Publicidade em Midias Digitais Out-of-Home

1.935 visualizações

Publicada em

Apresentação sobre publicidade em mídias digitais Out-of-Home.

Autor: Marcel Ayres - Diretor de Criação da PaperCliQ | Comunicação e Estratégia Digital.

Publicada em: Negócios, Tecnologia
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.935
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
213
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
85
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Publicidade em Midias Digitais Out-of-Home

  1. 1. Publicidade em Mídias digitais Out-of-Home
  2. 2. O que é Digital Out-of-Home - DOOH ? Em linhas gerais, as mídias digitais Out-of- Home, também conhecidas como Digital Signage, podem ser definidas como um conjunto de displays (telas de LCD, Plasma, LED, projetores), gerenciados por uma central remota (PC,internet), que exibem informação segmentada, publicidade, entretenimento etc. Essas telas podem ser instaladas em locais com grande fluxo de pessoas ou em locais de espera forçada.
  3. 3. Aplicações Conforme as definições da Associação Brasileira de Mídia Digital Out-of-Home – ABDOH –, o Digital Signage pode ser dividido em três setores de aplicação: Alto Impacto - Enormes telas disponíveis em diferentes locais ao ar livre e que atingem pedestres e pessoas em trânsito; Ponto de Venda – Monitores instalados em pontos de venda como supermercados, lojas, restaurantes e shopping centers; Audiência Cativa – Locais específicos, onde o consumidor está em situação de espera, a exemplo de ônibus, trem, táxis, elevadores, cinema, aeroportos etc.
  4. 4. Exemplos de aplicações
  5. 5. DOOH no Mundo De acordo com a PQMedia, no relatório Digital Out-of-Home Media Forecast 2008- 2012, em 2008, o segmento Out-of-Home alcançou a marca de US$ 6,1 bilhões no mercado mundial. Investimentos nesse tipo de mídia devem aumentar, segundo o estudo, 14% ao ano de 2007 a 2012.
  6. 6. DOOH no Brasil Enquanto mídias tradicionais obtiveram resultados negativos, as DOOH e a Internet passaram a receber mais investimentos publicitários. Variação do investimento em mídia Comparativo entre os primeiros semestres de 2006 e 2007 44,1% 40,2% 6,8% 0,8% 1,5% -4,8% -2,8% -8,8% -5,2% -3,6% -21,7% Total do Outdoor Rádio TV Guias e Revista Jornal Pay TV Cinema Internet Digitais Mercado Listas Out of Home
  7. 7. Vantagens do DOOH na Publicidade A) Facilidade e rapidez na troca de conteúdos - a veiculação pode ser realizada em tempo real nos displays através de uma central remota. B) Conteúdo Multimidiático - possibilita o uso de materiais multimidiáticos (vídeos, sons, fotos, páginas da web, entre outros) no conteúdo veiculado. C) Crossmedia e Interatividade - podem integrar outras mídias como celular, internet e, também, oferecer recursos interativos como o Touch Screen, MultiTouch ou sensores de movimento.
  8. 8. Recursos Interativos Um plano de mídia bem realizado depende de uma composição elaborada e diversificada, que atinja diferentes públicos de maneiras distintas. Nesse contexto, as mídias digitais Out-of-Home possibilitam que as agências desenvolvam campanhas interativas e customizadas através de diversos recursos, tais como: • Mobile – SMS e Bluetooth • Touch Screen e Multi Touch • Webcams • GPS • Sensores de Movimento
  9. 9. Cases InTaxi Aproveitando o grande fluxo de passageiros de táxi na frota de São Paulo, o modelo do InTaxi intercala notícias (portal UOL) e publicidade em telas de LCD localizadas no interior do automóvel. A interatividade surgiu como um diferencial para atrair ainda mais a atenção e o engajamento do público. Para dar acesso ao conteúdo, foram utilizadas telas Touch Screen e sistemas de SMS. Objetivos: Atingir audiência cativa com anúncios e notícias segmentadas.
  10. 10. Cases Vivo – Totem interativo Em 2008, a Inbox lançou um totem interativo Touch Screen para a Vivo. Durante 30 dias, os clientes que visitaram a loja interagiram, através da tela Touch Screen, com um jogo desenvolvido para o Natal. Objetivos: o jogo foi desenvolvido para trabalhar a fidelização (branding) da marca Vivo e Nokia através do “Game da Memória”. Aumentar o fluxo de clientes nos pontos de venda da Vivo.
  11. 11. Cases Yahoo- painel eletrônico No Japão, a Yahoo lançou painéis eletrônicos equipados com câmeras que registram imagens de um transeunte próximo, identificando sexo e idade aproximada. 500 dessas máquinas foram instaladas em locais de grande fluxo: estações de metrô e trem. Objetivos: o painel exibe anúncios e notícias segmentadas, potencializado o engajamento e o convencimento do seu público-alvo.
  12. 12. Cases CBS – DOOH e Mobile Em parceria com a Clusta, a CBS Outdoor desenvolveu um sistema interativo de Digital Signage para shoppings. O sistema funciona através de conexões WiFi, SMS ou 3G de aparelhos como iPhone ou outros aparelhos similares. É Objetivos: Atrair consumidores; possível pichar a tela, mover Aumentar o número de vendas no objetos, mudar a cores etc. Shopping.
  13. 13. Cases Toyota - Showroom Em 2008, a YDream desenvolveu um ambiente digital para a concessionária da Toyota de Lisboa. Com isso, foram instaladas telas Touch Screen nas vitrines para veicular anúncios e promoções e projeções interativas na parte interna da loja para entreter os visitantes. Objetivos: Engajamento através da experiência com a marca; Aumentar fluxo de clientes dentro dos pontos de venda.
  14. 14. www.papercliq.com.br PaperCliQ contato@papercliq.com.br Marcel Ayres – Diretor de Criação marcel.ayres@papercliq.com.br

×