Escola de artes de osasco

406 visualizações

Publicada em

O objetivo do Trabalho Final de Graduação é o projeto de uma Escola de Artes na cidade de Osasco / SP, zona Oeste de São Paulo, bairro Parque Industrial Autonomistas. Analisando estudos de casos compatíveis com o tema e as condições históricas e urbanas do entorno, verifica se a viabilidade de implantação do projeto proposto.
É evidente que espaços destinados a atividades artísticas e culturais proporcionam a descoberta de novos indivíduos talentosos com desejo e capacidade de desenvolvimento. E o mais importante: estes mesmos indivíduos descobrem um novo olhar para a sociedade.
Atualmente Osasco não tem infraestrutura específica ligada ao desenvolvimento artístico e cultural, porém existe público ligado a estas atividades. Por isso é importante a criação do espaço.
Sendo assim, a implantação de uma Escola de Artes com projeto arquitetônico eficiente e que cause impacto positivo na paisagem pode requalificar a região de inserção e também proporcionar desenvolvimento para a população do município.





Publicada em: Arte e fotografia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
406
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Escola de artes de osasco

  1. 1. TERRENO AV. DOS AUTONOMISTAS DE OSASCO INTERMUNICIPAL E INTERESTADUAL E INTERMUNICIPAL VIADUTO GERINO SPITALETTI ARQUITETURA E URBANISMO ALUNA.:ANA PAULA FERREIRA DIAS RA.:090692195 Latitude Principais Atividades De Base E Origem Do Nome: Uma Por Iniciativa De Agu, Um Empreendedor Da Recebeu O Nome De Osasco, O Mesmo Nome Da Cidade Natal Dele Na Com A O Parque Industrial Autonomistas- Os Loteamento Industrial Comabra. Localiza-se no Distrito Administrativo Centro, sendo delimitado ao Norte com o bairro Presidente Altino pela Rua Zuma de Fernandez; a Leste com o de Paulo e o bairro Continental; ao Sul com o bairro Vila Campesino pela Avenida dos Autonomistas e, a Oeste com o bairro Centro pela Avenida Maria Campos. Avenida dos Autonomistas, Avenida Maria Campos, Avenida Pereira de Souza, Avenida Domingos Filho,Rua Manuel de Azambuja Brilhante,
  2. 2. COMERCIAL INSTITUCIONAL AREAS VERDES E DE LAZER LEGENDA INDUSTRIAL EDIFICIOS SIGNIFICATIVOS/ HISTORICOS ESTACIONAMENTOS E TERRENOS VAGOS TERRENO ESTUDADO TERRENO ESTUDADO 11 OU MAIS PAVIMENTOS LOTE VAZIO OU SUB-UTILIZADO TERRENO ESTUDADO BOM MEDIO RUIM LOTE VAZIO OU SUB-UTILIZADO LOCAL COLETORA ARTERIAL HIERARQUIA VIARIA EXPRESSA ANALISE DE ACESSOS E IMPACTO URBANO LEGENDA CPTM SENTIDO DAS VIAS TERRENO ESTUDADO ARQUITETURA E URBANISMO ALUNA.:ANA PAULA FERREIRA DIAS RA.:090692195 LEVANTAMENTOS As vias do centro da cidade apresentam uma estrutura que reflete a primeira forma de linhas municipais e intermunicipais suficientes, Em geral os em bom estado, no bairro presidente Altino, onde a de uso residencial na central e industrial os em estado FOTO DO TERRENO VISTA PARA VIADUTO GUERINO SPITALETTI VISTA DA AV. MARIA CAMPOS PARA VIADUTO GUERINO SPITALETTI SUPER SHOPPING OSASCO OSASCO
  3. 3. ARQUITETURA E URBANISMO ALUNA.:ANA PAULA FERREIRA DIAS RA.:090692195 A ARTE de procedimentos utilizados para realizar obras, e no qual aplicamos nossos conhecimentos. Apresenta-se sob variadas (audiovisuais). Atualmente alguns tipos de arte permitem que o apreciador participe da obra. O artista preciso da arte e da JUSTIFICATIVA O Projeto Escola de Artes de Osasco tem como objetivo a de unir Arte, Arquitetura e funcionalidade, proporcionando e a arte em um contexto amplo no que diz respeito ao determinar um ponto de partida ou chegada para esse tipo de tempos; beleza da arte em todas as suas particularidades; ESTUDOS DE CASO IMI INTERNATIONAL MANAGEMENT INSTITUTE KOLKATA / ABIN DESIGN STUDIO estacionamento.
  4. 4. VIADUTO GUELLINO SPITALLERI AVENIDA MARIA CAMPOS 0 1 2 4 5 RUA GENERAL MANUEL DE AZAMBUJA BRILHANTE ARQUITETURA E URBANISMO ALUNA.:ANA PAULA FERREIRA DIAS RA.:090692195 ESC. 1:500 FLUXO DE PEDESTRES SENTIDO DAS VIAS LEGENDA:
  5. 5. 03 02 04 01 01 01 MURO DE ARRIMO H=1,70m MURO DE ARRIMO H=1,70m 05 07 06 05 05 05 RAMPA SOBE I=8% RAMPA SOBE I=8% RAMPASOBEI=8% 09 10 08 08 05 05 05 05 12 13 16 14 17 18 19 08 11 R.30 VAZIO VAZIO VAZIO ACESSO ACESSO GUARDA CORPO h=0.90 CATRACAS DE ACESSO GUARDA CORPO h=1.10 GUARDA CORPO h=1.10 GUARDA CORPO h=1.10 11 11 15 05 05 20 20 20 20 P.D 10,30P.D 11,30 P.D 3,53P.D 4,35 D S ARQUITETURA E URBANISMO ALUNA.:ANA PAULA FERREIRA DIAS RA.:090692195 PAVIMENTO INFERIROR ESC. 1:200 ESC. 1:200 01- sala de fotografia 02- Camara escura 03- Almoxarifado LEGENDA: LEGENDA: 09- Deposito 11- Lanchonete 12- Finaceiro 15- Espera 19- Sala dos Professores
  6. 6. VAZIO VAZIO VAZIO SOBE I=8% 29 30 30 30 31 29 05 05 31 31 32 GUARDA CORPO h=1.10 GUARDA CORPO h=1.10 GUARDA CORPO h=1.10 GUARDA CORPO h=1,10m 05 21 22 24 23 VAZIO VAZIO VAZIO 26 05 0927 TANQUE TANQUE 09 25 25 08 05 05 05 0,30cm 21 22 05 05 28 GUARDA CORPO h=1.10 GUARDA CORPO h=1.10 GUARDA CORPO h=1.10 GUARDA CORPO h=1.10 GUARDA CORPO h=1.10 S ARQUITETURA E URBANISMO ALUNA.:ANA PAULA FERREIRA DIAS RA.:090692195 PRIMEIRO PAVIMENTO ESC. 1:200 SEGUNDO PAVIMENTO ESC. 1:200 LEGENDA: LEGENDA: 21- Sala de desenho 23- Hist. da Arte 24- Sala Multi Uso 26- Camarim 27-D.M.L 29-Biblioteca 30- Sala de estudos 31- Design de Moda 32- Mediateca
  7. 7. ELEVADOR 41 40 42 VAZIO VAZIO VAZIO 33 36 09 38 38 34 35 05 05 GUARDA CORPO h=1.10 GUARDA CORPO h=1.10 GUARDA CORPO h=1.10 33 37 34 ARQUITETURA E URBANISMO ALUNA.:ANA PAULA FERREIRA DIAS RA.:090692195 TERCEIRO PAVIMENTO ESC. 1:200 QUARTO PAVIMENTO ESC. 1:200 LEGENDA: LEGENDA:
  8. 8. ELEVADOR GUARDA CORPO h=1,10m VER DET.1 GUARDA CORPO h=1,10m ARRIMO ARRIMO ,601,687,00 4,723,92 3,53 4,725,00 LAJE IMPERMEABILIZADA 3,51 FECHAMENTO EM LEQUE GUARDA CORPO h=1,10m VER DET.1VER DET.1 ELEVADOR A F E GH D C B 2 1 3 A F E GH D C B 2 1 3 ARQUITETURA E URBANISMO ALUNA.:ANA PAULA FERREIRA DIAS RA.:090692195 CORTE A.A ESC. 1:200 CORTE B.B ESC. 1:200 PLANTA CHAVE FACHADA 01 ESC.1:200 FACHADA 02 - VISTA PARA O VIADUTO ESC.1:200 SISTEMA ESTRUTUAL EIXOS S/E DETALHES BRISE CROQUISDEESTUDO
  9. 9. ARQUITETURA E URBANISMO ALUNA.:ANA PAULA FERREIRA DIAS RA.:090692195 PERSPECTIVAS FACHADA BRISES FECHADOS FACHADA BRISES ABERTOS VISTA AEREA

×