SLIDE 1 : Introduçao:Cloud Service trata-se de um formato de
computação no qual aplicativos e dados são disponibilizados a...
SLIDE 4 : Exemplos de aplicação de Cloud
Computing:
- Google Apps: é um pacote de serviços que o Google oferece
com aplica...
SLIDE 6 : Segurança na CloudComputing
Nesta questão de segurança na comunicação em nuvem, foram
desenvolvidos sete princíp...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Novo documento do microsoft word

115 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
115
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Novo documento do microsoft word

  1. 1. SLIDE 1 : Introduçao:Cloud Service trata-se de um formato de computação no qual aplicativos e dados são disponibilizados aos usuários como serviço, por meio da internet, e pagos de acordo com o uso. Para que isso aconteça, o modelo baseia-se na partilha da memória, da capacidade de armazenamento e de processamento de servidores. SLIDE 2 : História do Cloud Computing: no início da década de 1960, John McCarthy tratou de uma ideia bastante importante: computação por tempo compartilhado (time sharing), onde um computador pode ser utilizado simultaneamente por dois ou mais usuários para a realização de determinadas tarefas, aproveitando especialmente o intervalo de tempo ocioso entre cada processo. SLIDE 3 : Vantagens do Cloud Service:A maior vantagem da computação em nuvem é a possibilidade de utilizar softwares sem que estes estejam instalados no computador, as atualizações dos softwares são feitas de forma automática, sem necessidade de intervenção do usuário. SLIDE 3 : Desvant do cloud service: A maior desvantagem da computação em nuvem vem fora do propósito da mesma, que é acesso internet. Se a internet não tiver uma boa banda, o sistema pode ser comprometido; Tem maior risco de comprometimento da privacidade do que em armazenamento off-line; Assim como todo tipo de serviço, ele é tem a versão paga.
  2. 2. SLIDE 4 : Exemplos de aplicação de Cloud Computing: - Google Apps: é um pacote de serviços que o Google oferece com aplicativos Google Docs,Google Calendar,Google Talk, e-mail com o domínio próprio,entre outros. - Amazon: Para suportar o volume de vendas no período de Natal, a empresa montou uma superestrutura de processamento e armazenamento de dados. A companhia teve a ideia de "alugar" estes recursos, o que acabou resultando em serviços como o Simple Storage Solution (S3) para armazenamento de dados e Elastic Compute Cloud (EC2) para uso de máquinas virtuais. - iCloud:anunciado em junho de 2011, trata-se de um serviço da Apple que armazena músicas, fotos, vídeos, documentos e outras informações do usuário. Seu objetivo é o de fazer com que a pessoa utilize "as nuvens" em vez de um computador em sua rede como "hub" para centralizar suas informações. SLIDE 5 : Porquê Cloud? a nuvem representa uma rede de algum tipo cuja estrutura não precisa ser conhecida, pelo menos não naquele momento. Por exemplo, se a ideia é a de explicar como funciona uma tecnologia de comunicação que interliga duas redes de computadores, não é necessário detalhar as características de cada uma. Assim, pode-se utilizar uma nuvem para indicar que há redes ali. A computação nas nuvens simplesmente absorveu esta ideia, mesmo porque o desenho de uma nuvem, seguindo a ideia da abstração, passou também a representar a internet.
  3. 3. SLIDE 6 : Segurança na CloudComputing Nesta questão de segurança na comunicação em nuvem, foram desenvolvidos sete princípios de segurança nesta rede de armazenamento. Acesso privilegiado de users - A sensibilidade de informações confidenciais nas empresas obriga um controle de acesso dos users e informações bem específicas de quem terá privilégio de administrá-las. Localização dos dados - A empresa que usa cloud provavelmente não sabe exatamente onde os dados estão armazenados, talvez nem o país onde as informações estejam guardadas. Segregação dos dados - Geralmente uma empresa divide um ambiente com dados de diversos clientes. Recuperação dos dados - O fornecedor em cloud deve saber onde estão os dados da empresa e o que acontece para recuperação de dados em caso de catástrofe. Qualquer aplicação que não replica os dados e a infraestrutura em diversas localidades está vulnerável a falha completa, sendo necessário ter um plano de recuperação. Apoio à investigação - A auditabilidade de atividades ilegais pode se tornar impossível em cloud computing uma vez que há uma variação de servidores conforme o tempo onde estão localizados os acessos e os dados dos usuários.

×