Telejornais – Comunicação e  Educação Seminário de Iniciação à Mediação e Formação: Temas e Problemas da Educação Contempo...
Inquietações… <ul><li>Os Telejornais estão ligados a um perfil de telespectador?; </li></ul><ul><li>Imagem criada à volta ...
Objectivos <ul><li>Descobrir se as crianças e os jovens assistem aos telejornais e o porquê de assistir ou não.  </li></ul...
Percurso de Trabalho <ul><li>Necessidade da comunicação entre os indivíduos </li></ul><ul><li>Relação comunicação – cultur...
Comunicação - Cultura <ul><li>Superação da cultura escrita pela cultura audiovisual no século XX. </li></ul><ul><li>O surg...
Comunicação - Cultura <ul><li>Representação e reconstrução da realidade nos media, por meio de várias linguagens  (Pinto, ...
Televisão <ul><li>Estilos de vida – Escolhas </li></ul><ul><li>(Boudieu e Giddens cit. in Pinto, 2000) </li></ul><ul><li>“...
Televisão <ul><li>Vários estilos de vida na sociedade -várias maneiras de ver e de usufruir da televisão.  </li></ul><ul><...
Televisão <ul><li>Escolhas – Oferta televisiva;  </li></ul><ul><li>Escolhas – Ideais e valores de cada indivíduo. </li></u...
Televisão - Telejornais <ul><li>“ Um elemento importante da vida quotidiana é o reconhecimento das estruturas com relevânc...
Telejornais <ul><li>Telejornais anos 90  (Manuel Pinto 2002) </li></ul><ul><li>Assuntos ligados à política e economia; </l...
Telejornais <ul><li>Telejornais hoje em dia  (Bourdieu 1996) </li></ul><ul><li>Assuntos:  </li></ul><ul><li>- Temas despor...
Telejornais <ul><li>Quotidiano como modelo de programação; </li></ul><ul><li>Objectivos da selecção e distribuição das not...
Ruptura <ul><li>Elaboração de uma pergunta de partida </li></ul><ul><li>“ Quem vê telejornais,  quais vê e porquê?” </li><...
Questões colocadas <ul><li>Costuma assistir a telejornais? Porquê? </li></ul><ul><li>O que valoriza mais num telejornal? <...
Análise <ul><li>Agregação das respostas </li></ul><ul><li>–  por faixas etárias: 8 aos 12 anos, 13 aos 15, 16 aos 18 e mai...
Costuma assistir a telejornais? Porquê?  <ul><li>N ã o, porque n ã o gosta  – crianças até aos 12 anos; </li></ul><ul><li>...
O que valoriza num telejornal? <ul><li>Trag é dias – crianças  (Popper e Condry, 1994) </li></ul><ul><li>Cat á strofes, </...
O que valoriza mais num telejornal? <ul><li>Reportagens </li></ul><ul><li>–   O  “ efeito de real ”  transmitido pelas ima...
O que valoriza mais num telejornal? <ul><li>Notícias “do país e do mundo” </li></ul><ul><li>–  papel integrador do indivíd...
Vê telejornais das 20 horas? Porquê?   <ul><li>“ Sim, porque estou em casa” -  consumo dos media é a actividade predominan...
Prefere o telejornal de um canal específico? <ul><li>Sem prefer ê ncia </li></ul><ul><li>“ É  tudo uma manipula çã o. ”   ...
Prefere o telejornal de um canal específico? <ul><li>Canal que explora menos as not í cias </li></ul><ul><li> Canal que ...
Conclusão <ul><li>“O jornalismo não pode ser encarado apenas como a fonte que comunica mas, principalmente, como aquele qu...
Conclusão <ul><li>Não compete apenas aos media essa missão de formação de uma sociedade.  </li></ul><ul><li>Os pais e educ...
Trabalho realizado por: Aline de Lemos Ribeiro Maria Cristina Gomes Turma C – Ciências da Educação 1º Semestre
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Os Telejornais: Comunicação e Educação

2.368 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.368
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
55
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Os Telejornais: Comunicação e Educação

  1. 1. Telejornais – Comunicação e Educação Seminário de Iniciação à Mediação e Formação: Temas e Problemas da Educação Contemporânea Introdução às Ciências Sociais Janeiro 2008
  2. 2. Inquietações… <ul><li>Os Telejornais estão ligados a um perfil de telespectador?; </li></ul><ul><li>Imagem criada à volta dos três canais televisivos; </li></ul>
  3. 3. Objectivos <ul><li>Descobrir se as crianças e os jovens assistem aos telejornais e o porquê de assistir ou não. </li></ul><ul><li>Descobrir o que leva os indivíduos a escolherem um determinado canal televisivo, tomando o horário das 20h como referência de comparação, de modo a traçar um perfil do telespectador de cada canal, através das pistas recolhidas. </li></ul><ul><li>Lançar pistas para trabalhar a educação para os media. </li></ul>
  4. 4. Percurso de Trabalho <ul><li>Necessidade da comunicação entre os indivíduos </li></ul><ul><li>Relação comunicação – cultura </li></ul><ul><li>Estilos de vida expostos na televisão e a influência na vida quotidiana. </li></ul><ul><li>Forma de trabalho dos jornalistas e a maneira de como fazer a notícia e cativar os telespectadores </li></ul>
  5. 5. Comunicação - Cultura <ul><li>Superação da cultura escrita pela cultura audiovisual no século XX. </li></ul><ul><li>O surgimento de um novo sistema electrónico de comunicação, está a mudar para sempre a nossa cultura (Castells, 2005). </li></ul><ul><li>Falar de comunicação subentende sempre falar de cultura (Paquete de Oliveira, 1984). </li></ul>
  6. 6. Comunicação - Cultura <ul><li>Representação e reconstrução da realidade nos media, por meio de várias linguagens (Pinto, 2002). </li></ul><ul><li>Efeitos dos meios de comunicação social no processo de socialização (Horta, 1997) . </li></ul>
  7. 7. Televisão <ul><li>Estilos de vida – Escolhas </li></ul><ul><li>(Boudieu e Giddens cit. in Pinto, 2000) </li></ul><ul><li>“… podemos tornar-nos (ou deixar-nos tornar) semelhantes ao que absorvemos, como podemos tornar o que absorvemos semelhantes a nós.” (Certeau cit. In Manuel Pinto, 2000). </li></ul>
  8. 8. Televisão <ul><li>Vários estilos de vida na sociedade -várias maneiras de ver e de usufruir da televisão. </li></ul><ul><li>Manuel Pinto (2002): </li></ul><ul><li>Televisão – alargamento do horizonte do indivíduo </li></ul><ul><li>Televisão – um assunto de família </li></ul>
  9. 9. Televisão <ul><li>Escolhas – Oferta televisiva; </li></ul><ul><li>Escolhas – Ideais e valores de cada indivíduo. </li></ul><ul><li>Cada canal televisivo emite a sua identidade. </li></ul><ul><li>Toda a mensagem televisiva supõe, como observa Umberto Eco (cit in Pinto, 2000), “uma interpretação e uma escolha.” </li></ul>
  10. 10. Televisão - Telejornais <ul><li>“ Um elemento importante da vida quotidiana é o reconhecimento das estruturas com relevância para os outros” (Berger & Luckmam, 1996) </li></ul>
  11. 11. Telejornais <ul><li>Telejornais anos 90 (Manuel Pinto 2002) </li></ul><ul><li>Assuntos ligados à política e economia; </li></ul><ul><li>Duração e distribuição dos temas feita de forma diferente. </li></ul>
  12. 12. Telejornais <ul><li>Telejornais hoje em dia (Bourdieu 1996) </li></ul><ul><li>Assuntos: </li></ul><ul><li>- Temas desportivos </li></ul><ul><li>- Rituais associados à política </li></ul><ul><li>- Catástrofes Naturais </li></ul><ul><li>- Raptos/Assassínios de crianças </li></ul><ul><li>- Incidentes associado à grupos estigmatizados </li></ul>
  13. 13. Telejornais <ul><li>Quotidiano como modelo de programação; </li></ul><ul><li>Objectivos da selecção e distribuição das notícias – Picos de audiência – Concorrência </li></ul><ul><li>Sensacionalismo – acontecimentos deixam de corresponder à realidade </li></ul>
  14. 14. Ruptura <ul><li>Elaboração de uma pergunta de partida </li></ul><ul><li>“ Quem vê telejornais, quais vê e porquê?” </li></ul><ul><li>Explora çã o de leituras </li></ul><ul><li>– Temas: televis ã o e educa çã o. </li></ul><ul><li>I nquérito exploratório </li></ul><ul><li>- aplicado de forma aleatória a 32 crianças e jovens. </li></ul>
  15. 15. Questões colocadas <ul><li>Costuma assistir a telejornais? Porquê? </li></ul><ul><li>O que valoriza mais num telejornal? </li></ul><ul><li>Vê o telejornal das 20 horas? Porquê? </li></ul><ul><li>Prefere o telejornal da RTP1, SIC ou TVI? Porquê? </li></ul>
  16. 16. Análise <ul><li>Agregação das respostas </li></ul><ul><li>– por faixas etárias: 8 aos 12 anos, 13 aos 15, 16 aos 18 e maiores de 18; </li></ul><ul><li>- por tipos de perguntas. </li></ul><ul><li>Relacionamento das respostas com as leituras efectuadas. </li></ul>
  17. 17. Costuma assistir a telejornais? Porquê? <ul><li>N ã o, porque n ã o gosta – crianças até aos 12 anos; </li></ul><ul><li>Sim, porque a televis ã o est á ligada; </li></ul><ul><li>Sim, por interesse nas notícias. </li></ul>
  18. 18. O que valoriza num telejornal? <ul><li>Trag é dias – crianças (Popper e Condry, 1994) </li></ul><ul><li>Cat á strofes, </li></ul><ul><li>Acidentes </li></ul><ul><li>Desporto </li></ul><ul><li>Hist ó rias da vida real </li></ul><ul><li>– Temas capazes de “ inflamar as paix õ es mais elementares ” (Bourdieu, 1997); </li></ul>
  19. 19. O que valoriza mais num telejornal? <ul><li>Reportagens </li></ul><ul><li>– O “ efeito de real ” transmitido pelas imagens (Bourdieu, 1997) </li></ul><ul><li>- O quotidiano , a «gente vulgar» como vedeta (cf. Silverstone, 1994; Negri et al., 1990; Casetti e Odin, 1990) </li></ul>
  20. 20. O que valoriza mais num telejornal? <ul><li>Notícias “do país e do mundo” </li></ul><ul><li>– papel integrador do indivíduo na sociedade (Berger & Luckmam , 1996; Horta, 1995). </li></ul>
  21. 21. Vê telejornais das 20 horas? Porquê? <ul><li>“ Sim, porque estou em casa” - consumo dos media é a actividade predominante em casa (Castells, 2005) </li></ul><ul><li>“ Sim, porque vejo com a família” – pilar a partir do qual cada um interpreta a realidade ( Pinto, 2002). </li></ul><ul><li>Importância do papel das redes de interacções sociais em que vivemos nos efeitos dos meios de comunicação social no processo de socialização (Ana Horta 1997). </li></ul>
  22. 22. Prefere o telejornal de um canal específico? <ul><li>Sem prefer ê ncia </li></ul><ul><li>“ É tudo uma manipula çã o. ” – moldagem do pensamento de acordo com o conformismo e os valores de mercado (Bourdieu, 1996) </li></ul><ul><li>“ É o canal que a fam í lia v ê . ” - Reflexo dos ideais e valores de cada indivíduo encontro de estilos de vida entre o que é transmitido e o que é vivido (Pinto, 2002) </li></ul><ul><li>“ São todos iguais” - Homogeneiza çã o das not í cias (Bourdieu,1996) </li></ul>
  23. 23. Prefere o telejornal de um canal específico? <ul><li>Canal que explora menos as not í cias </li></ul><ul><li> Canal que d á as “ not í cias ao m í nimo pormenor ” . </li></ul><ul><li>- Exploração das notícias tendo em vista o sucesso comercial (Bourdieu, 1996) </li></ul><ul><li> Canal que d á mais novidades e actualidades </li></ul><ul><li>- Notícias “frescas”, descontextualizadas, sem passado e sem futuro numa pr á tica corrente anti-educativa (Bourdieu, 1996; Ana Horta, 1997) </li></ul>
  24. 24. Conclusão <ul><li>“O jornalismo não pode ser encarado apenas como a fonte que comunica mas, principalmente, como aquele que produz e reproduz conhecimento para os cidadãos” (Goulart Brandão, 2006). </li></ul>
  25. 25. Conclusão <ul><li>Não compete apenas aos media essa missão de formação de uma sociedade. </li></ul><ul><li>Os pais e educadores devem tomar essa missão como suas. </li></ul><ul><li>Intervenção da escola na educação para os media </li></ul>
  26. 26. Trabalho realizado por: Aline de Lemos Ribeiro Maria Cristina Gomes Turma C – Ciências da Educação 1º Semestre

×