1ª REPÚBLICA (1910-1926)  SEPARAÇÃO DAS IGREJAS  DO ESTADO   EFA 7 Junho 2010
DECRETO DE 20 DE ABRIL DE 1911 Dominação da Igreja por um Estado hostil A República renuncia à religião oficial mas não ao...
“  LEI DA SEPARAÇÃO DAS IGREJAS DO ESTADO” <ul><li>Publicada em (1911) por Afonso Costa (Ministro da Justiça e do Culto) <...
ACÇÕES DO ESTADO  <ul><ul><li>Expulsão das ordens religiosas e confiscação dos seus bens pelo Estado. </li></ul></ul><ul><...
ACÇÕES DO ESTADO  <ul><li>Conversão da maioria dos dias santificados em dias úteis de trabalho, com excepção do domingo do...
ACÇÕES DO ESTADO SOBRE A IGREJA: <ul><li>O Estado reserva-se o direito de estabelecer como a igreja devia estar organizada...
ACÇÕES DO ESTADO SOBRE A IGREJA: <ul><li>Suprimidos os juramentos e invocações religiosas em cerimónias públicas. </li></u...
CONSEQUÊNCIAS DO DECRETO LEI  <ul><li>A  igreja perdeu personalidade jurídica e todos os seus bens, incluindo os registos ...
REACÇÕES ÀS DECISÕES DO ESTADO <ul><li>A igreja denuncia as injustiças e fragilidades existentes na sociedade. </li></ul><...
O SIDONISMO E A REAPROXIMAÇÃO À IGREJA CATÓLICA (1917) <ul><li>Reintegra os bispos e os clérigos nas suas antigas funções ...
O SIDONISMO E A REAPROXIMAÇÃO À IGREJA CATÓLICA (1917) <ul><li>Revoga várias disposições da lei de Separação das Igrejas d...
<ul><li>Atitudes de Sidónio Pais em relação à Igreja </li></ul><ul><li>Reatamento das relações com o Vaticano </li></ul>A ...
Bibliografia <ul><li>Jornal de noticias 24/04/2010 </li></ul><ul><li>Rui Ramos, História de Portugal, A Esfera dos Livros,...
<ul><li>Turma EFA7 - nível secundário; formadores- Fernanda Barbosa e Mário Macedo </li></ul>
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Estado/Igreja - decreto de 20 de abril de 1911

1.352 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.352
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
236
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Estado/Igreja - decreto de 20 de abril de 1911

  1. 1. 1ª REPÚBLICA (1910-1926) SEPARAÇÃO DAS IGREJAS DO ESTADO EFA 7 Junho 2010
  2. 2. DECRETO DE 20 DE ABRIL DE 1911 Dominação da Igreja por um Estado hostil A República renuncia à religião oficial mas não ao controle sobre o Clero
  3. 3. “ LEI DA SEPARAÇÃO DAS IGREJAS DO ESTADO” <ul><li>Publicada em (1911) por Afonso Costa (Ministro da Justiça e do Culto) </li></ul><ul><li>Esta lei foi precedida por um conjunto de acções que tinham por objectivo diminuir a influencia da Igreja Católica no Estado - Laicização do Estado </li></ul>
  4. 4. ACÇÕES DO ESTADO <ul><ul><li>Expulsão das ordens religiosas e confiscação dos seus bens pelo Estado. </li></ul></ul><ul><ul><li>Lei do divórcio e princípio do casamento como acto exclusivamente civil. </li></ul></ul>
  5. 5. ACÇÕES DO ESTADO <ul><li>Conversão da maioria dos dias santificados em dias úteis de trabalho, com excepção do domingo do dia 25 de Dezembro (consagrado o dia da família). </li></ul><ul><li>Publicação da lei do registo civil obrigatório e exclusivo para nascimentos, casamentos e óbitos. </li></ul>
  6. 6. ACÇÕES DO ESTADO SOBRE A IGREJA: <ul><li>O Estado reserva-se o direito de estabelecer como a igreja devia estar organizada. </li></ul><ul><li>O Estado tentou dividir o clero, propondo pagar pensões aos sacerdotes que se lhe submetessem. </li></ul>
  7. 7. ACÇÕES DO ESTADO SOBRE A IGREJA: <ul><li>Suprimidos os juramentos e invocações religiosas em cerimónias públicas. </li></ul><ul><li>Proibiu o toque dos sinos, as procissões e o uso pelos padres de roupa distinta. </li></ul><ul><li>O ensino religioso foi banido das escolas – mesmo as privadas. </li></ul>
  8. 8. CONSEQUÊNCIAS DO DECRETO LEI <ul><li>A igreja perdeu personalidade jurídica e todos os seus bens, incluindo os registos paroquiais. </li></ul><ul><li>Metade dos seminários foi fechada. </li></ul><ul><li>Em meados de 1911, estavam na prisão 170 padres. </li></ul><ul><li>Em 1912 todos os bispos tinham sido banidos das dioceses e deportados para o exílio. </li></ul>
  9. 9. REACÇÕES ÀS DECISÕES DO ESTADO <ul><li>A igreja denuncia as injustiças e fragilidades existentes na sociedade. </li></ul><ul><li>Através da encíclica “ Jandudum in Lusitânia ”, Pio X condena a legislação republicana em matéria religiosa e a expropriação dos bens da igreja. </li></ul>
  10. 10. O SIDONISMO E A REAPROXIMAÇÃO À IGREJA CATÓLICA (1917) <ul><li>Reintegra os bispos e os clérigos nas suas antigas funções </li></ul><ul><li>Devolve à igreja as propriedades </li></ul><ul><li>Autoriza que as procissões e as romarias se realizem nas ruas sem autorização prévia. </li></ul>
  11. 11. O SIDONISMO E A REAPROXIMAÇÃO À IGREJA CATÓLICA (1917) <ul><li>Revoga várias disposições da lei de Separação das Igrejas do Estado (Fevereiro 1918) </li></ul><ul><ul><li>As missas voltaram a ser permitidas </li></ul></ul><ul><ul><li>Consentido o uso de vestes talares </li></ul></ul><ul><ul><li>Vinca a sua posição assistindo a várias missas </li></ul></ul>
  12. 12. <ul><li>Atitudes de Sidónio Pais em relação à Igreja </li></ul><ul><li>Reatamento das relações com o Vaticano </li></ul>A forte adesão popular às aparições de Fátima (no final da década de 20) contribuiu para a recristianização da sociedade portuguesa
  13. 13. Bibliografia <ul><li>Jornal de noticias 24/04/2010 </li></ul><ul><li>Rui Ramos, História de Portugal, A Esfera dos Livros, 2009 </li></ul>
  14. 14. <ul><li>Turma EFA7 - nível secundário; formadores- Fernanda Barbosa e Mário Macedo </li></ul>

×