Projecto de Melhoria da Acessibilidade Marítima do Porto de Itajaí

377 visualizações

Publicada em

Powerpoint de suporte à apresentação de António Ayres dos Santos Jr no no VIII Congresso da Associação dos Portos de Língua Portuguesa, que decorreu em Maputo, Moçambique, a 26 e 27 de Março de 2015.
Intervenção do Superintendente do Porto de Itajaí (Brasil) na “Sessão Plenária 1” da reunião magna da APLOP.

CONSULTE O SITE DO VIII CONGRESSO DA APLOP: http://congresso.aplop.org/

Visite o portal da APLOP: http://aplop.org

Estamos no Twitter: http://twitter.com/aploppress

Publicada em: Negócios
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
377
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projecto de Melhoria da Acessibilidade Marítima do Porto de Itajaí

  1. 1. Projeto Melhoria da Acessibilidade Marítima do PORTO de ITAJAÍ
  2. 2. . Conceituação da Região . A Movimentação do Porto . O Problema . O Projeto
  3. 3. Área: 95.736 km²; População: 6.727.148 habitantes ; PIB: US$ 63,7 bilhões (4% do PIB brasileiro) IDH: 0, 795 (2010). Área: 92.090 km²; População: 10.487.289 habitantes; PIB: US$ 275 bilhões (FMI) IDH: 0,809.
  4. 4. 54,561 69,343 73,248 71,353 87,404 122,925 130,625 142,713 176,815 243,554 334,729 466,771 564,012 647,450 688,305 681,852 693,580 593,359 957,130 983,985 1,015,954 1,104,923 1.086.519 1992 1995 2000 2005 20132014 2008 2009 199254.561 68 199369.343 27 199473.248 6 199571.353 -3 199687.404 22 1997122.925 41 1998130.625 6 1999142.713 9 2000176.815 24 2001243.554 38 2002334.729 37 2003466.771 39 2004564.012 21 2005647.450 15 2006688.305 6 2007681.852 -1 2008693.580 2 2009593.359 -14 2010957.130 61 2011983.985 3 20121.015.954 3 20131.104.923 9 20141.086.519 -1,6
  5. 5. Principais Portos de Contentores da América do Sul World Top Container Ports – 2014 1º Santos Brasil 3.447.979 TEUs 2º Cartagena Colômbia 1.865.266 TEUs 3º Buenos Aires Argentina 1.651.000 TEUs 4º Guayaquil Equador 1.517.910 TEUs 5º S. Antonio Chile 1.176.551 TEUs 6º Itajaí Brasil 1.120.627 TEUs 7º Valparaíso Chile 910.775 TEUs Fonte: CM Conteiner Management
  6. 6. Participação de Itajaí na Balança Comercial Brasileira (FOB/US$ - Via Marítima) 2014 Brasil Santa Catarina Itajaí US$ 358,7 bilhões US$ 21,12 bilhões US$ 16,54 bilhões 78,32% 4,61%
  7. 7. 4,200 5,600 5,800 5,800 5,000 5,900 6,700 6,700 7,500 8,900 8,450 9,600 14,000 0 2000 4000 6000 8000 10000 12000 14000 16000 260 x 32 275 x 40 277 x 40 277 x 40 294 x 32 286 x 40 300 x 40 300 x 45 300 x 48 304 x 40 335 x 42 336 x 45 366 x 51 2008 2009 2010 2011 2012 2013 Somente com a nova bacia e canal. Início dos estudos do Grupo de Trabalho (GT), 2º semestre.
  8. 8. Movimentação de contêineres 1.400.000 1.200.000 1.000.000 800.000 600.000 400.000 200.000 0 Com nova bacia Sem nova bacia 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 2020 2021 2022 2023 2024 2025 2026 2027 2028 2029 2030
  9. 9. Projeto da nova bacia de evolução • A nova bacia é fundamental para garantir a competitividade do Complexo Portuário • A empresa holandesa Arcadis fez diversas simulações e estudos para garantir a segurança da manobra. Esses estudos foram submetidos à aprovação da Praticagem • Entre os estudos feitos ao longo de 36 meses, a alternativa apontada, que é segura e com baixo impacto social, prevê a construção da nova bacia na foz do Rio Itajaí-Açu, na frente do Saco da Fazenda. • A obra está estimada em R$ 300 milhões.
  10. 10. Opções de localização
  11. 11. Opções de localização
  12. 12. Opção final:
  13. 13. Bacia de Evolução com 400 metros de diâmetro; Profundidade de 14 metros; Canais de acesso com largura variando entre 135 metros e 160 metros; Calado Operacional médio de 12,5 metros; Capacidade de operação de navios com até 306 metros de comprimento e 48 metros de boca. CONDIÇÕES ATUAIS:
  14. 14. Bacia de Evolução com 480 metros de diâmetro; Profundidade de 14 metros; Canais de acesso com largura variando entre 135 metros e 160 metros; Calado Operacional médio de 12,5 metros; Capacidade de operação de navios com até 335 metros de comprimento e 48 metros de boca ; Investimento: US$ 40.000.000,00 REALIDADE FUTURA: 1ª fase das obras
  15. 15. Bacia de Evolução com 530 metros de diâmetro; Profundidade de 14 metros; Canais de acesso com largura de 220 metros; Calado Operacional médio de 12,5 metros; Capacidade de operação de navios com até 366 metros de comprimento e 51,2 metros de boca. REALIDADE FUTURA: 2ª fase das obras
  16. 16. REALIDADE ATUAL E REALIDADE FUTURA:
  17. 17. ANTIGO BRASÃO DE ITAJAÍ Ex Flumine Magnitudo Mea Muito Obrigado Eng. Antonio Ayres dos Santos Júnior antonioayres@portoitajai.com.br

×