Bacia do Paraná aponta indícios de petróleo e gás<br />GUSTAVO PORTO - Agencia Estado <br />RIBEIRÃO PRETO, SP - Avaliação...
Bacia Do  Paraná Aponta Indícios De Petróleo E Gás
Bacia Do  Paraná Aponta Indícios De Petróleo E Gás
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Bacia Do Paraná Aponta Indícios De Petróleo E Gás

745 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Turismo
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
745
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Bacia Do Paraná Aponta Indícios De Petróleo E Gás

  1. 1. Bacia do Paraná aponta indícios de petróleo e gás<br />GUSTAVO PORTO - Agencia Estado <br />RIBEIRÃO PRETO, SP - Avaliação feita pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) na Bacia do Paraná apontou indícios positivos vinculados a possíveis descobertas de petróleo e gás entre as cidades de Ribeirão Preto (SP) e Rio Verde (GO). Nessa faixa foi encontrado, de acordo com a agência, " um derramamento de basalto" , cuja estrutura rochosa está ligada à prospecção dos combustíveis. " Encontramos indícios que são muito positivos para a região, vinculados ao petróleo e gás" , disse o diretor da ANP Allan Kardec Duailibe.O derramamento de basalto foi constatado em um levantamento aerogravimétrico, ou seja, uma avaliação da estrutura interna do solo por meio de aviões com um auxílio de um instrumento que avalia a diferença de gravidade interna abaixo da terra. " Há indícios de basalto, que está vinculado à possibilidade de ter petróleo e gás na Bacia do Paraná e aqui na região (de Ribeirão Preto) há fortes indícios" , ratificou Duailibe, que esteve na cidade do interior paulista para participar do projeto ANP Itinerante.A partir de agora a ANP fará levantamentos em campo e, em seguida, dependendo dos estudos, fará uma perfuração experimental. Paralelamente, a agência deve preparar, possivelmente para o próximo ano, segundo Duailibe, um leilão de blocos que forem destacados na região. " Esperamos que até o ano que vem o leilão aconteça, após os estudos técnicos" , explicou o diretor.Com 1,1 milhão de quilômetros quadrados, a Bacia do Paraná fica localizada no continente entre o Sul e o Centro-Oeste do Brasil e, pelo fato de o Brasil ter privilegiado a exploração de petróleo e gás no Oceano Atlântico, seu potencial ainda é praticamente desconhecido. Os estudos da ANP para a avaliação da região estão orçados em R$ 100 milhões.Entre os blocos já destacados na região, foi encontrado gás no campo de Barra Bonita, no Paraná, mas as dez rodadas da ANP feitas para a exploração em outros blocos na região fracassaram. No ano passado, a empresa argentina STR arrematou o bloco PAR-T-323, mas desistiu de pagar o R$ 1,2 bilhão pela área devido à crise mundial. <br />

×