Tecidos musculares

7.592 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
7.592
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
332
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
84
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tecidos musculares

  1. 1. Tecidos musculares Profª Ana Lucia Farias 1º E.M.
  2. 2. Tecidos musculares • São originados do mesoderma do embrião e estão relacionados aos movimentos dos membros e vísceras. • Miócitos ou fibras musculares: são as células musculares, que apresentam forma alongada e são ricas em miofilamentos (proteínas filamentosas), responsáveis pela capacidade de contração e distensão dos miócitos. • Nas fibras musculares, os elementos estruturais recebem nomes diferenciados, a saber: – Sarcolema – membrana plasmática; – Sarcoplasma – citoplasma; – Retículo sarcoplasmático – retículo endoplasmático liso
  3. 3. Tecidos musculares
  4. 4. Tecidos musculares • São três os tipos de tecidos musculares, a saber: – Estriado esquelético: • Formado por miócitos muito longos, multinucleados, com miofilamentos organizados em estrias transversais e estrias longitudinais. • É o tecido que ocorre nos músculos esqueléticos, que compõem o sistema muscular, e prendem-se aos ossos, do sistema esquelético, formando esse conjunto o aparelho locomotor, responsável pelos movimentos voluntários do corpo.
  5. 5. Tecidos musculares – Estriado cardíaco: • Formado por miócitos estriados, com um ou dois núcleos centrais, alongadas e irregularmente ramificadas. • É o tecido que ocorre apenas no coração, formando o músculo cardíaco (miocárdio), que apresenta contração vigorosa e rítmica, involuntária. • O coração apresenta dois movimentos que são: sístole (contração do coração) e diástole (relaxamento do coração).
  6. 6. Tecidos musculares – Liso ou não estriado: • Formado por miócitos alongados, mononucleados e sem estrias transversais (lisas), sendo células que adaptadas para a contração involuntária e lenta. • É o tecido que ocorre nas vísceras, em artérias e em músculos isolados do corpo humano, como o eretor do pelo. • São responsáveis pelos movimentos peristálticos (contrações em ondas que impulsionam o conteúdo desses órgãos) em órgãos ocos do corpo, como os do trato digestório.
  7. 7. Tecidos musculares – Liso ou não estriado: • Formado por miócitos alongados, mononucleados e sem estrias transversais (lisas), sendo células que adaptadas para a contração involuntária e lenta. • É o tecido que ocorre nas vísceras, em artérias e em músculos isolados do corpo humano, como o eretor do pelo. • São responsáveis pelos movimentos peristálticos (contrações em ondas que impulsionam o conteúdo desses órgãos) em órgãos ocos do corpo, como os do trato digestório.

×