TRAÇOS MARAJOARAS E TAPAJONICOS

5.319 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.319
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
101
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

TRAÇOS MARAJOARAS E TAPAJONICOS

  1. 1. NÚCLEO DE INFORMÁTICA EDUCATIVA CURSO DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE SALA DE INFORMÁTICA - 140h. Prof. Arlis Coimbra arlisocom@gmail.com Belém – Pará, 07 de Dezembro de 2012
  2. 2. Prefeitura Municipal de Belém Secretaria de educação e Cultura - SEMEC ESCOLA MUNICIPAL DE ENSINO FUNDAMENTAL PROF. AVERTANO ROCHATraços Marajoaras e Tapajônicos: A arte das linhas e cores quase esquecidas da Amazônia Prof. Arlis Coimbra arlisocom@gmail.com Belém, 07 de Dezembro de 2012
  3. 3. Simbologia e Arte nas culturas Marajoara e Tapajônica Apesar de ter havido quase que um saque arqueológicona Amazônia, esta continua sendo uma região onde muitosmistérios ainda persistem resistindo ao tempo. A rica arte ceramista dos povos desaparecidos dailha de Marajó e de Santarém, próximo à foz do rio tapajósé testemunho vivo de que algo de muito importante aconteceunaquele estranho mundo selvático, que não foi ainda totalmente
  4. 4. I A ilha de MarajóÉ uma ilha brasileira do estado do Pará, localizada na fozAmazonas no arquipélago do Marajó. Com uma área de aproximadamente 40 100 km², é a maiorilha fluviomarítima do mundo.
  5. 5. Aldeia dos Tapajós Santarém foi fundada então pelo Padre João Felipe em22 de junhode 1661 sob o nome de "Aldeia dos Tapajós". Logo ao chegar, o fundadorconstruiu a primeira capela de Nossa Senhora da Conceição. A partir do desenvolvimento dessa aldeia originaram-se outraspovoações como Boim e Borari em1738, hoje conhecida como Alter-do–Chão.
  6. 6. CERÂMICA  MARAJOARA Ilha de Marajó/PA A Cerâmica Marajoara é fruto do trabalho dos índios da Ilha deMarajó. A fase mais estudada e conhecida se refere ao período de400/1400 dC.
  7. 7. Objetos em Cerâmicas Faziam peças utilitárias edecorativas Confeccionavam vasilhas, potes, urnas funerárias, apitos,chocalhos machados, bonecas de criança, cachimbos, estatuetas, porta-veneno para as flechas, tangas (tapa-sexo usado para cobrir as genitáliadas moças) – talvez as únicas, não só na América mas em todo o mundo,feitas de cerâmica. URNA PEÇAS TANGA APITO
  8. 8. Cerâmica de Santarém ou TapajônicaA cerâmica de Santarém também conhecida como cerâmica dos Tapajós,advém de uma cultura, “considerada uma das de maior distribuição nabacia amazônica e, cronologicamente, aceita como proto-histórica”.O grupo indígena Tapajó localizava-se na foz e ao longo do afluente damargem direita do Amazonas – o Rio Tapajós.
  9. 9. Apenas a cerâmica restou para testemunhar sua história. Essa belíssima cerâmica se inclui na tradição Inciso Ponteada (1.000 a 1.500 d.C e nelas vamos encontrar uma peculiaridade: não existiam urnas funerárias. EsOs vasos chamados de cariátides constituem-se de diversas partes distintas,destacando-se a superior e a inferior, ligadas entre si por três cariátidesantropomorfas, sendo que enquanto a parte inferior é uma espécie de suportesob a forma de carretel, a parte superior toma a forma de uma cuia, cujotamanho é bem maior que o do suporte.

×