Carboidratos

4.498 visualizações

Publicada em

0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.498
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
365
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Carboidratos

  1. 1. CARBOIDRATOS
  2. 2. INTRODUÇÃO  São as biomoléculas mais abundantes em toda a natureza.  São as principais fontes de energia para os sistemas vivos, uma vez que a liberam durante o processo de oxidação. Participam também na formação de estruturas de células e de ácidos nucleicos.
  3. 3. Composição  Carbono (C) + Água (H2O) = Carboidratos (CH2O)  Também podem apresentar moléculas de nitrogênio (N), fósforo (P) ou enxofre (S), porém esses são bem menos comuns do que os anteriores.
  4. 4. FUNÇÕES  Os carboidratos possuem funções energéticas. No entanto,podem formar a estrutura de organismos e constituir importantes moléculas com funções genéticas.
  5. 5. ENERGETICAS  Atuam como principais combustiveis celulares,especialmete os acucares simples, como a glicose. A quebra de uma grama de carboidrato fornece 4 kcal. Nos vegetais o armazenamento dos carboidratos ocorre na forma de amido e nos animais de glicogenio.
  6. 6. ESTRUTURAL  Entram na constituicao da parede celular das plantas (formada basicamentre por celulose) e dos fungos (por quitina). A quitina tambem participa da formação do esqueleto externo dos atrópodes.
  7. 7. GENETICAS  São componentes essencias dos ácidos nucleicos e ribose no RNA e despxirribose no DNA.
  8. 8. CLASSIFICAÇÃO  Os Carboidratos são classificados segundo a quantidade de átomos de carbono em suas moléculas e podem ser:  Monossacarídeos  Dissacarídeos  Polissacarídeos
  9. 9. MONOSSACARIDEOS Os monossacarídeos são as menores e mais simples partes do carboidrato, que se hidrolisados a compostos de menor peso molecular, não serão mais carboidratos, correspondem a menor unidade estrutural de um carboidrato.  Ex: Frutose, Glicose e Sacarose são fontes de energia, Desoxirribose e Ribose são estrutural.
  10. 10. MONOSSACARIDEOS
  11. 11. DISSACARIDEOS  São moléculas solúveis em água, resultantes da união de dois monossacarídeos, por uma ligação denominada glicosídica. Quando ocorre esse evento, há a liberação de uma molécula de água (desidratação).  Ex:Sacarose (glicose + frutose), lactose (glicose + galactose), maltose (glicose + glicose) são energéticos e Celobiose é estrutural.
  12. 12. DISSACARIDEOS
  13. 13. POLISSACARIDEOS  São polimeros de alto peso molecular do monossacarideos. Os polissacarideos contem mais que 12 unidades de monossacarideos dispostos de forma linear ou ramificada. Os que mais se encontram distribuidos na natureza são:  No reino vegetal, o amido, a celulose e as proteinas;  E no reino animal o glicogêneo.
  14. 14. Composição de animais e plantas  Plantas: 75% (constituente mais importante); (glicose, sacarose, amido, celulose, bemicelulose, lignina)  Animais : 0,5 a 10 % (glicose e glicogeneo) o glicogêneo sintetizado apartir da glicose,aminoácidos e glicogênio ou glicerol.
  15. 15. Composição de animais e plantas  GLICOGENIO
  16. 16. Alimentos mais ricos  macarrão, arroz, feijão, lentilha, aveia, empanados, bolo, cookies integrais, frutas (por exemplo, manga), vinho, derivados de leite sem açúcar e pão.
  17. 17. Localização São estocados com glicogênios nos músculos, fígado e sangue em quantidade total aproximada de 300g a 400g apenas.
  18. 18. bibliografia  Livro: J. Laurence – Biologia  Site: http://www.brasilescola.com/biologia/carboidratos.htm http://krboidratos.zip.net/

×