SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 70
Pablo Braga Gusman
MD, MSc, PhD
                                 Mídias Sociais:
         Difusão do Conhecimento no meio virtual
www.anestesiador.com
www.todoscontratev.com
www.anestesiavirtual.com.br

                   Grupo de discussão Anestesiador
                   II Jornada Virtual de Anestesiologia

   AUSÊNCIA DE CONFLITO DE INTERESSE
     De acordo com as normas: CFM: 1595/2000 e RDC 102/2000
Quem é essa tal de internet?
 Estados Unidos, 1969

ARPA Advanced Research Projects Agency: uma rede do Departamento
de Defesa norte-americano que interligava laboratórios de pesquisa.




                     Criar uma rede que não pudesse ser
                destruída por bombardeios e fosse capaz de
                 ligar pontos estratégicos, como centros de
                            pesquisa e tecnologia!
Histórico da internet




Ligaram-se em                             Expansão de
rede para                                 uma nova
partilhar a                               infra-estrutura
                    Liga centros
informação de                             global de
                    localizados em
âmbito científico                                           Anytime
                    pontos estratégicos   comunicações,
                    e dotados de redes    browsers          Anywhere
                    de alto débito em
                    fibra óptica
Quem controla a internet?
A organização desenvolve-se a partir de redes
particulares e dos seus utilizadores


 Registro br - www.registro.br
      Domínio de registro eletrônico
 Internet Society
      Define padrões técnicos
 World Wide Web Consortium
      Linguagens de programação
Mídias Sociais
As Mídias Sociais fazem parte de um grupo
       de aplicações para Internet
        construídas com base nos
 fundamentos ideológicos e tecnológicos
  da Web2.0 e que permitem a criação e
 troca de Conteúdo Gerado pelo Usuário
Mídias Sociais


                              Anestesiador




(1) Construir um perfil público ou semipúblico dentro de um sistema
    conectado,
(2) Articular uma lista de outros usuários com os quais eles compartilham
uma conexão e
(3) Ver e mover-se pela sua lista de conexões e pela dos outros usuários.
Mídias Sociais:
                  Por que tão comuns?
Custos: Câmeras fotográficas, videos e computadores,
notebooks, smartphones e tablets.
Capazes de editar áudio e imagem e compartilhar ao vivo.

Acesso à Internet: acesso discado, banda larga, 2G, 3G, 4G


Para se criar um jornal impresso, revista, emissora de rádio ou
televisão são necessários grandes investimentos e obter
concessões públicas.
Computadores... Onde vamos parar?




ILLIAC, University of 5150 personal computer
                IBM Illinois at Champaign-Urban
Computadores... Onde vamos parar?




           IMAC




Desktop
                    IMAC
Computadores... Onde vamos parar?




            IMAC




IPhone             Macbook
Computadores... Onde vamos parar?




              IMAC




Smartphones          Ultrabook
Tablets




Blackberry
Playbook                     Motorola
                             Xoom

             Samsung
             Galaxy




                   IPAD
Relação dos periódicos específicos para anestesiologia

Anesthesiology
Journal of Clinical Anesthesia
Anesthesiology Clinics
Advances in Anaesthesia
Anaesthesia and Intensive Care Medicine
Annales Françaises d'Anésthesie et de Réanimation
Best Practice & Research Clinical Anaesthesiology
Current Anaesthesia & Critical Care
European Journal of Pain
International Journal of Obstetric Anaesthesia
Journal of Cardiothoracic Anaesthesia
Journal of Clinical Anaesthesia
Journal of Pain and Symptom Management
The Journal of Pain
Journal of PeriAnesthesia Nursing
Pain
Pain Management Nursing
Techniques in Regional Anaesthesia and Pain Management
Le Practicien em Anésthesie et Réanimation
Anestesiador   Peer to Peer       Contato




                      .




                              • FTP
                              • Napster
                              • BitTorrent
Anestesiador   Peer to Peer   Contato




                      .
.

Anestesiador
.
vs.
Facebook
"Alguém sabe quando o estetoscópio foi inventado?
  Em1816. E o que eu posso dizer é que em 2016 os
médicos não estarão andando com estetoscópios. Há
 uma tecnologia melhor chegando. E isso é parte da
   mudança na Medicina. O que mudou na nossa
sociedade foram os dispositivos wireless (sem fio). O
    futuro são os dispositivos médicos wireless."
E se o facebook
                                   fosse uma
                                    doença...
                               https://blog.facebook.com/




    Mapa de
 notificações de
   doenças...
http://www.healthmap.org/pt/
   de 28 a 31 outubro 2011
O Facebook como
                          instrumento de educação
                                médica continuada
                    Maria Cristina de Azambuja Molina¹; Raphael Rosa²
                   1.Hospital da Restauração, Recife – PE; 2. Serviço de
                         Anestestesiologia de Maracaju.Maracaju – MS




2004 (fevereiro) – O facebook foi criado por Mark Zuckerberg,
   com a ajuda de Eduardo Saverin, Dustin Moskovitz e Chris
                   Hughes, da Universidade de Harvard, EUA.

                        2011 (março): O grupo Anestesistas é
                   criado pela Dra. Ana Paola Morais Arruda.
www.flickr.com partilha de imagens fotográficas e permite a seus usuários criarem
álbuns e o contato com fotógrafos variados e de diferentes locais do mundo.
Adquirido pelaYahoo! Inc. em 2005
Código Civil, em seu capítulo II,
dos direitos da personalidade artigo 20:




                                           .
Lei 12.737/2012 sobre
                  crimes na internet
Crime                             Pena                               Exemplo
Invadir dispositivo alheio,       Detenção de três meses a um ano    Invadir computador para roubar
conectado ou não a rede de        e multa                            conteúdos sem consentimento do
computadores, mediante violação                                      dono
de segurança com o fim de obter
informações sem autorização



Agravantes                        Pena                               Exemplo
Roubo de informação em que        Aumenta a pena de detenção de      Criminoso rouba conteúdo sigiloso
causa prejuízo econômico          três meses a um ano e quatro       de uma pessoa e apaga a
                                  meses                              informação, causando perda de
                                                                     dinheiro

Obtenção de conteúdo de           Aumenta a pena de detenção de      Roubar conteúdo de e-mail ou
comunicações privadas de forma    seis meses a dois anos e multa     controlar computadores tornando-
não autorizada                                                       os zumbis


Divulgação e comercialização de   Reclusão de oito meses a três anos Roubar informações sigilosas e
conteúdo roubado de dispositivo   e quatro meses                     vender ou divulgar na internet
informático
Listas de discussão
Anestesiador
Anestesiador
Anestesiador
Anestesiador
Cothon.Net
Anesthideas
Análise de Conexões – Ferramentas e Aplicativos que permitem
criar representações gráficas das estruturas fluídas e mutáveis
das redes sociais em torno de determinados atores .
Blogs
Aplicativos que podem melhorar sua vida




                           .




DropBox:

Disco virtual (fotos, documentos e vídeos) na web,
funciona sincronizando pastas do seu computador com seu
netbook, smartphone ou iPad. Pode-se compartilhar os
arquivos ou pastas com seus contatos de e-mail.
.




DropBox:

Disco virtual (fotos, documentos e vídeos) na web,
funciona sincronizando pastas do seu computador com seu
netbook, smartphone ou iPad. Pode-se compartilhar os
arquivos ou pastas com seus contatos de e-mail.
Twitter: @anestesiador
Facebook: pablo.gusman
Email: anestesiador@gmail.com
http://br.groups.yahoo.com/group/anestesiador/

Mais conteúdo relacionado

Destaque (20)

Documento
DocumentoDocumento
Documento
 
Arts & Crafts April 14 Events
Arts & Crafts April 14 Events Arts & Crafts April 14 Events
Arts & Crafts April 14 Events
 
Com Deus nao se brinca
Com Deus nao se brincaCom Deus nao se brinca
Com Deus nao se brinca
 
Avendaño luis
Avendaño luisAvendaño luis
Avendaño luis
 
Física septimo recuperacion final
Física septimo recuperacion finalFísica septimo recuperacion final
Física septimo recuperacion final
 
CLR Vending
CLR VendingCLR Vending
CLR Vending
 
La piel
La pielLa piel
La piel
 
菁二班教學連繫L6
菁二班教學連繫L6菁二班教學連繫L6
菁二班教學連繫L6
 
certificate
certificatecertificate
certificate
 
Banda ancha móvil
Banda ancha móvil   Banda ancha móvil
Banda ancha móvil
 
1(1)
1(1)1(1)
1(1)
 
Certificates Shagjhuu.E Pressure Vessel
Certificates Shagjhuu.E Pressure VesselCertificates Shagjhuu.E Pressure Vessel
Certificates Shagjhuu.E Pressure Vessel
 
001730
001730001730
001730
 
Parasha 25 tzav
Parasha 25 tzavParasha 25 tzav
Parasha 25 tzav
 
America
AmericaAmerica
America
 
Email mkt interno
Email mkt internoEmail mkt interno
Email mkt interno
 
documentc43 - AutoDesk inventor.PDF
documentc43 - AutoDesk inventor.PDFdocumentc43 - AutoDesk inventor.PDF
documentc43 - AutoDesk inventor.PDF
 
Certificates
CertificatesCertificates
Certificates
 
Asia
AsiaAsia
Asia
 
EE degree2
EE degree2EE degree2
EE degree2
 

Semelhante a Mídias sociais: Difusão do Conhecimento no meio virtual

Redes sociais em anestesia
Redes sociais em anestesiaRedes sociais em anestesia
Redes sociais em anestesiaAnestesiador
 
Vitor Maia - Redes e Tecnologias
Vitor Maia - Redes e TecnologiasVitor Maia - Redes e Tecnologias
Vitor Maia - Redes e TecnologiasDiabinho Mata
 
Um estudo sobre a história da internet no Brasil
Um estudo sobre a história da internet no BrasilUm estudo sobre a história da internet no Brasil
Um estudo sobre a história da internet no BrasilUNIEURO
 
Ai ad aula 1
Ai ad aula 1Ai ad aula 1
Ai ad aula 1aiadufmg
 
Teorias da Comunicação Digital 01
Teorias da Comunicação Digital 01Teorias da Comunicação Digital 01
Teorias da Comunicação Digital 01Pablo Moreno
 
Palestra Segurança na Internet[1]
Palestra Segurança na Internet[1]Palestra Segurança na Internet[1]
Palestra Segurança na Internet[1]jamillerodrigues
 
Internet
InternetInternet
Internetgabitch
 
Relacionamento 2.0: a dinâmica entre influenciadores digitais e as marcas em ...
Relacionamento 2.0: a dinâmica entre influenciadores digitais e as marcas em ...Relacionamento 2.0: a dinâmica entre influenciadores digitais e as marcas em ...
Relacionamento 2.0: a dinâmica entre influenciadores digitais e as marcas em ...Victoria Siqueira
 
A origem e evolução da Internet
A origem e evolução da InternetA origem e evolução da Internet
A origem e evolução da InternetPepe Rocker
 
O WikiLeaks e Edward Snowden
O WikiLeaks e Edward SnowdenO WikiLeaks e Edward Snowden
O WikiLeaks e Edward SnowdenBruno Antunes
 
01 Aula7 Datamining
01 Aula7 Datamining01 Aula7 Datamining
01 Aula7 DataminingArtur Araujo
 
manual de atuacao em crimes ciberneticos-mpf
manual de atuacao em crimes ciberneticos-mpfmanual de atuacao em crimes ciberneticos-mpf
manual de atuacao em crimes ciberneticos-mpfBelonir Barth
 

Semelhante a Mídias sociais: Difusão do Conhecimento no meio virtual (20)

Redes sociais em anestesia
Redes sociais em anestesiaRedes sociais em anestesia
Redes sociais em anestesia
 
Vitor Maia - Redes e Tecnologias
Vitor Maia - Redes e TecnologiasVitor Maia - Redes e Tecnologias
Vitor Maia - Redes e Tecnologias
 
Um estudo sobre a história da internet no Brasil
Um estudo sobre a história da internet no BrasilUm estudo sobre a história da internet no Brasil
Um estudo sobre a história da internet no Brasil
 
A internet
A internetA internet
A internet
 
Ai ad aula 1
Ai ad aula 1Ai ad aula 1
Ai ad aula 1
 
Teorias da Comunicação Digital 01
Teorias da Comunicação Digital 01Teorias da Comunicação Digital 01
Teorias da Comunicação Digital 01
 
Unidade3
Unidade3Unidade3
Unidade3
 
Web 3.0 - FEI, 2014
Web 3.0 - FEI, 2014Web 3.0 - FEI, 2014
Web 3.0 - FEI, 2014
 
Palestra Segurança na Internet[1]
Palestra Segurança na Internet[1]Palestra Segurança na Internet[1]
Palestra Segurança na Internet[1]
 
Internet
InternetInternet
Internet
 
Internet redes sociais
Internet  redes sociaisInternet  redes sociais
Internet redes sociais
 
As novas tecnologias e o espaço escolar
As novas tecnologias e o espaço escolarAs novas tecnologias e o espaço escolar
As novas tecnologias e o espaço escolar
 
01 Auladatamining
01 Auladatamining01 Auladatamining
01 Auladatamining
 
Internet
InternetInternet
Internet
 
Organizações Virtuais - 2º sem. 2012
Organizações Virtuais - 2º sem. 2012Organizações Virtuais - 2º sem. 2012
Organizações Virtuais - 2º sem. 2012
 
Relacionamento 2.0: a dinâmica entre influenciadores digitais e as marcas em ...
Relacionamento 2.0: a dinâmica entre influenciadores digitais e as marcas em ...Relacionamento 2.0: a dinâmica entre influenciadores digitais e as marcas em ...
Relacionamento 2.0: a dinâmica entre influenciadores digitais e as marcas em ...
 
A origem e evolução da Internet
A origem e evolução da InternetA origem e evolução da Internet
A origem e evolução da Internet
 
O WikiLeaks e Edward Snowden
O WikiLeaks e Edward SnowdenO WikiLeaks e Edward Snowden
O WikiLeaks e Edward Snowden
 
01 Aula7 Datamining
01 Aula7 Datamining01 Aula7 Datamining
01 Aula7 Datamining
 
manual de atuacao em crimes ciberneticos-mpf
manual de atuacao em crimes ciberneticos-mpfmanual de atuacao em crimes ciberneticos-mpf
manual de atuacao em crimes ciberneticos-mpf
 

Mais de Anestesiador

Anestesia robótica para graduação
Anestesia robótica para graduaçãoAnestesia robótica para graduação
Anestesia robótica para graduaçãoAnestesiador
 
Manejo da via aérea
Manejo da via aéreaManejo da via aérea
Manejo da via aéreaAnestesiador
 
Desafios na Anestesia Cardíaca
Desafios na Anestesia CardíacaDesafios na Anestesia Cardíaca
Desafios na Anestesia CardíacaAnestesiador
 
Fatores de Risco para Complicações Perioperatórias em Cirurgias Endoscópicas ...
Fatores de Risco para Complicações Perioperatórias em Cirurgias Endoscópicas ...Fatores de Risco para Complicações Perioperatórias em Cirurgias Endoscópicas ...
Fatores de Risco para Complicações Perioperatórias em Cirurgias Endoscópicas ...Anestesiador
 
Analgesia para cirurgia torácica
Analgesia para cirurgia torácicaAnalgesia para cirurgia torácica
Analgesia para cirurgia torácicaAnestesiador
 
Náuseas e vômitos pós-operatórios: neostigmina x sugamadex
Náuseas e vômitos pós-operatórios: neostigmina x sugamadexNáuseas e vômitos pós-operatórios: neostigmina x sugamadex
Náuseas e vômitos pós-operatórios: neostigmina x sugamadexAnestesiador
 
MANUSEIO DA HEMORRAGIA OBSTÉTRICA
MANUSEIO DA HEMORRAGIA OBSTÉTRICAMANUSEIO DA HEMORRAGIA OBSTÉTRICA
MANUSEIO DA HEMORRAGIA OBSTÉTRICAAnestesiador
 
Relação Interpessoal no Centro Cirúrgico: Qual a Importância Para o Bem-Estar...
Relação Interpessoal no Centro Cirúrgico: Qual a Importância Para o Bem-Estar...Relação Interpessoal no Centro Cirúrgico: Qual a Importância Para o Bem-Estar...
Relação Interpessoal no Centro Cirúrgico: Qual a Importância Para o Bem-Estar...Anestesiador
 
Importância da Comunicação Entre os Membros da Equipe Cirúrgica Para o Melhor...
Importância da Comunicação Entre os Membros da Equipe Cirúrgica Para o Melhor...Importância da Comunicação Entre os Membros da Equipe Cirúrgica Para o Melhor...
Importância da Comunicação Entre os Membros da Equipe Cirúrgica Para o Melhor...Anestesiador
 
Webanest 2: Simuladores em Anestesia
Webanest 2: Simuladores em AnestesiaWebanest 2: Simuladores em Anestesia
Webanest 2: Simuladores em AnestesiaAnestesiador
 
Anestesia e gestante dependente de crack
Anestesia e gestante dependente de crackAnestesia e gestante dependente de crack
Anestesia e gestante dependente de crackAnestesiador
 
Via aérea dificil
Via aérea dificilVia aérea dificil
Via aérea dificilAnestesiador
 
Via aérea dificil
Via aérea dificilVia aérea dificil
Via aérea dificilAnestesiador
 
Monitorização da função pulmonar
Monitorização da função pulmonarMonitorização da função pulmonar
Monitorização da função pulmonarAnestesiador
 
Fisiopatologia ventilacao perfusão
Fisiopatologia ventilacao perfusãoFisiopatologia ventilacao perfusão
Fisiopatologia ventilacao perfusãoAnestesiador
 
Raquianestesia alta para cirurgia plástica
Raquianestesia alta para cirurgia plásticaRaquianestesia alta para cirurgia plástica
Raquianestesia alta para cirurgia plásticaAnestesiador
 
Gestão da qualidade
Gestão da qualidadeGestão da qualidade
Gestão da qualidadeAnestesiador
 
Recrutamento alveolar em anestesia
Recrutamento alveolar em anestesiaRecrutamento alveolar em anestesia
Recrutamento alveolar em anestesiaAnestesiador
 

Mais de Anestesiador (20)

Anestesia robótica para graduação
Anestesia robótica para graduaçãoAnestesia robótica para graduação
Anestesia robótica para graduação
 
Manejo da via aérea
Manejo da via aéreaManejo da via aérea
Manejo da via aérea
 
Desafios na Anestesia Cardíaca
Desafios na Anestesia CardíacaDesafios na Anestesia Cardíaca
Desafios na Anestesia Cardíaca
 
Fatores de Risco para Complicações Perioperatórias em Cirurgias Endoscópicas ...
Fatores de Risco para Complicações Perioperatórias em Cirurgias Endoscópicas ...Fatores de Risco para Complicações Perioperatórias em Cirurgias Endoscópicas ...
Fatores de Risco para Complicações Perioperatórias em Cirurgias Endoscópicas ...
 
Analgesia para cirurgia torácica
Analgesia para cirurgia torácicaAnalgesia para cirurgia torácica
Analgesia para cirurgia torácica
 
Profilaxia de TEV
Profilaxia de TEVProfilaxia de TEV
Profilaxia de TEV
 
Náuseas e vômitos pós-operatórios: neostigmina x sugamadex
Náuseas e vômitos pós-operatórios: neostigmina x sugamadexNáuseas e vômitos pós-operatórios: neostigmina x sugamadex
Náuseas e vômitos pós-operatórios: neostigmina x sugamadex
 
MANUSEIO DA HEMORRAGIA OBSTÉTRICA
MANUSEIO DA HEMORRAGIA OBSTÉTRICAMANUSEIO DA HEMORRAGIA OBSTÉTRICA
MANUSEIO DA HEMORRAGIA OBSTÉTRICA
 
Relação Interpessoal no Centro Cirúrgico: Qual a Importância Para o Bem-Estar...
Relação Interpessoal no Centro Cirúrgico: Qual a Importância Para o Bem-Estar...Relação Interpessoal no Centro Cirúrgico: Qual a Importância Para o Bem-Estar...
Relação Interpessoal no Centro Cirúrgico: Qual a Importância Para o Bem-Estar...
 
Importância da Comunicação Entre os Membros da Equipe Cirúrgica Para o Melhor...
Importância da Comunicação Entre os Membros da Equipe Cirúrgica Para o Melhor...Importância da Comunicação Entre os Membros da Equipe Cirúrgica Para o Melhor...
Importância da Comunicação Entre os Membros da Equipe Cirúrgica Para o Melhor...
 
Webanest 2: Simuladores em Anestesia
Webanest 2: Simuladores em AnestesiaWebanest 2: Simuladores em Anestesia
Webanest 2: Simuladores em Anestesia
 
Webinar2
Webinar2Webinar2
Webinar2
 
Anestesia e gestante dependente de crack
Anestesia e gestante dependente de crackAnestesia e gestante dependente de crack
Anestesia e gestante dependente de crack
 
Via aérea dificil
Via aérea dificilVia aérea dificil
Via aérea dificil
 
Via aérea dificil
Via aérea dificilVia aérea dificil
Via aérea dificil
 
Monitorização da função pulmonar
Monitorização da função pulmonarMonitorização da função pulmonar
Monitorização da função pulmonar
 
Fisiopatologia ventilacao perfusão
Fisiopatologia ventilacao perfusãoFisiopatologia ventilacao perfusão
Fisiopatologia ventilacao perfusão
 
Raquianestesia alta para cirurgia plástica
Raquianestesia alta para cirurgia plásticaRaquianestesia alta para cirurgia plástica
Raquianestesia alta para cirurgia plástica
 
Gestão da qualidade
Gestão da qualidadeGestão da qualidade
Gestão da qualidade
 
Recrutamento alveolar em anestesia
Recrutamento alveolar em anestesiaRecrutamento alveolar em anestesia
Recrutamento alveolar em anestesia
 

Último

RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdfRELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdfHELLEN CRISTINA
 
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfrelatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfHELLEN CRISTINA
 
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSHomens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSProf. Marcus Renato de Carvalho
 
Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................paulo222341
 
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino FelisbertoAltas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisbertoadelinofelisberto3
 
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdfCrianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdfivana Sobrenome
 
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion  ais.pdfrelatorio ciencias morfofuncion  ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdfHELLEN CRISTINA
 

Último (7)

RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdfRELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
 
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfrelatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
 
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSHomens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
 
Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................
 
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino FelisbertoAltas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
 
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdfCrianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
 
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion  ais.pdfrelatorio ciencias morfofuncion  ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
 

Mídias sociais: Difusão do Conhecimento no meio virtual

  • 1. Pablo Braga Gusman MD, MSc, PhD Mídias Sociais: Difusão do Conhecimento no meio virtual
  • 2. www.anestesiador.com www.todoscontratev.com www.anestesiavirtual.com.br Grupo de discussão Anestesiador II Jornada Virtual de Anestesiologia AUSÊNCIA DE CONFLITO DE INTERESSE De acordo com as normas: CFM: 1595/2000 e RDC 102/2000
  • 3. Quem é essa tal de internet?  Estados Unidos, 1969 ARPA Advanced Research Projects Agency: uma rede do Departamento de Defesa norte-americano que interligava laboratórios de pesquisa. Criar uma rede que não pudesse ser destruída por bombardeios e fosse capaz de ligar pontos estratégicos, como centros de pesquisa e tecnologia!
  • 4. Histórico da internet Ligaram-se em Expansão de rede para uma nova partilhar a infra-estrutura Liga centros informação de global de localizados em âmbito científico Anytime pontos estratégicos comunicações, e dotados de redes browsers Anywhere de alto débito em fibra óptica
  • 5. Quem controla a internet? A organização desenvolve-se a partir de redes particulares e dos seus utilizadores Registro br - www.registro.br Domínio de registro eletrônico Internet Society Define padrões técnicos World Wide Web Consortium Linguagens de programação
  • 6.
  • 7.
  • 8. Mídias Sociais As Mídias Sociais fazem parte de um grupo de aplicações para Internet construídas com base nos fundamentos ideológicos e tecnológicos da Web2.0 e que permitem a criação e troca de Conteúdo Gerado pelo Usuário
  • 9. Mídias Sociais Anestesiador (1) Construir um perfil público ou semipúblico dentro de um sistema conectado, (2) Articular uma lista de outros usuários com os quais eles compartilham uma conexão e (3) Ver e mover-se pela sua lista de conexões e pela dos outros usuários.
  • 10. Mídias Sociais: Por que tão comuns? Custos: Câmeras fotográficas, videos e computadores, notebooks, smartphones e tablets. Capazes de editar áudio e imagem e compartilhar ao vivo. Acesso à Internet: acesso discado, banda larga, 2G, 3G, 4G Para se criar um jornal impresso, revista, emissora de rádio ou televisão são necessários grandes investimentos e obter concessões públicas.
  • 11. Computadores... Onde vamos parar? ILLIAC, University of 5150 personal computer IBM Illinois at Champaign-Urban
  • 12. Computadores... Onde vamos parar? IMAC Desktop IMAC
  • 13. Computadores... Onde vamos parar? IMAC IPhone Macbook
  • 14. Computadores... Onde vamos parar? IMAC Smartphones Ultrabook
  • 15. Tablets Blackberry Playbook Motorola Xoom Samsung Galaxy IPAD
  • 16.
  • 17.
  • 18.
  • 19. Relação dos periódicos específicos para anestesiologia Anesthesiology Journal of Clinical Anesthesia Anesthesiology Clinics Advances in Anaesthesia Anaesthesia and Intensive Care Medicine Annales Françaises d'Anésthesie et de Réanimation Best Practice & Research Clinical Anaesthesiology Current Anaesthesia & Critical Care European Journal of Pain International Journal of Obstetric Anaesthesia Journal of Cardiothoracic Anaesthesia Journal of Clinical Anaesthesia Journal of Pain and Symptom Management The Journal of Pain Journal of PeriAnesthesia Nursing Pain Pain Management Nursing Techniques in Regional Anaesthesia and Pain Management Le Practicien em Anésthesie et Réanimation
  • 20.
  • 21.
  • 22. Anestesiador Peer to Peer Contato . • FTP • Napster • BitTorrent
  • 23. Anestesiador Peer to Peer Contato .
  • 25. .
  • 26.
  • 27. vs.
  • 29.
  • 30. "Alguém sabe quando o estetoscópio foi inventado? Em1816. E o que eu posso dizer é que em 2016 os médicos não estarão andando com estetoscópios. Há uma tecnologia melhor chegando. E isso é parte da mudança na Medicina. O que mudou na nossa sociedade foram os dispositivos wireless (sem fio). O futuro são os dispositivos médicos wireless."
  • 31.
  • 32. E se o facebook fosse uma doença... https://blog.facebook.com/ Mapa de notificações de doenças... http://www.healthmap.org/pt/ de 28 a 31 outubro 2011
  • 33. O Facebook como instrumento de educação médica continuada Maria Cristina de Azambuja Molina¹; Raphael Rosa² 1.Hospital da Restauração, Recife – PE; 2. Serviço de Anestestesiologia de Maracaju.Maracaju – MS 2004 (fevereiro) – O facebook foi criado por Mark Zuckerberg, com a ajuda de Eduardo Saverin, Dustin Moskovitz e Chris Hughes, da Universidade de Harvard, EUA. 2011 (março): O grupo Anestesistas é criado pela Dra. Ana Paola Morais Arruda.
  • 34.
  • 35. www.flickr.com partilha de imagens fotográficas e permite a seus usuários criarem álbuns e o contato com fotógrafos variados e de diferentes locais do mundo. Adquirido pelaYahoo! Inc. em 2005
  • 36.
  • 37.
  • 38. Código Civil, em seu capítulo II, dos direitos da personalidade artigo 20: .
  • 39. Lei 12.737/2012 sobre crimes na internet Crime Pena Exemplo Invadir dispositivo alheio, Detenção de três meses a um ano Invadir computador para roubar conectado ou não a rede de e multa conteúdos sem consentimento do computadores, mediante violação dono de segurança com o fim de obter informações sem autorização Agravantes Pena Exemplo Roubo de informação em que Aumenta a pena de detenção de Criminoso rouba conteúdo sigiloso causa prejuízo econômico três meses a um ano e quatro de uma pessoa e apaga a meses informação, causando perda de dinheiro Obtenção de conteúdo de Aumenta a pena de detenção de Roubar conteúdo de e-mail ou comunicações privadas de forma seis meses a dois anos e multa controlar computadores tornando- não autorizada os zumbis Divulgação e comercialização de Reclusão de oito meses a três anos Roubar informações sigilosas e conteúdo roubado de dispositivo e quatro meses vender ou divulgar na internet informático
  • 40.
  • 48.
  • 49.
  • 50.
  • 51.
  • 52.
  • 53.
  • 54.
  • 55. Análise de Conexões – Ferramentas e Aplicativos que permitem criar representações gráficas das estruturas fluídas e mutáveis das redes sociais em torno de determinados atores .
  • 56.
  • 57.
  • 58. Blogs
  • 59.
  • 60.
  • 61.
  • 62. Aplicativos que podem melhorar sua vida . DropBox: Disco virtual (fotos, documentos e vídeos) na web, funciona sincronizando pastas do seu computador com seu netbook, smartphone ou iPad. Pode-se compartilhar os arquivos ou pastas com seus contatos de e-mail.
  • 63. . DropBox: Disco virtual (fotos, documentos e vídeos) na web, funciona sincronizando pastas do seu computador com seu netbook, smartphone ou iPad. Pode-se compartilhar os arquivos ou pastas com seus contatos de e-mail.
  • 64.
  • 65.
  • 66.
  • 67.
  • 68.
  • 69.
  • 70. Twitter: @anestesiador Facebook: pablo.gusman Email: anestesiador@gmail.com http://br.groups.yahoo.com/group/anestesiador/