Mentalidade 6 com pág. 01 a 15

229 visualizações

Publicada em

Mentalidade CD 6 - Apostila

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
229
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mentalidade 6 com pág. 01 a 15

  1. 1. 1/14 Mentalidade nº 6 Faixa 1 Amigos, é um prazer estar com todos vocês novamente. Sinto que nos conhecemos pessoalmente. A primeira coleção de CD's Mentalidade fez a diferença na vida de milhares de pessoas. Tenho certeza que este novo material irá proporcionar muita inspiração e conhecimento, o que vai fazer com que o sucesso seja atraído as suas vidas pela pessoa que vocês irão se tornar. Desfrutem do banquete de Desenvolvimento Pessoal. Vamos sentar na primeira fileira do seminário intitulado Mentalidade 6. Em ano novo as pessoas cruzam os dedos e esperam que as coisas mudem. Querem que o governo mude, que seu trabalho mude, que seu chefe mude, pensando que assim a sua vida também vai mudar, que sua renda vai mudar, que sua saúde vai mudar, que sua conta bancária vai mudar. Eles querem um país diferente e não percebem que cada um de nós é que formamos este país e o tornamos o que ele é. A situação econômica de um país é o reflexo da situação econômica de cada indivíduo desse país. Mas aqui nós temos duas alternativas, ou podemos assumir a nossa responsabilidade pelo nosso futuro, apesar das circunstâncias, ou podemos culpar o governo, podemos culpar Deus, a nossa família, até a nossa profissão, pelas circunstâncias. Não culpe a sua profissão, melhor mude de profissão. Nós já falamos nos CD's anteriores que o ser humano é capaz de sair de centavos a milhões, e da doença para saúde, é capaz de tornar lixeiras em belos jardins, e lugares abandonados em belas cidades. Isso significa que como seres humanos temos o privilégio da escolha. Então se você não gosta dos seus resultados você pode mudar agora. Você pode sair de uma cidade que faz calor e mudar para uma cidade que faz frio. Você pode sair da montanha e ir morar na praia, ou sair da praia e ir morar na serra. Você pode escolher onde morar. Assim também, você pode escolher caminhar na direção do sucesso, porque nós estamos no meio de uma luta diária, nós estamos no meio de uma luta de opostos, sucesso e fracasso, são extremos do mesmo caminho, e nós que decidimos para onde nos dirigir. Você pode caminhar em direção a saúde, a sabedoria, ao progresso, ou pode decidir caminhar para doença, para ignorância e a pobreza. Caminhar para um lado ou para o outro vai exigir a mesma disciplina, a mesma determinação, o mesmo esforço. O que vai mudar é o resultado final, vai mudar as suas conquistas. Você pode caminhar em sentido a doença fumando todos os dias,
  2. 2. 2/14 todos os dias, tendo disciplina em comprar os maços de cigarros, dia após dias, até fazer um enfisema pulmonar. Você teve sucesso, só que do lado da doença, entendem isso? Você quer se tornar sábio? Se conquista página após página. Você não gosta de ler? Começa com uma página todos os dias. Não consegue ler uma página? Inicia com um parágrafo pela manhã e um pela noite, e finalmente você vai se tornar o que? Sábio. Pelo efeito acumulativo que isso tem. Essa é a chave, um pouquinho todos os dias, um pouquinho todos os dias. Jim Rohn dizia "algumas disciplinas repetidas todos os dias". Porém devem ser disciplinas construtivas, repetidas todos os dias. Porque você pode tomar refrigerantes todos os dias, e gastar dinheiro todos os dias, e comer gordura de forma disciplinada todos os dias, e também vai ter sucesso em ficar pobre e doente. Você não tem que pegar a bíblia e ler ela inteira em um dia, mas você pode fazer oque? Uma página por dia, uma página por dia, e em três anos o que terá acontecido? Você já terminou de ler a bíblia, uma página por dia. Os próximos três anos de qualquer maneira vão transcorrer, a diferença é se você se dedica a ler ou não. Você deve escolher os cinco livros mais importantes da sua indústria, do seu negócio, e colocar como meta estudar todo esse material. Página após página, até terminar com tudo, até colocar toda essa informação em sua cabeça. De fato você poderia ter lido tantas coisas, poderia ter aprendido a falar uma língua nova quem sabe. Calcule a sua idade, quantos livros poderia ter lido, não é verdade isso? Lembram do CD nº5? Ninguém se torna alcoolatra em um mês. Ninguém se torna obeso da noite para o dia. Ninguém se torna médico em um dia, são dez semestres. Ninguém termina o colegial em um dia, são cinco anos. Ninguém termina o segundo grau em um dia, são três anos, mas você vai para escola todos os dias, todos os dias, todos os dias. As pessoas querem que as coisas mudem, mas para que as coisas mudem você deve mudar. Escrevam ai: A parte mais importante dessa mudança é você. É um engano pensar que a economia determina sua renda. Seus ganhos não são determinados pela economia, e sim pela sua filosofia. Você pode ganhar mais porque é capaz de se tornar mais. Vamos explicar melhor esse conceito. Se você quiser que as coisas melhorem em sua vida, você deve estar disposto a se desenvolver como pessoa, porque o sucesso não se persegue, ele se atrai, e não depende das condições externas, nem do governo, nem da economia. Se dependesse disso estaríamos muito limitados em relação ao salário mínimo por exemplo. Qual é o salário mínimo no Brasil? Quase setecentos reais,
  3. 3. 3/14 não é verdade? Bom, e se você quiser que se torne setecentos e cinquenta? Quais alternativas você tem? Nº1 - Esperar que o governo aumente o valor do salário mínimo. Você está disposto a esperar isso acontecer? Opção Nº2 - É você conseguir que seu chefe ou sua empresa queira aumentar o seu salário. Você está disposto a esperar isso acontecer? Opção Nº3 - Você entrar em greve em sua empresa ou sair e queimar pneus na rua, exigindo que sua empresa aumente seu salário, ou que o governo aumento o valor do salário mínimo. E essa seria a solução? Bom, se você fizer greve sozinho você corre muito risco de ser demitido. Se você entrar em um sindicato, quem sabe pode aumentar os benefícios para todos os empregados. Mas qual será o valor do aumento? Eu acho que não vai ser muito. E por outro lado existe um problema com essa opção, porque não é possível ser rico por exigência, não podemos ser ricos por demanda. A opção Nº4 chama-se Desempenho. Conseguir que seus próprios resultados te deem esse aumento de salário. É claro que uma empresa que fature cem milhões vai ter o prazer de pagar cinco milhões em um ano para o seu presidente corporativo se ele ajudar essa empresa a faturar quinhentos milhões por ano, entendem a diferença? Se você se tornar mais valioso, automaticamente seus ganhos vão acompanhar as suas mudanças. Eu pensava que quando a economia do Equador melhorasse então a minha economia ia melhorar. E me disseram 'Não Pablo, ali não está a chave. Você pode mudar a sua economia mesmo que as circunstâncias do seu país sejam avessas ou desfavoráveis, mesmo que o seu país esteja em crise. ' A pergunta é: Mas é possível criar as suas próprias circunstâncias favoráveis mesmo que tudo a sua volta esteja desenhado para atrapalhar seus planos de progresso? E me disseram sim. E eu vivi esse processo. Minha renda mudou e o governo continuou igual. Minha renda mudou e a economia do Equador continuou igual. Eu mudei e os meus amigos não mudaram. Eu mudei e meus familiares não mudaram. Tudo começa com uma decisão. É um processo que inicia o dia que você quiser. Pode ser a partir de agora ou daqui a dez anos. Você pode terminar de escutar este áudio e decidir parar de fumar a partir de agora. Pode iniciar o ano novo com um propósito de ler os livros, a partir de hoje. De beber menos álcool, ou começar a fazer exercício a partir de hoje, ou na próxima segunda-feira ou daqui a três anos, ou em dez anos. O processo de mudança leva tempo, mas a sua decisão de mudar é imediata. Coloque pensamentos novos em sua mente, pois quem muda sua maneira de pensar, muda a sua maneira de viver. Dedida transformar sua vida agora.
  4. 4. 4/14 Faixa 2 Os próximos dez anos vão acontecer e você vai chegar. A pergunta é: Aonde? Como vão ser os seus próximos dez anos? A resposta é: vão ser exatamente iguais aos seus ultimos dez anos. A menos que você comece a fazer alguma coisa de diferente. Os próximos dez anos vão ser exatamente iguais. As leis naturais que governam o mundo não mudaram nos ultimos 6.500 anos de história, e por isso vamos continuar expostos a crises, guerras, desastres naturais. E há pessoas que tomaram o rumo da sabedoria, outros decidiram ficar ignorantes. Vamos ter pessoas ficando ricas e outras ficando pobres. Vamos ter pessoas nascendo e outras morrendo. Algumas cantando e outras chorando. Vamos ter crise e vamos ter expansão na economia. Vamos ter abundância e vamos ter escassez. Os próximos dez anos vão ser exatamente iguais como tem sido nos últimos 6.500 anos da humanidade. Pessoas prosperando e pessoas fracassando. Pessoas conquistando e pessoas culpando. Pessoas fazendo atividade física e outros só olhando. Vão ser exatamente iguais. E a tua vida vai ser exatamente igual. A menos que em algum ponto você diga: Chega! Eu vou mudar totalmente o curso da minha vida, hoje eu começo a adotar novos hábitos, hoje eu começo a poupar dinheiro, hoje eu começo a correr todos os dias, hoje eu vou desligar a televisão e abrir o meu primeiro livro, hoje eu começo o meu processo de mudar a minha maneira única de pensar. O meu sistema de avaliação, as minhas decisões e as minhas conclusões. As minhas metas e o meu plano de vida. Hoje eu vou desenhar novas metas e me inspirar com isso. Entendo que a informação que eu adquiri tem me levado ao lugar errado, meus resultados são diferentes do que eu desejava. Minha filosofia e minhas decisões erradas estão fazendo estragos em minha vida. Preciso colocar novas ideias e me certificar de que são corretas. Somos livres de tomar decisões todos os dias, mas recebemos estímulos de várias fontes que influenciam nessas decisões. Podemos ajustar os resultados do nosso futuro se corrigimos as ideias que geram os nossos atos. Nosso futuro é um livro em branco e nós podemos decidir o que escrever nele. Somos os arquitetos do nosso destino, apesar de que, eu acredito que Deus já colocou nosso propósito desta vida nos Seus planos originais. Cabe a nós executar esse propósito e refinar nosso pensamento para ter uma vida não apenas aceitável e sim memorável. Essa é a chave amigos! Você deve começar a fazer as mudanças a partir de
  5. 5. 5/14 hoje, deve começar a querer informação fresca hoje! Informação correta, nova, boa, a partir de hoje. Você não pode se dar o luxo de deixar passar mais cinco anos. Não podemos ser ingênuos e pensar que as coisas vão mudar por acidente ou por casualidade. Pensar que as coisas vão se modificar sozinhas. Escrevam ai: As circunstâncias vão ser as mesmas. Já tivemos abundância e já tivemos crise. As pessoas trabalham e se recuperam para depois se confiar, gastar demais e ficar em problemas novamente. Tem pessoas ricas que vão ficar pobres, e pobres que vão se tornar ricos. As coisas vão continuar exatamente iguais. O dólar sobe, depois cai. A economia se expande e depois se contrai. O ponto é: se com as mesmas circunstâncias tem pessoas ficando ricas, com as mesmas vinte e quatro horas e morando no mesmo país, quer dizer então que é possível sim ter os mesmos resultados, que eu também posso conseguir. Eu só preciso modificar minha forma de pensar, os meus hábitos, as minhas disciplinas. Não preciso mudar o governo. Você não precisa mudar os seus pais, não é preciso você mudar a sua esposa, ou o seu marido. Não precisa mudar os preços, nem os impostos. Eu sei que é difícil progredir quando tem pessoas negativas morando na mesma casa, se dormir na mesma casa então a coisa se complica ainda mais. Só que apesar disso você pode progredir. Enquanto eles assistem televisão, você continua escutando o seu CD. Enquanto eles perdem tempo com fofocas, você abre seus livros. Enquanto seus amigos tomam uma caipirinha, você participa de mais um treinamento. Os resultado vão chegar. Você está se preparando para um futuro diferente e então vai poder ir em muitas boates se quiser, ou tomar umas férias com várias caipirinhas se quiser. Mas hoje você paga o pequeno preço pela sua liberdade financeira. Por uma vida nova. Seria mais ou menos como as dores de parto que uma mulher sente, e antes dessas dores, todo aquele processo: os nove meses com vários desconfortos, enjoos, dificuldades para dormir, a posição na cama, a dor na coluna, e toda aquela fase em que uma nova vida está sendo gerada dentro do seu ventre. Mas depois de tudo que uma futura mãe tem que superar, chega aquele dia, o dia em que essa nova vida vai ver a luz pela primeira vez. Eu tenho certeza de que esse dia quando a mãe tem o seu filho em seus braços, ela vai chorar sim, só que de alegria, e vai esquecer a dor e as lutas para que chegue esse momento. Simplesmente ela vai ter uma coisa em sua mente: valeu a pena.
  6. 6. 6/14 Então essa é a chave amigos. Passar por todo o processo para gerar uma nova vida econômica, uma nova vida de liberdade, de atingir o seu máximo potencial, de viver uma vida plena, de realização e de satisfação. A chave é essa. Estamos no mesmo país, com o mesmo transito, com as mesma vinte e quatro horas, e por que tem ricos e pobres? Qual é a diferença? Vinte e quatro horas a sua disposição para você ler ou para você assistir televisão, para você descansar ou para você se exercitar, para você trabalhar e produzir ou para você desperdiçar o seu tempo. Você quer que as coisas mudem? Você deve mudar. O contrário do sucesso não é o fracasso, e sim a mediocridade e o conformismo. Deixar seus talentos apodrecerem porque não está disposto a descobri-los e usá-los no seu máximo potencial. Existe uma bela história que fala sobre um patrono, dono de uma grande propriedade que viaja e deixa três dos seus servos aos cuidados do seu patrimônio, e deixa também talentos ou valores a cada um deles. De acordo com o relato, um recebeu cinco talentos, outro recebeu dois e outro recebeu um. Porque receberam diferentes quantidades de talentos é um mistério. Mas está claro que cada um de nós temos algum valor a ser explorado. Quando o patrono voltou, perguntou o que tinha acontecido com esses valores que ele havia deixado para cada um. Então o primeiro respondeu que teria recebido cinco e conseguiu transformar em dez. O patrono falou: muito bem, servo bom e fiel. O outro também diz que recebeu dois e transformou em quatro. Porém, o ultimo servo que havia recebido um talento, diz que ficou com medo porque o seu senhor é um homem duro e colhe onde não plantou e junta onde não semeou. Por isso escondeu seu talento na terra. Veja, aqui está o seu talento. O patrão ficou muito zangado e disse: servo mau e preguiçoso. E mandou tirar o valor que lhe foi dado e entregar para aquele que tinha dez, porque aquele que tem muito receberá mais ainda. Quem sabe essa seria uma explicação de porque aquele que tem dinheiro recebe mais dinheiro, e aquele que tem menos, até o que tem, pode ser tirado dele por ser preguiçoso. Então mandou jogar esse servo ruim e preguiçoso fora, longe de suas terras. Esta história poderia nos ensinar que temos a responsabilidade de multiplicar aquilo que nos foi confiado para cuidar. E quais valores nos foi confiados para que cuidemos? Nosso corpo, a nossa mente, os bens materias, nosso espírito, as amizades e relacionamentos que temos. Será que todas essas coisas que nos rodeiam poderiam e deveriam crescer e se multiplicar? Se somos fiéis no pouco,
  7. 7. 7/14 um dia poderemos ser merecedores de muito. A riqueza não é de quem precisa, e sim de quem merece. Se faça merecedor das coisas boas. Procure compensar o seu lado da balança com serviço e as recompensas do outro lado vão aumentar também. Faixa 3 Está errado tentar receber alguma coisa em troca de nada. Sempre pague um preço justo por tudo aquilo que queira. Sempre tente entregar valor pelo salário que recebe. Acreditem nisso. Se você focar seus esforços em se doar aos outros, em fazer o seu trabalho com excelência, em prestar o melhor serviço que for capaz, mesmo que naquele momento as suas recompensas materiais não acompanhem seus esforços, em breve isso irá acontecer sim, e você não vai receber só recompensas materiais, e sim em gratidão, em admiração, em paz interior, em felicidade. Cada vez que você decide pagar um preço justo pelas coisas que recebe, seja em esforço ou dinheiro, isso faz de você uma pessoas diferente, uma verdadeira pessoa de sucesso. E se você inventa um jeito de pegar de graça, bom, isso também tem um preço, isso torna você uma pessoa que vive pela lei do mínimo esforço. Acredito, e essa é a minha opinião, que o dinheiro em si não tem sentido, se você não o conquistou honestamente, e prestando um serviço impecável. Você pode ganhar dinheiro de maneiras estranhas, mas tenho certeza que isso não vai preencher a sua necessidade. Essa poderia ser a verdadeira cobiça. Nunca ficar satisfeito, sempre a procura de mais dinheiro, pensando que pode tampar o buraco, o vazio interior que você tem. Essa tristeza, esse desespero de viver como não corresponde. Quem faz isso não vai ter paz de espírito, e não vai contribuir como um legado, como um exemplo a seguir pelas pessoas que lhe rodeiam, ou pela sua família. Em muitos casos até vai ser motivo de vergonha. Se tornar rico de maneira desonesta não é o caminho, não procurem facilidade, ali não está a chave. Você vai poder ganhar o mundo, mas de que vai lhe servir se você perder sua alma? As circunstâncias sempre foram duras e vão continuar sendo duras. Não precisa pedir que as coisas sejam mais fáceis, peça mais força para se preparar e ser melhor a cada dia. Não peça menos problemas, peça maior habilidade. Não peça melhores circunstâncias, peça maior sabedoria.
  8. 8. 8/14 Tudo que acontece na vida tem uma lição que nos permite crescer, evoluir e progredir. Então se certifique de que você tem uma mentalidade correta. Essa é a mudança principal. A seguinte mudança importante é aquilo que você decide a cada dia. Essas decisões estão levando a sua vida para algum lugar. Verifique se realmente você quer chegar lá. Se certifique de que essas decisões sejam corretas, que te levem a tomar uma ação correta, que te faça agir de forma correta, se expressar corretamente, mostrar inteligência e sabedoria na maneira de se conduzir. A chave está em mudar suas metas, seus hábitos, tudo aquilo que gosta, mas que é destrutivo. Sua rotina diária, que te mantem no mesmo lugar de fracasso há anos. Você não gosta de ler? É justamente isso que deve mudar. Deve mudar sua atitude. Eu passei pelo mesmo processo. Tive que mudar tudo aquilo que estava me atrapalhando de conquistar o meu sucesso. Tive que aprender que nem sempre posso fazer o que eu gosto, mas posso aprender a gostar do que eu faço especialmente se é conveniente. O ser humano tem a tendência de gostar daquilo que o destrói. Aprendi os livros que devia ler, os cursos que devia tomar, como devia falar, como devia vestir, corrigir a minha imagem, aprendi como devia pensar para que minha vida pudesse mudar. Todas essas ideias tiveram um impacto incrível em minha vida e me deu vontade de inspirar a vida de outras pessoas. Me tornei um bom aluno, um estudante dessa matéria chamada sucesso. Você deve fazer a mesma coisa. Mudar os seus costumes, se comportar como uma pessoa de sucesso, mudar seu linguajar, falar como uma pessoa educada e bem sucedida, combinar com o meio ambiente refinado. Tem livros que ensinam todas essas coisas: Como se comportar na mesa/ Como combinar as cores na sua roupa/ Como se conduzir em um ambiente empresarial ou de negócios/ Como manter uma boa conversa com pessoas importantes. Todos esses são temas de estudo. As pessoas de sucesso não fazem as mesmas coisas que as pessoas fracassadas. Eles têm costumes diferentes, hábitos diferentes, comportamento diferente, que os tornam únicos e especiais. A pergunta é: O que você costuma fazer? Em todas as áreas. Como você se alimenta, por exemplo, e a pessoa te diz: Eu como bacon, ovo frito, hambúrguer e batata frita no café da manhã. E você diz: Meu Deus! Eu nunca faria uma coisa dessa com meu corpo. E então ele te pergunta: Quantas horas por dia você assiste televisão? E você responde: Eu não assisto televisão. Muito pouco. A maioria são vídeos de treinamento ou as vezes filmes em família.
  9. 9. 9/14 Então você pode imaginar como é a vida de uma pessoa que assiste trinta horas de televisão por semana? O engraçado é que são essas mesmas pessoas que as vezes nos dizem que não tem tempo para olhar uma nova oportunidade que poderia mudar completamente a economia de sua casa e dar um melhor estilo de vida para sua família. E então a pessoas se admira quando pergunta: Oh, você poupa no lugar de gastar? Eu faço ao contrário, eu gasto tudo e mais um pouco. Sempre estou sem dinheiro e endividado. E por ai vai... E te pergunta: Você usa crédito? Não, claro que não. Eu compro tudo a vista. Não é possível ser rico pagando duas e três vezes o valor das coisas por causa dos juros. Se vocês perceberem é uma questão de hábitos. Seus hábitos combinam com sucesso ou com fracasso. São essas pequenas coisas que você deve corrigir, e que vão fazer uma grande diferença nos resultados. De verdade você quer que sua vida mude? Você deve fazer todas essas correções. Tem um curso que em breve vocês todos vão poder escutar em português que chama-se As Bases da Riqueza, e ali estão todos os pequenos detalhes que te tornam rico. O que você deveria fazer para ficar rico, como você deveria usar o seu dinheiro, como cuidar do seu patrimônio, como investir, como negociar, e muitas outras coisas mais. Você poderia começar lendo O Homem mais rico da Babilônia, por exemplo. Esse livro incrível que vai te ensinar o que fazer com cada moeda que vai para teu bolso. Imagine que você é um bom pai, é um bom vizinho, trabalha duro, mas você não lê os livros que continham as ideias de sucesso, e no fim da sua vida termina sem dinheiro e lutando para sobreviver. Não seria isso triste? Não dar a sua família o melhor possível só porque ninguém te aconselhou a comprar esse tipo de livros ou escutar esse tipo de áudios? E pior ainda, tem gente que compra o livro, mas não lê. Ou adquire esses CD's e os deixa bem guardadinhos para eles não pegarem poeira. A informação fica na gaveta, mas não fica na sua cabeça. Os hábitos são como finos cabos de aço que vão engrossando com a repetição. E chega um ponto que são correntes que nos mantém nos trilhos do rumo certo ou que nos tornam escravos de condutas destrutivas. Substitua hábitos negativos por novos hábitos positivos hoje. Faixa 4 Vocês acham que eu mudei minha aparência? Totalmente! Me tornei bem sucedido e comecei a perceber que os empresários que me rodeiam na área em que eu atuo são pessoas que tem cuidado em todas as áreas. Eles cuidam da
  10. 10. 10/14 pele, cuidam do peso, do seu vocabulário, são educados e falam várias línguas. Eles têm bom gosto, tem estilo e sofisticação. Eles cuidam da sua área corporal, assim como cuidam da sua área mental. Tem um estilo de vida único! Para mim, isso serviu de inspiração, serviu de exemplo, porque eu sonhava com ser parte desse grupo de pessoas bem sucedidas que parecem estrelas de televisão, com um rosto incrível, tempo para sua família, hotéis de luxo e férias incríveis. Eu era um menino de dezoito anos, sonhando chegar no topo da escada, nesse 1% da população que desfruta de liberdade econômica. E é assim como funciona. Olha que interessante. É interessante que você chegue perto de uma pessoa de sucesso, de nível social alto, pelo qual você sente admiração, e vão perceber que é diferente de uma pessoa de classe média, que também é diferente de uma pessoa que está começando a fazer carreira em uma empresa e os seus ganhos ainda são limitados. Os primeiros cuidam mais dos aspectos da sua vida, eles não chegam mais com seu carro sujo, por exemplo, sempre estão com ele limpo. Às vezes tem coisas que não tem haver somente com o dinheiro e sim é uma questão cultural, próprias do nível de vida e daquele nível que a pessoa pertence. Em alguns bairros de alguns países da América Latina, a população joga o lixo na calçada, no meio da rua. Então você percebe que isso não tem haver com o nível econômico e sim com o nível cultural e de autoestima dessas pessoas. Porque se a pessoas acha no seu interior que merece viver no meio do lixo, então isso é reflexo de como ela se comporta, essas são as suas crenças, não é pobreza de bolso, e sim pobreza de cabeça e de espírito. É contra isso que nós devemos lutar. Tirar as pessoas da lastima que sentem por elas mesmas, de achar que não é possível mudar, que elas não merecem coisas boas. Essa mudança acontece em cada nível. Lembram dos costumes? Pois é, cada nível tem seus costumes, seus hábitos e seus gostos. Já dissemos que suas coisas parecem com seus donos. Olhe que interessante, você mesmo vai perceber isso, a diferença que existe em cada nível, eles se comportam de forma diferente. Então cada pessoa vive em sua própria realidade. Eles pensam que estão certos, não tem padrões de comparação porque eles não estudam o outro lado da cidade, não estudam o comportamento dos ricos, das pessoas de sucesso. Eles simplesmente acreditem que as pessoas de sucesso tiveram sorte. E como os hábitos e os costumes são como cabos de aço, eles simplesmente não querem mudar, ou acham que não podem.
  11. 11. 11/14 Que tão fácil seria deixar de fazer o que sempre fez, deixar de assistir televisão se você fez isso a vinte anos. Agora você vai ter que ler um livro. Que tão fácil seria mudar seus gostos? Isso não é fácil! Mudar aquilo que fez desde criança, tomar aquele refrigerante todos os dias, e um dia decidir parar e beber mais água. Isso não é fácil. E mudar o seu linguajar? Sua forma de falar? As palavras, ou palavrões que usa no dia a dia. Será que se conter e ser mais educado é fácil? Não é fácil! Se você fez e todo mundo te aceitava desse jeito, então é dificil você mudar. Você acha que não precisa, mas se você quiser que sua vida mude de verdade você deve ter a força de mudar esses hábitos, mudar os seus costumes e iniciar com novas disciplinas construtivas. Dizem que comer uma maçã todos os dias é um hábito saudável. Seria fácil iniciar com esse hábito? Claro que sim. E por que não o fazemos? Porque é mais fácil comer um salgado. Seria fácil fazer atividade física? Sim! Só que é mais fácil ficar na cama dormindo até mais tarde. Todas as coisas que são fáceis de fazer, são mais fáceis de não fazer, e por isso se tornam difíceis. A dificuldade na realidade tem haver com a nossa própria falta de disciplina e motivação. O sucesso não acontece na hora que você pega medalha de ouro, ou que empossa no cargo, ou que recebe aquele aumento. O seu sucesso aconteceu muito antes, nas suas lutas, disciplinando suas decepções, lidando com as suas frustrações, e melhorando o tempo todo. Por isso tem pessoas que se perguntam: Por que ele recebeu o cargo e eu não? Deve ser que eles não gostam de mim. Não! Ele reúne as características e você não. Mas nós somos iguais. Como pessoas sim, mas em hábitos não. Ele veste melhor do que você, ele fala melhor do que você, ele pensa melhor do que você, ele tem melhores metas do que as suas, ele tem melhores hábitos que os seus. Ele é pontual, você não. Ah, então é por isso? Sim! É por isso. Ele merece mais do que você, ele é mais disciplinado do que você. E ali estão as mudanças, essa é a lista de mudanças. Eu era indisciplinado e tive que me tornar disciplinado. Você é desordenado? Agora deve se tornar ordenado. As pessoas de sucesso mostram características de bons administradores, organizados e controlados. Saem de férias, suas reservas já estão prontas. São pontuais, chegam com antecedência ao aeroporto. Está tudo sobre controle, nada de surpresas desagradáveis. Planejamento em cada passo versus viver com os dedos cruzados, esperando que tudo dê certo, mas sem fazer nada. Sendo positivos, esperando
  12. 12. 12/14 que não cortem o seu telefone de casa e sabendo que não pagou essa conta faz vários meses. Esperando que o seu carro chegue ao destino quando a luz da reserva de combustível está ligada faz meia hora. Essas pessoas sofrem surpresas desagradáveis. Esse é um estresse desnecessário. E pessoas que vivem com o dinheiro do futuro, que gastam tudo o que ganham e ainda gastam o do mês que vem, e as vezes até o do ano que vem. A chave é controle seus gastos, sabedoria na hora de fazer compras, são desejos ou necessidades? É uma boa pergunta. Não permitam que a falta de controle desequilibre suas vidas. Tem hora de trabalhar e hora de descansar. Tem hora de produzir e tem hora de ficar em casa com sua família, dando a atenção que eles merecem. A regra aqui é tempo de qualidade no seu trabalho e tempo em quantidade em sua casa. Você tem tudo isso sobre controle, esqueçam da palavra espontâneo, pelo menos para os negócios isso não funciona. Você deve controlar a sua agenda do ano todo, e saber priorizar as atividades do seu negócio, assim como reservar parte em sua agenda para sua família. Onde você estará cada dia do ano? É uma boa pergunta. Essa é uma maneira de se fazer. A outra maneira é começar o ano com os dedos cruzados e falar: Que seja o que Deus quiser! Deus te deu o manual de instruções, mas te deu também liberdade, justamente para que seja você que decida sobre sua conduta. Se sua decisão é ficar na pobreza, Ele vai se desapontar, porque Ele te deu os recursos e talentos para que você prospere, mas Ele não vai interferir nisso. Se você disser: Deus, eu decidi ficar gordo. Ele vai olhar como você destrói o templo do espírito, mas Ele não vai interferir. Olha, eu decidir me tornar um líder bem sucedido. Deus vai olhar as intenções do seu coração para ver se desdém da plataforma de poder e influência e de sucesso. Você faz o que é correto ao seus olhos. Eu decidi dar tudo as pobres. Pois bem, será uma decisão que beneficia a muitos, e quem sabe te dê satisfações que o dinheiro não pode. Mas finalmente isso também será uma decisão sua. Sabe que eu quero pegar o meu carro e sair pela estrada rumo ao mar. E Deus vai olhar tudo acontecer, mas não é função Dele mudar a lei da gravidade para evitar uma consequência logica da sua conduta, dos seus próprios atos. Não é assim? Você diz: Deus, decidi me tornar sábio. E Ele vai ficar feliz de você cumprir com um dos seus provérbios. Sobretudo se você procurar a sabedoria que vem Dele. Deus, decidi ter uma conta bancária com muitos milhões. De repente Ele pode se perguntar: Pra que você quer todos esses milhões? Mas
  13. 13. 13/14 finalmente Ele vai deixar que seu próprio arbítrio decida o que fazer com isso. O problema não é Deus, e sim sua própria ignorância em compreender o seu propósito para sua vida. Faixa 5 Um dia é um pedaço de tempo que todos nós temos a disposição, mas como não podemos guardar quinze dias na geladeira, então ele se torna um pedaço da sua vida. Tem gente que fala que tempo é dinheiro, mas na realidade tempo é mais do que isso. Tempo é vida. Você pode ganhar mais dinheiro, mas não pode ganhar mais tempo. Então cuide e valorize cada dia que é colocado a sua disposição. O que você vai fazer com as próximas vinte e quatro horas? É uma pergunta chave. Quem merece um dia da sua vida? Sua família? É claro! Seus amigos? Seus projetos? Em quais projetos você está trabalhando no momento? São valiosos? Vão acrescentar ao seu legado? Vão servir de exemplo para as futuras gerações? Estão mudando a vida de quem conhece você pela primeira vez? Aonde você investe cada dia que recebe? Porque cada dia somado forma uma próxima semana, e semana após semana forma um ano. Assim mesmo essa somatória de anos é a sua vida. O que você está fazendo com cada dia? Com cada semana? E com cada ano? Eu decidi fazer este seminário. Poderia ter decidido que hoje eu vou jogar futebol. Eu poderia ter decidido isso. Parte de minha missão é fazer este material. Eu decidi abrir um site de suporte: www.pablopaucar.com para continuar educando e inspirando as pessoas. Também poderia ter decidido esquecer toda essa informação preciosa e nunca colocá-la em português. Temos liberdade de escolher o que fazer com cada dia, é parte da nossa condição de seres humanos. Claro que sim. Hoje eu vou dançar. Hoje eu fico assistindo televisão o dia inteiro. Eu poderia ter decidido isso, e tem suas consequências. Você decidiu escutar esses áudios. Pois bem, você receberá também os benefícios dessa disciplina. Tem coisas que você decide, outras você deseja, outras você mentaliza, ou se repete em forma de auto sugestão. Os cursos de pe e ele ensinam isso. Mas tem coisas que estão fora do seu controle. Às vezes é um tipo de repetição que se torna convicção em relação a atitudes ou metas. Pode botar condutas, comportamentos e resultados, mas nem sempre o que você deseja é o que vai receber. As vezes, Deus tem uma coisa melhor para você nos seus planos. Mas também tem pessoas que pedem descanso, que pedem menos trabalho, isso é o que eles pedem. Pedem até menos problemas. A chave não é que você peça menos problemas. Escrevam ai: A chave é pedir que você seja capaz de resolvê-los. Como Salomão, que não pediu menos problemas. O que foi que ele pediu? Me torne sábio para guiar o seu povo. E Deus
  14. 14. 14/14 disse: Olha o que se pede. Não pediu riqueza, não pediu nada. Somente pediu o que? Sabedoria. Olha que interessante. Sabedoria! E com isso você conquista tudo. Você poderia se tornar sábio? Claro que sim! Você poderia se tornar sábio se é isso que você pede, se é isso que você procura. Então aonde está a chave? A chave está em que tipo de alimento você dá a sua mente, quais são as sementes que você coloca na terra da sua mente. Devemos alimentar o nosso corpo também, é claro que sim. E quais são os argumentos que você coloca na terra do seu corpo? Deveríamos cuidar de que esses alimentos sejam nutritivos. Não tem nada pior que uma mente empreendedora com corpo fraco. Sua mente está pronta para conquistar suas metas, mas seu corpo não consegue sair da cama. Nada mais triste do que um cara rico, que tem um cavalo que corre como o vento e ele mesmo não consegue subir um lance de escada sem ficar esgotado. Devemos escolher melhor a nutrição para o nosso corpo assim como escolhemos a nutrição para nossa mente. As ideias refinadas, uma refeição intelectual, que some, que desenvolva o seu cérebro, que eleve seus pensamentos, que te coloque por em cima das pequenas coisas que ocupam o tempo das pessoas de cabeça pequena. Cada mudança que você fizer são pequenos grãos no timão do barco da sua vida que vão fazer com que em cinco ou dez anos seu destino seja totalmente diferente. Há quase vinte anos eu mudei uns quantos grãos no rumo da minha vida. Um pequeno giro, e comecei a me afastar das rochas do fracasso, comecei a atrair o tipo de vida que sempre sonhei, e o resultado foi incrível. A mesma coisa vocês podem fazer, e pode ser o dia que vocês decidirem. A partir de hoje, se assim quiserem. O dia que vocês quiserem. Então é muito importante a sua mentalidade e sua atitude em relação as circunstâncias, em relação as pessoas, em relação aos seus ganhos, em relação a sua família, sua atitude em relação ao seu país. O que você pensa em relação a economia? Aos preços? Em relação as críticas? O que você pensa sobre o sucesso? Sua atitude em relação as decepções? Em relação a frustração? Em relação aos seus sonhos? Suas metas? Seu objetivo de vida? Sua atitude em relação ao seu plano diário de vida? O que você pensa sobre sua atividade? Sobre seus resultados? Sobre os negócios? Sobre os empregos? Estas coisas determinam as decisões que você vai tomar amanhã. O que você pensa sobre a aposentadoria? Uma balança mental desequilibrada que pese as ideias de forma errada em relação a estes pontos pode fazer com que sua avaliação das coisas seja errada, e te levar a um desastre econômico. Pode te levar ao fracasso em várias áreas da tua vida. Tudo afeta tudo. Lembram disso? Uma decisão errada afeta todas as outras coisas. E uma decisão certa influencia também o resto da sua vida. Adotar um novo hábito positivo em uma área influência na sua facilidade de
  15. 15. 15/14 se tornar disciplinado, e adotar novos hábitos em outras áreas também. E como isso pode ter um impacto no seu nível de vida? De muitas maneiras. O ser humano se torna aquilo que lê, aquilo que come, ele é o resultado das pessoas com as quem convive, se torna aquilo que pensa, e aquilo que decide. Vale a pena identificar onde nos encontramos neste momento e imaginar aonde vamos chegar. Qual é o resultado final do acumulo de disciplinas ou de erros que repetimos todos os dias, todos os dias. Espere o Capítulo de Mentalidade 7.

×