Evidência...
Eu, robô...Isaac Asimov.
Componentes: Kelen Grando, Yasmin Vilanova, Fernando Quell
Brenda Chiminazzo.
Local no espaço:
• Escritório do Dr. Byerley;
• Escritório de Alfred Lanning;
• Casa do Dr. Byerley.
Locais citados na his...
Personagens e suas características:
Susan Calvin: Lábios finos e descorados, Robôpsicóloga da U.S
Robôs;
Francis Quinn: Fu...
Stephen Byerley: Tinha quarenta anos, um promotor inteligente,
político reformista, indicado pela Convenção como candidato...
Citações:
– Nosso promotor nunca come. – A repetição foi feita sílaba por
sílaba. – Vou modificar a declaração. Ele nunca ...
– [...] É obvio que não, doutor Lanning, que se este homem for um
robô humanoide, ele será uma imitação perfeita. Ele é qu...
– Esta, senhor Byerley, é uma ordem das corte autorizando a
busca nesse domicilio à procura de presença ilegal de... Ah......
– Eu vou falar sucintamente, Byerley. O seu professor aleijado é
o verdadeiro Stephen Byerley. Você é um robô que ele crio...
– Eu quero dizer que existe apenas uma ocasião em que um
robô pode golpear um ser humano sem violar a Primeira Lei.
Só uma...
Evidência
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Evidência

333 visualizações

Publicada em

Atividade na aula de Sociologia.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
333
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
184
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Evidência

  1. 1. Evidência... Eu, robô...Isaac Asimov. Componentes: Kelen Grando, Yasmin Vilanova, Fernando Quell Brenda Chiminazzo.
  2. 2. Local no espaço: • Escritório do Dr. Byerley; • Escritório de Alfred Lanning; • Casa do Dr. Byerley. Locais citados na história: • Planeta terra
  3. 3. Personagens e suas características: Susan Calvin: Lábios finos e descorados, Robôpsicóloga da U.S Robôs; Francis Quinn: Fumante, era um politico da nova escola, uma homem de certa posição, candidato a prefeito; Alfred Lanning: Espessas sobrancelhas brancas, diretor emérito de pesquisas, “velho estadista e robôcista” da U.S Robôs;
  4. 4. Stephen Byerley: Tinha quarenta anos, um promotor inteligente, político reformista, indicado pela Convenção como candidato a prefeito; John: Cadeirante, sofreu um acidente que o deixou com a boca torcida, paralitico e com a face coberta de cicatrizes, inteligente, foi advogado e agora é pesquisador em biofísica. Personagens e suas características:
  5. 5. Citações: – Nosso promotor nunca come. – A repetição foi feita sílaba por sílaba. – Vou modificar a declaração. Ele nunca foi visto comendo ou bebendo. Nunca! Entende o significado da palavra? Não é raramente, é nunca.
  6. 6. – [...] É obvio que não, doutor Lanning, que se este homem for um robô humanoide, ele será uma imitação perfeita. Ele é quase humano de mais para ser verdade. Afinal, estamos vendo e observando seres humanos durante toda a nossa vida; seria impossível nos enganar com uma reprodução quase perfeita. Ela teria que ser inteiramente perfeita. Observe a textura da pele, a qualidade da íris, a estrutura óssea da mão. [...] E não acreditar que alguém capaz de dar atenção a tais detalhes não deixaria de acrescentar tais engenhocas para cuidar de tais detalhes como comer, dormir e eliminar dejetos? Talvez apenas para usar em uma situação de emergência [...]
  7. 7. – Esta, senhor Byerley, é uma ordem das corte autorizando a busca nesse domicilio à procura de presença ilegal de... Ah... Homens mecânicos ou robôs de qualquer tipo.
  8. 8. – Eu vou falar sucintamente, Byerley. O seu professor aleijado é o verdadeiro Stephen Byerley. Você é um robô que ele criou. Nós podemos provar isso. Era ele quem estava no acidente de carro, não você. Há sempre meios de checar os registros.
  9. 9. – Eu quero dizer que existe apenas uma ocasião em que um robô pode golpear um ser humano sem violar a Primeira Lei. Só uma ocasião. – E quando é isso: [...] – Quando o humano golpeado é meramente um robô. – Ela sorriu fracamente, o rosto radiante. – Adeus, senhor Byerley. Espero votar no senhor daqui a cinco anos.

×