SlideShare uma empresa Scribd logo
5. O rapaz desta história foi acusado injustamente. Já passaste alguma vez
por uma situação idêntica? Reconta esse episódio e diz como te sentiste.
Prof.ª Maria João Pimentel
BECRE – Projeto de Leitura
[ver apresentação em Prezi - ilustrações da lenda:
http://prezi.com/ta08xic-elql/lenda-do-galo-de-barcelos/ ]
Escola Básica de Padre José Rota
Ano Letivo de 2010/2011
Língua Portuguesa – 6º Ano
PROJETO DE LEITURA “CONTOS COM CORES, SONS E SABORES”:
A LENDA DO GALO DE BARCELOS
1. Escuta a música sobre a lenda que acabaste de ouvir “O galo cantou
para mim” e, simultaneamente, preenche os espaços em branco:
Rapaz
Até parece mentira
Eu estar agora a ______________ :
É que ainda há poucas horas
Só pensava em ________________.
Eu estava em frente ao juiz,
E já quase a desesperar,
Quando vi o galo assado,
E decidi ________________!
REFRÃO
Dizem que a vida é injusta,
Mas hoje não foi bem assim.
Recuperei a _________________!
O galo ______________ para mim!
Rapaz
“Excelentíssimo Senhor
Doutor juiz e companhia:
Este galo vai _________________
Antes de acabar o dia!
É que eu estou mesmo _____________,
Nunca roubei uma agulha!
Não tenho más _________________,
Não pensem que sou _______________!”
REFRÃO
Rapaz
Por causa deste cantor
Eu não fui para a _______________.
Provei que não roubei nada:
Nunca fui, nem sou _______________!
Este galo é um sucesso,
Sei que vai ficar _______________.
Ele cantou alto e bom som…
Foi um som ___________________!
REFRÃO
2. Ordena as sequências narrativas da lenda, tendo em consideração a ordem
com que ouviste os acontecimentos.
Como tinha chegado à cidade um rapaz novo, a população culpou-o
pelo roubo das pratas.
O juiz preparava-se para jantar um galo assado, todavia, decidiu que
iria ajudar a população.
Um dia, o homem mais rico da região foi roubado.
Chamou os criados e ordenou-lhes que soltassem de imediato o rapaz
inocente.
O povo decidiu levar o pressuposto ladrão a um juiz para ser julgado.
O juiz decidiu mandar prender o rapaz, uma vez que era impossível um
galo morto voltar a cantar.
Os habitantes de Barcelos viviam tranquilamente. 1
O rapaz foi solto, demonstrando que a verdade e a justiça acabam por
vencer.
Os habitantes começaram a desconfiar uns dos outros, uns diziam que
o autor do roubo era o Zé da Adega e outros alegavam que o ladrão
não era da zona.
O rapaz bem dizia que estava inocente, que só estava em viagem, mas
o povo levou-o a casa do juiz.
Quando se preparava para iniciar a refeição, o juiz ouviu o galo a
cantar, apanhando um valente susto.
O rapaz alegou perante o juiz que não tinha culpa nenhuma e, para
provar a sua inocência, referiu que o galo que se preparava para comer
havia de cantar nessa noite.
3. Seleciona o(s) adjetivo(s) que pode(m) caracterizar
psicologicamente o rapaz. Justifica a tua escolha, de acordo com a
história.
Tímido Maléfico Determinado Sensível Inocente
__________________________________________________________
__________________________________________________________
__________________________________________________________
4. Escolhe a opção correta, tendo em consideração a função sintática
que o elemento sublinhado desempenha na frase.
a) Os habitantes da terra desconfiavam uns dos outros.
 Função de sujeito.
 Função de complemento direto.
 Função de complemento indireto.
b) Chegou à cidade um rapaz galego.
 Função de sujeito.
 Função de complemento circunstancial de lugar.
 Função de complemento direto.
c) Este rapaz é o ladrão das pratas. Sr. Dr. Juiz, julgue-o.
 Função de complemento indireto.
 Função de sujeito.
 Função de complemento direto.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O coelhinho branco atividades
O coelhinho branco   atividadesO coelhinho branco   atividades
O coelhinho branco atividades
BibliotecadaEscoladaPonte
 
Fichas de dinheiro
Fichas de dinheiroFichas de dinheiro
Fichas de dinheiro
Carlos Isidoro
 
Fichas avaliação mensal 2 ano
Fichas avaliação mensal 2 ano Fichas avaliação mensal 2 ano
Fichas avaliação mensal 2 ano
Sousa Martins
 
O elefante cor de-rosa
O elefante cor de-rosaO elefante cor de-rosa
O elefante cor de-rosa
Paula Carvalho
 
Ficha de avaliação 1º ano letras p, t, l, d,v, m, n, c, r, g, j, s, b
Ficha de avaliação 1º ano   letras p, t, l, d,v, m, n, c, r, g, j, s, bFicha de avaliação 1º ano   letras p, t, l, d,v, m, n, c, r, g, j, s, b
Ficha de avaliação 1º ano letras p, t, l, d,v, m, n, c, r, g, j, s, b
Sónia Rodrigues
 
Fichas matemática 2º ano - Completo.pdf
Fichas matemática 2º ano - Completo.pdfFichas matemática 2º ano - Completo.pdf
Fichas matemática 2º ano - Completo.pdf
MarisaPimentel3
 
Fich numerais ordinais_2_ano
Fich numerais ordinais_2_anoFich numerais ordinais_2_ano
Fich numerais ordinais_2_ano
angela_costa
 
Fichas de Avaliação Mensal - LP 1.ºano
Fichas de Avaliação Mensal - LP 1.ºanoFichas de Avaliação Mensal - LP 1.ºano
Fichas de Avaliação Mensal - LP 1.ºano
Paty Matheus
 
Ficheiro de Matemática 2º ano
Ficheiro de Matemática 2º anoFicheiro de Matemática 2º ano
Ficheiro de Matemática 2º ano
Ana Picão
 
Projetos desafios português - 2º ano - fichas avaliação
Projetos desafios   português - 2º ano - fichas avaliaçãoProjetos desafios   português - 2º ano - fichas avaliação
Projetos desafios português - 2º ano - fichas avaliação
Nozinhos
 
Ficha de revisões 6º ano Português - notícia com correção
Ficha de revisões 6º ano Português - notícia com correçãoFicha de revisões 6º ano Português - notícia com correção
Ficha de revisões 6º ano Português - notícia com correção
Belmira Pereira
 
Fichas 1º trimestre 4º ano
Fichas 1º trimestre 4º anoFichas 1º trimestre 4º ano
Fichas 1º trimestre 4º ano
Liliana Oliveira
 
Tipos e Formas de Frase: Ficha de Trabalho
Tipos e Formas de Frase: Ficha de TrabalhoTipos e Formas de Frase: Ficha de Trabalho
Tipos e Formas de Frase: Ficha de Trabalho
A. Simoes
 
Fichas avaliacao mensal 1.º ano carochinha
Fichas avaliacao mensal 1.º ano carochinhaFichas avaliacao mensal 1.º ano carochinha
Fichas avaliacao mensal 1.º ano carochinha
Elisabete Luz
 
Problemas 3º ano
Problemas 3º anoProblemas 3º ano
Problemas 3º ano
pamg
 
Fichas avaliacao mensal 2º ano
Fichas avaliacao mensal 2º anoFichas avaliacao mensal 2º ano
Fichas avaliacao mensal 2º ano
Elisabete Luz
 
Retrato fisico
Retrato fisicoRetrato fisico
Retrato fisico
Maria Da Graça Castro
 
Caderno de consolidação de leitura e escrita 1º ano casos de leitura / padrõe...
Caderno de consolidação de leitura e escrita 1º ano casos de leitura / padrõe...Caderno de consolidação de leitura e escrita 1º ano casos de leitura / padrõe...
Caderno de consolidação de leitura e escrita 1º ano casos de leitura / padrõe...
Jose Gomes
 
Determinantes ficha
Determinantes fichaDeterminantes ficha
Determinantes ficha
Vanda Mata
 
Verbos
VerbosVerbos

Mais procurados (20)

O coelhinho branco atividades
O coelhinho branco   atividadesO coelhinho branco   atividades
O coelhinho branco atividades
 
Fichas de dinheiro
Fichas de dinheiroFichas de dinheiro
Fichas de dinheiro
 
Fichas avaliação mensal 2 ano
Fichas avaliação mensal 2 ano Fichas avaliação mensal 2 ano
Fichas avaliação mensal 2 ano
 
O elefante cor de-rosa
O elefante cor de-rosaO elefante cor de-rosa
O elefante cor de-rosa
 
Ficha de avaliação 1º ano letras p, t, l, d,v, m, n, c, r, g, j, s, b
Ficha de avaliação 1º ano   letras p, t, l, d,v, m, n, c, r, g, j, s, bFicha de avaliação 1º ano   letras p, t, l, d,v, m, n, c, r, g, j, s, b
Ficha de avaliação 1º ano letras p, t, l, d,v, m, n, c, r, g, j, s, b
 
Fichas matemática 2º ano - Completo.pdf
Fichas matemática 2º ano - Completo.pdfFichas matemática 2º ano - Completo.pdf
Fichas matemática 2º ano - Completo.pdf
 
Fich numerais ordinais_2_ano
Fich numerais ordinais_2_anoFich numerais ordinais_2_ano
Fich numerais ordinais_2_ano
 
Fichas de Avaliação Mensal - LP 1.ºano
Fichas de Avaliação Mensal - LP 1.ºanoFichas de Avaliação Mensal - LP 1.ºano
Fichas de Avaliação Mensal - LP 1.ºano
 
Ficheiro de Matemática 2º ano
Ficheiro de Matemática 2º anoFicheiro de Matemática 2º ano
Ficheiro de Matemática 2º ano
 
Projetos desafios português - 2º ano - fichas avaliação
Projetos desafios   português - 2º ano - fichas avaliaçãoProjetos desafios   português - 2º ano - fichas avaliação
Projetos desafios português - 2º ano - fichas avaliação
 
Ficha de revisões 6º ano Português - notícia com correção
Ficha de revisões 6º ano Português - notícia com correçãoFicha de revisões 6º ano Português - notícia com correção
Ficha de revisões 6º ano Português - notícia com correção
 
Fichas 1º trimestre 4º ano
Fichas 1º trimestre 4º anoFichas 1º trimestre 4º ano
Fichas 1º trimestre 4º ano
 
Tipos e Formas de Frase: Ficha de Trabalho
Tipos e Formas de Frase: Ficha de TrabalhoTipos e Formas de Frase: Ficha de Trabalho
Tipos e Formas de Frase: Ficha de Trabalho
 
Fichas avaliacao mensal 1.º ano carochinha
Fichas avaliacao mensal 1.º ano carochinhaFichas avaliacao mensal 1.º ano carochinha
Fichas avaliacao mensal 1.º ano carochinha
 
Problemas 3º ano
Problemas 3º anoProblemas 3º ano
Problemas 3º ano
 
Fichas avaliacao mensal 2º ano
Fichas avaliacao mensal 2º anoFichas avaliacao mensal 2º ano
Fichas avaliacao mensal 2º ano
 
Retrato fisico
Retrato fisicoRetrato fisico
Retrato fisico
 
Caderno de consolidação de leitura e escrita 1º ano casos de leitura / padrõe...
Caderno de consolidação de leitura e escrita 1º ano casos de leitura / padrõe...Caderno de consolidação de leitura e escrita 1º ano casos de leitura / padrõe...
Caderno de consolidação de leitura e escrita 1º ano casos de leitura / padrõe...
 
Determinantes ficha
Determinantes fichaDeterminantes ficha
Determinantes ficha
 
Verbos
VerbosVerbos
Verbos
 

Mais de Becre Forte da Casa

Como tirar apontamentos internet
Como tirar apontamentos internet Como tirar apontamentos internet
Como tirar apontamentos internet
Becre Forte da Casa
 
Cartoon - As vítimas do pai natal
Cartoon - As vítimas do pai natalCartoon - As vítimas do pai natal
Cartoon - As vítimas do pai natalBecre Forte da Casa
 
Publicidade - características
Publicidade  - característicasPublicidade  - características
Publicidade - características
Becre Forte da Casa
 
CEL - Quantificadores
CEL - QuantificadoresCEL - Quantificadores
CEL - Quantificadores
Becre Forte da Casa
 
Era uma vez... Literatura Oral Tradicional
Era uma vez... Literatura Oral TradicionalEra uma vez... Literatura Oral Tradicional
Era uma vez... Literatura Oral Tradicional
Becre Forte da Casa
 
"Era uma vez... A literatura oral tradicional"
"Era uma vez... A literatura oral tradicional""Era uma vez... A literatura oral tradicional"
"Era uma vez... A literatura oral tradicional"
Becre Forte da Casa
 
Sequência didática - escrita de autorretrato
Sequência didática - escrita de autorretratoSequência didática - escrita de autorretrato
Sequência didática - escrita de autorretrato
Becre Forte da Casa
 
Ficha trabalho: O adjetivo - flexão adjetival
Ficha trabalho: O adjetivo - flexão adjetivalFicha trabalho: O adjetivo - flexão adjetival
Ficha trabalho: O adjetivo - flexão adjetival
Becre Forte da Casa
 
Ficha trabalho: O adjetivo - casos particulares do superlativo e do comparativo
Ficha trabalho: O adjetivo - casos particulares do superlativo e do comparativoFicha trabalho: O adjetivo - casos particulares do superlativo e do comparativo
Ficha trabalho: O adjetivo - casos particulares do superlativo e do comparativo
Becre Forte da Casa
 
Ficha trabalho: O adjetivo - subclasses e expressividade
Ficha trabalho: O adjetivo - subclasses e expressividadeFicha trabalho: O adjetivo - subclasses e expressividade
Ficha trabalho: O adjetivo - subclasses e expressividade
Becre Forte da Casa
 
Ficha trabalho: O adjetivo - caracterizar personagens e sentimentos
Ficha trabalho: O adjetivo -  caracterizar personagens e sentimentosFicha trabalho: O adjetivo -  caracterizar personagens e sentimentos
Ficha trabalho: O adjetivo - caracterizar personagens e sentimentos
Becre Forte da Casa
 
Subclasses do adjetivo
Subclasses do adjetivoSubclasses do adjetivo
Subclasses do adjetivo
Becre Forte da Casa
 
Versões "Capuchinho Vermelho"
Versões   "Capuchinho Vermelho"Versões   "Capuchinho Vermelho"
Versões "Capuchinho Vermelho"
Becre Forte da Casa
 
Boletim digital becre's do agrupamento de escolas do forte da casa
Boletim digital   becre's do agrupamento de escolas do forte da casaBoletim digital   becre's do agrupamento de escolas do forte da casa
Boletim digital becre's do agrupamento de escolas do forte da casa
Becre Forte da Casa
 
Escritor do Mês - Luis Sepúlveda
Escritor do Mês - Luis SepúlvedaEscritor do Mês - Luis Sepúlveda
Escritor do Mês - Luis Sepúlveda
Becre Forte da Casa
 
Regulamento do Concurso "Os livros fazem-se de sonhos..."
Regulamento do Concurso "Os livros fazem-se de sonhos..."Regulamento do Concurso "Os livros fazem-se de sonhos..."
Regulamento do Concurso "Os livros fazem-se de sonhos..."
Becre Forte da Casa
 
Feira do Livro
Feira do LivroFeira do Livro
Feira do Livro
Becre Forte da Casa
 
Ficha de trabalho a partir da Lenda da Serra da Estrela
Ficha de trabalho a partir da Lenda da Serra da EstrelaFicha de trabalho a partir da Lenda da Serra da Estrela
Ficha de trabalho a partir da Lenda da Serra da Estrela
Becre Forte da Casa
 
Lenda da Serra da Estrela, de Ana Oom
Lenda da Serra da Estrela, de Ana OomLenda da Serra da Estrela, de Ana Oom
Lenda da Serra da Estrela, de Ana Oom
Becre Forte da Casa
 
Cartaz da Semana da Leitura
Cartaz da Semana da LeituraCartaz da Semana da Leitura
Cartaz da Semana da Leitura
Becre Forte da Casa
 

Mais de Becre Forte da Casa (20)

Como tirar apontamentos internet
Como tirar apontamentos internet Como tirar apontamentos internet
Como tirar apontamentos internet
 
Cartoon - As vítimas do pai natal
Cartoon - As vítimas do pai natalCartoon - As vítimas do pai natal
Cartoon - As vítimas do pai natal
 
Publicidade - características
Publicidade  - característicasPublicidade  - características
Publicidade - características
 
CEL - Quantificadores
CEL - QuantificadoresCEL - Quantificadores
CEL - Quantificadores
 
Era uma vez... Literatura Oral Tradicional
Era uma vez... Literatura Oral TradicionalEra uma vez... Literatura Oral Tradicional
Era uma vez... Literatura Oral Tradicional
 
"Era uma vez... A literatura oral tradicional"
"Era uma vez... A literatura oral tradicional""Era uma vez... A literatura oral tradicional"
"Era uma vez... A literatura oral tradicional"
 
Sequência didática - escrita de autorretrato
Sequência didática - escrita de autorretratoSequência didática - escrita de autorretrato
Sequência didática - escrita de autorretrato
 
Ficha trabalho: O adjetivo - flexão adjetival
Ficha trabalho: O adjetivo - flexão adjetivalFicha trabalho: O adjetivo - flexão adjetival
Ficha trabalho: O adjetivo - flexão adjetival
 
Ficha trabalho: O adjetivo - casos particulares do superlativo e do comparativo
Ficha trabalho: O adjetivo - casos particulares do superlativo e do comparativoFicha trabalho: O adjetivo - casos particulares do superlativo e do comparativo
Ficha trabalho: O adjetivo - casos particulares do superlativo e do comparativo
 
Ficha trabalho: O adjetivo - subclasses e expressividade
Ficha trabalho: O adjetivo - subclasses e expressividadeFicha trabalho: O adjetivo - subclasses e expressividade
Ficha trabalho: O adjetivo - subclasses e expressividade
 
Ficha trabalho: O adjetivo - caracterizar personagens e sentimentos
Ficha trabalho: O adjetivo -  caracterizar personagens e sentimentosFicha trabalho: O adjetivo -  caracterizar personagens e sentimentos
Ficha trabalho: O adjetivo - caracterizar personagens e sentimentos
 
Subclasses do adjetivo
Subclasses do adjetivoSubclasses do adjetivo
Subclasses do adjetivo
 
Versões "Capuchinho Vermelho"
Versões   "Capuchinho Vermelho"Versões   "Capuchinho Vermelho"
Versões "Capuchinho Vermelho"
 
Boletim digital becre's do agrupamento de escolas do forte da casa
Boletim digital   becre's do agrupamento de escolas do forte da casaBoletim digital   becre's do agrupamento de escolas do forte da casa
Boletim digital becre's do agrupamento de escolas do forte da casa
 
Escritor do Mês - Luis Sepúlveda
Escritor do Mês - Luis SepúlvedaEscritor do Mês - Luis Sepúlveda
Escritor do Mês - Luis Sepúlveda
 
Regulamento do Concurso "Os livros fazem-se de sonhos..."
Regulamento do Concurso "Os livros fazem-se de sonhos..."Regulamento do Concurso "Os livros fazem-se de sonhos..."
Regulamento do Concurso "Os livros fazem-se de sonhos..."
 
Feira do Livro
Feira do LivroFeira do Livro
Feira do Livro
 
Ficha de trabalho a partir da Lenda da Serra da Estrela
Ficha de trabalho a partir da Lenda da Serra da EstrelaFicha de trabalho a partir da Lenda da Serra da Estrela
Ficha de trabalho a partir da Lenda da Serra da Estrela
 
Lenda da Serra da Estrela, de Ana Oom
Lenda da Serra da Estrela, de Ana OomLenda da Serra da Estrela, de Ana Oom
Lenda da Serra da Estrela, de Ana Oom
 
Cartaz da Semana da Leitura
Cartaz da Semana da LeituraCartaz da Semana da Leitura
Cartaz da Semana da Leitura
 

Ficha de trabalho - Lenda do Galo de Barcelos

  • 1. 5. O rapaz desta história foi acusado injustamente. Já passaste alguma vez por uma situação idêntica? Reconta esse episódio e diz como te sentiste. Prof.ª Maria João Pimentel BECRE – Projeto de Leitura [ver apresentação em Prezi - ilustrações da lenda: http://prezi.com/ta08xic-elql/lenda-do-galo-de-barcelos/ ] Escola Básica de Padre José Rota Ano Letivo de 2010/2011 Língua Portuguesa – 6º Ano PROJETO DE LEITURA “CONTOS COM CORES, SONS E SABORES”: A LENDA DO GALO DE BARCELOS 1. Escuta a música sobre a lenda que acabaste de ouvir “O galo cantou para mim” e, simultaneamente, preenche os espaços em branco: Rapaz Até parece mentira Eu estar agora a ______________ : É que ainda há poucas horas Só pensava em ________________. Eu estava em frente ao juiz, E já quase a desesperar, Quando vi o galo assado, E decidi ________________! REFRÃO Dizem que a vida é injusta, Mas hoje não foi bem assim. Recuperei a _________________! O galo ______________ para mim! Rapaz “Excelentíssimo Senhor Doutor juiz e companhia: Este galo vai _________________ Antes de acabar o dia! É que eu estou mesmo _____________, Nunca roubei uma agulha! Não tenho más _________________, Não pensem que sou _______________!” REFRÃO Rapaz Por causa deste cantor Eu não fui para a _______________. Provei que não roubei nada: Nunca fui, nem sou _______________! Este galo é um sucesso, Sei que vai ficar _______________. Ele cantou alto e bom som… Foi um som ___________________! REFRÃO
  • 2. 2. Ordena as sequências narrativas da lenda, tendo em consideração a ordem com que ouviste os acontecimentos. Como tinha chegado à cidade um rapaz novo, a população culpou-o pelo roubo das pratas. O juiz preparava-se para jantar um galo assado, todavia, decidiu que iria ajudar a população. Um dia, o homem mais rico da região foi roubado. Chamou os criados e ordenou-lhes que soltassem de imediato o rapaz inocente. O povo decidiu levar o pressuposto ladrão a um juiz para ser julgado. O juiz decidiu mandar prender o rapaz, uma vez que era impossível um galo morto voltar a cantar. Os habitantes de Barcelos viviam tranquilamente. 1 O rapaz foi solto, demonstrando que a verdade e a justiça acabam por vencer. Os habitantes começaram a desconfiar uns dos outros, uns diziam que o autor do roubo era o Zé da Adega e outros alegavam que o ladrão não era da zona. O rapaz bem dizia que estava inocente, que só estava em viagem, mas o povo levou-o a casa do juiz. Quando se preparava para iniciar a refeição, o juiz ouviu o galo a cantar, apanhando um valente susto. O rapaz alegou perante o juiz que não tinha culpa nenhuma e, para provar a sua inocência, referiu que o galo que se preparava para comer havia de cantar nessa noite. 3. Seleciona o(s) adjetivo(s) que pode(m) caracterizar psicologicamente o rapaz. Justifica a tua escolha, de acordo com a história. Tímido Maléfico Determinado Sensível Inocente __________________________________________________________ __________________________________________________________ __________________________________________________________ 4. Escolhe a opção correta, tendo em consideração a função sintática que o elemento sublinhado desempenha na frase. a) Os habitantes da terra desconfiavam uns dos outros.  Função de sujeito.  Função de complemento direto.  Função de complemento indireto. b) Chegou à cidade um rapaz galego.  Função de sujeito.  Função de complemento circunstancial de lugar.  Função de complemento direto. c) Este rapaz é o ladrão das pratas. Sr. Dr. Juiz, julgue-o.  Função de complemento indireto.  Função de sujeito.  Função de complemento direto.