANNER OF ARTICULATION category. Para ser mais simples de entender e aprender, concentremo-nos apenas na categoria MANEIRA DE ARTICULAÇÃO. OCLUSIVA: É uma consoante (som consonantal) caracterizada pela completa obstrução da passagem do ar. São oclusivos os seguintes sons consonantais:
  • 5. FRICATIVA: É uma consoante (som consonantal) caracterizada pela liberação da passagem do ar. São fricativos os seguintes sons consonantais:
  • 6. AFRICADA: É uma consoante (som consonantal) caracterizada pela união das oclusivas e + as fricativas e . São africadas os seguintes sons consonantais: NASAL: É uma consoante (som consonantal) caracterizada pela liberação da passagem do ar. São fricativos os seguintes sons consonantais:
  • 7. LÍQUIDA: É, simplesmente, um rótulo genérico para classificar as consoantes (sons consonantais) “L” e “R”. São líquidos os seguintes sons consonantais: VOCÁLICA: É, uma consoante (som consonantal) caracterizada por uma movimento deslizante e continuado da articulação bucal para pronunciar a vogal seguinte; também referida como uma vogal semi-vogal: São vocálicos os seguintes sons consonantais:
  • 8. VOWELS (VOGAIS) The vowels are divided by three categories of articulation: As vogais são divididas em três categorias de articulação: MONOPHTHONGS (MONOTONGOS) Monophthongs are a sound of a singular vowel. Monotongos são sons de uma única vogal. The monophthongs are divided by three different points of articulation: Os monotongos são divididos em três pontos de articulação diferentes:  FRONT (FRONTAL)  CENTRAL (CENTRAL)  BACK (TRASEIRA) FRONT: sound produced with a forward shift of the tongue from its neutral or rest position. FRONTAL: som produzido com por um movimento da língua para frente, de sua posição neutra.
  • 9. CENTRAL: sound produced with the tongue from its neutral or rest position. CENTRAL: som produzido com a língua na sua posição neutra. BACK: sound produced with a backward shift of the tongue from its neutral or rest position. TRASEIRA: som produzido com por um movimento da língua para trás, de sua posição neutra. DIPHTHONGS (DITONGOS) Diphthongs are a sound of two vowels at the same syllable. Ditongos são sons de duas vogais numa mesma sílaba.
  • 10. NOTE: There are the prolonged vowels. They’re characterized by prolonging the pronunciation of a singular vowel, through the signal “:”(colon). NOTA: Existem as vogais prolongadas. Elas são caracterizadas pela prolongação da pronúncia de uma única vogal, através do sinal “:” (dois pontos). i FONTE: Phonetics: The sounds of American English. Disponível em: <http://www.uiowa.edu/~acadtech/phonetics/english/frameset.html>. (Traduções e grifos meus)