O slideshow foi denunciado.
Direito autorais são as denominações empregadas em
referência ao rol de direitos dos autores sobre suas
obras intelectuais...
O sistema anglo-saxão do copyright
difere do de direito de autor. Os nomes
respectivos já nos dão conta da
diferença: de u...
Não é sem controvérsia que se pode definir este ramo do
saber jurídico como o ramo do direito civil destinado a
regulament...
http://pt.wikipedia.org/wiki/Direito_autoral
Curso CIUG
Profº Elizangela
Andressa
Direitos autorais
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Direitos autorais

134 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Direitos autorais

  1. 1. Direito autorais são as denominações empregadas em referência ao rol de direitos dos autores sobre suas obras intelectuais, sejam estas literárias, artísticas ou científicas. Segundo a doutrina jurídica clássica, nesse rol encontram-se direitos de natureza pessoal e patrimonial, também denominados, respectivamente, direitos morais e direitos patrimoniais
  2. 2. O sistema anglo-saxão do copyright difere do de direito de autor. Os nomes respectivos já nos dão conta da diferença: de um lado, tem-se um direito à cópia, copyright ou direito de reprodução, do outro, um direito de autor; neste, o foco está no sujeito de direito, o autor; naquele, no objeto do direito (a obra) e na prerrogativa patrimonial de se poder copiar.
  3. 3. Não é sem controvérsia que se pode definir este ramo do saber jurídico como o ramo do direito civil destinado a regulamentar as relações jurídicas surgidas a partir da criação de obras literárias,artísticas ou científicas. Ramo, portanto, dogmaticamente colocado ao lado dos direitos da personalidade, dos direitos reais, do direito das obrigações, do direito de família e do direito das sucessões. Há quem defenda a possível autonomia científica do ramo do "direito de autor" com base na clara limitação de seu campo de estudo, que são os direitos decorrentes das obras intelectuais,mas muito mais clara até mesmo do que a divisão entre o direito civil e o direito comercial, por exemplo. Todavia, para conquistar o status de ramo autônomo, um campo do saber jurídico deve possuir princípios gerais diferenciados dos demais ramos do direito. Os doutrinadores que defendem a autonomia deste ramo, entretanto, deixaram de comprovar a existência deste conjunto de princípios que especializariam o direito de autor em relação ao direito civil.
  4. 4. http://pt.wikipedia.org/wiki/Direito_autoral Curso CIUG Profº Elizangela Andressa

×