DIREITOS DE AUTOR E DAPROPRIEDADE INTELECTUAL
O QUE É SOFTWARE Software, logiciário ou suporte lógico é uma sequência de     instruções a serem seguidas e/ou executadas...
CONCEITOS DE PROPRIEDADE                     INTELECTUAL E DE DIREITOS DE                     AUTOR APLICADOS AO SOFTWARE,...
SOFTWARE LIVRE      Software Livre, software de código aberto ou software aberto équalquer programa de computador cujo cód...
SOFTWARE PROPRIETÁRIO    O Software proprietário, particular ou não livre é um software para         computadores que é li...
CUIDADOS A TER QUANDO SE DESCARREGA                                    SOFTWARE DA INTERNET;                              ...
OPINIÃO PESSOAL E CRÍTICA SOBRE O                                TEMANa minha opinião com este trabalho aprende-mos coisas...
FIM
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação1

1.751 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.751
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
18
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação1

  1. 1. DIREITOS DE AUTOR E DAPROPRIEDADE INTELECTUAL
  2. 2. O QUE É SOFTWARE Software, logiciário ou suporte lógico é uma sequência de instruções a serem seguidas e/ou executadas, na manipulação, redirecionamento ou modificação de um dado/informação ou acontecimento. Software também é o nome dado ao comportamento exibido por essa seqüência de instruções quando executada em um computador oumáquina semelhante além de um produto desenvolvido pela Engenharia de software, e inclui não só o programa de computador propriamente dito, mas também manuais eespecificações. Para fins contabeis e financeiros, o Software é considerado um bem de capital
  3. 3. CONCEITOS DE PROPRIEDADE INTELECTUAL E DE DIREITOS DE AUTOR APLICADOS AO SOFTWARE, DIFERENCIANDO SOFTWARE LIVRE, SOFTWARE PROPRIETÁRIO E SOFTWARE COMERCIAL O Software comercial é software desenvolvido para comercializar ou com interesses empresariais. Note que comercial e proprietário não são o mesmo. A maioria do software comercial é proprietário mas existe software livre que é comercial, e existe software não-livre não-comercial.As características "Livre" e "proprietário" apenas representam atributos da licença do software. São modalidades de relações jurídicas que se pode estabelecer entre um particular e o fornecedor. No caso do "Software Proprietário" significa que a distribuição é realizada por comercialização e se dará no regime jurídico clássicocomercial no qual a relação é baseada em restrições e permissões onerosas ou não, tutelando-se tanto a propriedade a autoria, e utilização do mesmo. No caso do "Software Livre" significa que a a distribuição é realizada em um regime jurídico de colaboração não compulsória no qual a relação se baseia, aocontrário, em liberdades, tutelando-se tão somente a autoria e a permanência desse mesmo regime nas distribuições subsequentes do software
  4. 4. SOFTWARE LIVRE Software Livre, software de código aberto ou software aberto équalquer programa de computador cujo código-fonte deve ser disponibilizadopara permitir o uso, a cópia, o estudo e a redistribuição. O conceito de livre ou aberto se opõe ao conceito de software restritivo(software proprietario), mas não ao software que é vendido com intenção de lucro (software cormecial). Ao distribuir o software livre, o detentor dos direitos deve escolher uma licença de software livre que normalmente é anexada ao codigo-fonte. Esta licença informará quais os direitos que o autor estará transferindo e quais as condições que serão aplicadas
  5. 5. SOFTWARE PROPRIETÁRIO O Software proprietário, particular ou não livre é um software para computadores que é licenciado com direitos exclusivos para o produtor. Conforme o local de comercialização do software este pode ser abrangido por patentes, direitos de autor assim como limitações para a suaexportação e uso em países terceiros. Seu uso, redistribuição ou modificação é proibido, ou requer que você peça permissão, ou é restrito de tal forma que você não possa efetivamente fazê-lo livremente. A expressão foi cunhada em oposição ao conceito de software livre.O termo proprietário é uma tradução equivocada do inglês proprietary, que tem osentido de pertencente a um proprietário ou que é particular. Aplicando-se o termo a software, a tradução mais clara talvez seria privado ou particular.
  6. 6. CUIDADOS A TER QUANDO SE DESCARREGA SOFTWARE DA INTERNET; Tipos de programas partilhados Antes de instalar um Peer-to-Peer, lembre-se que o mesmo pode autorizar (ou, no mínimo, não proibir) a troca ilegalde ficheiros com direitos de autor. Assim, pense bem se quer estar a participar numa actividade punida pela lei. Antes de instalar um P2P num computador que não é seu, peça autorização. Evite instalar esta funcionalidade numcomputador do seu local de trabalho, pois estará a comprometer a segurança da sua empresa, em especial se a mesma tiver todos os seus computadores ligados em rede. Verifique a qualidade do programaAntes de instalar um P2P, certifique-se que o mesmo é idóneo. Poderá aceder, mediante pesquisa na Internet, a sítios especializados que tenham a apreciação de outros cibernautas acerca do mesmo, contendo a sua opinião e comentários vários. Da mesma forma, certifique-se que descarrega o programa que pretende de um sítio igualmente idóneo, para evitar instalar um programa com funcionalidades “extra”. Saiba o que contém a sua pasta de partilhaVerifique sempre os conteúdos das pastas às quais vai permitir o P2P aceder. Lembre-se que, uma vez definidas como pastas de partilha, as mesmas estarão ao inteiro dispor dos outros utilizadores. Como tal, é aconselhável que retire todo o tipo de informação pessoal que possa ter nesse local, tais como fotografias ou outros dados pessoais. Corra sempre um antivírus Corra sempre um antivírus antes de abrir um ficheiro descarregado de um P2P. Não se esqueça que não sabe se o mesmo é, efectivamente, aquilo que o nome indica ser. Vigie a utilização do P2P por parte dos seus educandos Como já foi referido, um ficheiro pode não ser o que diz ser. Imagine que o seu educando descarregou um programaapropriado para crianças e depois, ao corrê-lo, este é, na realidade, um ficheiro contendo pornografia. Todo o cuidado é pouco e, no tocante a crianças, o melhor é vigiar de perto os conteúdos procurados pelo seu educando e abrir os mesmos antes, sem a presença dele, para evitar surpresas desagradáveis. Tenha em mente que alguns Peer-to-Peerpossuem a funcionalidade do chat incorporado no programa. Como tal, todas as informações de segurança relativas a este tipo de serviço devem ser tidas em conta aqui também.
  7. 7. OPINIÃO PESSOAL E CRÍTICA SOBRE O TEMANa minha opinião com este trabalho aprende-mos coisas que não sabíamos com o software e os direitos de autor . A critica deste tema é boa porque através deste trabalho é conseguimos aprender coisas interessantes para realizar-mos tos nossos trabalhos.
  8. 8. FIM

×