Gestão de risco e prevenção
de perdas no transporte.
Ana Cristina Ushijima
Passarela cai em acidente na
Linha Amarela, no Rio
http://g1.globo.com/rio-dejaneiro/fotos/2014/01/fotos-passarela-caiapos...
Objetivo

• Apresentar o conceito de Gestão de
Riscos, incentivando a reflexão sobre o
tema no dia-a-dia
IS0 31000
• Enterprise Risk Management,
em português Gestão de Riscos .....
busca atender e alinhar-se as
padronizações vi...
• A prática de gestão de riscos já foi vista
como conceito de difícil aplicabilidade;
“Risco está relacionado à escolha, n...
Por que hoje se fala em gestão de
riscos e há alguns anos não se falava?
• O fator determinante para isso se dá pelo
aumen...
Apesar dos diversos benefícios, a ideia de gerir riscos
não é algo totalmente palpável para algumas
corporações.
Uma propo...
Conceitos de riscos
• Ponderando sobre o exemplo dado
anteriormente, é salutar afirmar que risco
está relacionado a escolha e não ao
acaso.
Um dos grandes desafios atuais da prática de
gestão de riscos é atuar não só de forma preventiva
aos eventos de incerteza,...
Identificação dos Riscos
• Utilizando o brainstorming deve ser
elaborada uma lista de riscos, suas fontes
e o impacto caus...
Classificação dos Riscos
Os riscos são classificados de três formas:
• Em relação a probabilidade.
• Em relação a severida...
Tratamento de Risco

• Execução de plano elaborado.
• Implementar e checar continuamente o
planejamento feito.
• Identific...
Matriz de Riscos
Descrição do Risco – Ex Defeito do Software
Impacto – Ex Negativo
Consequência – Ex Perda de dados sensív...
Estrutura Plano de Risco
Estrutura do Plano de Risco
Tipo de Empresa
Tamanho da empresa
BIBLIOGRAFIA
• http://www.bb.com.br/portalbb/page3,136,
2546,0,0,1,8.bb?codigoNoticia=7288&codi
goMenu=208&codigoRet=5506&...
Gestão de risco e prevenção de perdas no transporte.
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Gestão de risco e prevenção de perdas no transporte.

1.063 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.063
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
49
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Gestão de risco e prevenção de perdas no transporte.

  1. 1. Gestão de risco e prevenção de perdas no transporte. Ana Cristina Ushijima
  2. 2. Passarela cai em acidente na Linha Amarela, no Rio http://g1.globo.com/rio-dejaneiro/fotos/2014/01/fotos-passarela-caiapos-acidente-na-linha-amarela-norio.html#F1086787
  3. 3. Objetivo • Apresentar o conceito de Gestão de Riscos, incentivando a reflexão sobre o tema no dia-a-dia
  4. 4. IS0 31000 • Enterprise Risk Management, em português Gestão de Riscos ..... busca atender e alinhar-se as padronizações viabilizadas pela norma ISO 31000
  5. 5. • A prática de gestão de riscos já foi vista como conceito de difícil aplicabilidade; “Risco está relacionado à escolha, não ao acaso, pois decorre da incerteza inerente ao conjunto de possíveis consequências (ganhos e perdas) que resultam de decisões tomadas diariamente pela organização”.
  6. 6. Por que hoje se fala em gestão de riscos e há alguns anos não se falava? • O fator determinante para isso se dá pelo aumento das variáveis de decisão, como: globalização, complexidade dos produtos e serviços, aspectos regulatórios, dinamismo do mercado. Gerir riscos tornou-se fundamental para tratar gaps de controle e principalmente, fornecer uma visão macro da organização, tanto o que compreende valor ao acionista como do corpo diretivo e gerencial.
  7. 7. Apesar dos diversos benefícios, a ideia de gerir riscos não é algo totalmente palpável para algumas corporações. Uma proposta interessante sobre como convencer a Alta Administração da importância da gestão de riscos é olhar para dentro da organização e questionar: nos últimos dias, meses, anos, qual a ocorrência de fatos incertos ou surpresas negativas ao negócio? A incerteza é o maior motivador da gestão de riscos, assim como a geração de oportunidades, vista como consequência da aplicação bem sucedida da prática
  8. 8. Conceitos de riscos
  9. 9. • Ponderando sobre o exemplo dado anteriormente, é salutar afirmar que risco está relacionado a escolha e não ao acaso.
  10. 10. Um dos grandes desafios atuais da prática de gestão de riscos é atuar não só de forma preventiva aos eventos de incerteza, mas principalmente, criar oportunidades de ganhos. Considerando que a maioria ainda vê a gestão de riscos como um custo, gerenciá-los de forma reativa excede substancialmente o investimento efetuado de forma proativa. Gerar oportunidades a partir das incertezas não é simplesmente olhá-las como possibilidades de melhoria. É sim concebê-la como consequência da aplicação efetiva de controles internos que garantam a solidez dos processos de negócio.
  11. 11. Identificação dos Riscos • Utilizando o brainstorming deve ser elaborada uma lista de riscos, suas fontes e o impacto causado por cada um. • Os riscos são classificados como negativos ou positivos. • A identificação da fonte possibilita o agrupamento dos riscos.
  12. 12. Classificação dos Riscos Os riscos são classificados de três formas: • Em relação a probabilidade. • Em relação a severidade. • Em relação a resposta ao risco.
  13. 13. Tratamento de Risco • Execução de plano elaborado. • Implementar e checar continuamente o planejamento feito. • Identificar possíveis melhorias
  14. 14. Matriz de Riscos Descrição do Risco – Ex Defeito do Software Impacto – Ex Negativo Consequência – Ex Perda de dados sensíveis aos clientes e fornecedores, trabalhos agendados e históricos; Fonte – Ex: Falta de manutenção Probabilidade – Ex: 2 Severidade – Ex: 5 Classificação do Risco – Ex: Médio – Alto – Baixo Resposta do Risco ( aceitar/ MITIGAR(Reduzir o impacto, diminuir as consequências, suavizar um dano)/ transferir); Ação – Ex: efetuar back-up externo ao datacenter da empresa
  15. 15. Estrutura Plano de Risco
  16. 16. Estrutura do Plano de Risco Tipo de Empresa Tamanho da empresa
  17. 17. BIBLIOGRAFIA • http://www.bb.com.br/portalbb/page3,136, 2546,0,0,1,8.bb?codigoNoticia=7288&codi goMenu=208&codigoRet=5506&bread=3_ 3 • http://www.alessandroalmeida.com/mba20 13.htm • CMMI for Developers, Version 1.3 Carnegie Mellon

×