Boletim Mensal do Apostolado da Oração • Fundado em outubro de 1976
lenirpw@hotmail.com • apostoladodaarquidiocesectba.blo...
“NOSSO ENCONTRO”Página 2
Rezemos com o Papa
Intenção de Oração para o mês de novembro
TESOURO ESPIRITUAL DO CORAÇÃO DE JES...
“NOSSO ENCONTRO” Página 3
Ser Santo...
Hora Santa – novembro/2015
Dirig. – Iniciemos nossa Hora Santa invocando a Santíssi...
“NOSSO ENCONTRO”Página 4
Balzac, famoso escritor francês, tem uma frase luminosa, mil vezes citada:
“O cidadão morre uma p...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

404

142 visualizações

Publicada em

Boletim Nosso Encontro - Apostolado da Oração

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
142
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
41
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

404

  1. 1. Boletim Mensal do Apostolado da Oração • Fundado em outubro de 1976 lenirpw@hotmail.com • apostoladodaarquidiocesectba.blogspot.com.br • (41) 3232-0419 “Quanto menos tivermos, mais seremos.” (São Francisco) ANO 39 - 404 NOVEMBRO/15 Mensagem do Diretor Espiritual A identidade do Apostolado da Oração Estimados membros do Apostolado da Oração, tivemos a grata satisfação de receber o Secretário Nacional do AO – MEJ Pe. Eliomar Ribeiro SJ, no dia 16 de setembro para o retiro de todas as presidentes de nossa Arquidiocese. Em primeiro lugar, agradecemos a disponibilidade do Pe. Eliomar de estar conosco e conduzir aquela tarde de reflexão sobre o nosso movimento. Em segundo lugar, a presença do Secretário Nacional é sinal de nossa comunhão com o Apostolado Nacional e com todas as comunidades deste imenso Brasil, que se reúnem para viver esta espiritualidade do Coração de Jesus. Em terceiro lugar, registrar as suas sábias palavras de reflexão que nos ajudaram aprofundar a nossa identidade como membros deste movimento e participantes da única Igreja de Cristo. O Secretário Nacional brevemente resgatou a história do Apostolado da Oração que já completou 170 anos e o MEJ 100 anos. Nasceu na França com os seminaristas jesuítas que cultivavam um ardor missionário pelo testemunho de sacerdotes que voltavam das missões. Pela impossibilidade de sair em missão formaram um grupo para rezar pelos missionários. Este grupo expandiu atingindo paróquias e comunidades com aprovação dos bispos e também do papa, o qual pediu que rezasse sempre por ele. Por isso, o Apostolado da Oração é uma Rede Mundial de Orações com 2 intenções mensais que o papa nos pede para rezarmos. Continuou sua reflexão nos explicando sobre a nossa espiritualidade, que tem a centralidade em Cristo. Com uma fundamentação bíblica do antigo e novo testamento, especialmente do lado aberto de Cristo na Cruz. A importância da Eucaristia, celebrando o Mistério Pascal de Jesus. E a devoção ao Coração de Jesus que remonta o século XVII com Santa Margarida Maria Alacoque. Pe. Eliomar também destacou qual é a nossa verdadeira identidade, fazendo a seguinte pergunta: “O que define um membro do AO?” E concluiu: – Rezar todos os dias o Oferecimento diário. Uma oração que deve ser vivenciada com a riqueza do seu conteúdo na prática diária. – Rezar pelas intenções do Papa. E, por isso, temos duas intenções mensais, mas não só isto, acompanhar o Santo Padre com nossas orações em suas necessidades e o desafio que ele nos lança para sermos a Igreja de Cristo. – Fazer a Revisão do dia, ou exame de consciência. Agradecer todos os dons que recebemos, pedir perdão pelos pecados e fazer um propósito para no dia seguinte sermos melhores. O padre também diferenciou entre aquilo que é interno e aquilo que é externo. A fita do Apostolado simboliza a consagração do coração, é um sinal externo daquilo que tentamos viver internamente em nossa vida: “ter os mesmos sentimentos de Jesus Cristo” (Fl 2,5). Numa outra oportunidade irei citar os 9 passos que o Pe. Eliomar explicou sobre a Recriação do AO-MEJ, o Caminho do Coração, para viver melhor o AO. Quero agradecer também a todos que participaram da Concentração das Famílias do AO, na PUC, no último dia 04 de outubro. Nossos sinceros agradecimentos ao Pe. Ednilson, MIC, por sua presença e magnífica reflexão sobre a Misericórdia de Deus utilizando o texto bíblico de Zaqueu Lc 19, 1-10. O pregador destacou 9 atitudes de Zaqueu e relacionou com a nossa vida e o Amor de Deus. Eis os verbos: procurar ver Jesus, correr e subir na árvore para vencer os obstáculos, descer da árvore, receber Jesus em sua casa, dar a metade dos bens e devolver ou restituir quatro vezes mais. Três frases que me chamaram atenção: “Oração não é receber o que eu quero, mas receber o que Deus quer”; “Quanto menos tivermos, mais seremos” (São Francisco) e “Não queira mudar as pessoas. Só Jesus muda. Nossa missão é rezar e amar”. Nessas orações o querido Pe. Ednilson nos ajudou a meditar mais em nossa vida e na Misericórdia de Deus. Meus agradecimentos a todos que trabalharam e se empenharam na realização deste grande evento. Quero também expressar nosso pedido de desculpas e perdão pelo atrapalho que tivemos neste ano com as “marnitex”; sempre nossa intenção é acolhê-los da melhor forma possível, mas algumas situações fogem do nosso alcance. Agradecemos pela compreensão de todos e vamos nos empenhar cada vez mais para que nossa Concentração seja um dia de grande alegria, fé, confraternização, reflexão, oração e crescimento de nossa vida cristã. Saudações fraternas com minha bênção sacerdotal. Pe. Osmair José Prestes
  2. 2. “NOSSO ENCONTRO”Página 2 Rezemos com o Papa Intenção de Oração para o mês de novembro TESOURO ESPIRITUAL DO CORAÇÃO DE JESUS Oferecimento Diário_______ Jaculatórias_______ Missas_______ Culto Dominical_______ Visitas ao Santíssimo_______ Sacrifícios_______ Via Sacra_______ Comunhões_______ Terços de Maria_______ Terço da Misericórdia_______ Atos de Caridade_______ “Todas as orações do tesourinho deste mês foram oferecidas ao Sagrado Coração de Jesus”. Oferecimento diário Deus, nosso Pai, eu te ofereço todo o dia de hoje: minhas orações e obras, meus pensamentos e palavras, minhas alegrias e sofrimentos, em reparação de nossas ofensas, em união com o Coração de teu Filho Jesus, que continua a oferecer-se a Ti, na Eucaristia, pela salvação do mundo. Que o Espírito Santo, que guiou a Jesus, seja meu guia e meu amparo neste dia para que eu possa ser testemunha do teu amor. Com Maria, Mãe de Jesus e da Igreja, rezo especialmente pelas intenções do Santo Padre para este mês: para que nos abramos ao encontro pessoal e ao diálogo com todos, também com aqueles que pensam de modo diferente do nosso. E para que os pastores da Igreja, com profundo amor ao seu rebanho, acompanhem o seu caminho e animem a sua esperança. Intenção Universal O Papa Francisco disse numa recente alocução: “Sempre é bom lembrar as palavras do Concílio Vaticano II: As alegrias e as esperanças, as tristezas e as angústias dos homens de nosso tempo, sobretudo dos pobres e dos que sofrem, são também as alegrias e as esperanças, as tristezas e as angústias dos discípulos de Cristo (cf GS, 1). Aqui está o diálogo com o mundo de hoje”. E o Papa continua: “A resposta às perguntas existenciais do homem de hoje, especialmente das novas gerações, atendendo à sua linguagem, traz uma mudança fecunda que é preciso assumir com a ajuda do Evangelho, do Magistério e da Doutrina Social da Igreja. Para abrir-se ao diálogo, é necessário que não passe muito tempo. É preciso afrontar os problemas o mais rapidamente possível, antes que cresçam os muros. Intenção pela Evangelização No encontro com o Comitê de Coordenação do CELAM, em julho de 2013, o Papa  Francisco apresentou algumas reflexões e interrogações para exame dos pastores sobre o estado de suas dioceses, no espírito de Aparecida. 1- Procuramos que nosso trabalho e o de nossos Presbíteros seja mais pastoral que administrativo? 2- Superamos a tentação de atender de maneira reativa os complexos problemas que surgem? 3- Na prática, fazemos com que os fiéis leigos participem da Missão? 4- O discernimento pastoral é um critério habitual? 5- Os Pastores, Bispos e Presbíteros, temos consciência e convicção da missão dos fiéis e lhes damos liberdade para que façam a missão que o Senhor lhes confia? 6- Os agentes de pastoral e os fiéis em geral se sentem parte da Igreja? Como se pode ver, aqui estão em jogo atitudes. Rezemos. Lenir Pontoni Wachowicz Presidente Arquidiocesana do AO NOSSO ENCONTRO Boletim Mensal do Apostolado da Oração FUNDADO EM OUTUBRO DE 1976 Diretor: Pe. Osmair José Prestes Rua Heitor de Andrade, 219 Jardim das Américas 80240-010 - Curitiba - Paraná Tel: (41) 3266-0949 Presidente: Lenir Pontoni Wachowicz Rua Angelo Sampaio, 2164 80730-460 - Curitiba - Paraná Tel.: (41) 3222-6675 / 3232-0419 E-mail: lenirpw@hotmail.com Vice-Presidente:Lídia Brantes Ferreira Tel.: (41) 3292-1708 Rev. ortográfica: Lúcia Nascimento Participação: Coordenação Geral do A.O. de Curitiba, Padres, Religiosos e Leigos da Arquidiocese. Impressão: Efetagraf Assinatura Anual...................R$ 8,00 Assinatura Benfeitor..............R$ 15,00 Nº Avulso..............................R$ 0,80 Cantinho do MEJ O Diretor Mundial do AO e o MEJ (entrevista com Brenda Volavicius) O que se pode dizer sobre o Movimento Eucarístico Jovem? O Movimento Eucarístico Jovem é a seção jovem do Apostolado da Oração e está presente em 56 países do mundo. É o segundo movimento jovem mais numeroso da Igreja Católica, com um milhão e 112 mil membros jovens.No Brasil,esse número está aumentando com o apoio  do AO. É uma proposta educativa com uma formação completa. Sempre me surpreendo quando encontro jovens que participam do MEJ há muitos anos e vejo homens e mulheres com grande conhecimento espiritual, capazes de tomar decisões  em suas vidas e atuar na sociedade de forma responsável. Sua pedagogia está fundamentada nos Evangelhos (amizade com Jesus Cristo), na Eucaristia e na missão que ajuda a viver em comunhão com a missão da Igreja. Mensageiro do Coração de Jesus-Novembro de 2015-pag.14   Estas são palavras do Diretor Nacional Pe. Fréderic Fornos, em entrevista à Brenda Volavicius, participante do MEJ em São Paulo. Espero poder, com  estas palavras, estimular nossos queridos presidentes  a atuar com mais coragem junto com as lideranças, para incentivar  o crescimento do MEJ em nossa Arquidiocese.  Um abraço, Águeda Fundação do Nosso Encontro Em outubro de 1976, foi fundado o Nosso Encontro, na gestão da presidente Hilda Schneider. A intenção deste Boletim é de informar e formar os  membros do AO. Colaboram com este informativo, padres, religiosas e leigos, todos com o mesmo desejo de fazer mais amado e conhecido o Sagrado Coração de Jesus.  Muito  felizes em celebrar a festa de 39 anos  do Nosso Encontro, nos colocamos à disposição dos nossos leitores para escrever as matérias que nos forem solicitadas.  Lenir Pontoni Wachowicz (Presidente atual)
  3. 3. “NOSSO ENCONTRO” Página 3 Ser Santo... Hora Santa – novembro/2015 Dirig. – Iniciemos nossa Hora Santa invocando a Santíssima Trindade. Todos – Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém. Dirig. – Em união com todos os consagrados ao Sagrado Coração de Jesus, dizemos: Todos – Deus, nosso Pai, eu te ofereço todo o dia de hoje... Dirig. – Cantemos. Todos – Coração Santo, Tu reinarás... Leitor 1 – Ser batizado, é ser apóstolo. Nem todos os batizados têm consciência da luz do Espírito Santo sobre si mesmos. Nem todos assumem sua vocação apostólica que recebem no batismo. Ser apóstolo é ser escolhido por Deus para continuar a Obra da Redenção que foi iniciada por Jesus Cristo. Fazer parte do Apostolado da Oração é assumir seu Batismo; é assumir sua condição de apóstolo; é clamar as verdades evangélicas; é continuar a Obra da Salvação. Rezemos. Todos – Vinde Espírito Santo, enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor... Leitor 2 – Pelo batismo também todos fomos marcados com a vocação à santidade. Os mesmos auxílios da graça divina, que fortaleceram os santos que nos precederam no seu caminho da santidade, são igualmente oferecidos a cada um de nós. A galeria dos santos da Igreja é muito rica, por isso a Igreja orgulha-se de seus filhos que passaram por este mundo conservando a integridade de sua fé e também dos que trabalharam sem cessar pela implantação do Reino de Deus entre os homens. Eles que até hoje nos servem de exemplo e estímulo ao nosso caminho à santidade. Pedindo à Maria que nos ensine a sermos santos, dizemos: Todos – Ave Maria cheia de graça... Dirig. – O mês de novembro, para nós católicos, é um mês significativo, pois comemoramos a festa de todos os santos e santas de Deus. Os membros do Apostolado da Oração são convidados neste mês de novembro a refletir sobre a santidade a que cada um é chamado e também a recordar todos os fiéis falecidos. A Santidade é dom do amor de Deus e resposta do homem à iniciativa divina. Portanto, a santidade não é o fruto do esforço humano, que procura alcançar a Deus com suas forças, e mesmo com heroísmo. É Jesus Cristo que transmite a sua santidade à Igreja por meio dos sacramentos, que trazem ao homem a vida de Deus. Todos – “Louvor, Glória, sabedoria, ação de graças, honra, poder e força pertencem ao nosso Deus pelos séculos dos séculos. Amém.” Leitor 1 – Esta doutrina era tão viva nos primeiros séculos que os membros da Igreja não hesitavam em se chamar “os santos”  e a própria Igreja era chamada “comunhão dos santos”. Esta expressão que nós recitamos no Creio, tem sua origem na assembléia eucarística, durante a qual, os santos participam das coisas santas. A santidade cristã manifesta-se, pois, como uma participação na vida de Deus, que se realiza com os meios que a Igreja nos oferece, particularmente com os sacramentos. Leitor 2 – No dia 02 de novembro recordamos e veneramos nossos entes queridos falecidos dos quais não podemos nunca nos esquecer. Mas será também para nós mais uma oportunidade recordar “hoje eles amanhã nós também”. Portanto como viver? Se esta vida da terra não termina com a morte, ela deve ter um sentido que valerá para toda a eternidade. Nós não vivemos por acaso. Deus pensou em nós desde toda a eternidade e nos destinou para toda a eternidade criando-nos por amor. Todos – Diante da morte todos nos sentimos frágeis. Diante dela desaparece todo nosso orgulho e vaidade: “Lembra-te que é pó e ao pó hás de voltar.” Leitor 3 – Nós do Apostolado da Oração temos como obrigação visitar os doentes e moribundos e rezar com eles e confortá-los na sua dor. Agora, diante do Santíssimo Sacramento lembremo-nos desses doentes que visitamos, pedindo o conforto  para suas dores e sofrimentos. Lembremos também das pessoas do AO que morreram neste ano, lembremos de amigos, vizinhos, confiando ao Sagrado Coração de Jesus as suas almas. Rezemos: Todos – Pai Nosso que estais nos céus... Dirig. – Vamos ler as 12 promessas do Coração de Jesus. Tão sublime Sacramento, adoremos neste altar... Bênção com o Santíssimo.... Todos – Canto final (sugestão) Levantai-vos soldados de Cristo... Lenir Pontoni Wachowicz (Presidente Arquidiocesana do AO) FESTA DE NOSSA SENHORA DO ROCIO - PARANAGUÁ * Dia 15 de novembro, sairemos com vários ônibus de Curitiba. * Preço: R$50,00 (ida e volta) * Saída: no horário que a coordenadora marcar, que deverá ser por volta das 7 horas da manhã, de várias Paróquias e Capelas de nossa Arquidiocese. * Reserva de ônibus com a Matilde pelo fone 3276-9123 ou Lenir pelos fones 3222-6675, 3232-0419 e 9991-2847. * PASSAGEM E INFORMAÇÃO COM A SUA PRESIDENTE OU COORDENADORA DO SETOR * Participem com suas bandeiras, estandartes e escudos (fitas), para homenagear a padroeira do Paraná, nossa Mãe, Nossa Senhora do Rocio.Conto com o entusiasmo e comparecimento de todos. Lenir
  4. 4. “NOSSO ENCONTRO”Página 4 Balzac, famoso escritor francês, tem uma frase luminosa, mil vezes citada: “O cidadão morre uma primeira vez na idade em que perde o entusiasmo”. Perdemos objetos, cabelos, amigos, os óculos, festas de aniversário, o trem, o ônibus, o avião... A vida é uma sequência de perdas... de esquecimentos, de oportunidades desperdiçadas. Perder o sorriso, a alegria de viver, a perseverança e a motivação é bem mais grave que perder bens materiais. Perder de vez em quando o otimismo, a vontade de lutar, de seguir em frente... é bem menos trágico e comprometedor que jogar definitivamente os remos no fundo do barco, cruzando os braços na omissão, já sem entusiasmo para nada... Morrem um pouco, a cada dia, o cético, o descrente e o desanimado, o preguiçoso, egoísta e acomodado, o que foge da raia, da luta, dos desafios. Entusiasmo é estar com Deus, em Deus, enxertado na força da Videira eterna, Jesus Cristo, o redentor. Se um projeto seu não deu certo, se um sonho desmoronou, uma esperança faliu e o sorriso se apagou, junte as mãos em prece, pedindo ao Pai do céu:  “Senhor, que eu perca tudo, menos a fé, a esperança, a jovialidade e o entusiasmo, em nenhuma idade da minha vida peregrina, sedenta de eternidade”. Ninguém nasce santo,  mas faz-se santo no decorrer da sua vida. “No oceano da misericórdia divina, cada um de nós recebe bênçãos e graças divinas de acordo com a generosidade do seu coração”.  (São João da Cruz) Pe. Roque Schneider SJ Notícias • Pe. Eliomar Ribeiro, SJ, nosso querido Secretário Nacional do AO, esteve presente no Retiro para Presidentes do AO, dia 16 de setembro. Suas palavras nos deram um novo ânimo para a caminhada. Aprendemos que o que marca um membro do AO é o Oferecimento Diário, as Intenções de Oração que o Papa Francisco nos pede para rezarmos com ele e a nossa revisão de vida (exame de consciência). Muito obrigada Pe. Eliomar por todo  ensinamento que  partilhou conosco. Lenir • O Apostolado da Oração, da Paróquia N.ª  Sr.ª do Rosário, setor Colombo, no dia 27 de setembro, teve a sua Tarde de Formação. Pe. Osmair encantou a todos falando sobre o Ano da Misericórdia, explicou detalhadamente a importância do Oferecimento Diário. Lenir e Ricardo também participaram e ressaltaram a importância da devoção ao Sagrado Coração de Jesus, da participação nas reuniões, das Horas Santas. Em seguida, após o lanche de confraternização, o grupo se dirigiu a Igreja para a Adoração Eucarística  com o Pe. Hildo, diretor espiritual do setor Colombo. Agradecemos a todos por esta tarde realmente abençoada para o fortalecimento da nossa fé. Jovita e Célia. • Concentração da Famílias do AO, no dia 04 de outubro, cerca de 1200 pessoas, se reuniram na PUC, para um dia de oração, formação e confraternização entre os membros do AO. Pe. Ednilson falou divinamente sobre a Misericórdia de Deus. Pe. Osmair José (Diretor Arquidiocesano) foi maravilhoso  nas celebrações e no acolhimento. Agradecemos a equipe da coordenação geral, que foi incansável no atendimento ao público presente. Agradecemos principalmente a  Banda Sagrado Coração de Jesus, na pessoa do Jader que prontamente aceitou o nosso convite para participar desta concentração, e que  agradou a todos. Eu particularmente, agradeço a Deus por poder festejar mais um aniversário e principalmente  no convívio  do Apostolado da Oração. Fiquei imensamente feliz. Lenir Compromissos • 11 de novembro, às 14 h, reunião da Coordenação do AO. • 12 de novembro, às 15 h, Adoração Eucarística para o AO, na Igreja da Ordem. • 13 de novembro, às 20 h, Adoração Noturna, no Cenáculo. • 15 de novembro, Romaria para a Festa de N.ª Sr.ª do Rocio, em Paranaguá. • 25 de novembro, às 14 h, reunião geral com as diretorias paroquiais do AO, no Colégio Sagrada Família, na rua Emiliano Perneta, 640. PEREGRINAÇÃO A SÃO LEOPOLDO – RS Dias: 04,05 e 06/ 12 / 2015 Preço: R$ 460,00 Informações: Lenir 3232- 0419 Matilde 3276-9123 Saída: Dia 04/12 às 20h, em frente ao Hospital Santa Casa de Misericórdia, Praça Rui Barbosa, passando pela Paróquia Nossa Senhora das Vitórias e demais lugares onde houver mais de 08 passageiros. Importante: levar roupa de cama e toalha de banho, objetos e remédios de uso pessoal. Em Caxias vamos nos alojar no Centro de Pastoral da Diocese. Dia 05/12: chegada a São Leopoldo, pedidos, agradecimentos e orações no túmulo do Pe. Reus; em seguida, saída para a Catedral de Pedra em Canela, (alimentação por conta de cada passageiro) passeios, compras e às 16h assistiremos ao pré-desfile de Natal em Gramado. 19h Café Colonial em Nova Petrópolis, pouso em Caxias do Sul, (já incluídos no preço). Dia 06/12: visitas às Igrejas de São Pelegrino e de Nossa Senhora de Caravaggio, em Bento Gonçalves; volta a Caxias, almoço (já incluído) e retorno a Curitiba.

×