SlideShare uma empresa Scribd logo

FORMAÇÃO FORMADORES comunicação interpessoal

RCC

1 de 16
Baixar para ler offline
COMUNICAÇÃO
INTERPESSOAL
Formação para Formadores
Módulo 2 - Aula 01
Roberto Baruc
Setor 5
Introdução
• A comunicação é o desejo e a necessidade
mais profunda do ser humano. Deus é amor
(1 Jo 4,8) Ele é a palavra, sinais, prodígios,
milagre e seus Dons.
• Deus é comunicação! A raiz do desejo de
comunicação do homem está no ser imagem e
semelhança de Deus é sinal e realização do
amor.
• Assim, o ser humano, expulso do paraíso,
ficou por sua própria conta. sentiu-se só;
entrou em seu coração a solidão. Desde então
foi rompida a comunicação e todo ser humano
vive a realidade do afastamento com Deus e
com os irmãos.
O primeiro agente dessa comunicação
é o nosso corpo
1. Criados para o amor
(comunicação)
A origem da Trindade. Ao criar o ser humano, Deus
soprou na boca do ser de barro o seu hálito, o sopro
da vida, num beijo apaixonado.
Deus nos criou por amor e para o amor; para a vida
e a santidade. Esta é a nossa vocação primeira.
A dignidade do corpo humano alcança o seu ápice
na Encarnação de Jesus (o Verbo) no corpo de
Maria, por obra do Espírito Santo.
1. Criados para o amor
(comunicação)
• Quando nos comunicamos, o primeiro agente dessa comunicação é o
nosso corpo. O corpo humano é o maior comunicador. Meu corpo
revela o meu estado de ânimo, a minha abertura ao outro, a
disposição à comunicação, ao diálogo ... passando muitas mensagens.
• Deus nos chamou à vida em um determinado tempo histórico, em um
lugar geográfico, em uma família e levamos tudo isso em nossa
comunicação.
• Ele nos criou homem ou mulher, por is o temos um corpo masculino
ou feminino, com a força (graça) e as fraquezas do ser homem ou
mulher.
• Para nos comunicar precisamos nos conhecer e respeitar, procurando
fazer o mesmo com o outro, observando os limites que revelam o
respeito por Deus, pelo outro, pela natureza; sem isso nos
apropriamos desordenadamente do outro e quebramos a comunhão.
2. Empecilhos
à comunicação
Não pode haver comunicação
interpessoal sem comunicação pessoal.
Ler e refletir: lc 12,29-31. O ser humano
não é simples; é um universo e um
universo desconhecido.
Somos sedento de amor, mas, ao longo
da vida muitas vezes recebemos um
amor condicional em que o meu valor
não está em ser eu mesmo, mas em
minha aparência, minhas ações, meu
sucesso ou em ser e fazer o que os
outros esperam de mim.

Recomendados

GP - Comunicação Interpessoal Julho 12 (aula 2)
GP - Comunicação Interpessoal Julho 12 (aula 2)GP - Comunicação Interpessoal Julho 12 (aula 2)
GP - Comunicação Interpessoal Julho 12 (aula 2)Vinícius Luiz
 
Comunicação nas relações interpessoais
Comunicação nas relações interpessoaisComunicação nas relações interpessoais
Comunicação nas relações interpessoaisFalarte
 
Comunicação interpessoal comunicação assertiva
Comunicação interpessoal comunicação assertivaComunicação interpessoal comunicação assertiva
Comunicação interpessoal comunicação assertivaGabi1994Dinis
 
Comunicação interpessoal
Comunicação interpessoalComunicação interpessoal
Comunicação interpessoalPatricia Silva
 
Pesquisa treinamento comunicação interpessoal
Pesquisa treinamento   comunicação interpessoalPesquisa treinamento   comunicação interpessoal
Pesquisa treinamento comunicação interpessoalMAYVALE34
 
A importância da tolerância à frustração nos transtornos
A importância da tolerância à frustração nos transtornosA importância da tolerância à frustração nos transtornos
A importância da tolerância à frustração nos transtornosaptadf
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

comunicação interpessoal
comunicação interpessoalcomunicação interpessoal
comunicação interpessoalBruno Rosa
 
Comunicação interpessoal
Comunicação interpessoalComunicação interpessoal
Comunicação interpessoaltiagom171
 
A comunicação interpessoal
A comunicação interpessoalA comunicação interpessoal
A comunicação interpessoalEuniverso
 
Comunicação interpessoal tiago e goulart
Comunicação interpessoal tiago e goulartComunicação interpessoal tiago e goulart
Comunicação interpessoal tiago e goulartjoaocgoulart
 
Psicologia aula 3 comunicação
Psicologia aula 3 comunicaçãoPsicologia aula 3 comunicação
Psicologia aula 3 comunicaçãoCintia Colotoni
 
Encontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoal
Encontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoalEncontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoal
Encontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoaladanipalma
 
Comunicação
ComunicaçãoComunicação
ComunicaçãoMah HS
 
Barreiras ao processo de comunicação
Barreiras ao processo de comunicaçãoBarreiras ao processo de comunicação
Barreiras ao processo de comunicaçãoLeonor Alves
 
Comunicação interpessoal e comunicação assertiva
Comunicação interpessoal e comunicação assertivaComunicação interpessoal e comunicação assertiva
Comunicação interpessoal e comunicação assertivafernandosantos7272
 
Comunicação Assertiva Mauricio Franca
Comunicação Assertiva Mauricio FrancaComunicação Assertiva Mauricio Franca
Comunicação Assertiva Mauricio FrancaMauricio França
 
GP - Comunicação Interpessoal Julho 08 (aula 1)
GP - Comunicação Interpessoal Julho 08 (aula 1)GP - Comunicação Interpessoal Julho 08 (aula 1)
GP - Comunicação Interpessoal Julho 08 (aula 1)Vinícius Luiz
 
3º Encontro - Comunicação Eficaz no Atendimento - 16hs
3º Encontro - Comunicação  Eficaz no Atendimento - 16hs3º Encontro - Comunicação  Eficaz no Atendimento - 16hs
3º Encontro - Comunicação Eficaz no Atendimento - 16hsFalarte
 
Comunicação Assertiva - Karime Kamel
Comunicação Assertiva  - Karime KamelComunicação Assertiva  - Karime Kamel
Comunicação Assertiva - Karime KamelKarime Kamel
 
Comunicacao interpessoal (1)
Comunicacao interpessoal (1)Comunicacao interpessoal (1)
Comunicacao interpessoal (1)damaceno87
 

Mais procurados (18)

Comunicação assertiva
Comunicação assertivaComunicação assertiva
Comunicação assertiva
 
assertividade
assertividadeassertividade
assertividade
 
comunicação interpessoal
comunicação interpessoalcomunicação interpessoal
comunicação interpessoal
 
Comunicação interpessoal
Comunicação interpessoalComunicação interpessoal
Comunicação interpessoal
 
A comunicação interpessoal
A comunicação interpessoalA comunicação interpessoal
A comunicação interpessoal
 
Comunicação interpessoal tiago e goulart
Comunicação interpessoal tiago e goulartComunicação interpessoal tiago e goulart
Comunicação interpessoal tiago e goulart
 
Psicologia aula 3 comunicação
Psicologia aula 3 comunicaçãoPsicologia aula 3 comunicação
Psicologia aula 3 comunicação
 
Encontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoal
Encontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoalEncontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoal
Encontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoal
 
Comunicação eficaz
Comunicação eficazComunicação eficaz
Comunicação eficaz
 
Comunicação
ComunicaçãoComunicação
Comunicação
 
Barreiras ao processo de comunicação
Barreiras ao processo de comunicaçãoBarreiras ao processo de comunicação
Barreiras ao processo de comunicação
 
Comunicação interpessoal e comunicação assertiva
Comunicação interpessoal e comunicação assertivaComunicação interpessoal e comunicação assertiva
Comunicação interpessoal e comunicação assertiva
 
Comunicação Assertiva Mauricio Franca
Comunicação Assertiva Mauricio FrancaComunicação Assertiva Mauricio Franca
Comunicação Assertiva Mauricio Franca
 
GP - Comunicação Interpessoal Julho 08 (aula 1)
GP - Comunicação Interpessoal Julho 08 (aula 1)GP - Comunicação Interpessoal Julho 08 (aula 1)
GP - Comunicação Interpessoal Julho 08 (aula 1)
 
Comunicação
ComunicaçãoComunicação
Comunicação
 
3º Encontro - Comunicação Eficaz no Atendimento - 16hs
3º Encontro - Comunicação  Eficaz no Atendimento - 16hs3º Encontro - Comunicação  Eficaz no Atendimento - 16hs
3º Encontro - Comunicação Eficaz no Atendimento - 16hs
 
Comunicação Assertiva - Karime Kamel
Comunicação Assertiva  - Karime KamelComunicação Assertiva  - Karime Kamel
Comunicação Assertiva - Karime Kamel
 
Comunicacao interpessoal (1)
Comunicacao interpessoal (1)Comunicacao interpessoal (1)
Comunicacao interpessoal (1)
 

Destaque

Ensino 05 o planejamento da formação
Ensino 05   o planejamento da formaçãoEnsino 05   o planejamento da formação
Ensino 05 o planejamento da formaçãoMinistério Paraná
 
Ensino 02 o ministério de formação
Ensino 02   o ministério de formaçãoEnsino 02   o ministério de formação
Ensino 02 o ministério de formaçãoMinistério Paraná
 
Ensino 03 o ministro da formação – o me stre
Ensino 03   o ministro da formação – o me streEnsino 03   o ministro da formação – o me stre
Ensino 03 o ministro da formação – o me streMinistério Paraná
 
Ensino 04 a preparação do ministro
Ensino 04   a preparação do ministroEnsino 04   a preparação do ministro
Ensino 04 a preparação do ministroMinistério Paraná
 
Ff1 ensino 6- escola de formação permanente
Ff1   ensino 6- escola de formação permanenteFf1   ensino 6- escola de formação permanente
Ff1 ensino 6- escola de formação permanenteMinistério Paraná
 
03 apostila - formação de formadores - aula 3 19.08.08
03   apostila - formação de formadores - aula 3 19.08.0803   apostila - formação de formadores - aula 3 19.08.08
03 apostila - formação de formadores - aula 3 19.08.08Welington Moura
 
Manual comunicação em formação inicial e formadores
Manual comunicação em formação inicial e formadoresManual comunicação em formação inicial e formadores
Manual comunicação em formação inicial e formadoresPatrícia Ervilha
 
Ensino 2 a reunião de oração
Ensino 2   a reunião de oraçãoEnsino 2   a reunião de oração
Ensino 2 a reunião de oraçãoministerioformacao
 
Comunicação e Relações Interpessoais
Comunicação e Relações InterpessoaisComunicação e Relações Interpessoais
Comunicação e Relações InterpessoaisJorge Barbosa
 
Ensino 5 elementos da reunião de oração
Ensino 5   elementos da reunião de oraçãoEnsino 5   elementos da reunião de oração
Ensino 5 elementos da reunião de oraçãoministerioformacao
 
Capitulo 5 o líder a serviço
Capitulo 5   o líder a serviçoCapitulo 5   o líder a serviço
Capitulo 5 o líder a serviçoKlaus Newman
 
Capitulo 2 as formas de oração
Capitulo 2   as formas de oraçãoCapitulo 2   as formas de oração
Capitulo 2 as formas de oraçãoKlaus Newman
 
Ensino 6 grupo de perseverança
Ensino 6    grupo de perseverançaEnsino 6    grupo de perseverança
Ensino 6 grupo de perseverançaministerioformacao
 
Capitulo 1 Simão Pedro e Paulo Apóstolo
Capitulo 1   Simão Pedro e Paulo ApóstoloCapitulo 1   Simão Pedro e Paulo Apóstolo
Capitulo 1 Simão Pedro e Paulo ApóstoloKlaus Newman
 
Capitulo 1 a Oração na Vida cristã
Capitulo 1   a Oração na Vida cristãCapitulo 1   a Oração na Vida cristã
Capitulo 1 a Oração na Vida cristãKlaus Newman
 
Ensino 4 preparação e condução da reunião de oração
Ensino 4   preparação e condução da reunião de oraçãoEnsino 4   preparação e condução da reunião de oração
Ensino 4 preparação e condução da reunião de oraçãoministerioformacao
 

Destaque (20)

Ensino 05 o planejamento da formação
Ensino 05   o planejamento da formaçãoEnsino 05   o planejamento da formação
Ensino 05 o planejamento da formação
 
Ensino 02 o ministério de formação
Ensino 02   o ministério de formaçãoEnsino 02   o ministério de formação
Ensino 02 o ministério de formação
 
Ensino 03 o ministro da formação – o me stre
Ensino 03   o ministro da formação – o me streEnsino 03   o ministro da formação – o me stre
Ensino 03 o ministro da formação – o me stre
 
Ensino 04 a preparação do ministro
Ensino 04   a preparação do ministroEnsino 04   a preparação do ministro
Ensino 04 a preparação do ministro
 
Ff1 ensino 6- escola de formação permanente
Ff1   ensino 6- escola de formação permanenteFf1   ensino 6- escola de formação permanente
Ff1 ensino 6- escola de formação permanente
 
Ensino 01 jesus - o mestre
Ensino 01   jesus - o mestreEnsino 01   jesus - o mestre
Ensino 01 jesus - o mestre
 
MODULO 2 ensino03 dom profecia
MODULO 2 ensino03  dom profeciaMODULO 2 ensino03  dom profecia
MODULO 2 ensino03 dom profecia
 
04 contexto-eclesial-da-rcc
04 contexto-eclesial-da-rcc04 contexto-eclesial-da-rcc
04 contexto-eclesial-da-rcc
 
03 apostila - formação de formadores - aula 3 19.08.08
03   apostila - formação de formadores - aula 3 19.08.0803   apostila - formação de formadores - aula 3 19.08.08
03 apostila - formação de formadores - aula 3 19.08.08
 
Manual comunicação em formação inicial e formadores
Manual comunicação em formação inicial e formadoresManual comunicação em formação inicial e formadores
Manual comunicação em formação inicial e formadores
 
Ensino 2 a reunião de oração
Ensino 2   a reunião de oraçãoEnsino 2   a reunião de oração
Ensino 2 a reunião de oração
 
Comunicação e Relações Interpessoais
Comunicação e Relações InterpessoaisComunicação e Relações Interpessoais
Comunicação e Relações Interpessoais
 
Ensino 5 elementos da reunião de oração
Ensino 5   elementos da reunião de oraçãoEnsino 5   elementos da reunião de oração
Ensino 5 elementos da reunião de oração
 
Capitulo 5 o líder a serviço
Capitulo 5   o líder a serviçoCapitulo 5   o líder a serviço
Capitulo 5 o líder a serviço
 
Capitulo 2 as formas de oração
Capitulo 2   as formas de oraçãoCapitulo 2   as formas de oração
Capitulo 2 as formas de oração
 
Ensino 6 grupo de perseverança
Ensino 6    grupo de perseverançaEnsino 6    grupo de perseverança
Ensino 6 grupo de perseverança
 
Capitulo 1 Simão Pedro e Paulo Apóstolo
Capitulo 1   Simão Pedro e Paulo ApóstoloCapitulo 1   Simão Pedro e Paulo Apóstolo
Capitulo 1 Simão Pedro e Paulo Apóstolo
 
Ensino 1 o grupo de oração
Ensino 1   o grupo de oraçãoEnsino 1   o grupo de oração
Ensino 1 o grupo de oração
 
Capitulo 1 a Oração na Vida cristã
Capitulo 1   a Oração na Vida cristãCapitulo 1   a Oração na Vida cristã
Capitulo 1 a Oração na Vida cristã
 
Ensino 4 preparação e condução da reunião de oração
Ensino 4   preparação e condução da reunião de oraçãoEnsino 4   preparação e condução da reunião de oração
Ensino 4 preparação e condução da reunião de oração
 

Semelhante a FORMAÇÃO FORMADORES comunicação interpessoal

EBJ - Encontro 29/07/2012
EBJ - Encontro 29/07/2012EBJ - Encontro 29/07/2012
EBJ - Encontro 29/07/2012EBJ IPBCP
 
Descola ebook comunicacao-nao-violenta
Descola ebook comunicacao-nao-violentaDescola ebook comunicacao-nao-violenta
Descola ebook comunicacao-nao-violentaJussara Ribeiro
 
Comunicação familiar - Tema 29/07/12
Comunicação familiar - Tema 29/07/12Comunicação familiar - Tema 29/07/12
Comunicação familiar - Tema 29/07/12EBJ IPBCP
 
Comunique-se, por Mãe Estela
Comunique-se, por Mãe EstelaComunique-se, por Mãe Estela
Comunique-se, por Mãe EstelaDébora Menezes
 
comunicacao_nao_violenta_apresentacao_maringa.pdf
comunicacao_nao_violenta_apresentacao_maringa.pdfcomunicacao_nao_violenta_apresentacao_maringa.pdf
comunicacao_nao_violenta_apresentacao_maringa.pdfamandafonseca74
 
comunicacao_nao_violenta_apresentacao_maringa.pdf
comunicacao_nao_violenta_apresentacao_maringa.pdfcomunicacao_nao_violenta_apresentacao_maringa.pdf
comunicacao_nao_violenta_apresentacao_maringa.pdfamandafonseca74
 
Fe e vida-missoes_redentorista
Fe e vida-missoes_redentoristaFe e vida-missoes_redentorista
Fe e vida-missoes_redentoristaKleber Alves
 
Osegredoparaserelacionarcompessoasdifceis 120527184553-phpapp01
Osegredoparaserelacionarcompessoasdifceis 120527184553-phpapp01Osegredoparaserelacionarcompessoasdifceis 120527184553-phpapp01
Osegredoparaserelacionarcompessoasdifceis 120527184553-phpapp01Fernanda Freitas
 
O segredo para se relacionar com pessoas difíceis
O segredo para se relacionar com pessoas difíceisO segredo para se relacionar com pessoas difíceis
O segredo para se relacionar com pessoas difíceisenfanhanguera
 
O segredo para se relacionar com pessoas difíceis
O segredo para se relacionar com pessoas difíceisO segredo para se relacionar com pessoas difíceis
O segredo para se relacionar com pessoas difíceisenfanhanguera
 
Taro Das Bruxa (Alessandro Lobo)
Taro Das Bruxa (Alessandro Lobo)Taro Das Bruxa (Alessandro Lobo)
Taro Das Bruxa (Alessandro Lobo)orismagus
 
Comprometa-se
Comprometa-seComprometa-se
Comprometa-seJNR
 
A Compreensão espiritual dos Relacionamentos
A Compreensão espiritual dos RelacionamentosA Compreensão espiritual dos Relacionamentos
A Compreensão espiritual dos Relacionamentosmommentumadinfinitum
 
A COMUNICAÇÃO DO CASAL ( aprendendo a se comunicar).ppt
A COMUNICAÇÃO DO CASAL ( aprendendo a se comunicar).pptA COMUNICAÇÃO DO CASAL ( aprendendo a se comunicar).ppt
A COMUNICAÇÃO DO CASAL ( aprendendo a se comunicar).pptMarcosFurtado25
 

Semelhante a FORMAÇÃO FORMADORES comunicação interpessoal (20)

EBJ - Encontro 29/07/2012
EBJ - Encontro 29/07/2012EBJ - Encontro 29/07/2012
EBJ - Encontro 29/07/2012
 
Descola ebook comunicacao-nao-violenta
Descola ebook comunicacao-nao-violentaDescola ebook comunicacao-nao-violenta
Descola ebook comunicacao-nao-violenta
 
Comunicação familiar - Tema 29/07/12
Comunicação familiar - Tema 29/07/12Comunicação familiar - Tema 29/07/12
Comunicação familiar - Tema 29/07/12
 
Comunique-se, por Mãe Estela
Comunique-se, por Mãe EstelaComunique-se, por Mãe Estela
Comunique-se, por Mãe Estela
 
comunicacao_nao_violenta_apresentacao_maringa.pdf
comunicacao_nao_violenta_apresentacao_maringa.pdfcomunicacao_nao_violenta_apresentacao_maringa.pdf
comunicacao_nao_violenta_apresentacao_maringa.pdf
 
comunicacao_nao_violenta_apresentacao_maringa.pdf
comunicacao_nao_violenta_apresentacao_maringa.pdfcomunicacao_nao_violenta_apresentacao_maringa.pdf
comunicacao_nao_violenta_apresentacao_maringa.pdf
 
RELAÇÕES INTERPESSOAIS.pdf
RELAÇÕES INTERPESSOAIS.pdfRELAÇÕES INTERPESSOAIS.pdf
RELAÇÕES INTERPESSOAIS.pdf
 
Fe e vida-missoes_redentorista
Fe e vida-missoes_redentoristaFe e vida-missoes_redentorista
Fe e vida-missoes_redentorista
 
A amizade e o amor
A amizade e o amorA amizade e o amor
A amizade e o amor
 
Osegredoparaserelacionarcompessoasdifceis 120527184553-phpapp01
Osegredoparaserelacionarcompessoasdifceis 120527184553-phpapp01Osegredoparaserelacionarcompessoasdifceis 120527184553-phpapp01
Osegredoparaserelacionarcompessoasdifceis 120527184553-phpapp01
 
O segredo para se relacionar com pessoas difíceis
O segredo para se relacionar com pessoas difíceisO segredo para se relacionar com pessoas difíceis
O segredo para se relacionar com pessoas difíceis
 
O segredo para se relacionar com pessoas difíceis
O segredo para se relacionar com pessoas difíceisO segredo para se relacionar com pessoas difíceis
O segredo para se relacionar com pessoas difíceis
 
Taro Das Bruxa (Alessandro Lobo)
Taro Das Bruxa (Alessandro Lobo)Taro Das Bruxa (Alessandro Lobo)
Taro Das Bruxa (Alessandro Lobo)
 
Comprometa-se
Comprometa-seComprometa-se
Comprometa-se
 
Comprometa se
Comprometa seComprometa se
Comprometa se
 
A Compreensão espiritual dos Relacionamentos
A Compreensão espiritual dos RelacionamentosA Compreensão espiritual dos Relacionamentos
A Compreensão espiritual dos Relacionamentos
 
A arte dos relacionamentos2
A arte dos relacionamentos2A arte dos relacionamentos2
A arte dos relacionamentos2
 
Resenha reconstruindo sua vida emocional
Resenha reconstruindo sua vida emocionalResenha reconstruindo sua vida emocional
Resenha reconstruindo sua vida emocional
 
A COMUNICAÇÃO DO CASAL ( aprendendo a se comunicar).ppt
A COMUNICAÇÃO DO CASAL ( aprendendo a se comunicar).pptA COMUNICAÇÃO DO CASAL ( aprendendo a se comunicar).ppt
A COMUNICAÇÃO DO CASAL ( aprendendo a se comunicar).ppt
 
O amor
O amorO amor
O amor
 

Mais de Roberto baruc Gomes de Andrade (10)

M8 ensino 01 02
M8 ensino 01 02M8 ensino 01 02
M8 ensino 01 02
 
M7 ensino 05 06
M7 ensino 05 06M7 ensino 05 06
M7 ensino 05 06
 
M7 ensino 03 04
M7 ensino 03 04M7 ensino 03 04
M7 ensino 03 04
 
M7 ensino 01 02
M7 ensino 01 02M7 ensino 01 02
M7 ensino 01 02
 
M6 ensino 07 08
M6 ensino 07 08M6 ensino 07 08
M6 ensino 07 08
 
M8 ensino 07 08
M8 ensino 07 08M8 ensino 07 08
M8 ensino 07 08
 
M8 ensino 05 06
M8 ensino 05 06M8 ensino 05 06
M8 ensino 05 06
 
Modulo Basino 8 ensino 03 04
Modulo Basino 8 ensino 03 04Modulo Basino 8 ensino 03 04
Modulo Basino 8 ensino 03 04
 
MODULO 4 ensino 03 04 formas
MODULO 4 ensino 03 04 formasMODULO 4 ensino 03 04 formas
MODULO 4 ensino 03 04 formas
 
MODULO 4 ensino 01 02 oraçao
MODULO 4 ensino 01 02 oraçaoMODULO 4 ensino 01 02 oraçao
MODULO 4 ensino 01 02 oraçao
 

Último

Orações Selecionadas De Cura E Libertação
Orações Selecionadas De Cura E LibertaçãoOrações Selecionadas De Cura E Libertação
Orações Selecionadas De Cura E LibertaçãoNilson Almeida
 
Novena De Preparação Para A Festa De Santo Expedito
Novena De Preparação Para A Festa De Santo ExpeditoNovena De Preparação Para A Festa De Santo Expedito
Novena De Preparação Para A Festa De Santo ExpeditoNilson Almeida
 
Ho'oponopono Oração Original
Ho'oponopono Oração OriginalHo'oponopono Oração Original
Ho'oponopono Oração OriginalNilson Almeida
 
Lição 8 - A Disciplina na Igreja - .pptx
Lição 8 - A Disciplina na Igreja - .pptxLição 8 - A Disciplina na Igreja - .pptx
Lição 8 - A Disciplina na Igreja - .pptxCelso Napoleon
 
Novena A Santo Inácio De Loyola
Novena A Santo Inácio De Loyola Novena A Santo Inácio De Loyola
Novena A Santo Inácio De Loyola Nilson Almeida
 
Orações A São Camilo De Léllis
Orações A São Camilo De LéllisOrações A São Camilo De Léllis
Orações A São Camilo De LéllisNilson Almeida
 
Novena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada ConceiçãoNovena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada ConceiçãoNilson Almeida
 
Orações De Nossa Senhora
Orações De Nossa SenhoraOrações De Nossa Senhora
Orações De Nossa SenhoraNilson Almeida
 
Oração Aos Três Arcanjos - Círculo De Luz E Proteção
Oração Aos Três Arcanjos - Círculo De Luz E ProteçãoOração Aos Três Arcanjos - Círculo De Luz E Proteção
Oração Aos Três Arcanjos - Círculo De Luz E ProteçãoNilson Almeida
 
Revista adulto usada no projeto 10 dias de oração
Revista adulto usada no projeto 10 dias de oraçãoRevista adulto usada no projeto 10 dias de oração
Revista adulto usada no projeto 10 dias de oraçãoLindiomar Rios
 
Vibração Pelo Planeta Terra
Vibração Pelo Planeta Terra Vibração Pelo Planeta Terra
Vibração Pelo Planeta Terra Nilson Almeida
 
A Couraça De São Patrício
A Couraça De São PatrícioA Couraça De São Patrício
A Couraça De São PatrícioNilson Almeida
 
Estudo do livro bíblico de Atos dos Apóstolos
Estudo do livro bíblico de Atos dos ApóstolosEstudo do livro bíblico de Atos dos Apóstolos
Estudo do livro bíblico de Atos dos ApóstolosPIB Penha
 
Orações Para Crianças
Orações Para CriançasOrações Para Crianças
Orações Para CriançasNilson Almeida
 
Bíblia Sagrada - livro II de Salmos - 42-72 - slides powerpoint.ppt
Bíblia Sagrada - livro II de Salmos - 42-72 - slides powerpoint.pptBíblia Sagrada - livro II de Salmos - 42-72 - slides powerpoint.ppt
Bíblia Sagrada - livro II de Salmos - 42-72 - slides powerpoint.pptIgrejadoVerbo
 

Último (19)

Orações Selecionadas De Cura E Libertação
Orações Selecionadas De Cura E LibertaçãoOrações Selecionadas De Cura E Libertação
Orações Selecionadas De Cura E Libertação
 
Novena De Preparação Para A Festa De Santo Expedito
Novena De Preparação Para A Festa De Santo ExpeditoNovena De Preparação Para A Festa De Santo Expedito
Novena De Preparação Para A Festa De Santo Expedito
 
Ho'oponopono Oração Original
Ho'oponopono Oração OriginalHo'oponopono Oração Original
Ho'oponopono Oração Original
 
Orações Do Cristão
Orações Do CristãoOrações Do Cristão
Orações Do Cristão
 
Lição 8 - A Disciplina na Igreja - .pptx
Lição 8 - A Disciplina na Igreja - .pptxLição 8 - A Disciplina na Igreja - .pptx
Lição 8 - A Disciplina na Igreja - .pptx
 
Novena A Santo Inácio De Loyola
Novena A Santo Inácio De Loyola Novena A Santo Inácio De Loyola
Novena A Santo Inácio De Loyola
 
Orações A São Camilo De Léllis
Orações A São Camilo De LéllisOrações A São Camilo De Léllis
Orações A São Camilo De Léllis
 
Novena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada ConceiçãoNovena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada Conceição
 
Oração Pelos Filhos
Oração Pelos FilhosOração Pelos Filhos
Oração Pelos Filhos
 
Orações De Nossa Senhora
Orações De Nossa SenhoraOrações De Nossa Senhora
Orações De Nossa Senhora
 
Oração Aos Três Arcanjos - Círculo De Luz E Proteção
Oração Aos Três Arcanjos - Círculo De Luz E ProteçãoOração Aos Três Arcanjos - Círculo De Luz E Proteção
Oração Aos Três Arcanjos - Círculo De Luz E Proteção
 
Novena De Santa Marta
Novena De Santa MartaNovena De Santa Marta
Novena De Santa Marta
 
Revista adulto usada no projeto 10 dias de oração
Revista adulto usada no projeto 10 dias de oraçãoRevista adulto usada no projeto 10 dias de oração
Revista adulto usada no projeto 10 dias de oração
 
Prece De Caritas
Prece De CaritasPrece De Caritas
Prece De Caritas
 
Vibração Pelo Planeta Terra
Vibração Pelo Planeta Terra Vibração Pelo Planeta Terra
Vibração Pelo Planeta Terra
 
A Couraça De São Patrício
A Couraça De São PatrícioA Couraça De São Patrício
A Couraça De São Patrício
 
Estudo do livro bíblico de Atos dos Apóstolos
Estudo do livro bíblico de Atos dos ApóstolosEstudo do livro bíblico de Atos dos Apóstolos
Estudo do livro bíblico de Atos dos Apóstolos
 
Orações Para Crianças
Orações Para CriançasOrações Para Crianças
Orações Para Crianças
 
Bíblia Sagrada - livro II de Salmos - 42-72 - slides powerpoint.ppt
Bíblia Sagrada - livro II de Salmos - 42-72 - slides powerpoint.pptBíblia Sagrada - livro II de Salmos - 42-72 - slides powerpoint.ppt
Bíblia Sagrada - livro II de Salmos - 42-72 - slides powerpoint.ppt
 

FORMAÇÃO FORMADORES comunicação interpessoal

  • 2. Introdução • A comunicação é o desejo e a necessidade mais profunda do ser humano. Deus é amor (1 Jo 4,8) Ele é a palavra, sinais, prodígios, milagre e seus Dons. • Deus é comunicação! A raiz do desejo de comunicação do homem está no ser imagem e semelhança de Deus é sinal e realização do amor. • Assim, o ser humano, expulso do paraíso, ficou por sua própria conta. sentiu-se só; entrou em seu coração a solidão. Desde então foi rompida a comunicação e todo ser humano vive a realidade do afastamento com Deus e com os irmãos.
  • 3. O primeiro agente dessa comunicação é o nosso corpo
  • 4. 1. Criados para o amor (comunicação) A origem da Trindade. Ao criar o ser humano, Deus soprou na boca do ser de barro o seu hálito, o sopro da vida, num beijo apaixonado. Deus nos criou por amor e para o amor; para a vida e a santidade. Esta é a nossa vocação primeira. A dignidade do corpo humano alcança o seu ápice na Encarnação de Jesus (o Verbo) no corpo de Maria, por obra do Espírito Santo.
  • 5. 1. Criados para o amor (comunicação) • Quando nos comunicamos, o primeiro agente dessa comunicação é o nosso corpo. O corpo humano é o maior comunicador. Meu corpo revela o meu estado de ânimo, a minha abertura ao outro, a disposição à comunicação, ao diálogo ... passando muitas mensagens. • Deus nos chamou à vida em um determinado tempo histórico, em um lugar geográfico, em uma família e levamos tudo isso em nossa comunicação. • Ele nos criou homem ou mulher, por is o temos um corpo masculino ou feminino, com a força (graça) e as fraquezas do ser homem ou mulher. • Para nos comunicar precisamos nos conhecer e respeitar, procurando fazer o mesmo com o outro, observando os limites que revelam o respeito por Deus, pelo outro, pela natureza; sem isso nos apropriamos desordenadamente do outro e quebramos a comunhão.
  • 6. 2. Empecilhos à comunicação Não pode haver comunicação interpessoal sem comunicação pessoal. Ler e refletir: lc 12,29-31. O ser humano não é simples; é um universo e um universo desconhecido. Somos sedento de amor, mas, ao longo da vida muitas vezes recebemos um amor condicional em que o meu valor não está em ser eu mesmo, mas em minha aparência, minhas ações, meu sucesso ou em ser e fazer o que os outros esperam de mim.
  • 7. Exigências muitas vezes difíceis de ser alcançadas. Quando fracassamos temos a nossa autoestima atingida; perdemos o senso do próprio valor. Compartilhamos o amor quando comunicamos com alguém algo que temos em comum. Se comunico a você o que trago no meu íntimo isso se toma comum a nós dois. Com a comunicação o relacionamento se toma: Quando não temos uma boa autoimagem projetamos no outro a imagem que temos de nós mesmos; como defesa olhamos o outro com medo e preconceito de raça, gênero e religião. Quando fracassamos temos a nossa autoestima atingida; perdemos o senso do próprio valor. Na comunicação o meu amor deve levar o outro a amar-se valorizando sua pessoa. Compartilhamos o amor quando comunicamos com alguém algo que temos em comum. Se comunico a você o que trago no meu íntimo isso se toma comum a nós dois.
  • 8. Com a comunicação o relacionamento se toma: Quando não temos uma boa autoimagem projetamos no outro a imagem que temos de nós mesmos; como defesa olhamos o outro com medo e preconceito. (ao meu cargo, meu modo de vida ... ); ou ele lembra alguém; como num espelho, o que não gosto em mim. Tenho preconceito porque vejo o outro a partir de um estereótipo, uma imagem preconcebida. Os preconceitos mais comuns são de raça, gênero e religião. É um caminho doloroso revelando meus sentimentos; quando partilho o que sinto estou me dando ao outro. Abrir-se ao autoconhecimento através da partilha, do diálogo, requer coragem, determinação e fé. O maior medo do ser humano é dar-se a conhecer e ser rejeitado. causam dor nossa autoimagem. temo que a revelação de minhas emoções possam ser usadas contra mim. Para a boa saúde emocional é necessário ter um amigo, um confidente, que nos conheçam bem.
  • 9. 3. Amor e comunicação O primeiro passo para a comunicação pessoal e interpessoal é o acolhimento. Acolher a minha história (família, educação, cultura, fatos). Acolher meu temperamento, meu corpo, meu eu ... Acolhimento que me leva a experimentar: é bom ser eu!
  • 10. Com a comunicação o relacionamento se torna: • RELACIONAMENTO DE AMOR (Jo 13,34-35) o amor é o remédio para o coração humano. Amar além dos laços familiares, da raça e religião ... Amar afetiva • RELACIONAMENTO DE COMPAIXÃO «(I 3,12) Jesus manifestou a compaixão do Pai por seus filhos pecadores. Os que precisam de conforto e cura, chegando às lágrimas. A compaixão não é esforço, mas dom de Deus. • RELACIONAMENTO DE MISERICORDIA (Mt 5,7) A misericórdia é sentir com o coração de Jesus quer salvar o pecador. Como Deus tem misericórdia de mim devo ter misericórdia do outro. Não temos consciência clara de quanta misericórdia Deus tem de nós, mesmo desconhecendo o grau do nosso pecado, as áreas escuras do nosso ser.
  • 11. Com a comunicação o relacionamento se torna: • RELACIONAMENTO DE PERDÃO (CI 3,13) O céu é povoado por pecadores perdoados que perdoam. O Pai trata o pecador arrependido com amor (Lc 15,20-24). o perdão de Deus se revela no perdão humano. • RELACIONAMENTO DE SERVIÇO (LC 22,27) A formação é um serviço de amor para o outro arrancando-o da ignorância. Um serviço que liberta para a vida em plenitude e deve ser prestado sem nenhum desejo de poder ou de manipulação do outro. O formador é como um irmão mais velho que mostra o caminho, mas deixa o outro livre para fazer o próprio caminho.
  • 12. 4. Como escutar na comunicação O verdadeiro escutar é um ato de compreensão e de amor. A comunicação é a vida de uma relação. O verdadeiro ouvinte deseja apenas compreender o outro. Preciso estar disponível, ser presença, sair de si, deixando de lado suas preocupações, no seu ato de escutar. Não tem sugestões prontas. Não interrompe a não ser quando é necessário para compreender melhor. Não pensa no que vai responder enquanto o outro está falando. Acolhe as emoções e história de vida do outro. Respeita a individualidade e diversidade daquele que está falando. Escutar é prestar mais atenção aos Significados do que às palavras - Ouve-se com o coração mais do que com a cabeça. Quem ouve com o coração é como um garimpeiro que busca encontrar o diamante da pessoa que se revela verbalmente e não verbalmente. O que escuta pode cortar a verbal e não verbal, sentimos ameaçados pelo diálogo. Cortamos com uma palavra irônica ou crítica; bocejando; olhando para o relógio; franzindo os olhos, sobrancelhas, mudando o tom de voz. De qualquer forma estou comunicando. por código.
  • 13. Ao escutar convém compreender que existem três componentes em nossa personalidade: Agimos de forma inconsciente Quando O adulto: racional e maduro. decidido e flexível, com abertura para a mudança e o crescimento. A criança: tem atitudes infantis, quer as coisas do seu modo e gratificações imediatas. Lado bom da criança em nós: liberdade de ação. alegria de viver, espontaneidade, empolgação. audácia. O pai: conjunto de mensagens gravadas nos primeiros 5 anos de vida que se repetem pela vida afora. O pai é caracterizado pela rigidez, com ações controladoras, críticas, inibidoras. mensagens dar apoio e sentido de afirmação.
  • 14. Melhorando sua comunicação interpessoal em 3 passos: 1). Crie um ambiente favorável para o diálogo. Para isto fale menos, ouça mais. Se impor suas ideias ou para se defenderem, não dão a outra pessoa a oportunidade de falar. Para que a comunicação seja eficaz é preciso que os envolvidos no diálogo dando e recebendo informações. 2). Seja claro e objetivo. Tem pessoas que falam e falam sem dizer nada. Nada pior do que a dubiedade da mensagem. 3). Faça perguntas, são uma ótima ferramenta para a obtenção de mais informações ou para esclarecer pontos obscuros ou contraditórios. Ajudam confirmar se houve entendimento.
  • 16. Conclusão O princípio da boa comunicação é a aceitação de si mesmo e do outro em paz e alegria, Desenvolver relações interpessoais que respeitem a singularidade, a Originalidade dos semelhantes. Respeitar o mistério do outro sem dele querer e apropriar. mas sim abrindo espaço interior de encontro. de acolhimento de comunicação. Deus nos acolheu. nos elegeu, gratuitamente, para a vida, o amor e a santidade. A vida aqui neste mundo, com nossa história, nosso corpo, nosso ser profundo, e mais, para a vida eterna na felicidade sem fim quando, após viver o amor neste mundo, veremos a Deus face a face (lCor 13,12).