Pt8 cdr verbo

929 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
929
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
238
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
46
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pt8 cdr verbo

  1. 1. Verbo Complexo verbal Porto Editora
  2. 2. Porto Editora Classificação dos verbos quanto à flexão 1. Verbos regulares 2. Verbos irregulares 3. Verbos defetivos De acordo com a forma como são flexionados, os verbos podem ser classificados como:
  3. 3. Porto Editora 1. Verbo regular – verbo cujo radical não se altera e que respeita o modelo de conjugação a que pertence. Ex.: Sonhar (sonho, sonhava, sonhara, sonharei, sonharia, sonhe, sonhasse…)
  4. 4. Porto Editora 2. Verbo irregular – verbo cuja flexão não respeita o modelo de conjugação a que pertence. As irregularidades podem ocorrer ao nível do radical e também nos sufixos de flexão. Ex.: Fazer (faço, fiz, fazia, farei, faça, fizesse…), ser, ir, vir, ter, ler, pôr, querer, medir
  5. 5. Porto Editora 3. Verbo defetivo – verbo cuja conjugação é incompleta. Só se conjuga em algumas pessoas e tempos. Pode ser impessoal ou unipessoal. Ex.: Colorir (*coloro, *colores, *colore, colorimos, coloris, *colorem…), falir, florir, haver, precaver, retorquir Nota: Em alguns casos recorre-se ao complexo verbal (estou a colorir).
  6. 6. Porto Editora Verbo defetivo impessoal unipessoal Verbo que só se flexiona na 3.ª pessoa do singular e no infinitivo. Ex.: Trovejar (troveja, trovejava…), chover, nevar, amanhecer, anoitecer, haver (no sentido de existir)… Verbo que só se flexiona na 3.ª pessoa do singular e do plural e no infinitivo. Ex.: Ladrar (ladra, ladram, ladrou, ladraram), relinchar, desaguar, solidificar…
  7. 7. Porto Editora Complexos verbais  os tempos compostos, formados com o verbo auxiliar ter e o particípio passado do verbo principal; Ex.: Nós temos estudado bastante. Dá-se o nome de complexos verbais aos conjuntos formados por um ou mais verbos auxiliares e um verbo principal. Assim, são complexos verbais:
  8. 8. Porto Editora Complexos verbais  os tempos passivos, formados com o verbo auxiliar ser e o particípio passado do verbo principal; Ex.: As folhas foram levadas pelo vento. Dá-se o nome de complexos verbais aos conjuntos formados por um ou mais verbos auxiliares e um verbo principal. Assim, são complexos verbais:
  9. 9. Porto Editora  outras sequências verbais, formadas com um ou mais verbos auxiliares, seguidos do verbo principal (no particípio passado, infinitivo ou gerúndio). Dá-se o nome de complexos verbais aos conjuntos formados por um ou mais verbos auxiliares e um verbo principal. Assim, são complexos verbais: Complexos verbais
  10. 10. Porto Editora Os verbos auxiliares podem transmitir informações temporais, modais ou outras: Ex.: Eu vou pintar a casa. (verbo auxiliar temporal > valor de futuro) Ex.: Pode ser que hoje vá a tua casa. (verbo auxiliar modal > valor de possibilidade) Ex.: Deve haver mais turistas neste verão. (verbo auxiliar modal > valor de probabilidade) Ex.: Tens de ir visitar a avó. (verbo auxiliar modal > valor de obrigação)

×