SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 32
Baixar para ler offline
BOA TARDE!

Senhoras e Senhores
FUNDAÇÃO EDUCACIONAL
UNIFICADA DO OESTE DE
SANTA CATARINA-FUNOESC
mantenedora da
UNIVERSIDADE DO OESTE DE
SANTA CATARINA – UNOESC

ENTIDADE EDUCACIONAL E DE ASSISTÊNCIA SOCIAL
Missão
 “Formar pessoas, produzir conhecimentos e
         oferecer serviços voltados ao
 desenvolvimento humano, sócio-econômico
   e cultural do Oeste de Santa Catarina”.
                Visão de futuro
“Ser referência pela qualidade e pertinência
de seus cursos, pelo mérito de sua produção
   científica e pela relevância social de sua
             extensão universitária”.
Valores

“Compromisso com a excelência
 acadêmica, a ética e o diálogo”.
DADOS PRELIMINARES

  SEDE JURÍDICA E ACADÊMICA: Joaçaba
  Campi em: Joaçaba
            Videira
            Xanxerê
            São Miguel do Oeste
Extensões:
Fraiburgo, Salto Veloso, Tangará, Campos Novos,
  Capinzal, Maravilha, Aberlardo Luz, São Lorenço,
  Pinhalzinho...região oeste: 92 municípios
ESTRUTURA ORGANIZACIONAL – FUNOESC
ESTRUTURA ORGANIZACIONAL – UNOESC
ESTRATÉ        GESTÃ
CONTROLE ESTRATÉGICO DE GESTÃO

 A INSTITUIÇÃO ADOTA O PLANEJAMENTO
 ESTRATÉGICO, NO ENTANTO NÃO HÁ UMA
 LIGAÇÃO DIRETA COM ORÇAMENTO ANUAL;

 É   UTILIZADO  UM    SISTEMA  ESPECÍFICO
 INDICANDO ANÁLISE DE COMPETITIVIDADE,
 PRODUTIVIDADE, CLIENTES, QUALIDADE, BEM
 COMO OUTRAS ATIVIDADES INTERNAS E
 EXTERNAS REFERENTES AO DESEMPENHO;
Expectativas com o ensino superior

• Ensino voltado para as demandas do mercado
• Professores de bom nível; cursos e recursos de
  qualidade
• Modelos de ensino consistentes, que facilitem o
  aprendizado
• Flexibilidade de horários e conteúdos, de forma a
  customizar seu curso às necessidades e preferências
• Mensalidades de valores razoáveis
Expectativas com relação à
           empresa


• Desenvolvimento profissional      31%
• Crescimento pessoal       26%
• Qualidade de vida      24%
• Salário e benefícios   10%
• Crescimento na carreira      9%
O contexto e os desafios para as IES
Gestão acadêmica
    Capacitação, avaliação e controle de docentes
    Uso intensivo de tecnologias educacionais (incluindo EAD)


Gestão financeira
    Alternativas de financiamento a estudantes de menor poder
    aquisitivo (C e D): próprio, bancário, securitização de
    recebíveis, etc.
    Gestão eficaz dos custos: avaliação criteriosa de cursos
    deficitários
    Políticas para reduzir a evasão e inadimplência e aumentar a
    captação (bolsas, descontos, etc.)
O contexto e os desafios para as IES

Lealdade e fidelização
   • Aluno é para sempre
   • Educação permanente
Posicionamento estratégico
   • Seleção de nichos: geográficos ou área de atuação (saúde,
     hospitalidade, inovação, terceira idade, educação corporativa, etc).
   • Posicionamento estratégico: ajustado à proposta de valor e com
     serviços que atendam às expectativas dos diferentes públicos
Visibilidade
   • Convergência de avaliação e qualidade percebida
   • Investimentos em marketing
no Ensino Superior

                Relação com
                o docente

                                   Instalações


                            s do
                         çõe
                      rcep
                    Pe o
                     A lun
Marca &
Imagem

                       Preço
É fundamental entender que os alunos
não buscam aulas ou conhecimentos,
         mas os benefícios
  que isso pode lhes proporcionar.
AS PERCEPÇÕES DA
MANTENEDORA SOBRE OS
IMPACTOS DA AVALIAÇÃO NA
GESTÃO DO CURSO DE
ADMINISTRAÇÃO”.
O que significa “AVALIAÇÃO” ?
“A percepção não é causada pelos
objetos sobre nós, e nem é causada pelo
nosso corpo sobre as coisas: ela é a
relação entre elas e nós e entre nós e elas.
O que torna possível e real essa relação é o
fato de que nós e as coisas somos seres
corporais.
                        Maurice Merleau-Ponty
AVALIAÇÃO = qualidade
          = legalidade
          = obrigação/dever
          = direito
          = punição
          = premiação
          = marketing
A Portaria MEC nº 821, de 24 de agosto de 2009, definiu procedimentos para
avaliação de Instituições de Educação Superior e Cursos de Graduação no
âmbito primeiro ciclo avaliativo do SINAES.
O quadro nº 1 resume as alterações sofridas em relação aos percentuais e
indicadores até então adotados.
Quadro nº 1: Procedimentos para avaliação de IES e Cursos de Graduação
Fonte: MEC, 2009 (Portaria nº 821/2009)
  Variáveis e Pesos                       CPC 2008                             CPC 2009

   Conceito ENADE     40% Ingressantes                20%           30% Ingressantes             15%

                            Concluintes               20%                 Concluintes            15%

         IDD                                30%                                  30%
                          Infraestrutura e                              Infraestrutura e
      INSUMOS         30% instalações físicas        10,20%         40% instalações físicas      5%

                            Recursos didáticos       27,10%               Questão pedagógica     5%

                            Corpo docente            38,90%               Corpo docente          20%
                            (% doutores)                                  (% doutores)
                            Corpo docente            23,80%               Corpo docente
                            (regime de                                    (% mestres)            5%
                            trabalho)                                     Corpo docente
                                                                          (regime de trabalho)   5%
AS PERCEPÇÕES DA MANTENEDORA SOBRE OS
IMPACTOS DA AVALIAÇÃO NA GESTÃO DO CURSO
DE ADMINISTRAÇÃO”.

- Avaliação é importante, necessária e que DEVE
promover mudanças (Action).

- Avaliação precisa ser incorporada por todos os agentes
institucionais (Dirigentes, professores, técnicos,
acadêmicos...)

-O Planejamento Estratégico das IES deve conter ações
voltadas a melhoria constante e de forma efetiva.
Fiz
caquinha...
Solução para Educação brasileira:

  Investimento na melhoria do ENSINO
FUNDAMENTAL E MÉDIO do Brasil, que o
Ensino Superior melhorará inevitavelmente.

  Adm. Prof. Dr. Antonio Carlos de Souza

                Obrigado

Mais conteúdo relacionado

Destaque

(31/10/2012) A administração e o programa ciência sem fronteiras - Prof. Rodr...
(31/10/2012) A administração e o programa ciência sem fronteiras - Prof. Rodr...(31/10/2012) A administração e o programa ciência sem fronteiras - Prof. Rodr...
(31/10/2012) A administração e o programa ciência sem fronteiras - Prof. Rodr...ANGRAD
 
(31/10/2012) A administração e o programa ciência sem fronteiras - Prof. Edso...
(31/10/2012) A administração e o programa ciência sem fronteiras - Prof. Edso...(31/10/2012) A administração e o programa ciência sem fronteiras - Prof. Edso...
(31/10/2012) A administração e o programa ciência sem fronteiras - Prof. Edso...ANGRAD
 
(01/11/2012) Avaliação e Gestão do curso de administração: Realidades e persp...
(01/11/2012) Avaliação e Gestão do curso de administração: Realidades e persp...(01/11/2012) Avaliação e Gestão do curso de administração: Realidades e persp...
(01/11/2012) Avaliação e Gestão do curso de administração: Realidades e persp...ANGRAD
 
(29/10/2012) PALESTRA MAGNA DE ABERTURA - “AVALIAÇÃO E GESTÃO DO CURSO DE ADM...
(29/10/2012) PALESTRA MAGNA DE ABERTURA - “AVALIAÇÃO E GESTÃO DO CURSO DE ADM...(29/10/2012) PALESTRA MAGNA DE ABERTURA - “AVALIAÇÃO E GESTÃO DO CURSO DE ADM...
(29/10/2012) PALESTRA MAGNA DE ABERTURA - “AVALIAÇÃO E GESTÃO DO CURSO DE ADM...ANGRAD
 
XVI SEMINÁRIO NACIONAL ANGRAD | MEC | INEP | CFA - “AVALIAÇÃO E GESTÃO DO CUR...
XVI SEMINÁRIO NACIONAL ANGRAD | MEC | INEP | CFA - “AVALIAÇÃO E GESTÃO DO CUR...XVI SEMINÁRIO NACIONAL ANGRAD | MEC | INEP | CFA - “AVALIAÇÃO E GESTÃO DO CUR...
XVI SEMINÁRIO NACIONAL ANGRAD | MEC | INEP | CFA - “AVALIAÇÃO E GESTÃO DO CUR...ANGRAD
 
(31/10/2012) A dimensão comportamental e seus impactos na qualidade do curso ...
(31/10/2012) A dimensão comportamental e seus impactos na qualidade do curso ...(31/10/2012) A dimensão comportamental e seus impactos na qualidade do curso ...
(31/10/2012) A dimensão comportamental e seus impactos na qualidade do curso ...ANGRAD
 
PAINEL 1 - “AS PERCEPÇÕES DA MANTENEDORA SOBRE OS IMPACTOS DA AVALIAÇÃO NA GE...
PAINEL 1 - “AS PERCEPÇÕES DA MANTENEDORA SOBRE OS IMPACTOS DA AVALIAÇÃO NA GE...PAINEL 1 - “AS PERCEPÇÕES DA MANTENEDORA SOBRE OS IMPACTOS DA AVALIAÇÃO NA GE...
PAINEL 1 - “AS PERCEPÇÕES DA MANTENEDORA SOBRE OS IMPACTOS DA AVALIAÇÃO NA GE...ANGRAD
 
OFICINA PEDAGÓGICA II “ESTRATÉGIAS DE ENSINO E DE APRENDIZAGEM NO CURSO DE AD...
OFICINA PEDAGÓGICA II “ESTRATÉGIAS DE ENSINO E DE APRENDIZAGEM NO CURSO DE AD...OFICINA PEDAGÓGICA II “ESTRATÉGIAS DE ENSINO E DE APRENDIZAGEM NO CURSO DE AD...
OFICINA PEDAGÓGICA II “ESTRATÉGIAS DE ENSINO E DE APRENDIZAGEM NO CURSO DE AD...ANGRAD
 

Destaque (8)

(31/10/2012) A administração e o programa ciência sem fronteiras - Prof. Rodr...
(31/10/2012) A administração e o programa ciência sem fronteiras - Prof. Rodr...(31/10/2012) A administração e o programa ciência sem fronteiras - Prof. Rodr...
(31/10/2012) A administração e o programa ciência sem fronteiras - Prof. Rodr...
 
(31/10/2012) A administração e o programa ciência sem fronteiras - Prof. Edso...
(31/10/2012) A administração e o programa ciência sem fronteiras - Prof. Edso...(31/10/2012) A administração e o programa ciência sem fronteiras - Prof. Edso...
(31/10/2012) A administração e o programa ciência sem fronteiras - Prof. Edso...
 
(01/11/2012) Avaliação e Gestão do curso de administração: Realidades e persp...
(01/11/2012) Avaliação e Gestão do curso de administração: Realidades e persp...(01/11/2012) Avaliação e Gestão do curso de administração: Realidades e persp...
(01/11/2012) Avaliação e Gestão do curso de administração: Realidades e persp...
 
(29/10/2012) PALESTRA MAGNA DE ABERTURA - “AVALIAÇÃO E GESTÃO DO CURSO DE ADM...
(29/10/2012) PALESTRA MAGNA DE ABERTURA - “AVALIAÇÃO E GESTÃO DO CURSO DE ADM...(29/10/2012) PALESTRA MAGNA DE ABERTURA - “AVALIAÇÃO E GESTÃO DO CURSO DE ADM...
(29/10/2012) PALESTRA MAGNA DE ABERTURA - “AVALIAÇÃO E GESTÃO DO CURSO DE ADM...
 
XVI SEMINÁRIO NACIONAL ANGRAD | MEC | INEP | CFA - “AVALIAÇÃO E GESTÃO DO CUR...
XVI SEMINÁRIO NACIONAL ANGRAD | MEC | INEP | CFA - “AVALIAÇÃO E GESTÃO DO CUR...XVI SEMINÁRIO NACIONAL ANGRAD | MEC | INEP | CFA - “AVALIAÇÃO E GESTÃO DO CUR...
XVI SEMINÁRIO NACIONAL ANGRAD | MEC | INEP | CFA - “AVALIAÇÃO E GESTÃO DO CUR...
 
(31/10/2012) A dimensão comportamental e seus impactos na qualidade do curso ...
(31/10/2012) A dimensão comportamental e seus impactos na qualidade do curso ...(31/10/2012) A dimensão comportamental e seus impactos na qualidade do curso ...
(31/10/2012) A dimensão comportamental e seus impactos na qualidade do curso ...
 
PAINEL 1 - “AS PERCEPÇÕES DA MANTENEDORA SOBRE OS IMPACTOS DA AVALIAÇÃO NA GE...
PAINEL 1 - “AS PERCEPÇÕES DA MANTENEDORA SOBRE OS IMPACTOS DA AVALIAÇÃO NA GE...PAINEL 1 - “AS PERCEPÇÕES DA MANTENEDORA SOBRE OS IMPACTOS DA AVALIAÇÃO NA GE...
PAINEL 1 - “AS PERCEPÇÕES DA MANTENEDORA SOBRE OS IMPACTOS DA AVALIAÇÃO NA GE...
 
OFICINA PEDAGÓGICA II “ESTRATÉGIAS DE ENSINO E DE APRENDIZAGEM NO CURSO DE AD...
OFICINA PEDAGÓGICA II “ESTRATÉGIAS DE ENSINO E DE APRENDIZAGEM NO CURSO DE AD...OFICINA PEDAGÓGICA II “ESTRATÉGIAS DE ENSINO E DE APRENDIZAGEM NO CURSO DE AD...
OFICINA PEDAGÓGICA II “ESTRATÉGIAS DE ENSINO E DE APRENDIZAGEM NO CURSO DE AD...
 

Semelhante a Avaliação e gestão da qualidade no ensino superior

_Apresentacao_resultados_2018_Pesquisa_Clima.pdf
_Apresentacao_resultados_2018_Pesquisa_Clima.pdf_Apresentacao_resultados_2018_Pesquisa_Clima.pdf
_Apresentacao_resultados_2018_Pesquisa_Clima.pdfBrunoCoelho768278
 
Gestao de pessoas_2015_santa_maria_rs
Gestao de pessoas_2015_santa_maria_rsGestao de pessoas_2015_santa_maria_rs
Gestao de pessoas_2015_santa_maria_rspintof5
 
DEFININDO DISPOSITIVOS DE AVALIAÇÃO EM EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA
DEFININDO DISPOSITIVOS DE AVALIAÇÃO EM EDUCAÇÃO A DISTÂNCIADEFININDO DISPOSITIVOS DE AVALIAÇÃO EM EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA
DEFININDO DISPOSITIVOS DE AVALIAÇÃO EM EDUCAÇÃO A DISTÂNCIAAdriano Lima
 
Caracterizar os princípios e instrumentos do modelo de gestão descentralizada...
Caracterizar os princípios e instrumentos do modelo de gestão descentralizada...Caracterizar os princípios e instrumentos do modelo de gestão descentralizada...
Caracterizar os princípios e instrumentos do modelo de gestão descentralizada...MarlenemanuelChefe
 
Avaliação Externa das Escolas
Avaliação Externa das EscolasAvaliação Externa das Escolas
Avaliação Externa das EscolasElisabete Cruz
 
PERCURSOS DA INSERÇÃO PROFISSIONAL DOCENTE: OS CONTEXTOS DA EDUCAÇÃO BÁSICA, ...
PERCURSOS DA INSERÇÃO PROFISSIONAL DOCENTE: OS CONTEXTOS DA EDUCAÇÃO BÁSICA, ...PERCURSOS DA INSERÇÃO PROFISSIONAL DOCENTE: OS CONTEXTOS DA EDUCAÇÃO BÁSICA, ...
PERCURSOS DA INSERÇÃO PROFISSIONAL DOCENTE: OS CONTEXTOS DA EDUCAÇÃO BÁSICA, ...ProfessorPrincipiante
 
Cpa resultados 2013
Cpa resultados 2013Cpa resultados 2013
Cpa resultados 2013cpaifc
 
Diretrizes Curriculares Nacionais para o Curso de Administração - Adm Rui Otá...
Diretrizes Curriculares Nacionais para o Curso de Administração - Adm Rui Otá...Diretrizes Curriculares Nacionais para o Curso de Administração - Adm Rui Otá...
Diretrizes Curriculares Nacionais para o Curso de Administração - Adm Rui Otá...CRA - MG
 
Apresentação EPEC 2011
Apresentação EPEC 2011Apresentação EPEC 2011
Apresentação EPEC 2011jdores
 
Custos Em Ies Jc0711310
Custos Em Ies Jc0711310Custos Em Ies Jc0711310
Custos Em Ies Jc0711310renatadelara
 
Coordenador Como Gestor Empreendedor
Coordenador Como Gestor EmpreendedorCoordenador Como Gestor Empreendedor
Coordenador Como Gestor EmpreendedorMichelle Oliveira
 
Instituto Unibanco e o Jovem de Futuro
Instituto Unibanco e o Jovem de FuturoInstituto Unibanco e o Jovem de Futuro
Instituto Unibanco e o Jovem de FuturoInstituto Unibanco
 

Semelhante a Avaliação e gestão da qualidade no ensino superior (20)

_Apresentacao_resultados_2018_Pesquisa_Clima.pdf
_Apresentacao_resultados_2018_Pesquisa_Clima.pdf_Apresentacao_resultados_2018_Pesquisa_Clima.pdf
_Apresentacao_resultados_2018_Pesquisa_Clima.pdf
 
Avaliar unisuam
Avaliar unisuamAvaliar unisuam
Avaliar unisuam
 
Dia2 04 keynote_rogerio melzi_estacio_educar para inovar
Dia2 04 keynote_rogerio melzi_estacio_educar para inovarDia2 04 keynote_rogerio melzi_estacio_educar para inovar
Dia2 04 keynote_rogerio melzi_estacio_educar para inovar
 
Gestao de pessoas_2015_santa_maria_rs
Gestao de pessoas_2015_santa_maria_rsGestao de pessoas_2015_santa_maria_rs
Gestao de pessoas_2015_santa_maria_rs
 
Arte gestao pessoas
Arte gestao pessoasArte gestao pessoas
Arte gestao pessoas
 
DEFININDO DISPOSITIVOS DE AVALIAÇÃO EM EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA
DEFININDO DISPOSITIVOS DE AVALIAÇÃO EM EDUCAÇÃO A DISTÂNCIADEFININDO DISPOSITIVOS DE AVALIAÇÃO EM EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA
DEFININDO DISPOSITIVOS DE AVALIAÇÃO EM EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA
 
Convite ao debate
Convite ao debateConvite ao debate
Convite ao debate
 
Caracterizar os princípios e instrumentos do modelo de gestão descentralizada...
Caracterizar os princípios e instrumentos do modelo de gestão descentralizada...Caracterizar os princípios e instrumentos do modelo de gestão descentralizada...
Caracterizar os princípios e instrumentos do modelo de gestão descentralizada...
 
Avaliação da Educação Superior: o que dizem os novos indicadores
Avaliação da Educação Superior: o  que dizem os novos indicadoresAvaliação da Educação Superior: o  que dizem os novos indicadores
Avaliação da Educação Superior: o que dizem os novos indicadores
 
Avaliação Externa das Escolas
Avaliação Externa das EscolasAvaliação Externa das Escolas
Avaliação Externa das Escolas
 
Gatti, barreto e andré aula 5
Gatti, barreto e andré aula 5Gatti, barreto e andré aula 5
Gatti, barreto e andré aula 5
 
PERCURSOS DA INSERÇÃO PROFISSIONAL DOCENTE: OS CONTEXTOS DA EDUCAÇÃO BÁSICA, ...
PERCURSOS DA INSERÇÃO PROFISSIONAL DOCENTE: OS CONTEXTOS DA EDUCAÇÃO BÁSICA, ...PERCURSOS DA INSERÇÃO PROFISSIONAL DOCENTE: OS CONTEXTOS DA EDUCAÇÃO BÁSICA, ...
PERCURSOS DA INSERÇÃO PROFISSIONAL DOCENTE: OS CONTEXTOS DA EDUCAÇÃO BÁSICA, ...
 
Cpa resultados 2013
Cpa resultados 2013Cpa resultados 2013
Cpa resultados 2013
 
Diretrizes Curriculares Nacionais para o Curso de Administração - Adm Rui Otá...
Diretrizes Curriculares Nacionais para o Curso de Administração - Adm Rui Otá...Diretrizes Curriculares Nacionais para o Curso de Administração - Adm Rui Otá...
Diretrizes Curriculares Nacionais para o Curso de Administração - Adm Rui Otá...
 
Apresentação EPEC 2011
Apresentação EPEC 2011Apresentação EPEC 2011
Apresentação EPEC 2011
 
Egp e Egressos
Egp e EgressosEgp e Egressos
Egp e Egressos
 
Custos Em Ies Jc0711310
Custos Em Ies Jc0711310Custos Em Ies Jc0711310
Custos Em Ies Jc0711310
 
Formação de educadores: Que desafios?
Formação de educadores: Que desafios?Formação de educadores: Que desafios?
Formação de educadores: Que desafios?
 
Coordenador Como Gestor Empreendedor
Coordenador Como Gestor EmpreendedorCoordenador Como Gestor Empreendedor
Coordenador Como Gestor Empreendedor
 
Instituto Unibanco e o Jovem de Futuro
Instituto Unibanco e o Jovem de FuturoInstituto Unibanco e o Jovem de Futuro
Instituto Unibanco e o Jovem de Futuro
 

Mais de ANGRAD

Novas técnicas organizacionais e as tecnologias aceleradas
Novas técnicas organizacionais e as tecnologias aceleradasNovas técnicas organizacionais e as tecnologias aceleradas
Novas técnicas organizacionais e as tecnologias aceleradasANGRAD
 
Carreira e Pós-Graduação Stricto Sensu
Carreira e Pós-Graduação Stricto SensuCarreira e Pós-Graduação Stricto Sensu
Carreira e Pós-Graduação Stricto SensuANGRAD
 
ENANGRAD 2018 - ENADE
ENANGRAD 2018 - ENADEENANGRAD 2018 - ENADE
ENANGRAD 2018 - ENADEANGRAD
 
Como o poder da visão e inteligência artificial pode trazer inclusão ao ambie...
Como o poder da visão e inteligência artificial pode trazer inclusão ao ambie...Como o poder da visão e inteligência artificial pode trazer inclusão ao ambie...
Como o poder da visão e inteligência artificial pode trazer inclusão ao ambie...ANGRAD
 
Conduzindo pesquisa científica em jogos de empresas
Conduzindo pesquisa científica em jogos de empresasConduzindo pesquisa científica em jogos de empresas
Conduzindo pesquisa científica em jogos de empresasANGRAD
 
Assurance of Learning - The ECU Story
Assurance of Learning - The ECU StoryAssurance of Learning - The ECU Story
Assurance of Learning - The ECU StoryANGRAD
 
Gestão da evasão na EAD: discussão a partir de um modelo preditivo
Gestão da evasão na EAD: discussão a partir de um modelo preditivoGestão da evasão na EAD: discussão a partir de um modelo preditivo
Gestão da evasão na EAD: discussão a partir de um modelo preditivoANGRAD
 
Estado da Arte da EAD
Estado da Arte da EADEstado da Arte da EAD
Estado da Arte da EADANGRAD
 
ENANGRAD 2018 - Acreditação Internacional
ENANGRAD 2018 - Acreditação InternacionalENANGRAD 2018 - Acreditação Internacional
ENANGRAD 2018 - Acreditação InternacionalANGRAD
 
ENANGRAD 2019 - Apresentação ANAMBA
ENANGRAD 2019 - Apresentação ANAMBAENANGRAD 2019 - Apresentação ANAMBA
ENANGRAD 2019 - Apresentação ANAMBAANGRAD
 
Oficina sobre os ODS
Oficina sobre os ODSOficina sobre os ODS
Oficina sobre os ODSANGRAD
 
Case prático: filiação e credenciamento da IMED
Case prático: filiação e credenciamento da IMEDCase prático: filiação e credenciamento da IMED
Case prático: filiação e credenciamento da IMEDANGRAD
 
Case: Saint Paul Escola de Negócios
Case: Saint Paul Escola de NegóciosCase: Saint Paul Escola de Negócios
Case: Saint Paul Escola de NegóciosANGRAD
 
Método do Caso como Recurso Pedagógico: Benefícios e Utilização
Método do Caso como Recurso Pedagógico: Benefícios e UtilizaçãoMétodo do Caso como Recurso Pedagógico: Benefícios e Utilização
Método do Caso como Recurso Pedagógico: Benefícios e UtilizaçãoANGRAD
 
O Estudante como protagonista do/no Processo de Aprendizagem
O Estudante como protagonista do/no Processo de AprendizagemO Estudante como protagonista do/no Processo de Aprendizagem
O Estudante como protagonista do/no Processo de AprendizagemANGRAD
 
Sinaes – INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO NAS MODALIDADES PRES...
Sinaes – INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO NAS MODALIDADES PRES...Sinaes – INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO NAS MODALIDADES PRES...
Sinaes – INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO NAS MODALIDADES PRES...ANGRAD
 
Iniciação Científica no Curso de Administração
Iniciação Científica no Curso de AdministraçãoIniciação Científica no Curso de Administração
Iniciação Científica no Curso de AdministraçãoANGRAD
 
Aprendizagem Significativa
Aprendizagem SignificativaAprendizagem Significativa
Aprendizagem SignificativaANGRAD
 
Aprendizagem Significativa em Administração
Aprendizagem Significativa em AdministraçãoAprendizagem Significativa em Administração
Aprendizagem Significativa em AdministraçãoANGRAD
 
5 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração
5 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração5 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração
5 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da AdministraçãoANGRAD
 

Mais de ANGRAD (20)

Novas técnicas organizacionais e as tecnologias aceleradas
Novas técnicas organizacionais e as tecnologias aceleradasNovas técnicas organizacionais e as tecnologias aceleradas
Novas técnicas organizacionais e as tecnologias aceleradas
 
Carreira e Pós-Graduação Stricto Sensu
Carreira e Pós-Graduação Stricto SensuCarreira e Pós-Graduação Stricto Sensu
Carreira e Pós-Graduação Stricto Sensu
 
ENANGRAD 2018 - ENADE
ENANGRAD 2018 - ENADEENANGRAD 2018 - ENADE
ENANGRAD 2018 - ENADE
 
Como o poder da visão e inteligência artificial pode trazer inclusão ao ambie...
Como o poder da visão e inteligência artificial pode trazer inclusão ao ambie...Como o poder da visão e inteligência artificial pode trazer inclusão ao ambie...
Como o poder da visão e inteligência artificial pode trazer inclusão ao ambie...
 
Conduzindo pesquisa científica em jogos de empresas
Conduzindo pesquisa científica em jogos de empresasConduzindo pesquisa científica em jogos de empresas
Conduzindo pesquisa científica em jogos de empresas
 
Assurance of Learning - The ECU Story
Assurance of Learning - The ECU StoryAssurance of Learning - The ECU Story
Assurance of Learning - The ECU Story
 
Gestão da evasão na EAD: discussão a partir de um modelo preditivo
Gestão da evasão na EAD: discussão a partir de um modelo preditivoGestão da evasão na EAD: discussão a partir de um modelo preditivo
Gestão da evasão na EAD: discussão a partir de um modelo preditivo
 
Estado da Arte da EAD
Estado da Arte da EADEstado da Arte da EAD
Estado da Arte da EAD
 
ENANGRAD 2018 - Acreditação Internacional
ENANGRAD 2018 - Acreditação InternacionalENANGRAD 2018 - Acreditação Internacional
ENANGRAD 2018 - Acreditação Internacional
 
ENANGRAD 2019 - Apresentação ANAMBA
ENANGRAD 2019 - Apresentação ANAMBAENANGRAD 2019 - Apresentação ANAMBA
ENANGRAD 2019 - Apresentação ANAMBA
 
Oficina sobre os ODS
Oficina sobre os ODSOficina sobre os ODS
Oficina sobre os ODS
 
Case prático: filiação e credenciamento da IMED
Case prático: filiação e credenciamento da IMEDCase prático: filiação e credenciamento da IMED
Case prático: filiação e credenciamento da IMED
 
Case: Saint Paul Escola de Negócios
Case: Saint Paul Escola de NegóciosCase: Saint Paul Escola de Negócios
Case: Saint Paul Escola de Negócios
 
Método do Caso como Recurso Pedagógico: Benefícios e Utilização
Método do Caso como Recurso Pedagógico: Benefícios e UtilizaçãoMétodo do Caso como Recurso Pedagógico: Benefícios e Utilização
Método do Caso como Recurso Pedagógico: Benefícios e Utilização
 
O Estudante como protagonista do/no Processo de Aprendizagem
O Estudante como protagonista do/no Processo de AprendizagemO Estudante como protagonista do/no Processo de Aprendizagem
O Estudante como protagonista do/no Processo de Aprendizagem
 
Sinaes – INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO NAS MODALIDADES PRES...
Sinaes – INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO NAS MODALIDADES PRES...Sinaes – INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO NAS MODALIDADES PRES...
Sinaes – INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO NAS MODALIDADES PRES...
 
Iniciação Científica no Curso de Administração
Iniciação Científica no Curso de AdministraçãoIniciação Científica no Curso de Administração
Iniciação Científica no Curso de Administração
 
Aprendizagem Significativa
Aprendizagem SignificativaAprendizagem Significativa
Aprendizagem Significativa
 
Aprendizagem Significativa em Administração
Aprendizagem Significativa em AdministraçãoAprendizagem Significativa em Administração
Aprendizagem Significativa em Administração
 
5 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração
5 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração5 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração
5 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração
 

Avaliação e gestão da qualidade no ensino superior

  • 2. FUNDAÇÃO EDUCACIONAL UNIFICADA DO OESTE DE SANTA CATARINA-FUNOESC mantenedora da UNIVERSIDADE DO OESTE DE SANTA CATARINA – UNOESC ENTIDADE EDUCACIONAL E DE ASSISTÊNCIA SOCIAL
  • 3. Missão “Formar pessoas, produzir conhecimentos e oferecer serviços voltados ao desenvolvimento humano, sócio-econômico e cultural do Oeste de Santa Catarina”. Visão de futuro “Ser referência pela qualidade e pertinência de seus cursos, pelo mérito de sua produção científica e pela relevância social de sua extensão universitária”.
  • 4. Valores “Compromisso com a excelência acadêmica, a ética e o diálogo”.
  • 5. DADOS PRELIMINARES SEDE JURÍDICA E ACADÊMICA: Joaçaba Campi em: Joaçaba Videira Xanxerê São Miguel do Oeste Extensões: Fraiburgo, Salto Veloso, Tangará, Campos Novos, Capinzal, Maravilha, Aberlardo Luz, São Lorenço, Pinhalzinho...região oeste: 92 municípios
  • 6.
  • 9. ESTRATÉ GESTÃ CONTROLE ESTRATÉGICO DE GESTÃO A INSTITUIÇÃO ADOTA O PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO, NO ENTANTO NÃO HÁ UMA LIGAÇÃO DIRETA COM ORÇAMENTO ANUAL; É UTILIZADO UM SISTEMA ESPECÍFICO INDICANDO ANÁLISE DE COMPETITIVIDADE, PRODUTIVIDADE, CLIENTES, QUALIDADE, BEM COMO OUTRAS ATIVIDADES INTERNAS E EXTERNAS REFERENTES AO DESEMPENHO;
  • 10. Expectativas com o ensino superior • Ensino voltado para as demandas do mercado • Professores de bom nível; cursos e recursos de qualidade • Modelos de ensino consistentes, que facilitem o aprendizado • Flexibilidade de horários e conteúdos, de forma a customizar seu curso às necessidades e preferências • Mensalidades de valores razoáveis
  • 11. Expectativas com relação à empresa • Desenvolvimento profissional 31% • Crescimento pessoal 26% • Qualidade de vida 24% • Salário e benefícios 10% • Crescimento na carreira 9%
  • 12. O contexto e os desafios para as IES Gestão acadêmica Capacitação, avaliação e controle de docentes Uso intensivo de tecnologias educacionais (incluindo EAD) Gestão financeira Alternativas de financiamento a estudantes de menor poder aquisitivo (C e D): próprio, bancário, securitização de recebíveis, etc. Gestão eficaz dos custos: avaliação criteriosa de cursos deficitários Políticas para reduzir a evasão e inadimplência e aumentar a captação (bolsas, descontos, etc.)
  • 13. O contexto e os desafios para as IES Lealdade e fidelização • Aluno é para sempre • Educação permanente Posicionamento estratégico • Seleção de nichos: geográficos ou área de atuação (saúde, hospitalidade, inovação, terceira idade, educação corporativa, etc). • Posicionamento estratégico: ajustado à proposta de valor e com serviços que atendam às expectativas dos diferentes públicos Visibilidade • Convergência de avaliação e qualidade percebida • Investimentos em marketing
  • 14. no Ensino Superior Relação com o docente Instalações s do çõe rcep Pe o A lun Marca & Imagem Preço
  • 15. É fundamental entender que os alunos não buscam aulas ou conhecimentos, mas os benefícios que isso pode lhes proporcionar.
  • 16. AS PERCEPÇÕES DA MANTENEDORA SOBRE OS IMPACTOS DA AVALIAÇÃO NA GESTÃO DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO”.
  • 17. O que significa “AVALIAÇÃO” ?
  • 18. “A percepção não é causada pelos objetos sobre nós, e nem é causada pelo nosso corpo sobre as coisas: ela é a relação entre elas e nós e entre nós e elas. O que torna possível e real essa relação é o fato de que nós e as coisas somos seres corporais. Maurice Merleau-Ponty
  • 19.
  • 20. AVALIAÇÃO = qualidade = legalidade = obrigação/dever = direito = punição = premiação = marketing
  • 21.
  • 22.
  • 23.
  • 24.
  • 25.
  • 26.
  • 27. A Portaria MEC nº 821, de 24 de agosto de 2009, definiu procedimentos para avaliação de Instituições de Educação Superior e Cursos de Graduação no âmbito primeiro ciclo avaliativo do SINAES. O quadro nº 1 resume as alterações sofridas em relação aos percentuais e indicadores até então adotados. Quadro nº 1: Procedimentos para avaliação de IES e Cursos de Graduação Fonte: MEC, 2009 (Portaria nº 821/2009) Variáveis e Pesos CPC 2008 CPC 2009 Conceito ENADE 40% Ingressantes 20% 30% Ingressantes 15% Concluintes 20% Concluintes 15% IDD 30% 30% Infraestrutura e Infraestrutura e INSUMOS 30% instalações físicas 10,20% 40% instalações físicas 5% Recursos didáticos 27,10% Questão pedagógica 5% Corpo docente 38,90% Corpo docente 20% (% doutores) (% doutores) Corpo docente 23,80% Corpo docente (regime de (% mestres) 5% trabalho) Corpo docente (regime de trabalho) 5%
  • 28. AS PERCEPÇÕES DA MANTENEDORA SOBRE OS IMPACTOS DA AVALIAÇÃO NA GESTÃO DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO”. - Avaliação é importante, necessária e que DEVE promover mudanças (Action). - Avaliação precisa ser incorporada por todos os agentes institucionais (Dirigentes, professores, técnicos, acadêmicos...) -O Planejamento Estratégico das IES deve conter ações voltadas a melhoria constante e de forma efetiva.
  • 30.
  • 31.
  • 32. Solução para Educação brasileira: Investimento na melhoria do ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO do Brasil, que o Ensino Superior melhorará inevitavelmente. Adm. Prof. Dr. Antonio Carlos de Souza Obrigado