SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 47
 JEREMIAS – 31:20
 Não é Efraim o meu filho amado (precioso)? O
filho em quem tenho prazer (Criança das
minhas delícias)? Cada vez que Eu falo sobre
Efraim mais me recordo dele com grande
carinho. Por este motivo, o meu coração se
comove por ele(Por isso se comovem por ele
as minhas entranhas) e lhe ministrarei a
minha total compaixão,(deveras me
compadecerei dele) afirma o SENHOR.

 1) - “Saudai aos irmãos que estão em Laodicéia e a Ninfa e a igreja
que está em sua casa” [Colossenses 4];
 - “E a nossa amada Afia, e a Arquipo, nosso camarada, e a igreja
que está em sua casa” [Filemon 1];
 - “As igrejas da Ásia vos saúdam. Saúdam-vos afetuosamente no
Senhor Áqüila e Priscila, com a igreja que está em sua casa”
[1Coríntios 16];
 - “Saudai também a igreja que está em sua casa. Saudai a
Epêneto, meu amado, que é as primícias da Acáia em Cristo”
[Romanos 16];
 COMPORTAMENTO DOS PAIS
 PARA COM OS FILHOS
 1) Valorização – “Não é para mim um filho
precioso”?
Jesus nos apresenta quatro tipos de perdidos:
 1. A OVELHA PERDIDA (Lc 15.3-7) Um tipo de
perdido que pede para ser encontrado.
 2. A DRACMA PERDIDA (Lc 15.8-10) Um tipo de
perdido difícil de ser encontrado. Direção
 3. O FILHO PRÓDIGO (Lc 15.11-24) Um tipo de
perdido que precisa encontrar a si mesmo.
 4. O IRMÃO DO FILHO PRÓDIGO (Lc 15.25-32) Um
tipo de perdido que precisa ser considerado.
AGULHA - ÍNDIA
ALERTA AOS
PAIS COM
SEUS FILHOS
FAMÍLIA
PROJETO
DE DEUS
 Como você se vê?
 A resposta depende muito de como foi sua infância.
Alguns de nós cresceram num lar onde os pais eram
presentes e encorajadores, passando um sentimento de
confiança tão necessário na vida adulta. Outros, porém,
acredito ser a maioria, tiveram na infância fatos vividos
que marcam a forma como se vê.
 Essa pergunta acima, que evidenciam uma auto-estima
marcada por memórias da infância:
 Pais ausentes: "Não tenho a atenção de meus pais porque
não sou importante".
 Pais violentos: "Meus pais são agressivos porque eu sempre
faço tudo errado".
 Pais exigentes: "Meus pais cobram muito de mim porque
não consigo ser bom o bastante".
 Exemplo de Gideão.
 Texto Bíblico: Juízes 6.11-16
 1- Gideão Agraciado por Deus. (v.17).
 – “… achou graças aos olhos do Senhor… (Através de Pessoas)
 2- Gideão Valorizado por Deus. (v.12).
 – “… O Senhor é contigo, varão valoroso”. (SLIDE)
 3- Gideão Fortalecido por Deus. (v.14).
 – “…Vai nesta tua força…”
 4- Gideão Revestido por Deus. (v.34).
 – “Então o Espírito do Senhor revestiu a Gideão…”
 5- Gideão Encorajado por Deus. (v.16).
 – “… Portanto eu hei de ser contigo…”
Confiança, Serviço, Contentamento e Obediência
2) SATISFAÇÃO PELOS FILHOS: (Jr 31:20b) criança de minhas delícias (ou prazer)".
 Venha comigo...Ct 4:8
 1)Venha e ande comigo – Cl 1:10 – Obediencia
 Para que possais andar dignamente diante do Senhor, agradando-lhe em tudo, frutificando em toda a boa
obra, e crescendo no conhecimento de Deus
 Colossenses 1:10
 2)Venha e fale comigo – Lc 24:17 - Oração
 E ele lhes disse: Que palavras são essas que, caminhando, trocais entre vós, e por que estais tristes?
 3)Venha e trabalhe comigo – 1 Co 3:9 - Serviço
 Porque nós somos cooperadores de Deus; vós sois lavoura de Deus e edifício de Deus.
 4)Venha e sofra comigo – Lc 14:26,27 – Renúncia
 Se alguém vier a mim, e não aborrecer a seu pai, e mãe, e mulher, e filhos, e irmãos, e irmãs, e ainda
também a sua própria vida, não pode ser meu discípulo
 5)Venha e alegre-se comigo – Mt 25:34 - Galardão
 Então dirá o Rei aos que estiverem à sua direita: Vinde, benditos de meu Pai, possuí por herança o reino
que vos está preparado desde a fundação do mundo;
 6)Venha e habite comigo para - Jo 14:1-3 Comunhão
 E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde
eu estiver estejais vós também.
 Pais, não irritem seus filhos; antes criem-nos
segundo a instrução e o conselho do Senhor.
Efésios 6:4
(EF 6:4)
 3) DISCIPLINA: Jr 31:20c –
Porque, depois que falo contra
(sobre), ainda me lembro dele...
 1. Seja uma REFERÊNCIA para seus filhos
 “Ame o Senhor, o seu Deus, de todo o seu coração, de toda a sua alma e de
todas as suas forças. Que todas estas palavras que hoje lhe ordeno estejam em
seu coração.” (Dt 6.5-6)
 2. Invista em TEMPO de qualidade com seus filhos
 “Terminado um período de banquetes, Jó mandava chamá-los e fazia com que se
purificassem. De madrugada ele oferecia um holocausto em favor de cada um
deles, pois pensava: “Talvez os meus filhos tenham lá no íntimo pecado e
amaldiçoado a Deus”. Essa era a prática constante de Jó.” (Jó 1.5)
 3. Cuide da FORMAÇÃO ESPIRITUAL dos seus filhos
 “Povo meu, escute o meu ensino; incline os ouvidos para o que eu tenho a dizer…
o que ouvimos e aprendemos, o que nossos pais nos contaram. Não os
esconderemos dos nossos filhos; contaremos à próxima geração os louváveis
feitos do Senhor, o seu poder e as maravilhas que fez. Ele decretou estatutos
para Jacó, e em Israel estabeleceu a lei, e ordenou aos nossos antepassados que
a ensinassem aos seus filhos, de modo que a geração seguinte a conhecesse, e
também os filhos que ainda nasceriam, e eles, por sua vez, contassem aos seus
próprios filhos. Então eles porão a confiança em Deus; não esquecerão os seus
feitos e obedecerão aos seus mandamentos. Eles não serão como os seus
antepassados, obstinados e rebeldes, povo de coração desleal para com Deus,
gente de espírito infiel.” (Sl 78.1,3-8)
 4) LEMBRANÇA: (Jr 31:20d) "ainda me lembro dele
solicitamente ou (com carinho)“
 “Procura vir ter comigo depressa”
 VERDADES DO AMOR FRATERNAL – 2Tm 4:9
 1.Procura – O interesse do amor (O amor não despreza, mas busca)
 2.Vir – A ação do amor (o amor vem ao encontro do objeto de sua atenção)
 3.Ter – A presença do amor (o amor nunca está ausente)
 4.Comigo – a proximidade do amor (o amor que estar junto)
 5.Depressa – a urgência do amor (o amor tem pressa)
 4 – Oferece oportunidade para
resolver problemas e tensões
na família.
 Marcos 15:21
 E constrangeram um certo Simão Cireneu, pai de
Alexandre e de Rufo, que por ali passava, vindo do
campo, a que levasse a cruz.
 1. Simão era de Cirene: representa a todos aqueles que
buscam a Deus.
 2. Simão era pai de família: representa a todos aqueles
que se preocupam com a espiritualidade da sua família.
 3. Simão vinha do campo: representa a todos aqueles
que deixam o trabalho para ir à igreja.
 5 – Tempo de qualidade com a
família.
 Porque desde criança você conhece as sagradas letras, que são
capazes de torná-lo sábio para a salvação mediante a fé em
Cristo Jesus.
 Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a
repreensão, para a correção e para a instrução na justiça,
para que o homem de Deus seja apto e plenamente preparado
para toda boa obra.

2Timóteo 3:14-17
(II TM 3-14-17)
 Instrua a criança segundo os objetivos que
você tem para ela, e mesmo com o passar dos
anos não se desviará deles.
 Provérbios 22:6
(PV 22:6)
 Em crise na vida adulta a
pessoa se reporta aos ensinos
que recebeu na infância
 7 - Faz do lar um exemplo e
estímulo para outros lares
 Porém, não lhes agrada servir ao Senhor, escolham
hoje a quem irão servir, se aos deuses que os seus
antepassados serviram além do Eufrates, ou aos
deuses dos amorreus, em cuja terra vocês estão
vivendo. Mas, eu e a minha família serviremos ao
Senhor".
 Josué 24:15
(JS 24:15)
 8 - Ele significa menos internet
e menos televisão, mais diálogo
e mais comunhão.
 9 - Reunião participativa
 Habite ricamente em vocês a palavra de Cristo;
ensinem e aconselhem-se uns aos outros com toda a
sabedoria, e cantem salmos, hinos e cânticos
espirituais com gratidão a Deus em seus corações.
 Colossenses 3:16
(CL 3:16)
 10 - Passar os valores cristãos
para a família
 Recordo-me da sua fé não fingida, que
primeiro habitou em sua avó Lóide e em
sua mãe Eunice, e estou convencido de que
também habita em você.
 2Timóteo 1:5
(II TM 1:5)
 11 - Mostra o evangelho
aplicável à vida diária.
(
 12 - Fortalece os laços
espirituais em casa.
 13 - Dúvidas à respeito da bíblia
e da vida cristã podem ser
dirimidas.
 Dificuldades ...
 Cuidados
 1 - Não usar o culto doméstico
para ficar alfinetando
 2- Torne o culto relevante
 3 - Seja coerente
 4 – Torne participativo
 5 – Use de espontaneidade
Vamos
Orar ?

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIALIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIALourinaldo Serafim
 
A importância do culto doméstico
A importância do culto domésticoA importância do culto doméstico
A importância do culto domésticoLuan Almeida
 
LIÇÃO 07 – HONRARÁS PAI E MÃE
LIÇÃO 07 – HONRARÁS PAI E MÃE LIÇÃO 07 – HONRARÁS PAI E MÃE
LIÇÃO 07 – HONRARÁS PAI E MÃE Lourinaldo Serafim
 
EU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola Dominical
EU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola DominicalEU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola Dominical
EU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola Dominicalyosseph2013
 
Lição 10 - O poder da evangelização na família
Lição 10 - O poder da evangelização na famíliaLição 10 - O poder da evangelização na família
Lição 10 - O poder da evangelização na famíliaI.A.D.F.J - SAMAMABAIA SUL
 
A Decisão de Servir a Deus na Família
A Decisão de Servir a Deus na FamíliaA Decisão de Servir a Deus na Família
A Decisão de Servir a Deus na FamíliaEid Marques
 
O poder da evangelização na família - Lição 10 - 3º Trimestre 2016
O poder da evangelização na família - Lição 10 - 3º Trimestre 2016O poder da evangelização na família - Lição 10 - 3º Trimestre 2016
O poder da evangelização na família - Lição 10 - 3º Trimestre 2016Pr. Andre Luiz
 
O padrao de deus para a familia
  O padrao de deus para a familia  O padrao de deus para a familia
O padrao de deus para a familiaClemente Luiz
 
Estudo para família 2011
Estudo para família 2011Estudo para família 2011
Estudo para família 2011ipadcamela
 
O Poder da Evangelização na Familia
O Poder da Evangelização na FamiliaO Poder da Evangelização na Familia
O Poder da Evangelização na FamiliaMárcio Martins
 
2013 2 tri - lição 13 - eu e minha casa serviremos ao senhor
2013   2 tri - lição 13 - eu e minha casa serviremos ao senhor2013   2 tri - lição 13 - eu e minha casa serviremos ao senhor
2013 2 tri - lição 13 - eu e minha casa serviremos ao senhorNatalino das Neves Neves
 
Lição 10 - O poder da evangelização na família
Lição 10 - O poder da evangelização na famíliaLição 10 - O poder da evangelização na família
Lição 10 - O poder da evangelização na famíliaErberson Pinheiro
 
Culto Familiar - Ministério da Família, Igreja Adventista
Culto Familiar - Ministério da Família, Igreja AdventistaCulto Familiar - Ministério da Família, Igreja Adventista
Culto Familiar - Ministério da Família, Igreja AdventistaIgreja Adventista do Sétimo Dia
 
Lição 2 "Há algo errado com a família"?
Lição 2 "Há algo errado com a família"?Lição 2 "Há algo errado com a família"?
Lição 2 "Há algo errado com a família"?Marcus Wagner
 
Família, criação de Deus
Família, criação de DeusFamília, criação de Deus
Família, criação de DeusMoisés Sampaio
 
Educando filhos para o céu
Educando filhos para o céuEducando filhos para o céu
Educando filhos para o céuCaio Cesar
 
A familia cristã e os ataques do inimigo
A familia cristã e os ataques do inimigoA familia cristã e os ataques do inimigo
A familia cristã e os ataques do inimigojose filho
 

Mais procurados (20)

O caminho do amor na família
O caminho do amor na família  O caminho do amor na família
O caminho do amor na família
 
LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIALIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
 
A importância do culto doméstico
A importância do culto domésticoA importância do culto doméstico
A importância do culto doméstico
 
LIÇÃO 07 – HONRARÁS PAI E MÃE
LIÇÃO 07 – HONRARÁS PAI E MÃE LIÇÃO 07 – HONRARÁS PAI E MÃE
LIÇÃO 07 – HONRARÁS PAI E MÃE
 
LIÇÃO 7 - HONRARÁS PAI E MÃE
LIÇÃO 7 - HONRARÁS PAI E MÃELIÇÃO 7 - HONRARÁS PAI E MÃE
LIÇÃO 7 - HONRARÁS PAI E MÃE
 
EU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola Dominical
EU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola DominicalEU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola Dominical
EU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola Dominical
 
Lição 10 - O poder da evangelização na família
Lição 10 - O poder da evangelização na famíliaLição 10 - O poder da evangelização na família
Lição 10 - O poder da evangelização na família
 
A Decisão de Servir a Deus na Família
A Decisão de Servir a Deus na FamíliaA Decisão de Servir a Deus na Família
A Decisão de Servir a Deus na Família
 
O poder da evangelização na família - Lição 10 - 3º Trimestre 2016
O poder da evangelização na família - Lição 10 - 3º Trimestre 2016O poder da evangelização na família - Lição 10 - 3º Trimestre 2016
O poder da evangelização na família - Lição 10 - 3º Trimestre 2016
 
O padrao de deus para a familia
  O padrao de deus para a familia  O padrao de deus para a familia
O padrao de deus para a familia
 
Estudo para família 2011
Estudo para família 2011Estudo para família 2011
Estudo para família 2011
 
O Poder da Evangelização na Familia
O Poder da Evangelização na FamiliaO Poder da Evangelização na Familia
O Poder da Evangelização na Familia
 
2013 2 tri - lição 13 - eu e minha casa serviremos ao senhor
2013   2 tri - lição 13 - eu e minha casa serviremos ao senhor2013   2 tri - lição 13 - eu e minha casa serviremos ao senhor
2013 2 tri - lição 13 - eu e minha casa serviremos ao senhor
 
Conflitos no Lar
Conflitos no LarConflitos no Lar
Conflitos no Lar
 
Lição 10 - O poder da evangelização na família
Lição 10 - O poder da evangelização na famíliaLição 10 - O poder da evangelização na família
Lição 10 - O poder da evangelização na família
 
Culto Familiar - Ministério da Família, Igreja Adventista
Culto Familiar - Ministério da Família, Igreja AdventistaCulto Familiar - Ministério da Família, Igreja Adventista
Culto Familiar - Ministério da Família, Igreja Adventista
 
Lição 2 "Há algo errado com a família"?
Lição 2 "Há algo errado com a família"?Lição 2 "Há algo errado com a família"?
Lição 2 "Há algo errado com a família"?
 
Família, criação de Deus
Família, criação de DeusFamília, criação de Deus
Família, criação de Deus
 
Educando filhos para o céu
Educando filhos para o céuEducando filhos para o céu
Educando filhos para o céu
 
A familia cristã e os ataques do inimigo
A familia cristã e os ataques do inimigoA familia cristã e os ataques do inimigo
A familia cristã e os ataques do inimigo
 

Destaque

Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)
Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)
Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)Quenia Damata
 
Modulo3 Ministerios Familia
Modulo3 Ministerios FamiliaModulo3 Ministerios Familia
Modulo3 Ministerios FamiliaCamila Moura
 
Planejamento ministerio de crianças e juniores
Planejamento ministerio de crianças e junioresPlanejamento ministerio de crianças e juniores
Planejamento ministerio de crianças e junioresGrazy P
 
Apostila Culto de Missões - Volume 2
Apostila Culto de Missões - Volume 2Apostila Culto de Missões - Volume 2
Apostila Culto de Missões - Volume 2Sammis Reachers
 
Como elaborar um culto infantil
Como elaborar um culto infantilComo elaborar um culto infantil
Como elaborar um culto infantilMárcio Melânia
 
estudo biblico
estudo biblicoestudo biblico
estudo biblicovalmarques
 
Apostila ebd - classe kids - professor - cresça com deus - 2º quadrimestre
Apostila   ebd - classe kids - professor - cresça com deus - 2º quadrimestreApostila   ebd - classe kids - professor - cresça com deus - 2º quadrimestre
Apostila ebd - classe kids - professor - cresça com deus - 2º quadrimestreSergio Silva
 
Slides palestra família
Slides palestra famíliaSlides palestra família
Slides palestra famíliaClarice-Borges
 

Destaque (10)

Semeando fevereiro 2012
Semeando fevereiro 2012Semeando fevereiro 2012
Semeando fevereiro 2012
 
Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)
Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)
Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)
 
Modulo3 Ministerios Familia
Modulo3 Ministerios FamiliaModulo3 Ministerios Familia
Modulo3 Ministerios Familia
 
Planejamento ministerio de crianças e juniores
Planejamento ministerio de crianças e junioresPlanejamento ministerio de crianças e juniores
Planejamento ministerio de crianças e juniores
 
Apostila Culto de Missões - Volume 2
Apostila Culto de Missões - Volume 2Apostila Culto de Missões - Volume 2
Apostila Culto de Missões - Volume 2
 
Culto com crianças
Culto com criançasCulto com crianças
Culto com crianças
 
Como elaborar um culto infantil
Como elaborar um culto infantilComo elaborar um culto infantil
Como elaborar um culto infantil
 
estudo biblico
estudo biblicoestudo biblico
estudo biblico
 
Apostila ebd - classe kids - professor - cresça com deus - 2º quadrimestre
Apostila   ebd - classe kids - professor - cresça com deus - 2º quadrimestreApostila   ebd - classe kids - professor - cresça com deus - 2º quadrimestre
Apostila ebd - classe kids - professor - cresça com deus - 2º quadrimestre
 
Slides palestra família
Slides palestra famíliaSlides palestra família
Slides palestra família
 

Semelhante a Culto domésticco

Intercessão dos pais pelos filhos e filhos pelos pais.
Intercessão dos pais pelos filhos e filhos pelos pais.Intercessão dos pais pelos filhos e filhos pelos pais.
Intercessão dos pais pelos filhos e filhos pelos pais.Ramón Zazatt
 
Leituras: 1º Domingo após NATAL - Ano C
Leituras: 1º Domingo após NATAL - Ano CLeituras: 1º Domingo após NATAL - Ano C
Leituras: 1º Domingo após NATAL - Ano CJosé Lima
 
Leituras: A Sagrada Família de Jesus - Ano B
Leituras: A Sagrada Família de Jesus - Ano BLeituras: A Sagrada Família de Jesus - Ano B
Leituras: A Sagrada Família de Jesus - Ano BJosé Lima
 
Leituras: Domingo da Sagrada Família - Anos ABC
Leituras: Domingo da Sagrada Família - Anos ABCLeituras: Domingo da Sagrada Família - Anos ABC
Leituras: Domingo da Sagrada Família - Anos ABCJosé Lima
 
09 CRIAR FILHOS BIBLICAMENTE.ppt
09 CRIAR FILHOS BIBLICAMENTE.ppt09 CRIAR FILHOS BIBLICAMENTE.ppt
09 CRIAR FILHOS BIBLICAMENTE.pptLuiz Gomes
 
Aula 05 - Seminário Sobre a Igreja (Segunda Temporada)
Aula 05 - Seminário Sobre a Igreja (Segunda Temporada)Aula 05 - Seminário Sobre a Igreja (Segunda Temporada)
Aula 05 - Seminário Sobre a Igreja (Segunda Temporada)IBC de Jacarepaguá
 
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptxA FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptxRosinaldo Lima Cunha
 
Pais e filhos_espirituais
Pais e filhos_espirituaisPais e filhos_espirituais
Pais e filhos_espirituaisPaulo Da Rocha
 
Lição nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri
Lição   nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º triLição   nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri
Lição nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º triGérson Fagundes da Cunha
 
Voz da Paróquia - Setembro 2011
Voz da Paróquia - Setembro 2011Voz da Paróquia - Setembro 2011
Voz da Paróquia - Setembro 2011Fernando Chapeiro
 
Voz da Paróquia - Setembro 2011
Voz da Paróquia - Setembro 2011Voz da Paróquia - Setembro 2011
Voz da Paróquia - Setembro 2011jesmioma
 
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIANatalino das Neves Neves
 
Família 3 aula 4 - disciplina e correção de filhos -
Família 3   aula 4 - disciplina e correção de filhos -Família 3   aula 4 - disciplina e correção de filhos -
Família 3 aula 4 - disciplina e correção de filhos -Vanius Ricardo Vaz Santos
 
A importancia do culto doméstico.pptx
A importancia do culto doméstico.pptxA importancia do culto doméstico.pptx
A importancia do culto doméstico.pptxCesarArajo2
 
Missa Acadêmica - ENGENHARIA UNINORTE.docx
Missa Acadêmica - ENGENHARIA UNINORTE.docxMissa Acadêmica - ENGENHARIA UNINORTE.docx
Missa Acadêmica - ENGENHARIA UNINORTE.docxJorgeWillianVianadaS
 
Reconectando as gerações - Daphne Kirk - português.ppt
Reconectando as gerações -  Daphne Kirk - português.pptReconectando as gerações -  Daphne Kirk - português.ppt
Reconectando as gerações - Daphne Kirk - português.pptLuiz Gomes
 
Discipulado das crianças_Respostas_412014
Discipulado das crianças_Respostas_412014Discipulado das crianças_Respostas_412014
Discipulado das crianças_Respostas_412014Gerson G. Ramos
 

Semelhante a Culto domésticco (20)

Intercessão dos pais pelos filhos e filhos pelos pais.
Intercessão dos pais pelos filhos e filhos pelos pais.Intercessão dos pais pelos filhos e filhos pelos pais.
Intercessão dos pais pelos filhos e filhos pelos pais.
 
Leituras: 1º Domingo após NATAL - Ano C
Leituras: 1º Domingo após NATAL - Ano CLeituras: 1º Domingo após NATAL - Ano C
Leituras: 1º Domingo após NATAL - Ano C
 
Leituras: A Sagrada Família de Jesus - Ano B
Leituras: A Sagrada Família de Jesus - Ano BLeituras: A Sagrada Família de Jesus - Ano B
Leituras: A Sagrada Família de Jesus - Ano B
 
De Pai para filho
De Pai para filho De Pai para filho
De Pai para filho
 
21082009113507
2108200911350721082009113507
21082009113507
 
Leituras: Domingo da Sagrada Família - Anos ABC
Leituras: Domingo da Sagrada Família - Anos ABCLeituras: Domingo da Sagrada Família - Anos ABC
Leituras: Domingo da Sagrada Família - Anos ABC
 
09 CRIAR FILHOS BIBLICAMENTE.ppt
09 CRIAR FILHOS BIBLICAMENTE.ppt09 CRIAR FILHOS BIBLICAMENTE.ppt
09 CRIAR FILHOS BIBLICAMENTE.ppt
 
Aula 05 - Seminário Sobre a Igreja (Segunda Temporada)
Aula 05 - Seminário Sobre a Igreja (Segunda Temporada)Aula 05 - Seminário Sobre a Igreja (Segunda Temporada)
Aula 05 - Seminário Sobre a Igreja (Segunda Temporada)
 
Guião pai nosso 2017
Guião pai nosso   2017Guião pai nosso   2017
Guião pai nosso 2017
 
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptxA FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
 
Pais e filhos_espirituais
Pais e filhos_espirituaisPais e filhos_espirituais
Pais e filhos_espirituais
 
Lição nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri
Lição   nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º triLição   nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri
Lição nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri
 
Voz da Paróquia - Setembro 2011
Voz da Paróquia - Setembro 2011Voz da Paróquia - Setembro 2011
Voz da Paróquia - Setembro 2011
 
Voz da Paróquia - Setembro 2011
Voz da Paróquia - Setembro 2011Voz da Paróquia - Setembro 2011
Voz da Paróquia - Setembro 2011
 
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
 
Família 3 aula 4 - disciplina e correção de filhos -
Família 3   aula 4 - disciplina e correção de filhos -Família 3   aula 4 - disciplina e correção de filhos -
Família 3 aula 4 - disciplina e correção de filhos -
 
A importancia do culto doméstico.pptx
A importancia do culto doméstico.pptxA importancia do culto doméstico.pptx
A importancia do culto doméstico.pptx
 
Missa Acadêmica - ENGENHARIA UNINORTE.docx
Missa Acadêmica - ENGENHARIA UNINORTE.docxMissa Acadêmica - ENGENHARIA UNINORTE.docx
Missa Acadêmica - ENGENHARIA UNINORTE.docx
 
Reconectando as gerações - Daphne Kirk - português.ppt
Reconectando as gerações -  Daphne Kirk - português.pptReconectando as gerações -  Daphne Kirk - português.ppt
Reconectando as gerações - Daphne Kirk - português.ppt
 
Discipulado das crianças_Respostas_412014
Discipulado das crianças_Respostas_412014Discipulado das crianças_Respostas_412014
Discipulado das crianças_Respostas_412014
 

Mais de Atevaldo Fernandes do Nascimento (20)

O cativeiro de judá
O cativeiro de judáO cativeiro de judá
O cativeiro de judá
 
Celeiros
CeleirosCeleiros
Celeiros
 
Saulo de tarso
Saulo de tarsoSaulo de tarso
Saulo de tarso
 
Purificação de naamã
Purificação de naamãPurificação de naamã
Purificação de naamã
 
ISRAEL NO PLANO DA SALVAÇÃO
ISRAEL NO PLANO DA SALVAÇÃOISRAEL NO PLANO DA SALVAÇÃO
ISRAEL NO PLANO DA SALVAÇÃO
 
A igreja
A igrejaA igreja
A igreja
 
TRONO BRANCO
TRONO BRANCOTRONO BRANCO
TRONO BRANCO
 
EBD 2 TRIMESTRE 2021
EBD 2 TRIMESTRE 2021EBD 2 TRIMESTRE 2021
EBD 2 TRIMESTRE 2021
 
O AMOR DE DEUS
O AMOR DE DEUSO AMOR DE DEUS
O AMOR DE DEUS
 
Profecias
ProfeciasProfecias
Profecias
 
CORPO DE CRISTO
CORPO DE CRISTOCORPO DE CRISTO
CORPO DE CRISTO
 
O Espírito Santo.
O Espírito Santo.O Espírito Santo.
O Espírito Santo.
 
Devoto, Seguidor e Discípulos de Jesus.
Devoto, Seguidor e Discípulos de Jesus.Devoto, Seguidor e Discípulos de Jesus.
Devoto, Seguidor e Discípulos de Jesus.
 
A carta de Deus para Nós.
A carta de Deus para Nós.A carta de Deus para Nós.
A carta de Deus para Nós.
 
Salmo 100
Salmo 100Salmo 100
Salmo 100
 
O amor de Deus.
O amor de Deus.O amor de Deus.
O amor de Deus.
 
Lei de deus
Lei de deusLei de deus
Lei de deus
 
Palavra que Cura
Palavra que CuraPalavra que Cura
Palavra que Cura
 
Cristo e a cruz.
Cristo e a cruz.Cristo e a cruz.
Cristo e a cruz.
 
Jesus, a porta.
Jesus,  a porta.Jesus,  a porta.
Jesus, a porta.
 

Último

O SAGRADO CORAÇÃO DA JUSTIÇA II / 25/05/2024
O SAGRADO CORAÇÃO DA JUSTIÇA II / 25/05/2024O SAGRADO CORAÇÃO DA JUSTIÇA II / 25/05/2024
O SAGRADO CORAÇÃO DA JUSTIÇA II / 25/05/2024thandreola
 
Letra A reforma versão - atos 2 letra a reforma atos 2
Letra A reforma versão - atos 2 letra a reforma atos 2Letra A reforma versão - atos 2 letra a reforma atos 2
Letra A reforma versão - atos 2 letra a reforma atos 2emprego2
 
Lição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Lição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptxLição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Lição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptxCelso Napoleon
 
Ciclos de Aprendizados: “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
Ciclos de Aprendizados:  “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...Ciclos de Aprendizados:  “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
Ciclos de Aprendizados: “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...M.R.L
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação NecessáriaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação NecessáriaRicardo Azevedo
 
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptxIgreja Jesus é o Verbo
 
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptx
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptxBíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptx
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptxIgreja Jesus é o Verbo
 
EVOLUÇAO EM DOIS MUNDOS FRANCISCO (1).pdf
EVOLUÇAO EM DOIS MUNDOS FRANCISCO (1).pdfEVOLUÇAO EM DOIS MUNDOS FRANCISCO (1).pdf
EVOLUÇAO EM DOIS MUNDOS FRANCISCO (1).pdfFrancisco Baptista
 
Livro Atos dos apóstolos estudo 12- Cap 25 e 26.pptx
Livro Atos dos apóstolos  estudo 12- Cap 25 e 26.pptxLivro Atos dos apóstolos  estudo 12- Cap 25 e 26.pptx
Livro Atos dos apóstolos estudo 12- Cap 25 e 26.pptxPIB Penha
 
João Calvino e o Cânticos dos Salmos: uma introdução ao pensamento de Calvino...
João Calvino e o Cânticos dos Salmos: uma introdução ao pensamento de Calvino...João Calvino e o Cânticos dos Salmos: uma introdução ao pensamento de Calvino...
João Calvino e o Cânticos dos Salmos: uma introdução ao pensamento de Calvino...edsonjsmarques
 
Oração De Santa Rita De Cássia
Oração De Santa Rita De CássiaOração De Santa Rita De Cássia
Oração De Santa Rita De CássiaNilson Almeida
 

Último (11)

O SAGRADO CORAÇÃO DA JUSTIÇA II / 25/05/2024
O SAGRADO CORAÇÃO DA JUSTIÇA II / 25/05/2024O SAGRADO CORAÇÃO DA JUSTIÇA II / 25/05/2024
O SAGRADO CORAÇÃO DA JUSTIÇA II / 25/05/2024
 
Letra A reforma versão - atos 2 letra a reforma atos 2
Letra A reforma versão - atos 2 letra a reforma atos 2Letra A reforma versão - atos 2 letra a reforma atos 2
Letra A reforma versão - atos 2 letra a reforma atos 2
 
Lição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Lição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptxLição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Lição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 
Ciclos de Aprendizados: “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
Ciclos de Aprendizados:  “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...Ciclos de Aprendizados:  “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
Ciclos de Aprendizados: “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação NecessáriaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
 
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
 
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptx
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptxBíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptx
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptx
 
EVOLUÇAO EM DOIS MUNDOS FRANCISCO (1).pdf
EVOLUÇAO EM DOIS MUNDOS FRANCISCO (1).pdfEVOLUÇAO EM DOIS MUNDOS FRANCISCO (1).pdf
EVOLUÇAO EM DOIS MUNDOS FRANCISCO (1).pdf
 
Livro Atos dos apóstolos estudo 12- Cap 25 e 26.pptx
Livro Atos dos apóstolos  estudo 12- Cap 25 e 26.pptxLivro Atos dos apóstolos  estudo 12- Cap 25 e 26.pptx
Livro Atos dos apóstolos estudo 12- Cap 25 e 26.pptx
 
João Calvino e o Cânticos dos Salmos: uma introdução ao pensamento de Calvino...
João Calvino e o Cânticos dos Salmos: uma introdução ao pensamento de Calvino...João Calvino e o Cânticos dos Salmos: uma introdução ao pensamento de Calvino...
João Calvino e o Cânticos dos Salmos: uma introdução ao pensamento de Calvino...
 
Oração De Santa Rita De Cássia
Oração De Santa Rita De CássiaOração De Santa Rita De Cássia
Oração De Santa Rita De Cássia
 

Culto domésticco

  • 1.
  • 2.
  • 3.  JEREMIAS – 31:20  Não é Efraim o meu filho amado (precioso)? O filho em quem tenho prazer (Criança das minhas delícias)? Cada vez que Eu falo sobre Efraim mais me recordo dele com grande carinho. Por este motivo, o meu coração se comove por ele(Por isso se comovem por ele as minhas entranhas) e lhe ministrarei a minha total compaixão,(deveras me compadecerei dele) afirma o SENHOR.
  • 4.
  • 5.
  • 6.
  • 7.
  • 8.   1) - “Saudai aos irmãos que estão em Laodicéia e a Ninfa e a igreja que está em sua casa” [Colossenses 4];  - “E a nossa amada Afia, e a Arquipo, nosso camarada, e a igreja que está em sua casa” [Filemon 1];  - “As igrejas da Ásia vos saúdam. Saúdam-vos afetuosamente no Senhor Áqüila e Priscila, com a igreja que está em sua casa” [1Coríntios 16];  - “Saudai também a igreja que está em sua casa. Saudai a Epêneto, meu amado, que é as primícias da Acáia em Cristo” [Romanos 16];
  • 9.
  • 10.  COMPORTAMENTO DOS PAIS  PARA COM OS FILHOS  1) Valorização – “Não é para mim um filho precioso”? Jesus nos apresenta quatro tipos de perdidos:  1. A OVELHA PERDIDA (Lc 15.3-7) Um tipo de perdido que pede para ser encontrado.  2. A DRACMA PERDIDA (Lc 15.8-10) Um tipo de perdido difícil de ser encontrado. Direção  3. O FILHO PRÓDIGO (Lc 15.11-24) Um tipo de perdido que precisa encontrar a si mesmo.  4. O IRMÃO DO FILHO PRÓDIGO (Lc 15.25-32) Um tipo de perdido que precisa ser considerado. AGULHA - ÍNDIA
  • 12.
  • 13.
  • 15.  Como você se vê?  A resposta depende muito de como foi sua infância. Alguns de nós cresceram num lar onde os pais eram presentes e encorajadores, passando um sentimento de confiança tão necessário na vida adulta. Outros, porém, acredito ser a maioria, tiveram na infância fatos vividos que marcam a forma como se vê.  Essa pergunta acima, que evidenciam uma auto-estima marcada por memórias da infância:  Pais ausentes: "Não tenho a atenção de meus pais porque não sou importante".  Pais violentos: "Meus pais são agressivos porque eu sempre faço tudo errado".  Pais exigentes: "Meus pais cobram muito de mim porque não consigo ser bom o bastante".
  • 16.  Exemplo de Gideão.  Texto Bíblico: Juízes 6.11-16  1- Gideão Agraciado por Deus. (v.17).  – “… achou graças aos olhos do Senhor… (Através de Pessoas)  2- Gideão Valorizado por Deus. (v.12).  – “… O Senhor é contigo, varão valoroso”. (SLIDE)  3- Gideão Fortalecido por Deus. (v.14).  – “…Vai nesta tua força…”  4- Gideão Revestido por Deus. (v.34).  – “Então o Espírito do Senhor revestiu a Gideão…”  5- Gideão Encorajado por Deus. (v.16).  – “… Portanto eu hei de ser contigo…” Confiança, Serviço, Contentamento e Obediência
  • 17.
  • 18.
  • 19. 2) SATISFAÇÃO PELOS FILHOS: (Jr 31:20b) criança de minhas delícias (ou prazer)".  Venha comigo...Ct 4:8  1)Venha e ande comigo – Cl 1:10 – Obediencia  Para que possais andar dignamente diante do Senhor, agradando-lhe em tudo, frutificando em toda a boa obra, e crescendo no conhecimento de Deus  Colossenses 1:10  2)Venha e fale comigo – Lc 24:17 - Oração  E ele lhes disse: Que palavras são essas que, caminhando, trocais entre vós, e por que estais tristes?  3)Venha e trabalhe comigo – 1 Co 3:9 - Serviço  Porque nós somos cooperadores de Deus; vós sois lavoura de Deus e edifício de Deus.  4)Venha e sofra comigo – Lc 14:26,27 – Renúncia  Se alguém vier a mim, e não aborrecer a seu pai, e mãe, e mulher, e filhos, e irmãos, e irmãs, e ainda também a sua própria vida, não pode ser meu discípulo  5)Venha e alegre-se comigo – Mt 25:34 - Galardão  Então dirá o Rei aos que estiverem à sua direita: Vinde, benditos de meu Pai, possuí por herança o reino que vos está preparado desde a fundação do mundo;  6)Venha e habite comigo para - Jo 14:1-3 Comunhão  E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também.
  • 20.  Pais, não irritem seus filhos; antes criem-nos segundo a instrução e o conselho do Senhor. Efésios 6:4 (EF 6:4)
  • 21.  3) DISCIPLINA: Jr 31:20c – Porque, depois que falo contra (sobre), ainda me lembro dele...
  • 22.  1. Seja uma REFERÊNCIA para seus filhos  “Ame o Senhor, o seu Deus, de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todas as suas forças. Que todas estas palavras que hoje lhe ordeno estejam em seu coração.” (Dt 6.5-6)  2. Invista em TEMPO de qualidade com seus filhos  “Terminado um período de banquetes, Jó mandava chamá-los e fazia com que se purificassem. De madrugada ele oferecia um holocausto em favor de cada um deles, pois pensava: “Talvez os meus filhos tenham lá no íntimo pecado e amaldiçoado a Deus”. Essa era a prática constante de Jó.” (Jó 1.5)  3. Cuide da FORMAÇÃO ESPIRITUAL dos seus filhos  “Povo meu, escute o meu ensino; incline os ouvidos para o que eu tenho a dizer… o que ouvimos e aprendemos, o que nossos pais nos contaram. Não os esconderemos dos nossos filhos; contaremos à próxima geração os louváveis feitos do Senhor, o seu poder e as maravilhas que fez. Ele decretou estatutos para Jacó, e em Israel estabeleceu a lei, e ordenou aos nossos antepassados que a ensinassem aos seus filhos, de modo que a geração seguinte a conhecesse, e também os filhos que ainda nasceriam, e eles, por sua vez, contassem aos seus próprios filhos. Então eles porão a confiança em Deus; não esquecerão os seus feitos e obedecerão aos seus mandamentos. Eles não serão como os seus antepassados, obstinados e rebeldes, povo de coração desleal para com Deus, gente de espírito infiel.” (Sl 78.1,3-8)
  • 23.  4) LEMBRANÇA: (Jr 31:20d) "ainda me lembro dele solicitamente ou (com carinho)“  “Procura vir ter comigo depressa”  VERDADES DO AMOR FRATERNAL – 2Tm 4:9  1.Procura – O interesse do amor (O amor não despreza, mas busca)  2.Vir – A ação do amor (o amor vem ao encontro do objeto de sua atenção)  3.Ter – A presença do amor (o amor nunca está ausente)  4.Comigo – a proximidade do amor (o amor que estar junto)  5.Depressa – a urgência do amor (o amor tem pressa)
  • 24.  4 – Oferece oportunidade para resolver problemas e tensões na família.
  • 25.  Marcos 15:21  E constrangeram um certo Simão Cireneu, pai de Alexandre e de Rufo, que por ali passava, vindo do campo, a que levasse a cruz.  1. Simão era de Cirene: representa a todos aqueles que buscam a Deus.  2. Simão era pai de família: representa a todos aqueles que se preocupam com a espiritualidade da sua família.  3. Simão vinha do campo: representa a todos aqueles que deixam o trabalho para ir à igreja.
  • 26.  5 – Tempo de qualidade com a família.
  • 27.  Porque desde criança você conhece as sagradas letras, que são capazes de torná-lo sábio para a salvação mediante a fé em Cristo Jesus.  Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção e para a instrução na justiça, para que o homem de Deus seja apto e plenamente preparado para toda boa obra.  2Timóteo 3:14-17 (II TM 3-14-17)
  • 28.  Instrua a criança segundo os objetivos que você tem para ela, e mesmo com o passar dos anos não se desviará deles.  Provérbios 22:6 (PV 22:6)
  • 29.  Em crise na vida adulta a pessoa se reporta aos ensinos que recebeu na infância
  • 30.  7 - Faz do lar um exemplo e estímulo para outros lares
  • 31.  Porém, não lhes agrada servir ao Senhor, escolham hoje a quem irão servir, se aos deuses que os seus antepassados serviram além do Eufrates, ou aos deuses dos amorreus, em cuja terra vocês estão vivendo. Mas, eu e a minha família serviremos ao Senhor".  Josué 24:15 (JS 24:15)
  • 32.  8 - Ele significa menos internet e menos televisão, mais diálogo e mais comunhão.
  • 33.  9 - Reunião participativa
  • 34.  Habite ricamente em vocês a palavra de Cristo; ensinem e aconselhem-se uns aos outros com toda a sabedoria, e cantem salmos, hinos e cânticos espirituais com gratidão a Deus em seus corações.  Colossenses 3:16 (CL 3:16)
  • 35.  10 - Passar os valores cristãos para a família
  • 36.  Recordo-me da sua fé não fingida, que primeiro habitou em sua avó Lóide e em sua mãe Eunice, e estou convencido de que também habita em você.  2Timóteo 1:5 (II TM 1:5)
  • 37.  11 - Mostra o evangelho aplicável à vida diária. (
  • 38.  12 - Fortalece os laços espirituais em casa.
  • 39.  13 - Dúvidas à respeito da bíblia e da vida cristã podem ser dirimidas.
  • 42.  1 - Não usar o culto doméstico para ficar alfinetando
  • 43.  2- Torne o culto relevante
  • 44.  3 - Seja coerente
  • 45.  4 – Torne participativo
  • 46.  5 – Use de espontaneidade