O que muda na ortografia da Língua Portuguesa?
<ul><li>O Alfabeto português passa a ter 26 letras… </li></ul><ul><li>Com a entrada do K, do W e do Y! </li></ul>setembro ...
<ul><li>Usadas em: </li></ul><ul><ul><li>Antropónimos de línguas estrangeiras: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Darwin; darw...
<ul><li>Passam a escrever-se com inicial  minúscula : </li></ul><ul><ul><li>Os meses do ano [os nomes da semana já se escr...
<ul><li>Títulos de livros (embora o primeiro elemento grafado seja sempre com maiúscula): </li></ul><ul><ul><li>Amor de pe...
<ul><li>CC » C </li></ul><ul><li>Acionar </li></ul><ul><li>Direcional </li></ul><ul><li>Fracionar </li></ul><ul><li>Lecion...
<ul><li>Ação </li></ul><ul><li>Coleção </li></ul><ul><li>Direção </li></ul><ul><li>Correção </li></ul><ul><li>Injeção </li...
<ul><li>Atual </li></ul><ul><li>Coletivo </li></ul><ul><li>Direto </li></ul><ul><li>Eletricidade </li></ul><ul><li>Objetiv...
<ul><li>Nos casos em que a norma culta do português padrão produz, para o mesmo vocábulo, uma pronúncia em que a consoante...
<ul><li>Súbdito </li></ul><ul><li>Subtil </li></ul><ul><li>Amígdala </li></ul><ul><li>Amnistia </li></ul><ul><li>Indemniza...
<ul><li>Concecional </li></ul><ul><li>Dececionar </li></ul><ul><li>Excecional </li></ul><ul><li>Percecionar </li></ul><ul>...
<ul><li>Aceção </li></ul><ul><li>Adoção </li></ul><ul><li>Conceção </li></ul><ul><li>Deceção </li></ul><ul><li>Exceção </l...
<ul><li>Adotar </li></ul><ul><li>Batizar </li></ul><ul><li>Contracetivo </li></ul><ul><li>Egito </li></ul><ul><li>Ótimo </...
<ul><li>A síncope do grafema   p   não articulado, quando ocorre no contexto dos grupos consonânticos   -mpc- ,   -mpç- , ...
<ul><li>Suprime-se o hífen nas seguintes situações : </li></ul><ul><li>1.  Verbo  haver  acompanhado da preposição  de : <...
<ul><li>4.  Quando o prefixo termina em vogal e o segundo elemento começa por vogal diferente ( autoestrada ,   extraescol...
<ul><li>Nos topónimos iniciados por  grão-   ou   grã- , por forma verbal ou ligados por artigo: </li></ul><ul><ul><li>Grã...
<ul><li>Palavras compostas que não contêm formas de ligação e cujos constituintes, por extenso ou reduzidos, mantêm a auto...
<ul><li>Com os prefixos  ex- ,  pós- ,   pré-   e   pró-   quando o elemento seguinte tem vida autónoma: </li></ul><ul><ul...
<ul><li>Com os prefixos  hiper- ,   inter- ,   super-. ,   quando o segundo elemento começa por uma consoante igual: </li>...
<ul><li>Compostos com os advérbios bem e mal, quando eles formam uma unidade sintagmática e semântica com o elemento que s...
<ul><li>Supressão: </li></ul><ul><li>Formas verbais terminadas em   –êem  (eles  veem , eles  creem , eles  deem , eles  l...
<ul><li>Formas verbais terminadas em  </li></ul><ul><li>– ámos  (pretérito perfeito do indicativo dos verbos da primeira c...
<ul><li>Casteleiro,  João Malaca e  Correia,  Pedro Dinis (2007),  Atual o novo acordo ortográfico , 1ªed.,  Lisboa, Texto...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Acordo ortografico mudancas

269 visualizações

Publicada em

Regras do acordo ortográfico

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
269
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Acordo ortografico mudancas

  1. 1. O que muda na ortografia da Língua Portuguesa?
  2. 2. <ul><li>O Alfabeto português passa a ter 26 letras… </li></ul><ul><li>Com a entrada do K, do W e do Y! </li></ul>setembro de 2011
  3. 3. <ul><li>Usadas em: </li></ul><ul><ul><li>Antropónimos de línguas estrangeiras: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Darwin; darwinismo </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>Topónimos de línguas estrangeiras: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Kuwait </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>(Recomenda-se que os topónimos sejam substituídos por formas vernáculas: Genebra por Genève ) </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>Siglas, símbolos e unidades de medida internacionais: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Kg; Km; watt </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>Palavras de origem estrangeira de uso corrente: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Kart, windsurfista, yoga </li></ul></ul></ul>setembro de 2011
  4. 4. <ul><li>Passam a escrever-se com inicial minúscula : </li></ul><ul><ul><li>Os meses do ano [os nomes da semana já se escreviam com minúscula]. </li></ul></ul><ul><ul><li>As estações do ano; </li></ul></ul><ul><ul><li>Os pontos cardeais e colaterais. </li></ul></ul><ul><li>NOTA: Mantém-se a maiúscula quando o ponto é representado pela abreviatura ou quando nos referimos a regiões (Ex.: SW ; Norte – por norte de Portugal). </li></ul>setembro de 2011
  5. 5. <ul><li>Títulos de livros (embora o primeiro elemento grafado seja sempre com maiúscula): </li></ul><ul><ul><li>Amor de perdição ou Amor de Perdição </li></ul></ul><ul><li>Formas de tratamento: </li></ul><ul><ul><li>Senhor Professor / senhor professor </li></ul></ul><ul><ul><li>Santa Maria / santa Maria </li></ul></ul><ul><li>Domínios do saber ou disciplinas: </li></ul><ul><ul><li>Matemática / matemática </li></ul></ul><ul><li>Categorizações de logradouros públicos: </li></ul><ul><ul><li>Rua ou rua da Liberdade </li></ul></ul>setembro de 2011
  6. 6. <ul><li>CC » C </li></ul><ul><li>Acionar </li></ul><ul><li>Direcional </li></ul><ul><li>Fracionar </li></ul><ul><li>Lecionar </li></ul><ul><li>Selecionar </li></ul><ul><li>Colecionar </li></ul><ul><li>Mas, nos casos em que a consoante se articula, esta mantém-se: </li></ul><ul><li>Faccioso </li></ul><ul><li>Ficcional </li></ul><ul><li>Friccionar </li></ul><ul><li>Perfeccionismo </li></ul>setembro de 2011
  7. 7. <ul><li>Ação </li></ul><ul><li>Coleção </li></ul><ul><li>Direção </li></ul><ul><li>Correção </li></ul><ul><li>Injeção </li></ul><ul><li>Seleção </li></ul><ul><li>Reação </li></ul><ul><li>Objeção </li></ul><ul><li>Infração </li></ul><ul><li>Mas, nos casos em que a consoante se articula, esta mantém-se: </li></ul><ul><li>Ficção </li></ul><ul><li>Fricção </li></ul><ul><li>Sucção </li></ul><ul><li>Convicção </li></ul>setembro de 2011
  8. 8. <ul><li>Atual </li></ul><ul><li>Coletivo </li></ul><ul><li>Direto </li></ul><ul><li>Eletricidade </li></ul><ul><li>Objetivo </li></ul><ul><li>Projeto </li></ul><ul><li>Ata </li></ul><ul><li>Adjetivo </li></ul><ul><li>Refletir </li></ul><ul><li>Letivo </li></ul><ul><li>Mas, nos casos em que a consoante se articula, esta mantém-se: </li></ul><ul><li>Bactéria </li></ul><ul><li>Compacto </li></ul><ul><li>Pacto </li></ul><ul><li>Néctar </li></ul><ul><li>Intelectual </li></ul><ul><li>Lácteo </li></ul><ul><li>Invicta </li></ul>setembro de 2011
  9. 9. <ul><li>Nos casos em que a norma culta do português padrão produz, para o mesmo vocábulo, uma pronúncia em que a consoante é articulada e outra pronúncia sem registo dessa consoante: </li></ul><ul><li>Caracteres / carateres </li></ul><ul><li>Característica / caraterística </li></ul><ul><li>Deíctico / deítico </li></ul><ul><li>infeccioso/ infecioso </li></ul><ul><li>Sector / setor </li></ul>setembro de 2011
  10. 10. <ul><li>Súbdito </li></ul><ul><li>Subtil </li></ul><ul><li>Amígdala </li></ul><ul><li>Amnistia </li></ul><ul><li>Indemnizar </li></ul><ul><li>Omnipotente </li></ul><ul><li>Omnisciente </li></ul><ul><li>Aritmética </li></ul><ul><li>Casos de oscilações… </li></ul>setembro de 2011
  11. 11. <ul><li>Concecional </li></ul><ul><li>Dececionar </li></ul><ul><li>Excecional </li></ul><ul><li>Percecionar </li></ul><ul><li>Rececionista </li></ul><ul><li>Anticoncecional </li></ul><ul><li>Mas, nos casos em que a consoante se articula, esta mantém-se: </li></ul><ul><li>Egípcio </li></ul><ul><li>Núpcias </li></ul><ul><li>Opcional </li></ul><ul><li>Capcioso </li></ul>setembro de 2011
  12. 12. <ul><li>Aceção </li></ul><ul><li>Adoção </li></ul><ul><li>Conceção </li></ul><ul><li>Deceção </li></ul><ul><li>Exceção </li></ul><ul><li>Interceção </li></ul><ul><li>Receção </li></ul><ul><li>Mas, nos casos em que a consoante se articula, esta mantém-se: </li></ul><ul><li>Corrupção </li></ul><ul><li>Erupção </li></ul><ul><li>Opção </li></ul><ul><li>Interrupção </li></ul>setembro de 2011
  13. 13. <ul><li>Adotar </li></ul><ul><li>Batizar </li></ul><ul><li>Contracetivo </li></ul><ul><li>Egito </li></ul><ul><li>Ótimo </li></ul><ul><li>Suscetível </li></ul><ul><li>Otimismo </li></ul><ul><li>Mas, nos casos em que a consoante se articula, esta mantém-se: </li></ul><ul><li>Apto </li></ul><ul><li>Adepto </li></ul><ul><li>Eucalipto </li></ul><ul><li>Rapto </li></ul>setembro de 2011
  14. 14. <ul><li>A síncope do grafema p não articulado, quando ocorre no contexto dos grupos consonânticos -mpc- , -mpç- , -mpt- determina a adequação ortográfica -nc- , -nç- e -nt- . </li></ul><ul><li>Ex.: assunção (assumpção); perentório (peremptório). </li></ul>setembro de 2011
  15. 15. <ul><li>Suprime-se o hífen nas seguintes situações : </li></ul><ul><li>1. Verbo haver acompanhado da preposição de : </li></ul><ul><ul><li>eu hei de. </li></ul></ul><ul><li>2. Na maior parte das locuções: </li></ul><ul><ul><li>cartão de visita; fim de semana, sala de jantar. </li></ul></ul><ul><li>3. Com o prefixo co- mesmo quando o segundo elemento começa por o : </li></ul><ul><ul><li>coadministração, coocorrência, coprodutor. </li></ul></ul>setembro de 2011
  16. 16. <ul><li>4. Quando o prefixo termina em vogal e o segundo elemento começa por vogal diferente ( autoestrada , extraescolar , intraósseo ). </li></ul><ul><li>5. Quando o prefixo termina em vogal e o segundo elemento começa por s ou r , duplicando-se a consoante </li></ul><ul><li>( antirreligioso , autosserviço , semirreta , ultrassónico , minissaia , antirrugas , microssistema ). </li></ul><ul><li>6. Nos compostos em que se perdeu a noção de composição ( mandachuva , paraquedas ) </li></ul>setembro de 2011
  17. 17. <ul><li>Nos topónimos iniciados por grão- ou grã- , por forma verbal ou ligados por artigo: </li></ul><ul><ul><li>Grã-Bretanha; Quebra-Costas; Montemor-o-Velho </li></ul></ul><ul><li>Sempre que o prefixo termine por vogal e o elemento seguinte comece com vogal igual: </li></ul><ul><ul><li>anti-ibérico, contra-almirante, micro-ondas </li></ul></ul><ul><li>Palavras compostas que designam espécies da botânica e zoologia: </li></ul><ul><ul><li>couve-flor, feijão-verde, formiga-branca, bem-me-quer, cobra-d’água </li></ul></ul>setembro de 2011
  18. 18. <ul><li>Palavras compostas que não contêm formas de ligação e cujos constituintes, por extenso ou reduzidos, mantêm a autonomia fonética e conservam o seu próprio acento: </li></ul><ul><ul><li>ano-luz, azul-escuro, guarda-chuva, segunda-feira </li></ul></ul><ul><li>Palavras formadas com adição de prefixos ou falsos prefixos terminados em vogal e com o elemento seguinte começado por h : </li></ul><ul><ul><li>anti-hemorrágico, anti-herói </li></ul></ul>outubro de 2010
  19. 19. <ul><li>Com os prefixos ex- , pós- , pré- e pró- quando o elemento seguinte tem vida autónoma: </li></ul><ul><ul><li>pré-primária, pós-graduação, ex-marido, pré-natal, pró-europeu; </li></ul></ul><ul><ul><li>Mas: pospor, prever, promover. </li></ul></ul><ul><li>Com os prefixos circum- e pan- quando o segundo elemento começa por vogal, h , m ou n : </li></ul><ul><ul><li>circum-navegação, pan-africano, circum-murado . </li></ul></ul>setembro de 2011
  20. 20. <ul><li>Com os prefixos hiper- , inter- , super-. , quando o segundo elemento começa por uma consoante igual: </li></ul><ul><ul><li>hiper-realista, super-resistente </li></ul></ul>setembro de 2011
  21. 21. <ul><li>Compostos com os advérbios bem e mal, quando eles formam uma unidade sintagmática e semântica com o elemento que se lhes segue e tal elemento começa por vogal ou h : </li></ul><ul><ul><li>Bem-aventurado </li></ul></ul><ul><ul><li>Bem-estar </li></ul></ul><ul><ul><li>Mal-humorado </li></ul></ul><ul><ul><li>NOTA: complexidade da aglutinação de bem (expressões consagradas): </li></ul></ul><ul><ul><li>Bem-vindo, bem-mandado, bem-falante vs malfalante </li></ul></ul>setembro de 2011
  22. 22. <ul><li>Supressão: </li></ul><ul><li>Formas verbais terminadas em –êem (eles veem , eles creem , eles deem , eles leem ); </li></ul><ul><li>Palavras graves cuja sílaba tónica é o ditongo oi ( joia , boia , asteroide , heroico ). Comboio e dezoito já não tinham acento; </li></ul><ul><li>Palavras graves homógrafas de palavras com vogal tónica aberta ou fechada ( para , pero , pera , pela , pelo ). No entanto, mantém-se por / pôr e pôde / pode ); </li></ul>setembro de 2011
  23. 23. <ul><li>Formas verbais terminadas em </li></ul><ul><li>– ámos (pretérito perfeito do indicativo dos verbos da primeira conjugação): falámos ou falamos ; </li></ul><ul><li>Forma do verbo dar (presente do conjuntivo): dêmos ou demos ; </li></ul><ul><li>No nome feminino: fôrma ou forma . </li></ul>outubro de 2010
  24. 24. <ul><li>Casteleiro, João Malaca e Correia, Pedro Dinis (2007), Atual o novo acordo ortográfico , 1ªed., Lisboa, Texto Editora. </li></ul><ul><li>A.A., (2008), Acordo Ortográfico. Guia Prático , Porto, Porto Editora. </li></ul><ul><li>A.A., (2010), Vocabulário Ortográfico do Português , www.portaldalinguaportugueasa.org </li></ul><ul><li>http://www.portaldalinguaportuguesa.org/?action=vop&page=info </li></ul>setembro de 2011

×