QUIMIOTERAPIA

1.045 visualizações

Publicada em

Trabalho Acadêmico

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.045
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
280
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

QUIMIOTERAPIA

  1. 1. QUIMIOTERAPIA NEOPLÁSICA TEMA: Santarém – Pará / 2007
  2. 2. BASE MOLECULAR DA QUIMIOTERAPIA Os agentes quimioterápicos são compostos químicos planejados para serem tóxicos para o microrganismo infeccioso, porém inofensivo ao hospedeiro. 2
  3. 3.  O câncer é uma doença caracterizada pela multiplicação é propagação descontrolada no corpo de formas anormais das próprias células corporais. BIOLOGIA DO CÂNCER 3
  4. 4. As células cancerosas apresentam quatro características: Proliferação descontrolada; Desdiferenciação e perda de função; Poder de invasão; Metástase. CARACTERÍSTICAS ESPECIAIS DAS CÉLULAS CANCEROSAS 4
  5. 5. Uma célula normal transforma-se em célula cancerosa devida a uma mutação do seu DNA, que pode ser herdada ou adquirida: A inativação dos genes supressores tumorais; A ativação de proto-oncogenes em oncogenes. GÊNESE DE UMA CÉLULA CANCEROSA 5
  6. 6.  Toxicidade da medula óssea;  Cicatrização deficiente de feridas;  Queda de cabelos;  Lesão do epitélio gastrintestinal;  Depressão do crescimento;  Esterilidade;  Teratogenicidade. OS PRINCÍPIOS GERAIS DE AÇÃO DOS AGENTES ANTINEOPLASICOS CITOTÓXICOS 6
  7. 7. Os principiais agentes antineoplásicos podem ser divididos em:  Agentes citotóxicos;  Hormônios;  Agentes diversos. FÁRMACOS UTILIZADOS NA QUIMIOTERAPIA DO CÂNCER 7
  8. 8. Alquilantes e compostos correlatos: Atuam através da formação de ligações covalentes com DNA, impedindo assim sua replicação.  Nitrossoureías: lomustina e carmustina;  Bussulfan.  Ciclofosfamida AGENTES CITOTÓXICOS 8
  9. 9. Antimetabólicos: Bloqueiam ou subvertem uma ou mais vias metabólicas envolvidas na síntese de DNA:  Metotrexato: O mais utilizado na quimioterapia do câncer.  Fluorouracil: Interfere na síntese de timidinato e na síntese de DNA.  Citarabina: A droga é incorporada em grau limitado tanto no DNA quanto no RNA. Porém sua principal ação citotóxica consiste na inibição da DNA polimerase pelo trifosfato. AGENTES CITOTÓXICOS - Continuação 9
  10. 10. Antibióticos Citotóxicos: Substâncias de origem microbiana que impedem a divisão das células dos mamíferos.  Doxorrubicina;  Bleomicinas;  Mitomicina. AGENTES CITOTÓXICOS - Continuação 10
  11. 11. A maioria afeta especificamente a função dos microtúbulos, e na formação do fuso mitótico.  Alcaloide da vinca: vincristina, vimblastina e a vindesina;  Taxanos: paclilitaxel e docelatel – derivam-se da casca do teixo. DERIVADOS VEGETAIS 11
  12. 12. Dos quais os mais importantes são os esteroides, esses fármacos suprimem a secreção hormonal ou antagonizam a ação. Glicocorticoides; Estrogênios; Progestogenios - mogestrol e medroxiprogesterona. HORMÔNIOS 12
  13. 13. São agentes que não se enquadram nas categorias anteriores.  Procarbazirna; inibe a síntese de DNA e RNA e interfere na mitose na interfase.  Crisantaspase: É ativa contra tumores tumorais que tenham perdido a capacidade de sintetizar asparagina, necessitam de fonte exógena. AGENTES DIVERSOS 13
  14. 14. Os agentes antineoplasicos podem ser divididos em termos de suas ações sobre o ciclo de sua seguinte maneira:  Agentes fase-específicas: alcaloides da vinca – atuam na mitose; A citarabina, a hidroxiuréia, o fluorouracil, o metotrexato e a mercaptropina atuam fase S.  Agentes ciclo-específico: agentes alquilantes, dactomicina, doxorrubicina, cisplatina.  Agentes não ciclo-específicos: Bleomicinas, nitrossoureías. EFEITO DAS DROGAS SOBRE O CICLO CELULAR 14
  15. 15. Êmese: As náuseas e os vômitos induzidos por muitos agentes quimioterápicos para o câncer constituem “obstáculo intrínseco” no tratamento dos pacientes. Mielossupressão: Limita o uso dos agentes antineoplasicos. TÉCNICAS PARA CONTROLE DA ÊMESE E DA MIELOSSUPRESSÃO 15
  16. 16. Seguem-se algumas das principais desvantagens da atual quimioterapia do câncer: Agentes antineoplasicos; Falta da seletividade; Desenvolvimento da resistência; Não eliminação total. ESTRATÉGIAS FUTURAS PLAUSÍVEIS PARA A QUIMIOTERAPIA DO CÂNCER 16
  17. 17.  BRODY, Theodore M. Farmacologia Humana: da molécula à clínica. 2a Ed. Rio de Janeiro. Ed. Guanabara Koogan S.A, 1997.  RANG, H. P. Farmacologia. 4a Ed. Rio de Janeiro. Ed. Guanabara Koogan S.A, 2001. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 17
  18. 18. FIM 18

×