UNIVERSIDADE DO SUL DE SANTA CATARINA – UNISUL          MAYARA ATHERINO MACEDOO USO DA INTERNET/ REDES SOCIAIS PELAS EMPRE...
1          MAYARA ATHERINO MACEDOO USO DA INTERNET/ REDES SOCIAIS PELAS EMPRESAS                               Trabalho ap...
2              O USO DA INTERNET / REDES SOCIAIS PELAS EMPRESAS.              Estamos vivendo uma nova era da comunicação,...
3cotidiano dos consumidores.            Com as novas mídias, a propaganda tem uma novo desafio, pois deixa de serpassiva e...
4de invertem, ou seja, é o público quem busca a empresa, que permite que ela se torne parte doseu cotidiano, as empresas p...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

O USO DA INTERNET/ REDES SOCIAIS PELAS EMPRESAS

2.734 visualizações

Publicada em

Análise de como as empresas têm utilizado a internet para gerir e divulgar os seus negócios.

Publicada em: Negócios
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.734
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
50
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O USO DA INTERNET/ REDES SOCIAIS PELAS EMPRESAS

  1. 1. UNIVERSIDADE DO SUL DE SANTA CATARINA – UNISUL MAYARA ATHERINO MACEDOO USO DA INTERNET/ REDES SOCIAIS PELAS EMPRESAS Florianópolis 2010
  2. 2. 1 MAYARA ATHERINO MACEDOO USO DA INTERNET/ REDES SOCIAIS PELAS EMPRESAS Trabalho apresentado ao Curso de Pós-Graduação em Marketing Estratégico, da Universidade do Sul de Santa Catarina para a disciplina de Gestão a Promoção. Orientador: Profª. Janaína Baeta Neves Florianópolis 2010
  3. 3. 2 O USO DA INTERNET / REDES SOCIAIS PELAS EMPRESAS. Estamos vivendo uma nova era da comunicação, as pessoas mudaram, sentemuma grande necessidade de se comunicar, compartilhar idéias entre pessoas que têm osmesmos interesses, unindo-se em comunidade, redes e sociedades. Segundo um estudo da Deloitte1 de junho de 2010, o Brasil possui 36,8 milhõesde internautas ativos, sendo que 13,7 milhões internet em casa. Ainda segundo a pesquisa, osinternautas brasileiros passam 38% do seu tempo acessando redes sociais e programasmensagens instantâneas, sendo que, dos entrevistados, 86% declararam usar esse tipo demídia. No atual do processo de mudança do comportamento da sociedade (a buscacrescente de se associar e pertencer a grupos) a internet assume papel principal, pois permiteque a integração entre os indivíduos seja mais fácil, dinâmica e ágil. E por meio da internetque se criam as redes sociais digitais como forma de comunicação, onde as pessoasencontram um espaço para dar suas opiniões, compartilhar idéias, trocar experiências evivências, gerar e transmitir conteúdos, influenciar uns aos outros. Neste contexto a propaganda encontra novos meios de atuação, pois as novastecnologias de comunicação proporcionam um contato e interação entre a empresa e seusclientes de forma nunca antes vista. Através de blogs, fóruns de discussão e redes derelacionamento uma mensagem é transmitida de forma cada vez mais acelerada e alcança, empouco tempo, um maior numero de pessoas, que a retransmitem informação e geram umnovo conteúdo, novas idéias. Para as organizações, entrar no mundo das redes sociais é extremamentevantajoso, pois é nos sites de redes sociais que se encontram milhares de consumidores(efetivos e potenciais). A presença em uma rede, torna-se um canal aberto com os clientes,funcionando 24 horas por dia e sete dias por semana, passando a imagem de que a empresaestá sempre aberta a receber comentários, criticas, sugestões e opiniões dos clientes e dasociedade em geral. Além disso, possível segmentar melhor o público-alvo, gerando umacomunicação mais focada e a personalização do conteúdo. Há uma maior aproximação doemissor com o receptor da mensagem, criando afinidade entre a empresa e o consumidor,fazendo com que as marcas ganhem personalidade e identidade próprias, participando do1 Deloitte é uma empresa de auditoria, consultoria tributária, consultoria em gestão de riscos empresariais,corporate finance, consultoria empresarial, outsourcing, consultoria em capital humano e consultoria atuarial.
  4. 4. 3cotidiano dos consumidores. Com as novas mídias, a propaganda tem uma novo desafio, pois deixa de serpassiva e estática, e começa a interagir com as pessoas. O indivíduo tem a possibilidade de sero emissor da informação, podendo, gradativamente, modificar as características dacomunicação, existindo uma co-criação de conteúdo, da empresa para o consumidor e vice eversa. Com as redes sociais, é possível perceber o resultado da campanha publicitária ou dolançamento de um novo produto através das opiniões expressadas sobre a marca ou produto.Também pode-se a assertividade da comunicação emitida ao público-alvo. O feedback édiário, mais efetivo e abrangente pois, os consumidores participam voluntariamente, ou seja,eles procuram a interação com a empresa para expressarem o que estão sentindo ou pensadosobre a marca/produto. Ao contrario das mídias tradicionais (e passivas/estáticas) onde a empresasimplesmente transmite a informação com o intuito de gerar estímulos, a internet possibilita odialogo, o consumidor não fala para, mas sim, com a empresa. E esta conversa é um meio deconquistar clientes, fazer com se sintam envolvidos com a marca, gerar uma respostaemocional, estabelecer um relacionamento com a marca. E disponibilizar um caminhosaudável para que o cliente expresse tal emoção, e mencione em conversas/posts, publicaçõesem blogs, grupos de discussão, Orkut, facebook twitter, etc. Os sites de relacionamento como Orkut e Facebook, onde as pessoas se agrupamconforma duas afinidades e características similares, possibilitam às empresas trabalhar com omarketing de relacionamento, o marketing viral e marketing de guerrilha mais assertivamente.Estes nichos, alem de permitir que as marcas se aproximem do consumidor, relacionando-secom eles, também proporciona à empresa fazer parte do cotidiano das pessoas, através deaplicativos desenvolvidos para gerar interatividade nestas redes. Tais aplicativos sãoextremamente eficazes na comunicação, pois não assumem caráter de propaganda, sendo umexcelente caso de marketing viral. O Twitter, atual febre brasileira, possibilita às organizaçõester uma participação ativa na rede social, onde a marca assume uma personificação na vida dapessoa, participando ativamente do dia-a-dia do consumidor com um conteúdo relevante aoseu público e impactante. Entretanto, para que o processo de interação seja eficaz, é preciso uma estratégicadefinida, a empresa precisa ter em mente quais seus objetivos, recursos e métricas dedesempenho. A interação das redes sociais só será possível se a comunicação gerada nasmantiver a mesma consistência da mensagem utilizada em outros meios de comunicação, e se,ela possibilitar experiências inovadoras aos usuários. Enfim, em um contexto onde os papeis
  5. 5. 4de invertem, ou seja, é o público quem busca a empresa, que permite que ela se torne parte doseu cotidiano, as empresas precisam usar a propaganda não só para vender o conceito e oposicionamento da marca, mas também criar um relacionamento positivo com seuconsumidor. Bibliografia AdNews – Movido pela Notícia. Redes sociais são acessadas diariamente porbrasileiros. Disponível em: < http://www.adnews.com.br/internet/105429.html > Acessoem: 12 de setembro de 2010. MELLO, Anderson C. et tal. Digitalização das Redes Sociais: novos ambientesde interação para propaganda. In: Intercom – Sociedade Brasileira de EstudosInterdisciplinares da Comunicação. XXXII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação– Curitiba, PR – 4 a 7 de setembro de 2009 SPYER, Juliano (org.). Para Entender a Internet: Noções, práticas e desafios dacomunicação em rede. Disponível em: <www.openinnovatio.org/wp.../Para%20entender%20a%20Internet.pdf> Acesso em: 12 desetembro de 2010. VENANCIO, Carlos. Redes Sociais - Vantagens e Desvantagens para asEmpresas. Disponível em:<http://www.mundowsionline.com/_blog/Internet_Marketing_Success_Blog/post/Redes_Sociais_-_Vantagens_e_Desvantagens_para_as_Empresas/> Acesso em: 12 de setembro de 2010.  

×