AUSPINGravação realizada em 06 de março de 2013Curso GEPIAula MVS 5.1 – Fontes deidéias para InovaçãoRedação e locução: SE...
REALIZAÇÃO	  COLABORAÇÃO	  
FOCO	  DO	  	    MÓDULO	           5	           	  De	  onde	  vem	  as	  inovações?	  
CONTEUDO	  PROGRAMÁTICO	  	                                              8	  Temas	  em	  8	  Meses	     Conceitos,	  	   ...
Geralmente,	  as	  ideias	  para	  novos	                produtos	  tem	  como	  origem:	  Análise	             Analise	  ...
A	  ESTRATÉGIA	  GERAL	  comanda	  as	  decisões	  dos	  vários	  departamentos	  da	  empresa	  A	  ESTRATÉGIA	  DE	  INO...
Isso	  significa	  que	  criar	  INOVAÇÃO	  não	  significa	  “ATIRAR	  PARA	  TODO	  LADO”.	  	  O	  Foco	  da	  inovação	 ...
Por	  EXEMPLO:	  	  Se	  for	  para	  CRIAR	  INOVAÇÕES	  incrementais,	  a	  VIGILANCIA	  E	  INTELIGENCIA	  TECNOLÓGICA	...
Da	  mesma	  forma,	  NOVOS	  PRODUTOS	  poderão	  vir	  de	  Contribuições	  de:	  	  -­‐  FORNECEDORES;	  	  -­‐  CLIENT...
E	  por	  	  	  	  ANÁLISE	  DE	  TENDÊNCIAS	  de	  como	  será	  o	  MUNDO	  alguns	  anos	  a	  frente!	  	  	  Ou	  mes...
ESTE	  MÊS	  	  	  Iremos	  esfmular	  você	  a	  pensar	  sobre	  fontes	  de	  inovação	  	  E	  apresentar	  algumas	  ...
Obrigado!	  	  Bom	  estudo!	  	  Vamos	  em	  frente!!	  
MVS 5.1 - Fontes de Ideias para Inovação - Prof. Dr. Sérgio Perussi Filho
MVS 5.1 - Fontes de Ideias para Inovação - Prof. Dr. Sérgio Perussi Filho
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

MVS 5.1 - Fontes de Ideias para Inovação - Prof. Dr. Sérgio Perussi Filho

1.616 visualizações

Publicada em

Possui graduação em Bacharelado em Quimica pelo Instituto de Química de São Carlos (1977), graduação em Engenharia de Produção-Quimica pela Universidade Federal de São Carlos (1981), mestrado e doutorado em Engenharia de Produção pela Escola de Engenharia de São Carlos (2001,2006), além de MBA pela University of Pittsburgh, Estados Unidos. Realizou estágio em instituição americana de Desenvolvimento Regional e Gestora de Rede de Incubadora de Empresas. Realizou visitas técnicas a diversas instituições européias de fomento à atividade empreendedora.Participou de missão da ANPROTEC de visita técnica a Parques Tecnológicos da Espanha e Portugal, em 2009 e da Missão Técnica de Visita a Parques Tecnológicos da Escandinavia.É professor doutor do Centro Universitário Central Paulista (UNICEP) e Coordenador de Convênios Internacionais. Foi professor visitante da UNICAMP, em 2011. Tem experiência na área de Administração e Engenharia de Produção, atuando principalmente como professor pesquisador e consultor nos seguintes temas: empreendedorismo, estratégia, gestão da tecnologia e inovação, transferência de tecnologia, polos, parques e incubadoras de empresas de base tecnológica. É colaborador para difusão da inovação do INOF, Instituto Nacional de Optica e Fotonica, do Instituto de Física de São Carlos, da USP e da Agência USP de Inovacão. Organizou e produziu capítulos de 2 livros de livros sobre administração, escreveu em co-autoria 1 livro sobre inovação em Óptica e Fotônica e 13 capítulos de livros na área de administração. Publicou quatro artigos em revistas e 26 artigos em Congressos Nacionais e Internacionais. É revisor técnico-científico de livros na área de administração e empreendedorismo. Coordenador e apresentador do Programa Caminhos da Inovação , projeto de difusão da inovação, apoiado pelo CNPq e Fapesp, do INOF- Instituto Nacional de Optica e Fotônica, IFSC/USP, composto de programa televisão, DVDs, programa e rádio e difusão por outras mídias, onde o tema inovação é abordado por meio de entrevistas com cientistas, empreendedores(as), empresários e agentes de desenvolvimento.
texto pelo Prof. Dr. Sérgio Perussi Filho

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

MVS 5.1 - Fontes de Ideias para Inovação - Prof. Dr. Sérgio Perussi Filho

  1. 1. AUSPINGravação realizada em 06 de março de 2013Curso GEPIAula MVS 5.1 – Fontes deidéias para InovaçãoRedação e locução: SERGIO PERUSSI FILHO
  2. 2. REALIZAÇÃO  COLABORAÇÃO  
  3. 3. FOCO  DO     MÓDULO   5    De  onde  vem  as  inovações?  
  4. 4. CONTEUDO  PROGRAMÁTICO     8  Temas  em  8  Meses   Conceitos,     Patentes:     Importância   Lógica   O   O  Ambiente  e  o  Estado  da   Econômica  e   Financiamento   da  Inovação  Inovação    no   os  Aspectos   da  Inovação   Brasil   Jurídicos       Estratégia   Estrutura  Fontes  para   Plano  de   para   para   Inovação   Inovação   Inovação   Inovação  
  5. 5. Geralmente,  as  ideias  para  novos   produtos  tem  como  origem:  Análise   Analise   Analise  de   Analise  de   do   do   mercados   produtos  mercado   produto   potenciais   potenciais   atual   atual   (novos)   (novos)  
  6. 6. A  ESTRATÉGIA  GERAL  comanda  as  decisões  dos  vários  departamentos  da  empresa  A  ESTRATÉGIA  DE  INOVAÇÃO  comanda  as  decisões  da  área  de  PDEI  
  7. 7. Isso  significa  que  criar  INOVAÇÃO  não  significa  “ATIRAR  PARA  TODO  LADO”.    O  Foco  da  inovação  dependerá  da  ESTRATÉGIA  DE  INOVAÇAO  da  empresa.      Dependendo  da  ESTRATÉGIA  DE  INOVAÇAO,  algumas  FONTES  serão  mais  ou  menos  importantes  
  8. 8. Por  EXEMPLO:    Se  for  para  CRIAR  INOVAÇÕES  incrementais,  a  VIGILANCIA  E  INTELIGENCIA  TECNOLÓGICA  serão  boas  FONTES  DE  OPORTUNIDADES    E,  de  fato,  mesmo  INOVAÇÕES  RADICAIS  (isoladas  ou  por  convergência  de  soluções  já  existentes)  
  9. 9. Da  mesma  forma,  NOVOS  PRODUTOS  poderão  vir  de  Contribuições  de:    -­‐  FORNECEDORES;    -­‐  CLIENTES  ATUAIS  -­‐  CLIENTES  POTENCIAS  -­‐  ACERVO  DE  TECNOLOGIAS  CRIADAS  PELAS   UNIVERSIDADES/INSTITUTOS  DE  PESQUISAS   OU  POR  MEIO  DE  COOPERAÇÃO  ou  mesmo   por  ideias  oriundas  dessas  insftuições  -­‐  ACERVO  DE  IDEIAS/TECNOLOGIA  DA  PROPRIA   EMPRESA  
  10. 10. E  por        ANÁLISE  DE  TENDÊNCIAS  de  como  será  o  MUNDO  alguns  anos  a  frente!      Ou  mesmo  INTUIR  o  FUTURO      MOLDAR  O  FUTURO  (Hammel  &  Prahalad)  
  11. 11. ESTE  MÊS      Iremos  esfmular  você  a  pensar  sobre  fontes  de  inovação    E  apresentar  algumas  técnicas  de  IDEAÇÃO    MAS  VOCÊ  PODERÁ  CRESCER  AINDA  MAIS,  buscando  arfgos  adicionais  sobre  o  TEMA  
  12. 12. Obrigado!    Bom  estudo!    Vamos  em  frente!!  

×