Contracepção e Métodos
Contraceptivos
Contracepção


Conjunto de acções, dispositivos e
medicamentos de modo a prevenir ou
a reduzir a probabilidade de uma
mul...
Abstinência


Privação do acto sexual (relações sexuais).
Métodos contraceptivos
Naturais





O seu nível de eficácia em adolescentes
e muito baixo;
Têm como objectivo evitar ...
Métodos Contraceptivos Naturais


Método do Calendário;



Método da Temperatura;



Método do Muco Cervical;



Métod...
Método do Calendário
A mulher deve marcar
num calendário quantos
dias se passam entre uma
menstruação e outra;
 Esse núme...
Método do Calendário



Também deve sublinhar os três dias
antes e depois desse meio de ciclo;
Nesses 7 dias, os 6 que s...
Método da Temperatura
Controlo da
temperatura basal da
mulher;
 As medições têm de ser
rigorosas;
 Na altura fértil a
te...
Método do Muco Cervical
Na altura da ovulação
adquire uma aparência clara
com grande elasticidade,
sendo muito abundante e...
Método Sintotérmico
Combinação do método
da temperatura basal e do
método do muco cervical;
 Pode-se manter relações
sexu...
Coito Interrompido
Consiste em retirar o pénis da vagina antes da
ejaculação;
 Exige um grande controlo por parte do jove...
CAJ




É um centro de atendimento a jovens no
centro de saúde, onde se encontra
sempre um(a) enfermeiro(a) e médico
dis...
Trabalho realizado por:
Adriana
Alexandra
Ana
Contracepção e métodos contraceptivos
Contracepção e métodos contraceptivos
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Contracepção e métodos contraceptivos

319 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Contracepção e métodos contraceptivos

  1. 1. Contracepção e Métodos Contraceptivos
  2. 2. Contracepção  Conjunto de acções, dispositivos e medicamentos de modo a prevenir ou a reduzir a probabilidade de uma mulher engravidar.
  3. 3. Abstinência  Privação do acto sexual (relações sexuais).
  4. 4. Métodos contraceptivos Naturais     O seu nível de eficácia em adolescentes e muito baixo; Têm como objectivo evitar uma gravidez indesejada ; Não protegem das doenças sexualmente transmissíveis; Não são fiáveis.
  5. 5. Métodos Contraceptivos Naturais  Método do Calendário;  Método da Temperatura;  Método do Muco Cervical;  Método Sintotérmico;  Coito Interrompido
  6. 6. Método do Calendário A mulher deve marcar num calendário quantos dias se passam entre uma menstruação e outra;  Esse número de dias dividido por 2, indicará o meio do ciclo. Cada mulher tem um ciclo diferente;  Deve verificar primeiro em vários meses para ser mais certo; 
  7. 7. Método do Calendário   Também deve sublinhar os três dias antes e depois desse meio de ciclo; Nesses 7 dias, os 6 que sublinhou, mais a data de meio do ciclo, não deve ter relações sexuais, ou tê-las usando preservativo, pois estará no período fértil. Nesse período o óvulo está a ser liberado e pode ser fecundado gerando a gravidez;
  8. 8. Método da Temperatura Controlo da temperatura basal da mulher;  As medições têm de ser rigorosas;  Na altura fértil a temperatura sobe entre 2 a 5 décimos de graus;  Não é um método fiável, uma vez que uma pequena alteração (por exemplo febre), interfere com as 
  9. 9. Método do Muco Cervical Na altura da ovulação adquire uma aparência clara com grande elasticidade, sendo muito abundante e fluido, atingindo o pico de elasticidade;  Para aumentar a eficácia contraceptiva deste método, a jovem só deverá ter relações sexuais 3 dias depois do ponto máximo de elasticidade. 
  10. 10. Método Sintotérmico Combinação do método da temperatura basal e do método do muco cervical;  Pode-se manter relações sexuais desde que não seja durante o período fértil. 
  11. 11. Coito Interrompido Consiste em retirar o pénis da vagina antes da ejaculação;  Exige um grande controlo por parte do jovem e um grande conhecimento do seu corpo;  É um método pouco eficaz uma vez que antes da ejaculação se produz um liquido invisível, que pode conter espermatozóides. (líquido proveniente das Glândulas de Cowper) 
  12. 12. CAJ   É um centro de atendimento a jovens no centro de saúde, onde se encontra sempre um(a) enfermeiro(a) e médico disponível para tirar todas as nossas duvidas sobre sexualidade. As consultas são gratuitas e permanecem em anonimato.
  13. 13. Trabalho realizado por: Adriana Alexandra Ana

×