A importância do Papel do Professor em ambientes de Ensino a Distância centrado no trabalho colaborativo e em comunidades ...
<ul><li>AMBIENTE DE APRENDIZAGEM COLABORATIVA </li></ul><ul><li>Na aprendizagem colaborativa previligia-se a interacção en...
<ul><li>O PAPEL DO PROFESSOR </li></ul><ul><li>No modelo de aprendizagem colaborativa, o professor desempenha o papel de m...
<ul><li>O PAPEL DO PROFESSOR </li></ul><ul><li>Consoante as interacções online se forem desenvolvendo ao longo do curso,  ...
<ul><li>Construção do conhecime n to: encoraja a interacção entre os alunos, gere conflitos e lança desafios que estimulam...
<ul><li>Factores relevantes na actuação do professor </li></ul><ul><li>A  visibilidade  do professor manifesta-se através ...
<ul><li>Os  materiais  estão previamente preparados no início do curso e os objectivos a alcançar na concepção das activid...
Conclusão :  O professor não representa um mero transmissor de informação, executa actividades preponderantes como o diálo...
Referências consultadas: - J. Vermeersch (coord.).(2006). Iniciação ao Ensino a Distância , Brussels: HetGemeenschasonderw...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

EaD - A importancia do papel do professor

3.735 visualizações

Publicada em

1 comentário
1 gostou
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.735
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
105
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
68
Comentários
1
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

EaD - A importancia do papel do professor

  1. 1. A importância do Papel do Professor em ambientes de Ensino a Distância centrado no trabalho colaborativo e em comunidades de aprendizagem Aneesther Aguiar A. Afonso Aluna do Curso de Licenciatura em Educação Universidade Aberta EDUCAÇÃO ABERTA E A DISTÂN CIA
  2. 2. <ul><li>AMBIENTE DE APRENDIZAGEM COLABORATIVA </li></ul><ul><li>Na aprendizagem colaborativa previligia-se a interacção entre os estudantes acerca dos conteúdos, pelo facto de: </li></ul><ul><li>as ferramentas assíncronas de comunicação contribuirem para um ambiente centrado na comunidade, através da interacção entre os estudantes, em que cada um constrói o conhecimento através da partilha de perspectivas, opiniões e valores; </li></ul><ul><li>os fóruns de discussão possibilitarem a colocação de mensagens, a troca de perspectivas de um determinado tópico, a resolução cooperativa de um problema, a partilha de ideias e o esclarecimento de dúvidas, que irão ser benéficas ao longo do percurso de aprendizagem do estudante; </li></ul><ul><li>os estudantes colocarem as suas competências individuais ao dispôr da comunidade de aprendizagem, que trabalha em conjunto, com objectivos e valores comuns. </li></ul>
  3. 3. <ul><li>O PAPEL DO PROFESSOR </li></ul><ul><li>No modelo de aprendizagem colaborativa, o professor desempenha o papel de moderador e facilitador no trabalho em equipa que corresponde a três grandes áreas: </li></ul><ul><li>na área pedagógica: atribui tarefas e problemas, sugere leituras, questiona os estudantes de modo a estimular a sua reflexão e criatividade, formula objectivos comuns e encoraja a participação dos estudantes, moderando as discussões; </li></ul><ul><li>na área social: promove as relações humanas e desenvolve o senso de coesão do grupo, incentivando o trabalho em conjunto; </li></ul><ul><li>na área organizacional: negoceia com o grupo, na medida em que determina horários, responsabilidades e procedimentos, criando rotinas para a utilização do software , a fim de ajudar o ritmo de trabalho do estudante. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>O PAPEL DO PROFESSOR </li></ul><ul><li>Consoante as interacções online se forem desenvolvendo ao longo do curso, as interacções do professor vão evoluindo em diversos estágios. </li></ul><ul><li>Acesso e motivação: o professor dá as boas vindas e as primeiras indicações sobre a utilização da plataforma, oferecendo apoio aos estudantes. </li></ul><ul><li>Socialização: organiza estratégias no sentido de favorecer a integração dos participantes, explicita os objectivos e direcciona as actividades. </li></ul><ul><li>Partilha de informação: encoraja a discussão entre todos os estudantes acerca dos conteúdos que foram disponibilizados. </li></ul>
  5. 5. <ul><li>Construção do conhecime n to: encoraja a interacção entre os alunos, gere conflitos e lança desafios que estimulam a reflexão de acordo com a aprendizagem em curso, criando condições para a construção do conhecimento. </li></ul><ul><li>Desenvolvimento: neste estádio não existe necessidade de o professor intervir com regularidade, pois os estudantes já adquiriram autonomia e responsabilidade na sua aprendizagem, através das oportunidades proporcionadas, pelo que precisam de pouco suporte para além daquele que está normalmente acessível. </li></ul>
  6. 6. <ul><li>Factores relevantes na actuação do professor </li></ul><ul><li>A visibilidade do professor manifesta-se através das suas interacções / mensagens públicas na sala de aula virtual, na qual representa um contributo importante para a construção de um contexto de aprendizagem e para a redução do isolamento de que o estudante eventualmente possa sentir. </li></ul><ul><li>Através de mensagens escritas, o professor dá um feedback , regular e detalhado de modo a fornecer orientação e apoio imediato ao estudante. </li></ul>
  7. 7. <ul><li>Os materiais estão previamente preparados no início do curso e os objectivos a alcançar na concepção das actividades, tarefas e trabalhos a desenvolver, são clarificados pelo professor. </li></ul><ul><li>A atenção permanente por parte do professor, monitorando o nível de participação e envolvimentos dos alunos, constitui um factor crucial para prevenir e agir atempadamente a situações de abandono por parte dos estudantes . </li></ul>
  8. 8. Conclusão : O professor não representa um mero transmissor de informação, executa actividades preponderantes como o diálogo, a negociação e o desenvolvimento das interacções, de modo a criar condições para circular o saber, a análise e a síntese, no sentido de serem partilhadas pelo grupo na construção de uma comunidade colaborativa educacional.
  9. 9. Referências consultadas: - J. Vermeersch (coord.).(2006). Iniciação ao Ensino a Distância , Brussels: HetGemeenschasonderwijs.Cap 4 - Morgado, L. (2001). &quot;O papel do professor em contextos de ensino online: Problemas e virtualidades&quot; , Discursos, III Série, nº especial, pp.125-138, Univ. Aberta. (acessível online).

×