SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 13
Baixar para ler offline
MULHERES
[object Object]
[object Object]
[object Object]
[object Object]
[object Object]
[object Object]
[object Object]
[object Object]
[object Object]
[object Object]
[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object]

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Bruno Achy 8 c
Bruno Achy   8 cBruno Achy   8 c
Bruno Achy 8 cBlairvll
 
A menina que roubava livros
A menina que roubava livrosA menina que roubava livros
A menina que roubava livrosFernando Sampaio
 
Prémio Nobel da literatura 2013
Prémio Nobel da literatura 2013Prémio Nobel da literatura 2013
Prémio Nobel da literatura 2013Maria Pires
 
Projeto de Indexação do livro: A menina que roubava livros
Projeto de Indexação  do livro: A menina que roubava livrosProjeto de Indexação  do livro: A menina que roubava livros
Projeto de Indexação do livro: A menina que roubava livrosdaianadelima
 
Plano nacional de leitura
Plano nacional de leituraPlano nacional de leitura
Plano nacional de leituraNequinho
 
A Menina Que Roubava Livros
A Menina Que Roubava LivrosA Menina Que Roubava Livros
A Menina Que Roubava LivrosJéssica Freitas
 
Sophia de mello breyner andersen
Sophia de mello breyner andersenSophia de mello breyner andersen
Sophia de mello breyner andersenorlandoduarte
 
Fichamento de Língua Portuguesa - O diabo dos numeros
Fichamento de Língua Portuguesa - O diabo dos numeros Fichamento de Língua Portuguesa - O diabo dos numeros
Fichamento de Língua Portuguesa - O diabo dos numeros Pedro Luis
 
Biografia De Sophia De Mello Breyner Andersen[1]
Biografia De Sophia De Mello Breyner Andersen[1]Biografia De Sophia De Mello Breyner Andersen[1]
Biografia De Sophia De Mello Breyner Andersen[1]caltzeitao
 
MAUS: UMA VISÃO METAFÓRICA DA REALIDADE ATRAVÉS DOS QUADRINHOS VERDADE
MAUS: UMA VISÃO METAFÓRICA DA REALIDADE ATRAVÉS DOS QUADRINHOS VERDADEMAUS: UMA VISÃO METAFÓRICA DA REALIDADE ATRAVÉS DOS QUADRINHOS VERDADE
MAUS: UMA VISÃO METAFÓRICA DA REALIDADE ATRAVÉS DOS QUADRINHOS VERDADEMaurício Gonçalves
 
Autor do mês de março: Sophia Breyner Andresen
Autor do mês de março: Sophia Breyner AndresenAutor do mês de março: Sophia Breyner Andresen
Autor do mês de março: Sophia Breyner AndresenAELPB
 

Mais procurados (20)

Bruno Achy 8 c
Bruno Achy   8 cBruno Achy   8 c
Bruno Achy 8 c
 
A menina que roubava livros
A menina que roubava livrosA menina que roubava livros
A menina que roubava livros
 
Prémio Nobel da literatura 2013
Prémio Nobel da literatura 2013Prémio Nobel da literatura 2013
Prémio Nobel da literatura 2013
 
Projeto de Indexação do livro: A menina que roubava livros
Projeto de Indexação  do livro: A menina que roubava livrosProjeto de Indexação  do livro: A menina que roubava livros
Projeto de Indexação do livro: A menina que roubava livros
 
Plano nacional de leitura
Plano nacional de leituraPlano nacional de leitura
Plano nacional de leitura
 
A Menina Que Roubava Livros
A Menina Que Roubava LivrosA Menina Que Roubava Livros
A Menina Que Roubava Livros
 
Pessoa
PessoaPessoa
Pessoa
 
A "Dádiva"
A "Dádiva"A "Dádiva"
A "Dádiva"
 
Madame bovary
Madame bovaryMadame bovary
Madame bovary
 
Virginia Woolf
Virginia WoolfVirginia Woolf
Virginia Woolf
 
Sophia de mello breyner andersen
Sophia de mello breyner andersenSophia de mello breyner andersen
Sophia de mello breyner andersen
 
Fichamento de Língua Portuguesa - O diabo dos numeros
Fichamento de Língua Portuguesa - O diabo dos numeros Fichamento de Língua Portuguesa - O diabo dos numeros
Fichamento de Língua Portuguesa - O diabo dos numeros
 
Biografia De Sophia De Mello Breyner Andersen[1]
Biografia De Sophia De Mello Breyner Andersen[1]Biografia De Sophia De Mello Breyner Andersen[1]
Biografia De Sophia De Mello Breyner Andersen[1]
 
Os lusíadas
Os lusíadasOs lusíadas
Os lusíadas
 
MAUS: UMA VISÃO METAFÓRICA DA REALIDADE ATRAVÉS DOS QUADRINHOS VERDADE
MAUS: UMA VISÃO METAFÓRICA DA REALIDADE ATRAVÉS DOS QUADRINHOS VERDADEMAUS: UMA VISÃO METAFÓRICA DA REALIDADE ATRAVÉS DOS QUADRINHOS VERDADE
MAUS: UMA VISÃO METAFÓRICA DA REALIDADE ATRAVÉS DOS QUADRINHOS VERDADE
 
Autor do mês de março: Sophia Breyner Andresen
Autor do mês de março: Sophia Breyner AndresenAutor do mês de março: Sophia Breyner Andresen
Autor do mês de março: Sophia Breyner Andresen
 
Roland barthes
Roland barthesRoland barthes
Roland barthes
 
Segundo fichamento
Segundo fichamentoSegundo fichamento
Segundo fichamento
 
13 Mulheres Nobel da Literatura
13 Mulheres Nobel da Literatura13 Mulheres Nobel da Literatura
13 Mulheres Nobel da Literatura
 
Last PP - Paulo
Last PP - PauloLast PP - Paulo
Last PP - Paulo
 

Destaque

Pesquisar corretamente na internet
Pesquisar corretamente na internetPesquisar corretamente na internet
Pesquisar corretamente na internetanapaulaoliveira
 
Educar a geração copiar-colar
Educar a geração copiar-colarEducar a geração copiar-colar
Educar a geração copiar-colaranapaulaoliveira
 
Pesquisar no catálogo Winlib
Pesquisar no catálogo WinlibPesquisar no catálogo Winlib
Pesquisar no catálogo Winlibanapaulaoliveira
 
José Saramago - O Prêmio Nobel da língua portuguesa
José Saramago - O Prêmio Nobel da língua portuguesaJosé Saramago - O Prêmio Nobel da língua portuguesa
José Saramago - O Prêmio Nobel da língua portuguesamartinamaral
 
" A vida nas palavras de Inês Tavares" Alice Vieira
"  A vida nas palavras de Inês Tavares" Alice Vieira"  A vida nas palavras de Inês Tavares" Alice Vieira
" A vida nas palavras de Inês Tavares" Alice Vieiramarocaba
 
Momentos de Poesia - Semana da Leitura
 Momentos de Poesia - Semana da Leitura Momentos de Poesia - Semana da Leitura
Momentos de Poesia - Semana da LeituraBE/CRE
 
Biografia de Maria Alberta Menéres
Biografia de Maria Alberta MenéresBiografia de Maria Alberta Menéres
Biografia de Maria Alberta MenéresJosé Ferreira
 
Lp conteudo aluno_ 1ºano
Lp conteudo  aluno_ 1ºanoLp conteudo  aluno_ 1ºano
Lp conteudo aluno_ 1ºanoValdete Passos
 
Tem gato na tuba e outros poemas
Tem gato na tuba e outros poemasTem gato na tuba e outros poemas
Tem gato na tuba e outros poemaslinguaefala
 
Sequencia didática era uma bruxa
Sequencia didática era uma bruxaSequencia didática era uma bruxa
Sequencia didática era uma bruxaAntônio Fernandes
 
Maria alberta menéres
Maria alberta menéresMaria alberta menéres
Maria alberta menéresHelena Rego
 
Poesias de inverno
Poesias de invernoPoesias de inverno
Poesias de invernolabeques
 
De poema em em poema
De poema em em poemaDe poema em em poema
De poema em em poemamagomes06
 
A chuva é um pingue pingue 3 anos
A chuva é um pingue pingue   3 anosA chuva é um pingue pingue   3 anos
A chuva é um pingue pingue 3 anoslucia Curopos
 

Destaque (20)

A História na Literatura
A História na LiteraturaA História na Literatura
A História na Literatura
 
Pesquisar corretamente na internet
Pesquisar corretamente na internetPesquisar corretamente na internet
Pesquisar corretamente na internet
 
Dia do holocausto
Dia do holocaustoDia do holocausto
Dia do holocausto
 
Educar a geração copiar-colar
Educar a geração copiar-colarEducar a geração copiar-colar
Educar a geração copiar-colar
 
Pesquisar no catálogo Winlib
Pesquisar no catálogo WinlibPesquisar no catálogo Winlib
Pesquisar no catálogo Winlib
 
Acordo ortográfico
Acordo ortográficoAcordo ortográfico
Acordo ortográfico
 
José Saramago - O Prêmio Nobel da língua portuguesa
José Saramago - O Prêmio Nobel da língua portuguesaJosé Saramago - O Prêmio Nobel da língua portuguesa
José Saramago - O Prêmio Nobel da língua portuguesa
 
José saramago
José saramagoJosé saramago
José saramago
 
" A vida nas palavras de Inês Tavares" Alice Vieira
"  A vida nas palavras de Inês Tavares" Alice Vieira"  A vida nas palavras de Inês Tavares" Alice Vieira
" A vida nas palavras de Inês Tavares" Alice Vieira
 
Momentos de Poesia - Semana da Leitura
 Momentos de Poesia - Semana da Leitura Momentos de Poesia - Semana da Leitura
Momentos de Poesia - Semana da Leitura
 
Biografia de Maria Alberta Menéres
Biografia de Maria Alberta MenéresBiografia de Maria Alberta Menéres
Biografia de Maria Alberta Menéres
 
Lp conteudo aluno_ 1ºano
Lp conteudo  aluno_ 1ºanoLp conteudo  aluno_ 1ºano
Lp conteudo aluno_ 1ºano
 
Jose saramago
Jose saramagoJose saramago
Jose saramago
 
Tem gato na tuba e outros poemas
Tem gato na tuba e outros poemasTem gato na tuba e outros poemas
Tem gato na tuba e outros poemas
 
Sequencia didática era uma bruxa
Sequencia didática era uma bruxaSequencia didática era uma bruxa
Sequencia didática era uma bruxa
 
Maria alberta menéres
Maria alberta menéresMaria alberta menéres
Maria alberta menéres
 
Fichas De Poesia
Fichas De PoesiaFichas De Poesia
Fichas De Poesia
 
Poesias de inverno
Poesias de invernoPoesias de inverno
Poesias de inverno
 
De poema em em poema
De poema em em poemaDe poema em em poema
De poema em em poema
 
A chuva é um pingue pingue 3 anos
A chuva é um pingue pingue   3 anosA chuva é um pingue pingue   3 anos
A chuva é um pingue pingue 3 anos
 

Semelhante a PréMios Nobel Da Literatura

Biografia cronologica de ferreira de castro
Biografia cronologica de ferreira de castroBiografia cronologica de ferreira de castro
Biografia cronologica de ferreira de castroJoão Miguel Silva
 
Biografia cronologica de ferreira de castro
Biografia cronologica de ferreira de castroBiografia cronologica de ferreira de castro
Biografia cronologica de ferreira de castroJoão Miguel Silva
 
Machado de assis
Machado de assisMachado de assis
Machado de assisJorgelgl
 
Autores mais influentes do século
Autores mais influentes do séculoAutores mais influentes do século
Autores mais influentes do séculoLucio Franken
 
Livros essenciais da literatura brasileira
Livros essenciais da literatura brasileiraLivros essenciais da literatura brasileira
Livros essenciais da literatura brasileirapaulo000
 
Autores de língua portuguesa
Autores de língua portuguesaAutores de língua portuguesa
Autores de língua portuguesaArmanda Ribeiro
 
A última quimera 2
A última quimera 2A última quimera 2
A última quimera 2sergios3rgio
 
início-romantismo
início-romantismoinício-romantismo
início-romantismoLucass72
 
Poetas portugueses
Poetas portuguesesPoetas portugueses
Poetas portuguesesLuis Martins
 
Poetas portugueses
Poetas portuguesesPoetas portugueses
Poetas portuguesesLuis Martins
 
Poetas portugueses
Poetas portuguesesPoetas portugueses
Poetas portuguesesLuis Martins
 
Literatura do Romantismo e Pré Rafaelitas
Literatura do Romantismo e Pré RafaelitasLiteratura do Romantismo e Pré Rafaelitas
Literatura do Romantismo e Pré Rafaelitashcaslides
 
2ª e 3ª geração romântica
2ª e 3ª geração romântica2ª e 3ª geração romântica
2ª e 3ª geração românticaAndriane Cursino
 
Sugestões da tua biblioteca 2010 11
Sugestões da tua biblioteca 2010 11Sugestões da tua biblioteca 2010 11
Sugestões da tua biblioteca 2010 11bibliotecaesla
 

Semelhante a PréMios Nobel Da Literatura (20)

Biografia cronologica de ferreira de castro
Biografia cronologica de ferreira de castroBiografia cronologica de ferreira de castro
Biografia cronologica de ferreira de castro
 
Biografia cronologica de ferreira de castro
Biografia cronologica de ferreira de castroBiografia cronologica de ferreira de castro
Biografia cronologica de ferreira de castro
 
Machado de assis
Machado de assisMachado de assis
Machado de assis
 
Autores mais influentes do século
Autores mais influentes do séculoAutores mais influentes do século
Autores mais influentes do século
 
Autores Influentes
Autores InfluentesAutores Influentes
Autores Influentes
 
Autores Influentes
Autores  InfluentesAutores  Influentes
Autores Influentes
 
Autores Influentes
Autores InfluentesAutores Influentes
Autores Influentes
 
Livros essenciais da literatura brasileira
Livros essenciais da literatura brasileiraLivros essenciais da literatura brasileira
Livros essenciais da literatura brasileira
 
10 livros escolhidos.
10 livros escolhidos.10 livros escolhidos.
10 livros escolhidos.
 
A rosa do_povo
A rosa do_povoA rosa do_povo
A rosa do_povo
 
Autores de língua portuguesa
Autores de língua portuguesaAutores de língua portuguesa
Autores de língua portuguesa
 
A última quimera 2
A última quimera 2A última quimera 2
A última quimera 2
 
início-romantismo
início-romantismoinício-romantismo
início-romantismo
 
Poetas portugueses
Poetas portuguesesPoetas portugueses
Poetas portugueses
 
Poetas portugueses
Poetas portuguesesPoetas portugueses
Poetas portugueses
 
Poetas portugueses
Poetas portuguesesPoetas portugueses
Poetas portugueses
 
Literatura do Romantismo e Pré Rafaelitas
Literatura do Romantismo e Pré RafaelitasLiteratura do Romantismo e Pré Rafaelitas
Literatura do Romantismo e Pré Rafaelitas
 
O modernismo no brasil
O modernismo no brasilO modernismo no brasil
O modernismo no brasil
 
2ª e 3ª geração romântica
2ª e 3ª geração romântica2ª e 3ª geração romântica
2ª e 3ª geração romântica
 
Sugestões da tua biblioteca 2010 11
Sugestões da tua biblioteca 2010 11Sugestões da tua biblioteca 2010 11
Sugestões da tua biblioteca 2010 11
 

Mais de anapaulaoliveira

Mais de anapaulaoliveira (20)

Passeio por S. João da Madeira
Passeio por S. João da MadeiraPasseio por S. João da Madeira
Passeio por S. João da Madeira
 
Resume um livro numa frase
Resume um livro numa fraseResume um livro numa frase
Resume um livro numa frase
 
Notícia
NotíciaNotícia
Notícia
 
Semana da leitura
Semana da leituraSemana da leitura
Semana da leitura
 
Dia Europeu das Línguas 2011
Dia Europeu das Línguas 2011Dia Europeu das Línguas 2011
Dia Europeu das Línguas 2011
 
Festa Grande C, Cascais
Festa Grande C, CascaisFesta Grande C, Cascais
Festa Grande C, Cascais
 
Top leitura
Top leituraTop leitura
Top leitura
 
Moeda portuguesa
Moeda portuguesaMoeda portuguesa
Moeda portuguesa
 
Ode à Natureza
Ode à NaturezaOde à Natureza
Ode à Natureza
 
Lenda da Lagoa das Sete Cidades
Lenda da Lagoa das Sete Cidades Lenda da Lagoa das Sete Cidades
Lenda da Lagoa das Sete Cidades
 
Álbum de desenhos
Álbum de desenhosÁlbum de desenhos
Álbum de desenhos
 
Feira dos 4 e Capela de Santo Estêvão
Feira dos 4 e Capela de Santo EstêvãoFeira dos 4 e Capela de Santo Estêvão
Feira dos 4 e Capela de Santo Estêvão
 
Rancho S.Martinho de Escapães
Rancho S.Martinho de EscapãesRancho S.Martinho de Escapães
Rancho S.Martinho de Escapães
 
A importância da leitura
A importância da leituraA importância da leitura
A importância da leitura
 
Da Monarquia à República
Da Monarquia à RepúblicaDa Monarquia à República
Da Monarquia à República
 
Poetas da I República
Poetas da I RepúblicaPoetas da I República
Poetas da I República
 
BD da Energia
BD da EnergiaBD da Energia
BD da Energia
 
Membros da Revolução do 5 de Outubro
Membros da Revolução do 5 de OutubroMembros da Revolução do 5 de Outubro
Membros da Revolução do 5 de Outubro
 
A Primeira República
A Primeira República   A Primeira República
A Primeira República
 
Abel Salazar
Abel SalazarAbel Salazar
Abel Salazar
 

Último

AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAEdioFnaf
 
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evoluçãoprofleticiasantosbio
 
Apreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaApreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaeliana862656
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxHenriqueLuciano2
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxHlioMachado1
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...Unidad de Espiritualidad Eudista
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxJMTCS
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.azulassessoria9
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
Modelos atômicos: quais são, história, resumo
Modelos atômicos: quais são, história, resumoModelos atômicos: quais são, história, resumo
Modelos atômicos: quais são, história, resumoprofleticiasantosbio
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdfCarlosRodrigues832670
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfQueleLiberato
 
As variações do uso da palavra "como" no texto
As variações do uso da palavra "como" no  textoAs variações do uso da palavra "como" no  texto
As variações do uso da palavra "como" no textoMariaPauladeSouzaTur
 

Último (20)

AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
 
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
 
Apreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaApreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escrita
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
Modelos atômicos: quais são, história, resumo
Modelos atômicos: quais são, história, resumoModelos atômicos: quais são, história, resumo
Modelos atômicos: quais são, história, resumo
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
 
As variações do uso da palavra "como" no texto
As variações do uso da palavra "como" no  textoAs variações do uso da palavra "como" no  texto
As variações do uso da palavra "como" no texto
 

PréMios Nobel Da Literatura

  • 2.
  • 3.
  • 4.
  • 5.
  • 6.
  • 7.
  • 8.
  • 9.
  • 10.
  • 11.
  • 12.
  • 13.