NOVEMBRO DE 2012 A SENTINELA

5.344 visualizações

Publicada em

NOVEMBRO DE 2012
A SENTINELA

1 comentário
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • 15-


    Venham conferir o AS NOVIDADES DO SERVIDOR de MU online JOGANDO.NET :

    >>PROMOÇÃO DE JDIAMONDS E JCASHS, que ganha cupom para concorrer aos prêmios....
    >> PROMOÇÃO GANHE IPAD (NOVO) 3 kits JD v2, 2.000.000 golds e + 1000 jcahs no sorteio do dia 31/10 OUTUBRO
    >>NOVOS KITS : DEVASTATOR , e o SUPREMO DIAMOND V2 ;
    >> MEGA MARATONA DE DIA DAS CRIANÇAS, em breve você irá conhecer os melhores eventos.
    >> Novos Rings e Pendat Mysthical os melhores do servidor ;
    >> Novas Asas e Shields JDiamonds;
    >> Novidades em todos os servidores atualizados p/ o Ep 3 Season 6
    >>>>>> CURTI ANIMES ? conheça o MAIS NOVO SITE Cloud : http://www.animescloud.com/ com mais de 20.000 videos online.
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.344
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
63
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
1
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

NOVEMBRO DE 2012 A SENTINELA

  1. 1. 34567 1.° DE NOVEMBRO DE 2012 ˆ O que voce gostaria de perguntar a Deus?
  2. 2. 34567 6 ´ Tiragem de cada n umero: 42.182.000 EM 195 IDIOMAS 1.° DE NOVEMBRO DE 2012 ´ ´O OBJETIVO DESTA REVISTA, A Sentinela, e honrar a Jeova Deus, o Supremo Governante do Universo. Assim comoas torres de vigia nos tempos antigos possibilitavam que uma pessoa observasse de longe os acontecimentos, esta ´ ` ´revista mostra para nos o significado dos acontecimentos mundiais a luz das profecias bıblicas. Consola as pessoas ´ ´com as boas novas de que o Reino de Deus, um governo real no ceu, em breve acabara com toda a maldade e ´ ´ ´ ´ ´transformara a Terra num paraıso. Incentiva a fe em Jesus Cristo, que morreu para que nos pudessemos ter vida ˜eterna e que agora reina como Rei do Reino de Deus. Esta revista, publicada sem interrupc¸ ao pelas Testemunhas ´ ˜ ´ ´ ` ´de Jeova desde 1879, nao e polıtica. Adere a Bıblia como autoridade. ˜ ˜ ´ ´ ˜ ´Esta publicac¸ ao nao e vendida. Ela faz parte de uma obra educativa bıblica, mundial, mantida por donativos. A menos que haja outra indicac¸ ao, os textos bıblicos citados ˜ ˜ ˆsao da Traducao do Novo Mundo das Escrituras Sagradas com Referencias. ¸ ASSUNTOS DE CAPA ´ 3 E correto questionar a Deus? ´ 4 Pergunta 1: Sera que a minha vida tem objetivo? 6 Pergunta 2: O que vai acontecer quando eu morrer? 8 Pergunta 3: Por que Deus permite que eu sofra? ˜ SE C OES REGULARES ¸ ´ 10 A Bıblia Muda a Vida das Pessoas ˆ 15 Voce Sabia? 16 Aprenda da Palavra de Deus — Deus vai trazer um governo mundial? ´ 18 Como Ter uma Famılia Feliz ´ — Lidar com dıvidas 22 Achegue-se a Deus ´ ´ — “O que e que Jeova pede de volta de ti?” 23 Nossos Leitores Perguntam . . . ´ ´ A fe e uma muleta emocional? ˜ ´ 24 Minhas Primeiras Lic¸ oes da Bıblia ´ ´ TAMB EM NESTE N UMERO ´ 26 A vida nos tempos bıblicos — o pastor 29 A Corte Europeia defende o direito ` ˜ ˆ a objec¸ ao de consciencia
  3. 3. ´ E correto questionar a Deus? ´A LGUNS dizem que e errado questionar a Deus. Talvez achem falta de respeito per-guntar por que Deus faz ou deixa de fazer atende a esses pedidos de bom grado. (Ma- teus 6:11, 33) De modo similar, ele tem pra- ˜ zer em dar informac¸ oes que contribuam ˆ ´ ´certas coisas. Voce tambem pensa assim? para nossa saude mental e emocional. (Fili- ´ ´ Sabia que muitas pessoas boas ja questio- penses 4:6, 7) De fato, Jesus disse a seus discı- ´naram a Deus? Veja alguns exemplos: pulos: “Persisti em pedir, e dar-se-vos-a.” ´ ´ (Mateus 7:7) O contexto dessa promessa O fiel Jo: “Por que escondes a tua propria ´ mostra que Jesus estava falando sobre rece-face e me consideras teu inimigo?” — Jo 13:24. ˜ ´ ´ O leal profeta Habacuque: “Por que olhas ber nao so coisas materiais, mas tambem res-para os que agem traicoeiramente, calando-te ¸ postas a perguntas importantes. ´ ´quando o inıquo engole aquele que e mais jus- Se tivesse oportunidade, quais das pergun- ˆto do que ele?” — Habacuque 1:13. tas abaixo voce gostaria de fazer a Deus? Jesus Cristo: “Deus meu, Deus meu, por que ´ ˘ Sera que a minha vida tem objetivo?me abandonaste?” — Mateus 27:46. ˆ ´ ˘ O que vai acontecer quando eu morrer? Se voce ler o contexto desses versıculos, ˜ ´ ˜ ´ ˘ Por que o Senhor permite que eu sofra?nao vera nenhuma indicac¸ ao de que Jeova1tenha se ofendido com essas perguntas sin- ´ ˜ ´ Visto que “toda a Escritura e inspirada porceras. Mas isso nao e nenhuma surpresa. Por ˆ ´ ˜ Deus”, voce encontrara as respostas dele emexemplo, Deus nao se ofende quando pedi- ´ ´ Sua Palavra, a Bıblia. (2 Timoteo 3:16) Veja omos para ele satisfazer nossas necessidades ´ ´ ´ que tem levado alguns a fazer as perguntasbasicas, a fim de termos boa saude fısica. Ele ´ acima, bem como as respostas que a Bı- ´ ´ ´ ´ 1 Jeova e o nome de Deus, conforme revelado na Bıblia. blia da. A SENTINEL A ˙ 1.° DE NOVEMBRO DE 2012 3
  4. 4. PERGUNTA 1: ´ Sera que ROSALIND, que cresceu na Inglaterra, tinha ´ uma sede insaciavel de conhecimento. Ela ´ tambem queria ajudar os outros, de modo a minha vida que trabalhou ajudando desabrigados, defi- cientes e pessoas com dificuldades de apren- tem objetivo? dizagem. Depois de terminar o ensino supe- rior, ela conseguiu um emprego de prestıgio. ´ Embora tivesse um trabalho gratificante e ˜ uma boa situac¸ ao financeira, ela recorda: “Por anos eu me perguntava ‘Por que esta- ´ mos aqui?’ e ‘Qual e o objetivo da vida?’.” Por que fazer essa pergunta? Os humanos ˜ ˜ ´ nao sao como os animais irracionais. Nos so- mos capazes de aprender do passado, plane- jar o futuro e procurar um objetivo na vida. Como alguns responderiam? Para muitos, ´ o principal objetivo da vida e ficar rico ou fa- moso e assim alcancar a felicidade. ¸ ´ O que isso significaria? Que somos nos que estabelecemos nossas prioridades na ´ vida e que a vontade de Deus e menos im- portante que os nossos desejos. ´ ˜ O que a Bıblia ensina? O Rei Salomao acu- mulou uma grande fortuna e usufruiu os prazeres da vida, mas descobriu que essas ˜ coisas nao lhe davam um senso permanente ˜ ´ de realizac¸ ao. Ele explicou o que da verda- ` ˜ deiro objetivo a vida: “A conclusao do assun- ´ to, tudo tendo sido ouvido, e: Teme o verda- deiro Deus e guarda os seus mandamentos. ´ ˜ Pois esta e toda a obrigac¸ ao do homem.” ´ (Eclesiastes 12:13) O que esta envolvido em guardar os mandamentos de Deus? ´ ´ ´ Parte do proposito de Deus para nos e que ˜ usufruamos a vida. Salomao escreveu: “Para34567 ´ ˜ Africa do Sul: Private Bag X2067, Krugersdorp, 1740. Alema- I-00138 Rome RM. Japao: 4-7-1 Nakashinden, Ebina City, 6 nha: 65617 Selters. Angola: Caixa Postal 6877, Luanda Sul. Kanagawa-Pref, 243-0496. Mocambique: PO Box 2600, 1100 ¸ ´ Argentina: Casilla 83 (Suc 27B), C1427WAB Cdad. Aut. de Maputo. Paraguai: Casilla 482, 1209 Asuncion. Portugal: ˜ ´ ´ Buenos Aires. Belgica: rue d’Argile-Potaardestraat 60, B-1950 Apartado 91, P-2766-955 Estoril. Timor Leste: Box 248, Dili.Gostaria de ter mais informac¸ oes ou um curso bı- ´ ´ ` Kraainem. Brasil: CP 92, Tatuı, SP, 18270-970. Canada: PO ´blico domiciliar gratuito? Escreva as Testemunhas A Sentinela e publicada e impressa quinzenalmente pela As- ´ Box 4100, Georgetown, ON L7G 4Y4. Espanha: Apartado ˜ ´ ´de Jeova, usando o endereco apropriado. Para ¸ ´ sociac¸ ao Torre de Vigia de Bıblias e Tratados. Sede e grafica: 132, 28850 Torrejon de Ardoz (Madrid). Estados Unidos da ´uma lista completa dos enderecos das sedes, veja ¸ ´ Rodovia SP-141, km 43, Cesario Lange, SP, 18285-901. Dire- America: 25 Columbia Heights, Brooklyn, NY 11201-2483. ´www.jw.org/contact. ˜ Franca: BP 625, F-27406 Louviers Cedex. Gra-Bretanha: The ¸ tor responsavel: A. S. Machado Filho. Revista registrada sob ´ o numero de ordem 508. 5 2012 Watch Tower Bible and Ridgeway, London NW7 1RN. Holanda: Noordbargerstraat 4 ´ Tract Society of Pennsylvania. Todos os direitos reservados. 77, NL-7812 AA Emmen. Italia: Via della Bufalotta 1281, Impressa no Brasil. Vol. 133, No. 21 Semimonthly PORTUGUESE (Brazilian Edition)
  5. 5. ˜ ´ o homem nao ha nada melhor do que co- O que Jesus disse sobre mer, e deveras beber, e fazer sua alma ver o ´ ´ o objetivo da vida? que e bom por causa do seu trabalho ar- ´ ˜ ´ duo. Isto tambem tenho visto, sim eu, que Jesus nao tinha duvida de qual era o objetivo ˜ de sua vida. Ele disse: “Para isso nasci e para isto procede da mao do verdadeiro Deus.” — Eclesiastes 2:24. isso vim ao mundo, a fim de dar testemunho ´ ˜ Deus tambem deseja que amemos nossa da verdade.” (Joao 18:37) Jesus passou a vida ´ ` famılia e cuidemos dela. Veja seus conselhos ensinando as pessoas a verdade sobre Deus e ´ ´ simples e praticos para cada membro da fa- Seus propositos. ´ ´ mılia: Nossa vida tera verdadeiro sentido se seguir- “Os maridos devem estar amando as suas mos o exemplo de Jesus. Na verdade, ele nos ´ convida a aprender dele. (Mateus 11:29) Veja esposas como aos seus proprios corpos.” ´ duas maneiras de fazermos isso: — Efesios 5:28. “A esposa deve ter profundo respeito pelo Jesus ensinou que, para sermos felizes, ´ ˆ seu marido.” — Efesios 5:33. precisamos estar “conscios de [nossa] ´ “Filhos, sede obedientes aos vossos pais.” necessidade espiritual”. (Mateus 5:3) Nos ´ podemos satisfazer essa necessidade por — Efesios 6:1. ´ ´ ´ obter conhecimento do ‘unico Deus verda- Se aplicarmos esses princıpios bıblicos, te- deiro, e daquele que ele enviou, Jesus Cristo’. remos felicidade e contentamento na vida. ˜ — Joao 17:3. Mas a coisa mais importante que podemos ´ ´ ´ Jesus ordenou seus seguidores a ensinar fazer e aprender o maximo possıvel sobre nosso Criador e nos achegar a ele como nos- a outros o que haviam aprendido. Ele disse: ´ ´ so Amigo. De fato, a Bıblia nos convida a “Ide, portanto, e fazei discıpulos de pessoas ˜ de todas as nac¸ oes, batizando-as em o nome ‘nos achegarmos a Deus’ e faz esta maravi- ´ ´ ˆ do Pai, e do Filho, e do espırito santo, ensi- lhosa promessa: ‘Ele se achegara a voce.’ nando-as a observar todas as coisas que vos (Tiago 4:8) Se aceitar esse convite, sua vida ´ ordenei.” — Mateus 28:19, 20. tera verdadeiro objetivo. ´ Os que satisfazem sua necessidade espiritual Rosalind, ja citada, sente que finalmente ´ ´ por estudar a Bıblia e praticar o que apren- descobriu o objetivo da vida. Na pagina 10, dem percebem que sua vida muda para ela conta o que a levou a mudar de atitude. melhor. Ficam convencidos de que sua vida ˆ tem verdadeiro objetivo quando comecam ¸ Para saber como voce pode viver de um ´ modo que agrada a Deus, veja o capıtulo 12 a ajudar outros a aprender sobre Deus. ´ do livro O Que a Bıblia Realmente Ensina?, ´ disponıvel para download no site www.jw.org/pt ˆ ˆ ´ ´ ˆAGORA PUBLICADA EM 195 IDIOMAS: acholi, africaner, landes,67 hungaro,67 ibo, ilocano, indonesio, ingles,67 niaruanda, quirguiz, rarotongano, romeno, russo,67 sa- ´ ˆ ˜ ´ ´ ˆ ˆ ˆ ´ ´aimara,7 albanes, alemao,67 amarico, arabe, armenio, ioruba, islandes, isoko, italiano,67 japones,67 kikaonde, moano, sango, sepedi, servio, servio (romano), sesoto, ˆ ´ ´armenio ocidental, azerbaijano, azerbaijano (escrita cirı- kikongo, kiluba, kimbundu, kiribati, kirundi, kwangali, le- silozi, sranantongo, suaıli, sueco,7 swati, tagalo,7 tai, tai- ˆ ´ ˜ ˆ ´ ´ ´lica), baule, bengali, bicol, bislama, bulgaro, camboja- tao, lingala, lituano, luganda, lunda, luo, luvale, ma- tiano, tamil, tartaro, tcheco,7 tchiluba, telugo, tetum, ti- ˆ ˜ ˆ ˆ ˆ ´ ˆno, canares, catalao, cazaque, cebuano, chicheva, chines cedonio, macua, maia, malaiala, malgaxe, maltes, ma- grınia, tiv, tok pisin, tonganes, totonaca, tshwa, tsonga, ˆ ´ ˆ(simplificado), chines (tradicional)7 (audio apenas em rata, marchales, mianmar, mixe, mizo, mongol, mouro, tsuana, turco, tuvaluano, tvi, tzotzil, ucraniano, umbun- ˆ ´ ˆmandarim), chitonga, chitumbuka, chona, chuuques, ci- nauatle (norte de Puebla), ndongo, nedebele, nepales, du, urdu, uruund, valisiano, venda, vietnamita, waray- ˆ ´ ˆbemba, cingales, congo, coreano,67 crioulo de Maurıcio, ngabere, niueano, noruegues,7 nyaneka, nzema, oromo, waray, wolaita, xosa, yapese, zande, zapoteca (do istmo),crioulo de Seychelles, crioulo do Haiti, croata, cuanhama, otetela, palauano, pangasino, papiamento (Aruba), pa- zulu. ˆ ˜dinamarques,7 efique, eslovaco, esloveno, espanhol,67 piamento (Curacau), persa, pidgin das Ilhas Salomao, po- ¸ ˆ ˆ ˆ ˆ ´estoniano, eve, fijiano, finlandes,7 frances,687 ga, garifu- lones,67 ponapeano, portugues687 (tambem em braile), ´ ´ 6 Tamb em dispon ıvel em CD. ˆ ´ ´ ´ ´ ´na, georgiano, grego, groenlandes, guarani,68 gum, gu- punjabi, quıchua, quıchua (Ancash), quıchua (Ayacu- 8 Tamb em dispon ıvel em MP3. ´ ´ ´ ´ ´ ´ ´zerate, hauc¸ a, hebraico, hiligaino, hindi, hiri motu, ho- cho), quıchua (Bolıvia),7 quıchua (Cuzco), quicuio, qui- 7 Audio tamb em dispon ıvel no site www.jw.org/pt.
  6. 6. PERGUNTA 2: O que vai ROMAN era crianca quando perdeu um de ¸ seus melhores amigos num acidente de car- ro. “Perder o meu amigo me deixou muito acontecer abalado. Anos depois do acidente, eu ainda me perguntava o que acontece conosco quando quando morremos.” Por que fazer essa pergunta? A morte e ´ ´ ˜ eu morrer? algo difıcil de aceitar. Nao importa a idade, ´ em geral ninguem quer morrer. Muitos tem ´ ˆ medo do que acontece apos a morte. Como alguns responderiam? Muitos acre- ditam que, quando uma pessoa morre, parte dela continua vivendo. Acham que os bons ˜ ´ serao recompensados com a vida no ceu, ao ˜ passo que os maus serao punidos eterna- mente por seus pecados. Outros pensam que, ao morrer, a pessoa deixa de existir e ´ por fim e esquecida por completo. O que isso significaria? A primeira respos- ´ ta parte do princıpio de que a pessoa que ˜ morre na verdade nao deixa de existir com- pletamente. A segunda indicaria que a vida ˜ nao tem objetivo, levando alguns a achar ´ que so nos resta ‘comer e beber, pois ama- ˜ ´ nha morreremos’. — 1 Corıntios 15:32. ´ ´ ˜ O que a Bıblia ensina? A Bıblia nao ensina ´ que, apos a morte, uma parte da pessoa con- ˜ tinua vivendo. Deus inspirou o Rei Salomao ˜ ˆ a escrever: “Os viventes estao conscios de ˜ ´ ˜ ˜ que morrerao; os mortos, porem, nao estao ˆ conscios de absolutamente nada.” (Eclesias- ˜ ´ ˆ tes 9:5) Quem nao esta ‘conscio de nada’ ˜ ˆ nao tem consciencia nenhuma do que acon- ` ˜ tece a sua volta. Nao pode sentir nem fazer ˜ nada. Assim, os mortos nao podem ajudar nem prejudicar os vivos. ´ Ao contrario do que muitos pensam, Deus ˜ nao fez os humanos para morrerem. Ele ˜ criou o primeiro homem, Adao, com a pers- ´ pectiva de viver para sempre na Terra. A uni- ca vez que Deus mencionou a morte foi ˜ ˜ quando disse a Adao qual seria a punic¸ ao ˆ ˜ pela desobediencia. Ele proibiu Adao de co-6
  7. 7. ´mer o fruto de certa arvore e o avisou que, se O que Jesus disse sobre ˆfizesse isso, ‘positivamente morreria’. (Ge- ˜ a morte?nesis 2:17) Se Adao e Eva continuassem obe- ˜ ´dientes, eles e todos os seus descenden- Jesus nao concordava com os lıderes reli- ˜tes leais a Deus viveriam para sempre na giosos de seus dias que diziam que nao ha- ˜Terra. veria ressurreic¸ ao. (Lucas 20:27) Nem ensi- ˜ ` Adao decidiu ignorar o aviso de Deus. nou que uma parte da pessoa sobrevive aEle pecou quando desobedeceu a Deus e, morte. Ele ensinou o seguinte: ´por isso, morreu. (Romanos 6:23) Nenhuma A morte e como o sono. Quando seu ami- ˜ ` ´ ´parte de Adao sobreviveu a sua morte. Ele go Lazaro morreu, Jesus declarou: “Lazaro,deixou de existir. Deus disse: “No suor do nosso amigo, foi descansar, mas eu viajo ´ ˜ ´ ´ ´teu rosto comeras pao, ate que voltes ao para la para o despertar do sono.” Os discı- ´ ´ ˜solo, pois dele foste tomado. Porque tu es po pulos de Jesus nao entenderam o que ele ´ ´ ˆ quis dizer. Eles disseram: “Senhor, se elee ao po voltaras.” (Genesis 3:19) Visto que ´ ´ ˜ foi descansar, ficara bom.” O relato explica:todos nos somos descendentes de Adao, her- ´damos dele o pecado e a morte. — Romanos “Jesus falara, porem, da morte dele. Mas, eles imaginavam que estivesse falando do5:12. ˜ ´ ˜ descanso no sono. Nessa ocasiao, portanto, Apesar da ma escolha de Adao, Deus cum- ´ ´ ´ Jesus disse-lhes francamente: ‘Lazaro mor-prira seu proposito de povoar a Terra com ˜ ˜ ˆ reu.’ ” — Joao 11:11-14.descendentes perfeitos de Adao. (Genesis ˜ ´ ´ ´ Os mortos serao ressuscitados. Quando1:28; Isaıas 55:11) Em breve, Jeova trara de ` ´ ` Jesus chegou a cidade de Lazaro, ele con-volta a vida a maioria dos que morreram. ˜ ´ solou Marta, dizendo: “Teu irmao se levan-O apostolo Paulo escreveu o seguinte sobre ´ ˜ ´ ´ ˜ tara.” Entao, Jesus fez esta maravilhosaessa epoca: “Ha de haver uma ressurreic¸ ao ˜ promessa: “Eu sou a ressurreic¸ ao e a vida.tanto de justos como de injustos.” — Atos ´ Quem exercer fe em mim, ainda que mor-24:15. ´ ˜ ´ ´ ra, vivera outra vez.” Essas nao eram ape- Roman, ja citado, estudou a Bıblia e apren- nas palavras de consolo. Na frente de mui-deu o que ela ensina sobre a morte e sobre tas testemunhas, ele de fato ressuscitou ´ ´ ´Jeova Deus. O que ele descobriu causou um Lazaro, que ja estava morto por quatro ´ ˜grande impacto em sua vida. Leia sua histo- dias. — Joao 11:23, 25, 38-45. ´ ˜ ´ ˜ria na pagina 11. Na revelac¸ ao dada ao apostolo Joao, Jesus reforcou a promessa de que os mortos se- ¸ Para saber mais sobre o que acontece ˜ ´ ´ rao ressuscitados. Ele descreveu uma epoca na morte, veja o capıtulo 6 do livro ´ ´ no futuro em que a morte libertara todos O Que a Bıblia Realmente Ensina?, ´ os que ela simbolicamente manteve cati- disponıvel para download no site ˜ vos. — Revelac¸ ao (Apocalipse) 20:13. www.jw.org/pt A SENTINEL A ˙ 1.° DE NOVEMBRO DE 2012 7
  8. 8. PERGUNTA 3: ´ Por que Deus IAN tinha um pai alcoolatra. Embora tivesse tudo que precisava em sentido material, Ian sentia falta do apoio emocional de seu pai. permite que “Eu nunca me senti muito proximo dele, em grande parte porque ele bebia e maltratava ´ eu sofra? ˜ minha mae”, diz Ian. Ao ficar mais velho, Ian comecou a questionar a existencia de Deus. ¸ ˆ “Eu pensava: ‘Se Deus existe mesmo, por que ele permite que as pessoas sofram?’ ” Por que fazer essa pergunta? Mesmo que ˆ ˜ voce nao tenha muitos problemas, com cer- teza seu senso de justica o leva a ficar indig- ¸ nado ao ver pessoas inocentes sofrerem. No ˜ entanto, a questao do sofrimento ganha pro- ˜ ˆ porc¸ oes maiores quando voce, assim como Ian, passa por uma dificuldade ou quando al- ´ ˆ guem que voce ama fica doente ou morre. Como alguns responderiam? Alguns acre- ditam que Deus permite o sofrimento para nos ensinar a mostrar humildade e compai- ˜ xao. Outros acham que as pessoas sofrem por causa dos pecados que cometeram numa vida anterior. ´ O que isso significaria? Que Deus e indife- rente ao sofrimento humano, o que torna di- ´ ´ ´ fıcil ama-lo, e que ele e cruel. ´ ´ O que a Bıblia ensina? A Bıblia diz clara- ˜ ´ mente que Deus nao e o culpado pelo sofri- ` ´ mento. “Quando posto a prova, ninguem diga: ‘Estou sendo provado por Deus.’ Pois, ´ ˜ por coisas mas, Deus nao pode ser provado, ´ nem prova ele a alguem.” (Tiago 1:13) Na ver- ´ dade, a ideia de que Deus e o culpado pelo so- ˜ ˜ frimento nao se harmoniza com a descric¸ ao ´ que a Bıblia faz de sua personalidade. Como assim? ´ Uma das principais qualidades de Deus e o ˜ amor. (1 Joao 4:8) Para destacar esse ponto, a ´ Bıblia compara os sentimentos de Deus com ˜ os de uma mae que amamenta. “Pode a mu- ˆ ˜ lher esquecer-se de seu nene, de modo a nao se apiedar do filho de seu ventre?”, pergunta Deus. “Mesmo estas mulheres podem esque-8
  9. 9. ´ ˜cer-se, mas eu e que nao me esquecerei de ti.” O que Jesus disse sobre ´ ˆ ˜(Isaıas 49:15) Voce acha que uma mae amoro- ´ ˜ o sofrimento?sa faria mal a seu filho de proposito? Nao, ´ ˜ `pelo contrario, ela faria de tudo para impedir Jesus nao culpou a Deus pelo sofrimento aque seu filho sofresse. De modo similar, Deus sua volta. Em vez disso, ele fez o seguinte: ˜ ´ ´ ˜nao e o responsavel pelo sofrimento de pes- Jesus mostrou que Deus nao pune pessoas ˆ ˆsoas inocentes. — Genesis 18:25. inocentes por faze-las sofrer. Jesus curou Mesmo assim, os inocentes continuam so- doentes, coxos e cegos. (Mateus 15:30) Seus ˆ milagres nos ensinam dois fatos significati-frendo. Voce talvez se pergunte: ‘Se Deus se ´ vos: Primeiro, Jesus usou o poder de Deusimporta conosco e e todo-poderoso, por que ˜ ˜ ´nao elimina as causas do sofrimento?’ para aliviar o sofrimento, nao para causa-lo. ˜ ˜ Deus tem boas razoes para permitir o sofri- Segundo, Jesus nao curou as pessoas de ˆmento. Considere apenas uma. Geralmente modo frio. Ao ve-las sofrer, ele ‘sentia pena’ ˜ delas. (Mateus 20:29-34) Jesus tinha os mes-sao as pessoas que causam sofrimento. Mui- ˜ mos sentimentos de seu Pai. Assim, suas pa-tos que perseguem e maltratam outros nao ˜ ˜ ´ lavras e ac¸ oes nos ensinam que Deus senteestao dispostos a mudar, e essa e uma dasprincipais causas do sofrimento. Por isso, a dor das pessoas e deseja acabar com ˜ ´ o sofrimento delas. — Joao 14:7, 9.Deus precisara destruir essas pessoas. ˜ Jesus identificou a verdadeira fonte de Explicando por que Deus ainda nao des- ´ grande parte do sofrimento humanotruiu os que fazem o mal a outros, o apostolo ´ ´ ˜ ´ — Satanas, o Diabo. Jesus disse: “Ele foiPedro escreveu: “Jeova nao e vagaroso com ´ ˜ ` um assassino desde o princıpio.” (Joao 8:44,respeito a sua promessa, conforme alguns ´ ´ ´ ´ Bıblia Facil de Ler) Ele tambem disse que Sa-consideram a vagarosidade, mas ele e pacien- ´ ´ ˜ ´ tanas, o Diabo, e “o governante deste mun-te convosco, porque nao deseja que alguem ´ ´ do” e esta “desencaminhando toda a terraseja destruıdo, mas deseja que todos alcan- ˜ ˜ habitada”. — Joao 12:31; Revelac¸ ao (Apoca-cem o arrependimento.” (2 Pedro 3:9) A pa- lipse) 12:9. ˆ ´ ´ciencia de Jeova Deus e um aspecto de suapersonalidade amorosa e misericordiosa. Jesus deu esperanca de um tempo em¸ ´ ´ ´ que todo o sofrimento acabara. Ele ensi- No entanto, Jeova agira em breve. Ele vai ˜ nou seus seguidores a orar: ‘Nosso Pai nos‘pagar de volta tribulac¸ ao aos que causam tri- ´ ˜ ceus, venha o teu Reino, realize-se a tua von-bulac¸ ao’. Os que fazem os inocentes sofrer ´ ´ ˜ ` ˜ tade, como no ceu, assim tambem na Terra.’injustamente “serao submetidos a punic¸ ao (Mateus 6:9, 10) Depois que o Reino de ˜ ˜ ´judicial da destruic¸ ao eterna”. — 2 Tessaloni- Deus vier, nao havera mais sofrimento nacenses 1:6-9. ˜ ´ ´ Terra, assim como nao existe no ceu. Ian, ja citado, encontrou boas respostas ˜ ´ ˜ Na revelac¸ ao dada ao apostolo Joao, Jesuspara suas perguntas sobre o sofrimento. ˜ ´ descreveu como viverao os suditos do ReinoO que ele aprendeu mudou seu modo de en- ´ ´ ´ de Deus. Naquele tempo, Deus “enxugaracarar a vida. Leia sua historia na pagina 13. ´ ˜ ´ dos seus olhos toda lagrima, e nao havera ´ mais morte, nem havera mais pranto, nem Para saber mais sobre por que ´ clamor, nem dor. As coisas anteriores ja Deus permite o sofrimento e o que ele ˜ ´ ´ passaram”. — Revelac¸ ao 1:1; 21:3, 4. fara a respeito disso, veja o capıtulo 11 do ´ livro O Que a Bıblia Realmente Ensina?, ´ disponıvel para download no site www.jw.org/pt
  10. 10. ´ A BIBLIA MUDA A VIDA DAS PESSOAS ˜ COMO uma mulher que nao queria saber nada sobre Deus e tinha uma carreira promissora encontrou verdadeiro objetivo na vida? O que um jovem ´ catolico aprendeu sobre a morte que o levou a mudar o rumo de sua vida? E o que um jovem desiludido com a vida aprendeu sobre Deus a ponto de ˜ ˆ querer se tornar um verdadeiro cristao? Leia o que essas pessoas tem a dizer. meu estilo de vida ficou cada vez mais luxuoso. Visto que eu “Eu me perguntava trabalhava por conta propria ´ ‘Por que estamos como consultora empresarial e pesquisadora social, tudo que aqui?’ ” eu precisava era meu laptop e ` — ROSALIND JOHN acesso a internet. Eu viajava para o estrangeiro por algumas semanas, ficava em meu hotelANO DE NASCIMENTO: 1963 favorito, aproveitava a bela vis- ´ ta do apartamento e usava oPAIS DE ORIGEM: INGLATERRA ´ ´HISTORICO: TINHA UMA CARREIRA spa e a academia de ginastica ´DE PRESTIGIO para ficar em forma. Para mim, ´ aquilo e que era vida. Ainda as- sim, eu continuava a me preo-MEU PASSADO: Nasci em Croydon, a sul de cupar com os oprimidos.Londres. Sou a sexta de nove filhos. Meus pais ´ ˜ COMO A BIBLIA MUDOU MINHA VIDA:eram de Sao Vicente, uma ilha do Caribe. Mi- Por anos eu me perguntava ‘Por que estamos ˜ ´nha mae frequentava uma igreja metodista. aqui?’ e ‘Qual e o objetivo da vida?’. Mas nun- ´ ´Embora eu tivesse uma sede insaciavel de co- ca procurei saber as respostas da Bıblia. Certo ˜ ˜nhecimento, nao tinha nenhum interesse em dia em 1999, minha irma Margaret, maisaprender sobre Deus. Eu costumava passar as nova do que eu e que havia se tornado Teste- ´ ´ferias da escola na beira de um lago perto de munha de Jeova, foi me visitar com uma ami- ´ ˜casa, lendo varios livros que pegava empresta- ga, que era da mesma religiao. Essa amiga foido na biblioteca. muito atenciosa comigo. Acabei aceitando Alguns anos depois de terminar o ensi- ´ um estudo bıblico, mas meu progresso foi ´no medio, percebi que desejava ajudar muito lento porque minha carreira e estilo deos mais necessitados. Comecei a trabalhar vida tomavam grande parte de meu tempo.ajudando desabrigados, deficientes e pessoas ˜ No verao de 2002, me mudei para o sudoeste ˜ ´com dificuldades de aprendizagem. Entao, da Inglaterra. Ali, comecei minha pos-gradua- ´ ´ ˆ ˜fiz um curso universitario na area de Cien- c¸ ao em Pesquisa Social para obter meu douto- ´ ´ ˜cias da Saude. Depois, para minha surpre- rado. Tambem passei a frequentar o Salao do ´ ´sa, consegui varios trabalhos de prestıgio, e Reino com meu filho pequeno. Embora eu ti-10 A SENTINEL A ˙ 1.° DE NOVEMBRO DE 2012
  11. 11. ˜ ´vesse educac¸ ao superior, foi o estudo da Bıbliaque me ajudou a entender melhor os proble- ˜mas da vida e a saber qual era a soluc¸ ao para ˜eles. Ao ler Mateus 6:24, percebi que nao pode-mos servir a dois amos. Ou servimos a Deus, `ou as riquezas. Eu sabia que teria de tomar uma ˜ ` ´ ´decisao quanto as minhas prioridades na vida. aprendia sobre o proposito de Jeova para a ´ No ano anterior, eu tinha ido varias vezes a Terra e o papel de Jesus ao sacrificar sua vida ´ ´um grupo de estudo bıblico em que as Teste- por nos, mais eu queria dedicar minha vida ´munhas de Jeova consideravam o livro Existe ao nosso Criador. Fui batizada em abril de ˆ ˜um Criador Que Se Importa com Voce?.1 Fiquei 2003. A partir de entao, simplifiquei cada vezconvencida de que somente nosso Criador, mais a minha vida. ´ ˜Jeova, tem a soluc¸ ao para os problemas da hu- COMO FUI BENEFICIADA: Minha amizademanidade. Mas, na universidade, ensinava-se ´ ˜ ˆ ˜ com Jeova nao tem preco. Foi por conhece-lo ¸que o sentido da vida nao envolve acreditar que encontrei verdadeira paz interior e ale-num Criador. Fiquei indignada com isso. De- ´ gria. Tambem sou muito feliz de me associarpois de apenas dois meses de curso, larguei a com os adoradores verdadeiros de Deus.universidade e decidi dedicar mais tempo a Minha sede de conhecimento continua aempenhos espirituais. ´ ´ ser saciada pelo que aprendo na Bıblia e nas O texto bıblico que me motivou a mudar ˜ ˜ ´ reunioes cristas. Tenho prazer em falar da mi-meu estilo de vida foi Proverbios 3:5, 6: “Con- ´ ´ ˜ ˜ nha fe a outros. Essa se tornou minha carrei-fia em Jeova de todo o teu corac¸ ao e nao te es- ´ ˜ ra. Agora posso realmente ajudar as pessoas atribes na tua propria compreensao. Nota-o ˜ ´ ter nao so uma vida melhor agora, mas tam-em todos os teus caminhos, e ele mesmo en- ´ ´ bem a esperanca maravilhosa de viver no ¸direitara as tuas veredas.” Aprender sobre nos- novo mundo. Desde junho de 2008, sou pre-so Deus amoroso era mais gratificante do que ´ ´ gadora por tempo integral, e minha vida equalquer riqueza material ou prestıgio que ´ mais feliz e satisfatoria do que nunca. Encon-um doutorado poderia dar. Quanto mais eu trei o verdadeiro objetivo da vida, e sou imen- ´ ´ 1 Publicado pelas Testemunhas de Jeova. samente grata a Jeova por isso. MEU PASSADO: Cresci na pequena cidade de Braunau, “Perder o meu amigo ´ ˜ Austria. A regiao era muito ˜ me deixou muito rica, e quase nao havia crime. ´ ´ Minha famılia era catolica, e abalado.” ˜ fui criado nessa religiao. — ROMAN IRNESBERGER Logo cedo em minha vida, um acontecimento teve gran- de impacto em mim. Eu meANO DE NASCIMENTO: 1973 lembro de um dia, em 1984, ´ ´ quando eu tinha uns 11 anos,PAIS DE ORIGEM: AUSTRIA ´HISTORICO: VICIADO EM JOGO
  12. 12. ter jogado futebol com um demeus melhores amigos. Na-quele mesmo dia, ele morreunum acidente de carro. Perdero meu amigo me deixou mui-to abalado. Anos depois doacidente, eu ainda me pergun-tava o que acontece conoscoquando morremos. Ao terminar os estudos, co-mecei a trabalhar como eletri- ˜cista. Eu nao tinha problemas ˜financeiros, embora fosse viciado em jogo e Logo percebi que, das religioes que eu co- ´ ´ ´apostasse grandes quantias. Tambem gastava nhecia, as Testemunhas de Jeova eram a uni-bastante tempo com esportes e ouvia muito ca realmente interessada em ajudar as pessoas ´ ´heavy metal e punk rock. Ia muito a clubes no- a entender a Bıblia. Eu conferia na minha Bı- ´turnos e festas. Eu vivia para os prazeres e ti- blia catolica todos os textos citados nas publi- ˜ ´nha uma vida imoral, mas sentia um enorme cac¸ oes das Testemunhas de Jeova. Quantovazio. mais eu pesquisava, mais certeza tinha de que ´ havia encontrado a verdade.COMO A BIBLIA MUDOU MINHA VIDA: ´ ´ O estudo da Bıblia me ensinou que JeovaEm 1995, um senhor idoso, Testemunha de ´ esperava que eu vivesse de acordo com seusJeova, bateu em minha casa e me ofereceu ˜ ´ ´ padroes. Ao ler Efesios 4:22-24, vi que precisa-um livro que falava sobre a resposta da Bıblia ` va me livrar de minha “velha personalidade”,a pergunta: “O que acontece na morte?” Vis- ´ moldada conforme meu “procedimento an-to que a morte tragica de meu amigo ainda ˜ terior”, e que tinha de me “revestir da novame incomodava, aceitei o livro. Eu nao li ape- ´ personalidade, que foi criada segundo a von-nas o capıtulo sobre a morte, mas sim o livro tade de Deus”. Por isso, abandonei meu estilointeiro! ´ ` de vida imoral. Tambem reconheci a necessi- O que eu li respondeu as minhas perguntas ´ dade de parar de jogar, pois essa pratica pro-sobre a morte. Mas aprendi muito mais. Visto ˆ ´ ´ move o materialismo e a ganancia. (1 Corın-que eu havia sido criado como catolico, mi- tios 6:9, 10) Eu sabia que, para fazer essas ´nha fe girava em torno de Jesus. Mas meu es- mudancas, teria de substituir meus amigos ¸ ´tudo cuidadoso da Bıblia me ajudou a desen- anteriores por novas amizades, que tivessemvolver uma forte amizade com o Pai de Jesus, os mesmos valores que eu. ´ ˜ ´Jeova Deus. Fiquei fascinado ao descobrir que Nao foi facil fazer essas mudancas. Mas co- ¸ ´ ˜ ´ ` ˜Jeova nao e misterioso e indiferente, mas se mecei a assistir as reunioes com as Testemu- ` ´ ˜revela claramente aqueles que o procuram. nhas de Jeova no Salao do Reino e fiz novos ´ ´(Mateus 7:7-11) Aprendi que Jeova tem senti- amigos ali. Tambem continuei a pesquisar as- ´ ´mentos. Aprendi tambem que ele sempre suntos profundos da Bıblia. Esses passos mecumpre sua palavra, o que despertou em mim ajudaram a modificar meu gosto musical, ´um profundo interesse nas profecias bıblicas mudar meus objetivos na vida e melhorar mi-e em seu cumprimento. Tudo isso fortaleceu ˆ nha aparencia. Em 1995, fui batizado como ´ ´minha fe em Deus. Testemunha de Jeova.12 A SENTINEL A ˙ 1.° DE NOVEMBRO DE 2012
  13. 13. ´COMO FUI BENEFICIADO: Hoje, eu tenho Fico muito feliz de fazer parte de uma famı- ´um conceito equilibrado sobre o dinheiro e lia internacional que serve a Jeova. Entre elesos bens materiais. Antes eu tinha um tempe- vejo pessoas que, apesar de seus problemas, ´ramento explosivo, mas agora sou mais cal- servem a Deus fielmente. Para mim, e um ´mo. Tambem deixei de me preocupar demais enorme prazer dedicar todo o meu tempo e ˜ ´ `com o futuro, por exemplo, com o que acon- energia, nao aos meus proprios desejos, mas a ˜ ´tece depois da morte. adorac¸ ao de Jeova e a fazer o bem a outros. la e entrei para a marinha. Experimentei drogas e acabei “Finalmente, minha ficando viciado em cigarro. ˆ ´ vida tem objetivo.” Minha dependencia do alcool ficou cada vez mais forte. Eu — IAN KING ˜ ˆ ´ nao ficava bebado so nos fins de semana, mas a semana in- teira. Com 20 e poucos anos, pas- ˆ sei a duvidar da existencia deANO DE NASCIMENTO: 1963 Deus. Eu pensava: ‘Se Deus ´ existe mesmo, por que elePAIS DE ORIGEM: INGLATERRA ´HISTORICO: DESILUDIDO COM A VIDA permite que as pessoas so- ´ fram e morram?’ Eu ate escre- via versos culpando a DeusMEU PASSADO: Nasci na Inglaterra, mas por toda a maldade. ´ ´quando eu tinha 7 anos nossa famılia se mu- Saı da Marinha aos 23 anos. Depois, traba- ´ ˆ ´ ´dou para a Australia. Fixamos residencia em lhei com varias coisas e ate passei um ano via- ´ ˜Gold Coast, uma cidade turıstica no Estado de jando, mas nada aliviava minha tristeza. Nao ´ ˜ ´ ˜Queensland. Nos nao eramos ricos, mas sem- tinha vontade de lutar por nada. Nao tinha ´pre tivemos o que precisavamos. objetivos na vida. Nada me interessava. Para ˜ ´ Apesar de nossa boa condic¸ ao financeira, mim, ter uma casa, um trabalho estavel e sereu nunca fui feliz de verdade. Fiquei muito ˜ promovido eram coisas que nao valiam a ´ ´desiludido com a vida. Meu pai era alcoolatra. pena. A unica coisa que me consolava era be- ´ ´Eu nunca me senti muito proximo dele, em ber e ouvir musica.grande parte porque ele bebia e maltratava Lembro exatamente do momento em que ˜minha mae. Mais tarde, fiquei sabendo o que senti um grande desejo de achar um objetivo ´ ´ ˆele passou quando foi soldado na Malasia. So na vida. Eu estava na Polonia, visitando o ter- ˜ ´ ´ ˜entao e que comecei a entender por que ele rıvel campo de concentrac¸ ao de Auschwitz.agia daquela maneira. Eu tinha lido sobre as atrocidades que ocorre- ´ Durante o ensino medio, tive minhas pri- ram ali. Mas estar no local e ver como o cam-meiras bebedeiras. Aos 16 anos, deixei a esco- po era enorme mexeu muito com minhas A SENTINEL A ˙ 1.° DE NOVEMBRO DE 2012 13
  14. 14. ˜ e, quando voltaram para os lugares, nao havia ˜ nem sequer um papel no chao. Acima de tudo, elas pareciam ter uma grande paz inte- ˜ rior. E eu queria isso para mim. Nao me lem- bro de nenhum dos discursos, mas o compor- ´ tamento das Testemunhas de Jeova ficou na ´ minha memoria. Naquela noite, pensei num primo meu que ´ ´ costumava ler a Bıblia e estudava varias reli- ˜ gioes. Anos antes, ele tinha dito que Jesus en- ˜ sinou que podemos reconhecer a religiao ver- dadeira pelos seus frutos. (Mateus 7:15-20) Achei que podia pelo menos tentar descobrir ´ ˜ ˜ por que as Testemunhas de Jeova sao tao dife- rentes. Pela primeira vez na vida, senti um pouco de otimismo e esperanca. ¸ Na semana seguinte, aquelas duas Teste- ´ munhas de Jeova voltaram. Elas perguntaram ´ se eu queria estudar a Bıblia e eu disse que ´ sim. Tambem comecei a frequentar as suas ˜ reunioes. ´ O estudo da Bıblia mudou completamente o modo como eu encarava a Deus. Aprendi ˜ ´ que nao e ele quem causa a maldade e o sofri- ˜ ˜ mento, e que na verdade ele se sente magoa-emoc¸ oes. Nao conseguia entender como os ´ ˜ ´ do ao ver as coisas mas que as pessoas fazem.humanos podiam ser tao crueis uns com os ˆoutros. Eu me lembro de andar pelo campo (Genesis 6:6; Salmo 78:40, 41) Fiquei deter- ´ ´com os olhos cheios de lagrimas, perguntan- minado a nunca mais magoar a Jeova. Eu ˆ ˜ ´do ‘Por que?’. queria alegrar o corac¸ ao dele. (Proverbios ´ 27:11) Parei de beber e de fumar, e abandoneiCOMO A BIBLIA MUDOU MINHA VIDA: minha vida imoral. Em marco de 1994, fui ba- ¸Em 1993, depois de voltar daquela viagem de ´ ´ tizado como Testemunha de Jeova.um ano, comecei a ler a Bıblia em busca derespostas. Pouco tempo depois, duas Tes- COMO FUI BENEFICIADO: Hoje, eu me sin- ´ ` ˜temunhas de Jeova foram a minha casa e me to feliz e realizado. Nao preciso mais be- ´ ber para lidar com os problemas. Aprendi aconvidaram para um congresso num estadio ´ali perto. Decidi ir. ‘lancar meus fardos sobre Jeova’. — Salmo ¸ ` ´ 55:22. Eu tinha ido aquele estadio alguns meses ´antes para assistir a um jogo. O ambiente Sou casado ha dez anos com Karen, uma ´ ´era bem diferente. As Testemunhas de Jeova linda Testemunha de Jeova. Ela tem uma fi- ´eram educadas, se vestiam bem, e seus filhos lha encantadora, que se chama Nella. Nos ´ ˆeram bem comportados. Tambem fiquei im- tres passamos bastante tempo juntos ajudan-pressionado na hora do almoco. Centenas de ¸ do outros a aprender a verdade sobre Deus. Fi- ´Testemunhas de Jeova comeram no gramado nalmente, minha vida tem objetivo.14 A SENTINEL A ˙ 1.° DE NOVEMBRO DE 2012
  15. 15. ˆ VOCE SABIA? ´ Que tipos de “tinta e pena” eram usados nos tempos bıblicos? ´ ˆ ˇ No final da ultima das tres cartas do Em geral, a tinta preta era uma mistu- ´ ˜ ´ ´ apostolo Joao incluıdas na Bıblia, ele diz: ra de fuligem e uma goma espessa, que “Eu tinha muitas coisas para te escrever, servia para dar liga. A tinta era vendida ˜ ´ contudo, nao quero estar escrevendo seca e tinha de ser misturada com agua ´ ˆ com tinta e pena.” As palavras gregas ate atingir a consistencia ideal. A tinta ˜ ˜ originais usadas por Joao podem ser tra- nao penetrava no papiro ou pergami- ´ duzidas literalmente como “[tinta] pre- nho, apenas secava na superfıcie. Assim, ˜ ta e cana”. — 3 Joao 13, Kingdom Interli- qualquer erro podia ser prontamente ´ near (Interlinear do Reino). corrigido com uma esponja umida, que ´ A caneta do escriba era um pedaco de ¸ tambem devia fazer parte do equipa- cana fina. Fazia-se um corte diagonal mento do escriba. Esses detalhes aju- numa das extremidades e depois uma dam a entender o que os escritores da ´ pequena ranhura na ponta. Podia-se Bıblia talvez tivessem em mente ao falar ´ CANETAS EGIPCIAS afiar a ponta com uma pedra-pomes. A de nomes serem apagados, ou removi- FEITAS DE CANA, ˆ ˜ aparencia e o funcionamento da cana dos, do livro de recordac¸ ao de Deus. ˆCERCA DO PRIMEIRO ´ ˜ SECULO EC eram muito parecidos com os das atuais — Exodo 32:32, 33; Revelac¸ ao (Apocalip- ˘ Image Asset ´ Management/age fotostock canetas-tinteiro de ponta metalica. se) 3:5, Kingdom Interlinear. ´ Que tipos de tenda o apostolo Paulo fazia? ´ ˇ Atos 18:3 diz que o apostolo Paulo fa- dos 13 anos. Se esse foi o caso de Paulo, ´ ˜ ´ bricava tendas. Nos tempos bıblicos, os entao aos 15 ou 16 anos ele talvez ja do- fabricantes de tendas usavam pelos de minasse a arte de cortar o material no ˜ camelo ou cabra para produzir tiras tamanho e formato ideais, e entao cos- ˜ ´ ´ ´ de tecido. Entao, eles as costuravam e tura-lo usando varias tecnicas de furar e faziam tendas para viajantes. Muitas pespontar. “Ao concluir seu aprendiza- ´ ´ tendas, porem, eram feitas de couro. do, Paulo talvez tenha recebido seu pro- Outras eram feitas de linho, fabricado prio conjunto de ferramentas”, diz o li- ´ tambem em Tarso, cidade natal de Pau- vro The Social Context of Paul’s Ministry lo. Ele talvez tenha usado um desses ma- ´ (Contexto Social do Ministerio de Pau- teriais, ou todos. Mas, ao trabalhar com ´ lo). Essa obra acrescenta: “Visto que ´ ´ ´ Aquila, e possıvel que Paulo fizesse tol- as ferramentas necessarias para fabricar dos de linho, usados para fazer sombra tendas eram apenas algumas facas e so- ´ ´ no patio interno de casas particulares. velas, esse ofıcio podia ser exercido em FERRAMENTAS DE COSTURA Paulo provavelmente aprendeu esse qualquer lugar.” E Paulo poderia facil- ´ ´ ˜ DO PRIMEIRO OU ´ ofıcio quando era jovem. Papiros egıp- mente recorrer a essa profissao para seSEGUNDO SECULO EC ´ ´ cios mostram que, durante o perıodo da sustentar no servico de missionario via- ¸Erich Lessing/Art Resource, NY ˜ ocupac¸ ao romana, aprendizes no Egito jante. ˜ eram iniciados nessa profissao por volta A SENTINEL A ˙ 1.° DE NOVEMBRO DE 2012 15
  16. 16. APRENDA DA PALAVRA DE DEUS Este artigo considera algumas perguntas ˆ que voce talvez tenha e mostra onde ´Deus vai trazer um encontrar as respostas em sua Bıblia. ´ ˜ As Testemunhas de Jeova terao prazer ˆ em analisar essas respostas com voce.governo mundial?1. Por que a humanidade precisade um governo mundial? Os problemas atuais muitas vezes afetam o mun- ´do inteiro. Em alguns paıses, a maior parte da po- ˜ ´pulac¸ ao e pobre e oprimida. Em outros, muitas pes-soas parecem ter mais do que precisam. Apenas umgoverno mundial poderia distribuir os recursos daTerra de modo justo. — Leia Eclesiastes 4:1; 8:9. ˜ 2. Quem teria condicoes de governar ¸ o mundo inteiro? Muitos rejeitam a ideia de haver um governante mundial, pois nenhum homem ou mulher se sairia ˜ bem nessa func¸ ao. Nenhum humano conquistaria ˜ ´ ´ ´ a aprovac¸ ao de todos. Alem disso, ninguem esta imune a ser corrompido pelo poder. A ideia de um ´ tirano governando toda a humanidade e apavoran- ´ te. — Leia Proverbios 29:2; Jeremias 10:23. ´ Jeova Deus escolheu seu Filho, Jesus, para gover- nar a humanidade para sempre. (Lucas 1:32, 33) ´ ´ Jesus sabe como e viver na Terra. Alem disso, ele cu- rou os doentes, ensinou os mansos e dedicou tem- ` po as criancas. (Marcos 1:40-42; 6:34; 10:13-16) ¸ ˜ Isso faz de Jesus o Governante ideal. — Leia Joao 1:14.16 A SENTINEL A ˙ 1.° DE NOVEMBRO DE 2012
  17. 17. ´ ´3. E mesmo possıvel haver um governomundial? ´ Deus comissionou seu Filho para que ele, do ceu,governasse a Terra. (Daniel 7:13, 14) Assim como ˜um governante humano nao precisa estar em cada ˜cidade que ele governa, Jesus nao precisa estar fisi-camente na Terra para governar a humanidade.— Leia Mateus 8:5-9, 13. ´ ˜ Sera que todos aceitarao a Jesus como Governan- ˜ ´te? Nao. Somente aqueles que amam o que e bom ˜ ´ ´o aceitarao. Jeova eliminara da Terra os que rejeita-rem o Governante amoroso e justo comissionadopor ele. — Leia Mateus 25:31-33, 46. ´ 4. O que o Governante mundial fara? Assim como um pastor ajunta suas ovelhas, Jesus ´ ´ ˜ ja esta ajuntando os mansos de todas as nac¸ oes e ensinando a eles os caminhos de Deus, baseados ˜ no amor. (Joao 10:16; 13:34) Eles se tornam zelosos apoiadores de Jesus e seu reinado. (Salmo 72:8; ´ Mateus 4:19, 20) Em todo o mundo, os leais suditos ˜ ´ ´ de Jesus estao unidos em anunciar que Jesus ja e Rei. — Leia Mateus 24:14. ´ Jesus em breve usara seu poder para livrar a hu- manidade dos governos corruptos. Ele tem escolhi- do alguns de seus seguidores leais para governar a ´ Terra como reis com ele no ceu. (Daniel 2:44; 7:27) ´ O Reino de Jesus enchera a Terra com o conheci- ´ ´ ´ mento de Jeova e estabelecera um paraıso seme- ´ ´ lhante ao que foi perdido no inıcio da historia hu- ´ mana. — Leia Isaıas 11:3, 9; Mateus 19:28. ˜ ´ 17 Para mais informac¸ oes, veja o capıtulo 8 deste livro, O QUE ´ ´ A BIBLIA publicado pelas Testemunhas de Jeova. Realmente ENSINA?

×