DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
FRASEOLOGIA
ATM-006
“NON-RADAR”
Curso de Capacitação Convencional para ACC e APP
by
ATCO-BRA...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
TMA FL – Área de Controle Terminal de Florianópolis
Tabela de conversão
KT NM/min KT NM/min
...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
Posições geográficas visuais utilizadas para a entrada/transferência de controle
do APP para...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
FRASEOLOGIA
Bizu.
No primeiro contato o ATCO deverá observar se o piloto reportou o NIVEL DE...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
Obs:
a) O limite é muito relativo, sendo que o ATCO deverá estabelecer aquele que ele julgar...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
Procedimento de Espera
ATCO: GLO 1840, mantenha espera sobre VOR Florianópolis, no FL 080.
A...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
Exercício exemplo nº 01 (Português)
Dados: ((FAB 7215 SBCT x SBFL E145 FL240 “R045 VOR FLN”V...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
Exercício exemplo nº 01 (Inglês)
Dados: ((FAB 7215 SBCT x SBFL E145 FL240 “R045 VOR FLN” VOR...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
Exercício exemplo nº02 (Portugues)
Dados: ((PTLDK SBPA x SBFL BE9L FL180 “R230 VOR FLN” VOR/...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
PLANO AFIL
Pilot: PT ISA mantendo condições visuais, solicita plano AFIL.
Pilot: PT ISA main...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
Exercício exemplo (Português) AFIL
Dados: ((PT KDJ SDEN x SBFL C182 FL075 “setor NORTE”)).
P...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
FALHA DE COMUNICAÇÕES AEROTERRESTRES
(Português)
Sugestão: Chamar três vezes, a partir de en...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
Diversos
➢ Confirm flight conditions and if the route have been flown under visual condition...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
here.
➢ We have a passanger that had heart attack and passed way.
➢ We request Police author...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
SID – Standard Departure Chart Instrument
Fraseologia para executar uma SID/SID RNAV, cumpri...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
ATRASO
ATCO: TAM 9843 Controle Florianópolis, confirme estimado para a posição EVNOP?
Pilot:...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
CRUZAMENTO DA TMA ou CTR
Pilot: Controle Florianópolis FAB 7289, na radial 231 do VOR FLN, 3...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
PREENCHIMENTO DA STRIPS
1) Assistente AUTORIZA FL 300
2) DECOLOU ÀS 09:45Z, subindo para o F...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
6) ATINGIU O F300
7) Passou COSME AOS 09’, ESTIMA GEDS AOS 13’
8) COORDENADO com APP-RJ PARA...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
12) Reportou passando GEDS AOS 14’
13) INSTRUÍDO A INTERCEPTAR RADIAL 075 DE CGO (fins separ...
DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND
Referencias Bibliográficas
BRASIL. Comando da Aeronáutica. Departamento de Controle do Espaç...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apostila de Fraseologia ATC - Curso ATM006 Procedimentos Convencionais

1.109 visualizações

Publicada em

Apostila de fraseologia aeronáutica do curso de capacitação em procedimento convencionais - ATM006, realizado no DTCEA FL, utilizando como cenário a TMA FL (Terminal Florianopolis).
Autor: ATCO BRAND

Publicada em: Educação
  • Show!!! Padrão Brand de qualidade. Parabéns.
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui

Apostila de Fraseologia ATC - Curso ATM006 Procedimentos Convencionais

  1. 1. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND FRASEOLOGIA ATM-006 “NON-RADAR” Curso de Capacitação Convencional para ACC e APP by ATCO-BRAND ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  2. 2. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND TMA FL – Área de Controle Terminal de Florianópolis Tabela de conversão KT NM/min KT NM/min 60 1 90 1,5 120 2 150 2,5 180 3 210 3,5 240 4 270 4,5 300 5 330 5,5 360 6 390 6,5 420 7 450 7,5 480 8 ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  3. 3. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND Posições geográficas visuais utilizadas para a entrada/transferência de controle do APP para a TWR Florianópolis. Setor N/NW: norte da ponte Setor S/SE: praia da armação Setor NE: praia da joaquina Setor SW: través do morro do Ribeirão Frequências TWR FL: 118,70 ATIS: 127,45 APP FL: 119,65 ACC CW “Norte – Noroeste”: 126,10 alternativa 127,50 ACC CW “Nordeste”: 125,4 alternativa 124,4 ACC CW “Sul – Sudoeste - Sudeste”: 135,85 alternativa 128,45 Interseções ISLA R327 013NM AFTA R318 012NM EVNOP R318 013NM BELIC R294 032NM PINHA R250 034NM PAJAM R238 034NM EGBIP R234 045NM LENOX R211 035NM AGURI R004 035NM TUVAM R047 034NM ESENO R050 039NM ATEXO R071 035NM EKUBI R081 036NM DONI R115 014NM ESMEL R143 009NM IRAM R146 011NM ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  4. 4. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND FRASEOLOGIA Bizu. No primeiro contato o ATCO deverá observar se o piloto reportou o NIVEL DE VOO, a RADIAL, a DISTÂNCIA e a informação ATIS. Caso o piloto deixe de lhe informar qualquer uma dessas informações o ATCO deverá confirmar com o piloto antes de prosseguir com as instruções, salvo em “casos de emergência”. O objetivo desses dados é para o ATCO localizar a aeronave na TMA-FL. Em seguida o ATCO deverá transmitir as informações conforme preconizado na ICA 100-37, Cap. 5, item 5.11 “Informação para as aeronaves que chegam”, sendo elas: a) nível ou altitude autorizada, de acordo com a altitude mínima de setor; b) proa ou auxílio para o qual a aeronave deverá se dirigir; c) ajuste de altímetro e nível de transição; d) pista em uso; e) procedimento de aproximação por instrumentos a ser executado; f) informações meteorológicas essenciais atualizadas; g) estado da pista, quando existirem resíduos de precipitação ou outros perigos temporários; e h) variações do estado operacional dos auxílios visuais e não visuais essenciais para a aproximação e pouso. 1º contato com ATIS. ATCO: TAM 5642 Controle Florianópolis, desça e mantenha nível de voo 090, voe direto VOR FLN, QNH 1015, nível de transição 065, pista 14, previsto aproximação VOR/DME Z, reporte 25 milhas. ATCO: TAM 5642 Florianopolis approach, descend and maintain flight level 090, fly direct FLN VOR, QNH 1015, transition level 065, runway 14, expect Z VOR/DME approach, report 25 miles. 1º contato sem ATIS. ATCO: TAM 5642 Controle Florianópolis, desça e mantenha nível de voo 090, voe direto VOR FLN, QNH 1015, nível de transição 065, previsto aproximação VOR/DME Z pista 14, vento 150 graus 14 nós, visibilidade 7 quilômetros, encoberto a 700 pés, temperatura 18, reporte nivelado. ATCO: TAM 5642 Florianopolis approach, descend and maintain flight level 090, fly direct FLN VOR, QNH 1015, transition level 065, expect Z VOR/DME approach runway 14, wind 150 degrees 14 knots, visibility 7 kilometers, 700 broken, temperature 18, report levelled. ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  5. 5. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND Obs: a) O limite é muito relativo, sendo que o ATCO deverá estabelecer aquele que ele julgar melhor, não podendo, no entanto, esquecer de estabelecer um limite. b) No que diz respeito a informação da pista em uso, a regra (cap. 5.11/ICA 100-37) cita que deverá ser pronunciada antes do procedimento por instrumentos a ser executado, entretanto, verificamos que nos exemplos expostos na MCA 100-16 em determinado momento é utilizado antes e em outro depois. No DOC 9432 da ICAO é utilizado após o procedimento (a título de conhecimento). O ATCO deverá ficar atento as altitudes mínimas do setor (MSA/TAA) publicada nas cartas de maneira a não instruir uma aeronave a descer abaixo de tal altitude/FL. Não obstante, no decorrer do “controle” o ATCO poderá fazer uso de várias situações de fraseologia, exemplo: informação de posição, informação de trafego, instruções para espera, entre outras. Os exemplos utilizados neste “manual” pretendem, tão somente, orientar o ATCO para a pratica dos exercícios, podendo a mesma estar incompleta, bem como o ATCO poderá utilizar outros termos presentes na MCA 100-16 / AIC Nº25/14. Testes dos equipamentos radiotelefônicos 1 - Ininteligível 2 - Inteligível por vezes 3 - Inteligível com dificuldade 4 - Inteligível 5 - Perfeitamente inteligível ESCALA PORTUGUÊS INGLÊS 1 Clareza uno Readability ONE / Read you ONE 2 Clareza dois Readability TWO / Read you TWO 3 Clareza três Readability THREE / Read you THREE 4 Clareza quatro Readability FOUR / Read you FOUR 5 Clareza cinco Readability FIVE / Read you FIVE ATCO: AZU7834 como me recebe? ATCO: AZU7834 how do you read me? ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  6. 6. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND Procedimento de Espera ATCO: GLO 1840, mantenha espera sobre VOR Florianópolis, no FL 080. ATCO: GLO 1840, maintain holding pattern over Florianopolis VOR, at FL080. ATCO: GLO 1840, confirme sua posição no procedimento de espera. ATCO: GLO 1840, confirm your position in holding procedure. Pilot: GLO 1840 na curva de afastamento/perna de afastamento, ou na curva de aproximação/perna de aproximação. Pilot: GLO 1840 outbound turn/outbound leg, or inbound turn/inbound leg. ATCO: AAL 945 Mantenha espera em EVNOP conforme procedimento publicado, nível de voo 070, previsto nova autorização aos 1830. ATCO: AAL 945 Hold at EVNOP, as published, flight level 070, expect further clearance 1830. ATCO: ANS 745 Mantenha espera na radial 250 do VOR FLN, 25 milhas, FL 100, perna de aproximação 070, curva a direita, devido atraso para sequenciamento. ATCO: ANS 745 Hold on the 250 radial of the FLN VOR, 25 miles, FL100, inbound leg 070 right hand pattern. due to sequencing delay. ATCO: PR FJD, espera na radial 315 do VOR Florianópolis, 20 milhas, FL 120, perna de aproximação e curva a critério do piloto, nova autorização em 10 minutos. ATCO: PR FJD, hold on the 355 radial of Florianopolis VOR, at 20 miles, FL 120, inbound leg and hand pattern at pilot´s discretion, expected further clearance in 10 minutes. ATCO: AZU 2111, espera na posição EVNOP conforme procedimento publicado, FL090, atraso não determinado devido tráfego. ATCO: AZU2111, hold over EVNOP intersection as published, FL 090, delay not determined due to traffic. Condições Meteorológicas abaixo dos mínimos IFR ATCO: Informo que as condições meteorológicas de Florianópolis estão abaixo dos mínimos IFR, teto (_____), visibilidade (______), ou RVR (_____), confirme intenções? ATCO: I inform you that Florianópolis weather is below IFR minimus, ceiling (height), visibility (meters) or RVR (meters), advise intentions? ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  7. 7. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND Exercício exemplo nº 01 (Português) Dados: ((FAB 7215 SBCT x SBFL E145 FL240 “R045 VOR FLN”VOR/DME RWY14)). Pilot: APPFL, FAB 7215, radial 045 do VOR FLN, 40 milhas, nível de voo 240, ciente da informação ALFA. ATCO: FAB 7215 APPFL, ciente, desça e mantenha nível de voo 110, voe direto VOR FLN, ajuste de altímetro 1015, nível de transição 065, previsto aproximação VOR/DME Z pista 14, reporte 25 milhas, confirme velocidade indicada. Pilot: desce e mantem FL110, direto VOR FLN, QNH 1015, NTL 065, prevista aproximação VOR/DME Z pista 14, reportarei a 25 milhas, velocidade indicada 300 nós ATCO: FAB 7215 ciente. ATCO: FAB 7215, confirme estimando em FLN. Pilot: APPFL, estimado em Florianopolis mais 8 minutos. ATCO: FAB7215, ciente. Pilot: APPFL, atinge e mantem FL110. 27 milhas do VOR FLN, FAB 7215. ATCO: FAB 7215, ciente, desça e mantenha nível de voo 090, reporte no arco DME cruzando a radial 004 do VOR FLN. Pilot: desce e mantem FL090, reportarei no arco DME cruzando a radial 004, FAB 7215. Pilot: APPFL mantendo FL090 cruzando a radial 004 de Florianópolis FAB 7215. ATCO: FAB 7215, desça para 6.000 pés, QNH 1015, nível de transição 065, autorizado aproximação VOR/DME Z pista 14, reporte cruzando EVNOP. Pilot: desce para 6.000 pés QNH 1015, nível de transição 065, autorizado VOR/DME Z pista 14, reportarei cruzando EVNOP, FAB 7215. Pilot: APPFL, cruzando EVNOP, FAB 7215. ATCO: FAB 7215 reporte na MDA avistando a pista ou iniciando procedimento de aproximação perdida. Pilot: reportarei na MDA com pista no visual ou iniciando procedimento de aproximação perdida FAB 7215. Pilot: APPFL pista no visual, FAB 7215. ATCO: FAB 7215 complete aproximação, contato Torre Florianópolis em 118,70. ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  8. 8. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND Exercício exemplo nº 01 (Inglês) Dados: ((FAB 7215 SBCT x SBFL E145 FL240 “R045 VOR FLN” VOR/DME RWY14)). Pilot: APPFL, FAB 7215, on 045 radial of FLN VOR, 40 miles, flight level 240, ALFA information roger. ATCO: FAB 7215 APPFL, roger, descend and maintain flight level 110, fly direct FLN VOR, altimeter setting 1015, transition level 065, expect Z VOR/DME approach runway 14, report 25 miles, confirm indicated air speed. Pilot: descend and maintain FL110, direct FLN VOR, QNH 1015, transition level 065, expect Z VOR/DME approach runway 14, I will report 25 miles, indicated air speed 300 knots. ATCO: FAB 7215 roger. ATCO: FAB 7215 confirm estimated time in FLN. Pilot: APPFL, estimated Florianópolis in 8 minutes. ATCO: FAB 7215, roger. Pilot: APPFL, reaching and maintain FL110. 27 miles of FLN VOR, FAB 7215. ATCO: FAB 7215, roger, descend and maintain FL090, report on DME ARC crossing 004 radial of FLN VOR. Pilot: descend and maintain FL090, I will report on DME ARC crossing 004 radial, FAB 7215. Pilot: APPFL maintain FL090 crossing 004 radial of Florianópolis FAB 7215. ATCO: FAB 7215, descend to 6.000 feet, QNH 1015, transition level 065, cleared Z VOR/DME approach runway 14, report crossing EVNOP. Pilot: descend to 6.000 feet, QNH 1015, transition level 065, cleared Z VOR/DME Z approach runway 14, I will report crossing EVNOP, FAB 7215. Pilot: crossing EVNOP, FAB 7215. ATCO: FAB 7215 report on MDA runway in sight or start missed approach procedure. Pilot: I will report on MDA with the runway in sight or start missed approach procedure, FAB 7215. Pilot: APPFL runway in sight, FAB 7215. ATCO: FAB 7215 complete approach, contact Florianópolis Tower on 118,70. ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  9. 9. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND Exercício exemplo nº02 (Portugues) Dados: ((PTLDK SBPA x SBFL BE9L FL180 “R230 VOR FLN” VOR/DME RWY14)). Pilot: APPFL PTDLK 42 milhas do VOR Florianópolis, nível de voo 180. ATCO: PTDLK APPFL, ciente, confirme radial do VOR FLN e se recebeu a informação ECHO. Pilot: radial 230 do VOR FLN, ciente da informação ECHO, DLK. ATCO: DLK desça e mantenha nível de voo 120, voe direto VOR FLN, QNH 1012, nível de transição 070, previsto aproximação VOR/DME Z pista 14, reporte 25 milhas, confirme estimado em Florianópolis. Pilot: desce e mantem FL 120, direto VOR FLN, QNH 1012, nível de transição 070, previsto aproximação VOR/DME Z pista 14, reportarei a 25 milhas, estimando Florianópolis aos 1750Z, DLK. ATCO: DLK ciente, trafego 18 milhas nordeste do VOR FLN no arco DME para aproximação VOR/DME Z, descendo para FL090, E145, estimando Florianópolis aos ____Z. Pilot: Ciente DLK. Pilot: APPFL DLK atinge e mantem FL120, 28 milhas. ATCO: DLK desça para FL100, reporte no arco DME cruzando a radial 270 do VOR FLN, previsto espera em EVNOP conforme procedimento publicado. Pilot: desce para FL100 reportarei no arco DME, ciente previsto espera em EVNOP conforme procedimento publicado, DLK. Pilot: APPFL DLK cruzando a radial 270. ATCO: desça e mantenha nível de voo 070, reporte atingindo. Pilot: desce e mantem FL070, reportarei atingindo, DLK. Pilot: APPFL DLK atinge e mantem FL070. ATCO: DLK reporte iniciando espera em EVNOP nível de voo 070. Pilot: reportarei na espera em EVNOP FL070, DLK. Pilot: APPFL DLK iniciando espera. ATCO: DLK, nova autorização em 7 minutos, confirme autonomia na espera e aeródromo de alternativa. Pilot: ciente, autonomia na espera 02 horas, alterna SBCT, DLK. ATCO: DLK autorizado aproximação, reporte na MDA avistando a pista ou iniciando procedimento de aproximação perdida. Pilot: ciente, abandonando espera, reportarei na MDA avistando a pista ou iniciando procedimento de aproximação perdida. Pilot: APPFL DLK visual com a pista. ATCO: DLK complete aproximação, contato torre Florianópolis em 118,70. * A TWR reporta que a ANV está arremetendo devido uma “runway incursion” e que chamará o APP. Pilot: APPFL DLK iniciando procedimento de aproximação perdida. ATCO: DLK ciente, reporte no bloqueio iniciando espera.(ou outra instrução de acordo com o planejamento do ATCO) ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  10. 10. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND PLANO AFIL Pilot: PT ISA mantendo condições visuais, solicita plano AFIL. Pilot: PT ISA maintaining visual conditions, request AFIL plan. ATCO: PT ISA, Controle Florianópolis, ciente, pronto para copiar o plano AFIL. ATCO: PT ISA, Florianópolis Approach, roger, ready to copy AFIL plan. (flight plan data) Bizu: O ATCO poderá, ao invés de reportar que “está pronta para copiar”, solicitar que o piloto lhe informe os dados do Plano de Voo da seguinte maneira: ATCO: PT ISA, confirme nível de voo (ou altitude), aeródromo de decolagem, aerodromo de destino, tipo da aeronave, POB, autonomia, aeródromo de alternativa, ETA, hora real de decolagem, código ANAC, cores da aeronave, equipamento se sobrevivência. ATCO: confirm flight level/altitude in route, departure aerodrome, arrival aerodrome, aircraft type, persons on board, endurance/remaining fuel, alternative aerodrome, estimated time of arrival, time departure, pilot code, aircraft colours, survival equipment, Importante ressaltar que o ATCO deverá, preferencialmente, dividir esta transmissão, haja vista que o piloto poderá não copia-la totalmente, consequentemente, poderá questionar o ATCO sobre o que reportar e assim congestionar a frequência. Convêm ainda ressaltar que, este é só um modelo para que o ATCO busque agilizar o seu trabalho ficando evidente que o mesmo não contempla todos os itens do Plano de Voo, porém, prove dados básicos para que o ATCO tenha o mínimo de conhecimento sobre o voo da referida ANV. Não obstante, de acordo com o preconizado em legislação especifica, o ATCO, caso o espaço aéreo onde o mesmo é responsável não aceite AFIL, deverá certificar se o piloto apresentou o FPL em alguma sala AIS. ATCO: PT KDJ Controle Florianópolis, confirme se apresentou o seu plano de voo em alguma sala AIS. ATCO: PT KDJ Florianópolis Approach, confirm if you submitted your flight plan data in any aeronautical information service? ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  11. 11. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND Exercício exemplo (Português) AFIL Dados: ((PT KDJ SDEN x SBFL C182 FL075 “setor NORTE”)). Pilot: Controle Florianópolis, PT KDJ, decolado de Costa Esmeralda para Florianopolis, DCT, passando 2.800 pés, solicito nível de voo 075. ATCO: PT KDJ Controle Florianópolis, ciente, QNH 1014, mantenha VFR, suba e mantenha nível de voo 075, confirme tipo da aeronave, POB, autonomia, hora real de decolagem. Pilot: QNH 1014, mantendo VFR, Cessna 182, POB 3, Autonomia 3 horas, decolado aos 53, KDJ. ATCO: KDJ ciente, confirme ETA, aerodromo de alternativa, código ANAC do piloto. Pilot: ETA 1753, alterna (____), código ANAC 123456, KDJ. ATCO: KDJ ciente, não há trafego conhecido a reportar, reporte ingressando no espaço aéreo controlado ao passar 6.500 pés. Exercício exemplo(Inglês) Dados: ((PT KDJ SDEN x SBFL C182 FL075 “setor NORTE”)). Pilot: Florianópolis Approach, PT KDJ, airbone from Costa Esmeralda to Florianopolis, direct, passing 2.800 feet, request flight level 075. ATCO: PT KDJ Florianópolis approach, roger, QNH 1014, maintain VFR, climb and maintain flight level 075, confirm aircraft type, POB, remaining fuel/endurance, time departure. Pilot: QNH 1014, maintainning VFR, Cessna 182, POB 3, fuel remaining 3 hours, airborne at 53, KDJ. ATCO: KDJ roger, ETA, alternative aerodrome, pilot ANAC code. Pilot: ETA 1753, alternative (____), ANAC code 123456, KDJ. ATCO: KDJ roger, no traffic reported, report entering on controlled airspace at passing 6.500 feet. ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  12. 12. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND FALHA DE COMUNICAÇÕES AEROTERRESTRES (Português) Sugestão: Chamar três vezes, a partir de então, iniciar os procedimentos para FALHA COM. ATCO: GLO 1795, Controle Florianópolis.(3x) ATCO: GLO 1795, Controle Florianópolis, se estiver ouvindo este controle pressione a tecla do microfone por 3 vezes. (por 10 segundos) ATCO: GLO 1795, Controle Florianópolis, transmissão as cegas, (instrução). ATCO: AZU 1975, Controle Florianópolis, possibilidade de realizar uma ponte com o GLO 1795. (aeronave sem contato com este controle) Se necessário, informar todas as aeronaves a respeito da falha de comunicações ATCO: Atenção todas as aeronaves, Controle Florianópolis, Eu tenho uma aeronave com falha de comunicações a Oeste do VOR FLN, último nível de voo conhecido 100, destino Florianópolis, estimado de pouso aos ____Z, Boeing 767. Quando uma aeronave está com falha de comunicações e você tem outra na espera que poderá conflitar com a mesma, você devera reposicionar a aeronave ATCO: PT AAA, devido trafego com falha de comunicações para Florianópolis, abandone espera, intercepte a radial 320 do VOR FLN, 30 milhas, ao atingir inicie espera, perna de aproximação 150, curva a critério, aguarde nova autorização, reporte iniciando espera. (Inglês) Chamar três vezes, a partir de então, iniciar os procedimentos para FALHA COM. ATCO: GLO 1795, Florianópolis Approach. ATCO: GLO 1795, Florianópolis Approach, if you listen this control press microphone button for 3 times. ( 10 seconds) ATCO: GLO 1795, Florianópolis approach, transmitting in blind, (instruction). ATCO: AZU 1975, Florianópolis approach, if possible make relay with the GLO 1795. (aircraft without contact with this control) If necessary advisory all aircraft about communication failure. ATCO: Attention all aircraft, Florianopolis Approach, I have an aircraft with communication failure , West of FLN VOR, last know flight level 100, arrival Florianópolis, estimating arrival at ____Z, Boeing 767. When an aircraft is communication failure and you have others in hold. ATCO: PT AAA, due traffic with communication failure to Florianópolis airport, leave hold, intercept 320 radial of FLN VOR, 30 miles, at reaching start hold, inbound leg 150, hand pattern at your's discretion, expect further clearance, report starting hold. ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  13. 13. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND Diversos ➢ Confirm flight conditions and if the route have been flown under visual conditions? ➢ Confirm flight conditions at present position? ➢ Maintain VFR at all times. Advise if heading or altitude change is necessary to remain VFR. ➢ Confirm how far for descent and rate to be used? ➢ Confirm estimated time to Florianópolis terminal boundery ? ➢ Report on Florianópolis control zone boundery. ➢ Do you have the aircraft in sight? ➢ Maintain visual separation from that traffic. ➢ The aircraft has you in sight and will maintain visual separation. ➢ Maintain sidestep out of runway track in 2.5 miles at least. ➢ FL035 not available, alternative is FL025 or FL045. ➢ Are you familiar with the (name) airport? ➢ Confirm highest rank on board? ➢ (name) airport weather is below minimum, visibility ____ meters, ceiling ___ ft, Confirm intentions? ➢ What altitude have you had the runway in sight? ➢ Instrument meteorological conditions reported in the vicinity of _________, say intentions? ➢ Are you able to provide your own terrain and obstruction clearance between your present altitude and ______? ➢ Remain outside the _______. EMERGENCY PILOT ➢ We request the fire brigade and emergency services. ➢ For safety reasons we´re diverting our flight to _________. ➢ We´ve a passenger on board that is seriously ill. ➢ I request immediately medical assitance upon our arrival. ➢ I would like to ask you to carry out the procedures carefully because we don´t want to press ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  14. 14. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND here. ➢ We have a passanger that had heart attack and passed way. ➢ We request Police authorities upon our arrival. ➢ We have a (pregnant passanger in labour) seriously ill passanger on board that needs medical assistance immediately. ➢ We would like to return to _______, but we need to dump fuel. We request to fly to fuel dumping área. ➢ I request a doctor and a wheelchair after landing. Answer for pilot in emergency. ➢ Are you declaring emergency? ➢ Say nature of emergency and if there is any kind of radioactive or dangerous material on board? ➢ Can you confirm your remaining fuel and persons on board? ➢ Do you request any ground assistance after land? ➢ Do you have conditions to proceed for Aldeia airport? Advisory other aircrafts if necessary. ATCO: Attention all aircrafts, traffic in emergency, West of (NAVAID), leaving ______ to ______, flying direct (locality/position), Embraer 135, estimating arrival in ___ minutes. ATCO: ATC advices all aircrafts be alert for emergency descent, West of (NAVAID), from ______ to _______, flying direct (locality/position), estimating arrival in ____ minutes. Aircraft in Emergency Low Fuel - A minimum fuel advisory alerts controllers that if delays are encountered, the situation may become an emergency. The controller will then minimize ATC delays. ASF recommends landing with at least one hour of fuel on board. Mechanical Problems - Mechanical situations range from a broken fuel gauge to engine stoppage. Obviously, not all require emergency action. An attitude instrument failure is not an emergency for VFR pilots, but is critical for pilots in IMC. Alert ATC, but delay answering questions if flight duties require. The first priority is to fly the airplane. Lost Communications - While IFR, if radio communication is lost, ATC will attempt contact via relays through other aircraft, ARINC (a private aeronautical radio service often used by airline or corporate operators and FBOs), or through FSS using the voice feature of navaids. ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  15. 15. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND SID – Standard Departure Chart Instrument Fraseologia para executar uma SID/SID RNAV, cumprindo todas as restrições/publicadas na carta. Pilot: Controle Florianópolis, PT CTA, decolado pista 14, passando 1.000 pés, saída ISLA, transição AGURI. ATCO: PT CTA Controle Florianópolis, ciente, suba via saída ISLA transição AGURI, nível de voo 350, reporte (limite [reporte passando nível de voo 100]). Pilot: Florianópolis Approach, PT CTA, airbone runway 14, passing 1.000 feet, ISAL departure, AGURI transition. ATCO: PT CTA Florianópolis Approach, roger, climb via ISLA departure AGURI transition, to flight level 350, report (limit [report passing flight level 100]). Fraseologia para executar uma SID/SID RNAV, cumprindo parte das restrições/publicadas. a) Restrições de Nível (acima ou abaixo das restrições publicadas) ATCO: PT CTA suba e mantenha nível de voo 100, saída ISLA, transição AGURI, canceladas as restrições de nível até (ponto significativo) após suba via FL350, reporte (limite). ATCO: PT CTA climb and maintain flight level 100, ISLA departure, AGURI transition, cancelled level restrictions until (significant point), then climb via to flight level 350, report (limit). ATCO: TAM 7481 suba via saída IRAM transição PAJAM para nível de voo 120. (lapso de tempo) ATCO: TAM 7481 ao atingir mantenha nível de voo 120. A partir de (ponto significativo) canceladas as restrições de nível (instrumento complementar). ATCO: climb via ISLA departure PAJAM transition to flight level 120. (Time Elapses) ATCO: TAM 7481 reach and maintain flight level 120, after (significant point), cancelled all level restrictions (further instructions). b) Desvio do Perfil Lateral Não aplicável haja vista que esta previsto vetoração. Fraseologia para executar uma SID/SID RNAV, desconsiderando todas as restrições publicadas. ATCO: AZU 3426, suba e mantenha nivel de voo 280, saida DONI transição ESENO, canceladas todas as restrições de nivel, reporte (limite). ATCO: AZU 3426, climb and maintain flight level 280, DONI departure ESENO transition, cancelled all level restrictions, report (limit). ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  16. 16. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND ATRASO ATCO: TAM 9843 Controle Florianópolis, confirme estimado para a posição EVNOP? Pilot: estimando EVNOP aos 10:28, TAM 9843. ATCO: TAM 9843, ciente, devido controle de fluxo, programe navegação para cruzar EVNOP aos 10:35 ou após. Pilot: ciente, EVNOP aos 10:35 ou após. ATCO: TAM 9843 Florianópolis Approach, confirm estimated to EVNOP position? Pilot: estimated EVNOP at 10:28, TAM 9843. ATCO: TAM 9843, roger, due flow control, perform navigation for crossing EVNOP position at 10:35 or later. Pilot: roger, EVNOP at 10:35 or later. AUTORIZAÇÃO PARA CRUZAMENTO DE AERONAVE EM VMC Pilot: Controle Florianópolis GLO 7654, solicito manter separação em condições visuais. ATCO: GLO 7654 Controle Florianópolis, aguarde. ATCO: AZU 4567, trafego decolado de Florianópolis para Curitiba, mesma rota, em subida para nível de voo 360, solicita cruzamento/ultrapassagem em VMC. Pilot: negativo, Informo que não tenho tráfego no visual, solicito que seja mantida a separação regulamentar mínima, AZU 4567. ATCO: AZU 4567 ciente. ATCO: GLO 7654, negativo cruzamento/ultrapassagem em VMC, suba e mantenha nível de voo 090, reporte nivelado. Pilot: ciente, afirmo, AZU 4567. ATCO: GLO 7654, autorizado cruzamento/ultrapassagem em VMC, suba e mantenha nível de voo 360, reporte passando nível de voo 140. ATCO: AZU 4567, tráfego Boeing 738, na radial 020 do VOR Florianópolis, subindo VMC até FL140. ATCO: AZU 4567, traffic Boeing 738, 020 radial of Florianópolis VOR, climbing VMC until FL 140. ATCO: GLO 7654, mantenha sua própria separação. ATCO: GLO 7654, maintain own separation. ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  17. 17. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND CRUZAMENTO DA TMA ou CTR Pilot: Controle Florianópolis FAB 7289, na radial 231 do VOR FLN, 38 milhas, FL090, POSLA aos 10:24, EKUBI aos 10:40. ATCO: FAB 7289, ciente, autorizado cruzar espaço aéreo controlado, mantenha nível de voo 090, reporte POSLA (ou/ reporte cruzando a radial 180 do VOR FLN). Tráfego solicitando cruzando de espaço aéreo controlado, CTR FL, na altitude de 5.500 pés, sentido sul x norte, tipo PA 46. Pilot: Controle Florianópolis, PR UMO, na radial 210 do VOR FLN, 15 milhas, 6.000 pés, solicita autorização para cruzamento do espaço aéreo controlado CTR FL. ATCO: PR UMO Controle Florianopolis, ciente, autorizado cruzar espaço aéreo controlado CTR FL, reporte 8 milhas do VOR FLN. AERONAVE LIVRANDO ESPAÇO AÉREO CONTROLADO Aeronave decolado de SSKT para SDEN, visual, 1.000 pés. Pilot: Controle Florianópolis, PT IBL, través norte da Baia Norte, livrando espaço aéreo controlado. ATCO: PT IBL ciente, livra CTR FL, ingressa no espaço aéreo classe GOLF, monitore a frequência do controle Florianópolis em 119,65, coordena na livre. Aeronave decolado de SSKT para SJJG (Jaguaruna – sul Criciuma), visual, 2.500 pés. Pilot: Controle Florianopolis, PP BEG, decolado de SSKT para SJJG aos 10:05, DCT, passando 1.500 pés subindo para 2.500 pés, visual, ETA 10:55, POB 4. ATCO: PP BEG Controle Florianópolis, ciente, ajuste de altímetro 1012, mantenha VFR, direto SJJG, reporte sul da Baia Sul livrando CTR FL. Pilot: ajuste 1012, reportarei través sul da Baia Sul. Pilot: Controle Florianópolis PP BEG, través sul da Baia Sul, livrando CTR FL. ATCO: PP BEG, ciente, ingressa no espaço aéreo classe GOLF, monitora controle Florianópolis em 119,65, ao cruzar o limite lateral da terminal Florianópolis, monitore centro Curitiba em 135,85 alterna 128,45, coordena na livre. Pilot: ciente, espaço aéreo classe GOLF, monitora APPFL em 119,65, após livrar a TMAFL monitora o ACCCW em 135,85 alterna 128,45, coordena na livre, PP BEG. ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  18. 18. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND PREENCHIMENTO DA STRIPS 1) Assistente AUTORIZA FL 300 2) DECOLOU ÀS 09:45Z, subindo para o FL300 e ESTIMANDO LOPES ÀS 10:00Z 3) Fez CHAMADA INICIALAOS 10:01Z, passando LOPES, CRUZANDO FL200, subindo para o FL300, estimando COSME AOS 1008Z 4) RESTRITO AOS F250 DEVIDO A TRÁFEGO 5) REAUTORIZADO F300 ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  19. 19. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND 6) ATINGIU O F300 7) Passou COSME AOS 09’, ESTIMA GEDS AOS 13’ 8) COORDENADO com APP-RJ PARA O F110 9) Solicitou DESCIDA e foi AUTORIZADO ATÉ F220 devido a tráfego no F210 10) LIVRANDO O FL300 PARA O FL220 11) ANOTAÇÃO DE DISTÂNCIA ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  20. 20. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND 12) Reportou passando GEDS AOS 14’ 13) INSTRUÍDO A INTERCEPTAR RADIAL 075 DE CGO (fins separação lateral) 14) Reportou ESTABILIZADO NA RADIAL 075 15) Fazendo ESPERA EM GEDS ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014
  21. 21. DTCEA-FL ATM-006 ATCO - BRAND Referencias Bibliográficas BRASIL. Comando da Aeronáutica. Departamento de Controle do Espaço Aéreo. Fraseologia de Tráfego Aéreo. MCA 100-16. [Rio de Janeiro], 2013. BRASIL. Comando da Aeronáutica. Departamento de Controle do Espaço Aéreo. Fraseologia empregada na execução de STAR/SID RNAV/RNP ou Convencionais. AIC N 25/13. [Rio de Janeiro], 12 DEC 2013. ICAO. Doc.9432: Manual of Radiotelephony. [Montreal]: 4ed., 2007. ICAO. Doc. 4444/ATM/501: Air Traffic Management: Procedures for Air Navigation Services. [Montreal]: 15ed., 2007. ICAO. Annex 10 to the Convention on International Civil Aviation: Aeronautical Telecommunications. [Montreal]: 6ed., Oct 2001. 2v UK. CAP 413: Radiotelephony Manual. [London]: 19ed., 2009. US. Communications – A key Component of a Safe Flight. 1ed. US. COLLINS, Austin S. Proper Radio Phraseology and Technique. 2010. US. ROBERTSON, F.A. AIRSPEAK Radiotelephony Communication for Pilots. [Cambrigde]: 1st publication 1987. US. FAA-H8083-2 Risk Management Handbook. U S Department of Transportation. 2009. US. AOPA. Safety Advisor. Say Intentions... When you need ATC's help. Operations and Proficiency No. 7. 2003. ______________________________________________________________________________________________ Florianópolis-SC Setembro 2014

×