ETAR

4.575 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.575
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
11
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
179
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

ETAR

  1. 1. Escola Secundária de Arganil Biologia 12ºC Biologia 2009/2010
  2. 2. Introdução• Cada vez mais há mais poluição, de uma forma geral, e para que possamos usufruir do nosso planeta de uma forma sustentável temos que descobrir formas de o preservar.• Um dos tipos de poluição que nos afecta directamente e a todos os outros seres vivos é a poluição hídrica, e para a combatermos purificamos a água em ETAR’s.
  3. 3. O que é uma ETAR? Impacte Águas residuaisAmbiental Tratamento Purificação das das Lamas águas residuais
  4. 4. O que é uma ETAR?• Estações de Tratamento de Águas Residuais (ETAR), são estações que tratam as águas residuais de origem doméstica e industrial para depois serem escoados para o mar ou rio com um nível de poluição inofensivo para o meio ambiente receptor.
  5. 5. Águas Residuais• São aquelas que se encontram com as suas características físicas, químicas e/ou biológicas alteradas ao ponto de não poderem ser utilizadas para o fim a que se destina;• Esta perturbação é feita pela acção do Homem.
  6. 6. Origem das águasresiduais• Actividades Humanas – Processos industriais; – Esgotos; – Águas lixiviantes; – Agricultura intensiva;
  7. 7. Origem das águasresiduais Descarga de Águas Residuais
  8. 8. Purificação das águasresiduais• Pré-tratamento: – É nesta primeira fase que se separam o material sólido de grandes dimensões, a areia, as partículas finas que sofrem o processo de sedimentação, pela acção da gravidade, formando mais tarde as lamas. – São aqui igualmente removidos os materiais insolúveis como óleos e gorduras, que ao permanecerem à superfície, vão ser retirados por processos mecânicos.
  9. 9. Purificação das águas residuais • Tratamento primário: – A matéria poluente é separada da água por sedimentação nos sedimentadores primários. – Adição de agentes químicos queAlSO4 através de uma floculação possibilitam a obtenção de flocos de matéria poluente de maiores dimensões.
  10. 10. Purificação das águasresiduais• Tratamento secundário: – a matéria poluente coloidal é degradada por microrganismos nos chamados reactores biológicos, onde normalmente se procede ao arejamento; Fig.1- Bactérias Filamentosas – O efluente saído do reactor biológico é constituído por uma grande quantidade de microrganismos, sendo muito reduzida a matéria poluente remanescente.Fig.2 - Bactérias aeróbias usadas nas ETAR’s
  11. 11. Purificação das águasresiduais• Tratamento secundário: – Os microrganismos sofrem de seguida um processo de sedimentação nos designados sedimentadores secundários, constituindo parte das lamas;
  12. 12. Purificação das águasresiduais
  13. 13. Purificação das águasresiduais• Tratamento terciário: – Apenas águas industriais e com elevadas quantidades de nitratos e fosfatos são submetidas a este tratamento, caso contrário contaminariam rios, lagos e oceanos.
  14. 14. Purificação das águasresiduais• Tratamento terciário: – a água residual é submetida a uma desinfecção efectuada por meio de radiação ultravioleta ou por adição de cloro. – eliminação por completo dos microrganismos que possam ainda existir, tornando a água mais pura.
  15. 15. Tratamento das Lamas• As lamas retiradas durante todo o processo são muito ricas em matéria orgânica, seres vivos e oxigénio.
  16. 16. Tratamento das Lamas• Potenciais usos: – Produção de metano para produzir electricidade, que pode eventualmente fornecer a energia à própria ETAR para todo o seu funcionamento; – Produção de adubos muito ricos e não poluentes, com posterior limpeza dos solos pelas bactérias presentes nos adubos;
  17. 17. Impacte Ambiental• O impacte ambiental das ETAR’s é bastante grande, uma vez que evitam que grande parte da poluição passe para o ambiente e cause estragos irreparáveis.• Evitam que certas substâncias entrem nas cadeias alimentares, preservando a saúde ambiental e pública.
  18. 18. Impacte Ambiental• Reutilização da água, fazendo com que haja uma grande diminuição no consumo de água.• Os detritos quando retirados das águas, se forem perigosos, vão para aterros, se tiverem carisma reciclável são reencaminhados para a reciclagem, e os restantes usados no fabrico de fertilizantes orgânicos, o que também reduz os detritos na Natureza.
  19. 19. Visita à ETAR de Arganil
  20. 20. Bibliografia• http://www.infopedia.pt/$etar• http://pt.wikipedia.org/wiki/Esta%C3%A7%C3%A3o_de_tratamento_de_ %C3%A1guas_residuais• http://www.ineti.pt/download.aspx? id=CD033DD40CB11EB111AA7B61D9F3B8C8• http://www.google.pt/imgres? imgurl=http://ernestoaguiar.com/images/Lagoa%2520Albufeira/imagens %2520etar/image002.gif&imgrefurl=http://ernestoaguiar.com/Lagoa %2520Albufeira/etar.htm&usg=__QobD6z- zbOYqe_jGLG4vmtrUNDE=&h=374&w=565&sz=31&hl=pt- PT&start=5&um=1&itbs=1&tbnid=B- HGVcvwk9uYnM:&tbnh=89&tbnw=134&prev=/images%3Fq %3Ddesengorduramento%26um%3D1%26hl%3Dpt-PT%26tbs%3Disch:1• http://www.aguasdoalgarve.pt/uploads/image/ETARVilamoura/ETAR %20de%20Vilamoura1.JPG• http://www.aguasgaia.eu/FileUpload/pics/etar_areinho.jpg• http://campus.fct.unl.pt/afr/ipa_9899/grupo0004_agua/
  21. 21. Trabalho realizado por:–Artur Martins nº5–Sara Freitas nº18 2009/2010
  22. 22. Biologia 2009/2010

×