SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 73
1 PROPRIEDADES GERAIS DOS FUNGOS
2 Terminologia Micos: Fungos  Micoses: doenças causadas por fungos Micologia: estudo dos fungos
3 Características Gerais Eucarióticos Macroformas (cogumelos) e microformas (leveduras e hifas): dimorfismo Parede rica em quitina Reprodução sexuada e assexuada Unicelulares ou multicelulares
4 FUNGOS Amplamente distribuídos na natureza (ar, água, solo, detritos orgânicos) 400 tipos causam doenças Eucarióticas, estruturas celulares altamente desenvolvidas Anaeróbios facultativos/aeróbios estritos Nutrição por absorção/heterotróficos Não realizam fotossíntese
5 Nutricionalmente os fungos são… Saprófitas Parasitas Realizam mutualismo
6 saprófitas Usam material inorgânico Importantes limpadores da natureza Recicladores de carbono, nitrogênio e nutrientes minerais essenciais
7 parasitas Usam material orgânico de organismos vivos prejudicando-os de alguma forma Grande variedade de hospedeiros
8 Mutualismo Beneficiam-se mutuamente na relação com outros organismos vivos: Mycorrhizae Liquens
9 Estrutura celular dos Fungos Cápsula (presente só em alguns fungos) Parede celular membrana Citoplasma Núcleo, membrana nuclear, nucleolo, RE, mitocôndria, vacúolos
10 CÁPSULA Estrutura: Polissacarídio  Funções: -Antifagocítica(fator de virulência)   •     Existe só em alguns fungos 	Cryptococcus neoformans (levedura encapsulada)
11 PAREDE CELULAR Estrutura: Múltiplas camadas a. polissacarídeos (~90%): polímeros de hexoses e hexosaminas b. proteínas e glicoproteínas (~10%) Funções: Dá forma, rigidez e proteção contra o choque osmótico
12 MEMBRANA CELULAR Estrutura: Bicamada Fosfolipídios Esteróis (ergosterol, zimosterol)   Funções: a. Protege o citoplasma b. regula entrada e saída de solutos c. facilita síntese da cápsula e da parede celular
13 Fungi- classificação morfológica  Levedura Filamentos (hifas) Dimórficos
14 LEVEDURAS Unicelular Microscópio.:Oval a redonda (3-15 µm) Reprodução por esporos /fissão			Brotamento -  pseudo-hifas 	 Macroscópio.: colônia pálida e mucoide (similar às colônias de bactérias)
15 LEVEDURAS
16 Colônias de Leveduras
17 Fungo Filamentoso  Multicelulares Microscópio:Hifas (2-10 µm) esporos Macroscópio: textura: algodão/ lã/ aveludado/ granular... Pigmentação: observada pelo verso
18 FILAMENTO
19 Aspectos das Colônias Filamentosas
20 FUNGOS DIMÓRFICOS Capaz de crescer em forma de filamento ou levedura em diferentes condições ambientais (temperatura, CO2, nutrientes) Dimorfismo térmico (propriedade de um grupo de fungos patogênicos)
21 Classificação taxonômica  •     Depende principalmente do tipo de esporo sexual Filo		-a Classe		-ea Ordem		-ida Família	-idae Gênero Espécie
22 MORFOLOGIA Levedura Blastoconidias – esporos q se formamporbrotamento pseudo-hifas – leveduras q ficamunidas Tubogerminativo Hifas Septadas Cenocítica (contínua) ramificada
23
24 HIFAS SEPTADAS NÃO SEPTADAS
MICÉLIO Nome do conjunto de hifas emaranhadas de um fungo. O micélio vegetativo é a parte correspondente a sustentação e absorção de nutrientes, se desenvolvendo no interior do substrato. O micélio que se projeta na superficie e cresce acima do meio de cultivo é o micélio aéreo. Quando o micélio aéreo se diferencia para sustentar os corpos de frutificação ou propágulos, constitui o micélio reprodutivo 25
REPRODUÇÃO ASSEXUADA Fragmentação Esporulação – os esporos podem formar futuras hifas Brotamento 26
27 REPRODUÇÃO SEXUADA Plasmogamia (fusão celular) Cariogamia (fusão nuclear) Meiose
28 Classificação taxonômica   ESPORO SEXUALCLASSE Zigospora--------Zigomicetos Basidiospora----Basidiomicetos Ascospora-----Ascomicetos Nenhum/desconhecido-     Deuteromicetos (“Fungo Imperfeito”)
29 MICELIOS NÃO SEPTADO SEPTADOS ASCOMICETOS – hifas perfuradas BASIDIOMICETOS – parede quitinosa DEUTEROMICETOS – fungos imperfeitos ZIGOMICETO
30
31
32
33
34
35
36 Reprodução assexuada (mitose) ,[object Object]
esporangiósporo
Esporangióforo,[object Object]
38 ESPOROS ASSEXUADAS 1. Artrosporo 2. Blastósporo 3. Chlamidosporo 4. Macroconídios 5. Microconídios 6. Esporangiósporo
39 Reprodução assexuada (mitose) ,[object Object],[object Object]
41 CONÍDIOS  Blastoconídio Artroconídio Clamidoconídio Picnidioconídio Esporangiósporos Ascósporos ESTRUTURAS DE REPRODUÇÃO
42 BLASTOCONÍDIOS
43 BLASTOCONÍDIOS
44 ARTROCONIDIOS
45 ARTROCONIDIOS
46 CLAMIDOCONÍDIOS
47 CLAMIDOCONÍDIOS
48 CLAMIDOCONÍDIOS
49 Esporangiósporos
50 Filamentos-Definições  Hifa  Micélios: a. Vegetativa   			     b. Aérea
51 Classificação de Hifas BASEADA EM: A. Existência de septos 	Septada   Não-septada B. Morfologia    Raquete 		espiral 	 Nodular       	Raiz (rizóide)
52 DIAGNÓSTICO LABORATORIAL DAS MICOSES •    Exame microscópico direto 	Gram, hidróxido potássio (KOH), branco calcoflúor, tinta da Índia, etc. •     Cultura  	Agar Sabouraud-dextrose 	Agar Micobiotic, etc. •     Sorologia
53 Exame microscópico KOH 20% -Tinta Parker (2:1) KOH 10 a 20%  Lactofenol-azul de algodão Giemsa (Histoplasmose) Tinta da China ou Nankin (Criptococose) Ziehl-Neelsen (Kinyoun) Metenamina Prata (Grocott)
54 Cultivo em  Lâmina
55 Aspergillus sp.
56 Aspergillus sp.
57 MICOSES Superficiais (cabelo, unhas, córnea) Cutâneas Subcutânea Sistêmica (profunda) Oportunistas
58 Micoses Superficiais Piedra negra (Piedraia hortae) Piedra branca (Trichosporon beigeli) Tinha nigra (Phaeoannelomyces wernickii) Pitiriase versicolor (Malassezia furfur) Onicomicose (Candida spp, Aspergillus spp., Fusarium spp.)
59
60
61 Micoses cutâneas Dermatomicose Microsporum spp. Trichophyton spp. Epidermophyton floccosum
62
63
64 Micoses subcutâneas Maduromicose –micetoma- Acremonium spp., Exophiala jeanselmei, Pseudallescheria boydii, Nocardia spp. Cromoblastomicose Cladosporium carionii, Fonsecae spp., Phialophora spp.
65 Micoses subcutâneas Feohifomicose Alternaria spp., Cladosporium spp., Xylohypha emmonsii, Exophiala spp., Phialophora spp., Wangiella dermatidis Esporotricose Sporothrix schenckii
66 Fonsecaeapedrosoi
67 Micoses profundas Blastomicose Blastomyces dermatidis Coccidiodomicose Coccidiodis immitis Criptococose Criptococcus neoformans
68 Micoses profundas Histoplasmose Histoplasma capsulatum Paracoccidioidomicose Paracoccidioides brasiliensis Esporotricose Sporothrix schenckii
69 BLASTOMICOSE
70 Paracoccidioidesbrasiliensis
71 Paracoccidioidesbrasiliensis
72 Micoses oportunistas Aspergilose (Aspergillus fumigatus, A. flavus, A. niger, A. terreus) Candidíase (Candida albicans, Candida spp.) Geotricose (Geotrichum candidum)
73 Micoses oportunistas Feohifomicose (Alternaria spp., Curvularia spp., Exophiala spp., Wangiella spp.) Hialohifomicose (Acremonium spp., Fusarium spp., Paecilomyces spp., Penicillium spp., Scedosporium spp.) Zigomicose(Rhizopus spp., Mucor spp., Cunninghamella spp.)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Identificação convencional de fungos filamentosos1
Identificação convencional de fungos filamentosos1Identificação convencional de fungos filamentosos1
Identificação convencional de fungos filamentosos1Marcos Alan
 
Resumo microbiologia-clinica
Resumo microbiologia-clinicaResumo microbiologia-clinica
Resumo microbiologia-clinicaTamara Garcia
 
Micologia 1°Parte
Micologia 1°ParteMicologia 1°Parte
Micologia 1°ParteSafia Naser
 
Aula 8 Schistosoma Mansoni 2007 Ok
Aula 8   Schistosoma Mansoni 2007 OkAula 8   Schistosoma Mansoni 2007 Ok
Aula 8 Schistosoma Mansoni 2007 OkITPAC PORTO
 
Parasitologia - Leishmaniose cutânea e visceral
Parasitologia - Leishmaniose cutânea e visceralParasitologia - Leishmaniose cutânea e visceral
Parasitologia - Leishmaniose cutânea e visceralpHrOzEn HeLL
 
Aula de microbiologia Prof. Gilberto de Jesus
Aula de  microbiologia Prof. Gilberto de JesusAula de  microbiologia Prof. Gilberto de Jesus
Aula de microbiologia Prof. Gilberto de JesusGilberto de Jesus
 
Aula de Microbiologia Clínica Sobre Micologia Microbiologia
Aula de Microbiologia Clínica Sobre Micologia MicrobiologiaAula de Microbiologia Clínica Sobre Micologia Microbiologia
Aula de Microbiologia Clínica Sobre Micologia MicrobiologiaJaqueline Almeida
 
Micoses subcutâneas
Micoses subcutâneas Micoses subcutâneas
Micoses subcutâneas dapab
 
AULA DE PARASITO.ppt
AULA DE PARASITO.pptAULA DE PARASITO.ppt
AULA DE PARASITO.pptMari Sousa
 
Bases Ii Aula 1 IntroduçãO à Parasitologia 24082009
Bases Ii   Aula 1   IntroduçãO à Parasitologia   24082009Bases Ii   Aula 1   IntroduçãO à Parasitologia   24082009
Bases Ii Aula 1 IntroduçãO à Parasitologia 24082009nynynha
 

Mais procurados (20)

Identificação convencional de fungos filamentosos1
Identificação convencional de fungos filamentosos1Identificação convencional de fungos filamentosos1
Identificação convencional de fungos filamentosos1
 
Micologia médica
Micologia médica Micologia médica
Micologia médica
 
Resumo microbiologia-clinica
Resumo microbiologia-clinicaResumo microbiologia-clinica
Resumo microbiologia-clinica
 
Micologia 1°Parte
Micologia 1°ParteMicologia 1°Parte
Micologia 1°Parte
 
Aula 8 Schistosoma Mansoni 2007 Ok
Aula 8   Schistosoma Mansoni 2007 OkAula 8   Schistosoma Mansoni 2007 Ok
Aula 8 Schistosoma Mansoni 2007 Ok
 
Micose
MicoseMicose
Micose
 
Aglutinacao
AglutinacaoAglutinacao
Aglutinacao
 
Parasitologia - Leishmaniose cutânea e visceral
Parasitologia - Leishmaniose cutânea e visceralParasitologia - Leishmaniose cutânea e visceral
Parasitologia - Leishmaniose cutânea e visceral
 
Aula de microbiologia Prof. Gilberto de Jesus
Aula de  microbiologia Prof. Gilberto de JesusAula de  microbiologia Prof. Gilberto de Jesus
Aula de microbiologia Prof. Gilberto de Jesus
 
Parasitologia
ParasitologiaParasitologia
Parasitologia
 
Microbiologia
MicrobiologiaMicrobiologia
Microbiologia
 
Diferenças entre micro-organismos - conceitos em taxonomia e sistemática [Pro...
Diferenças entre micro-organismos - conceitos em taxonomia e sistemática [Pro...Diferenças entre micro-organismos - conceitos em taxonomia e sistemática [Pro...
Diferenças entre micro-organismos - conceitos em taxonomia e sistemática [Pro...
 
Aula de Microbiologia Clínica Sobre Micologia Microbiologia
Aula de Microbiologia Clínica Sobre Micologia MicrobiologiaAula de Microbiologia Clínica Sobre Micologia Microbiologia
Aula de Microbiologia Clínica Sobre Micologia Microbiologia
 
Plasmodium e malária
Plasmodium e  malária Plasmodium e  malária
Plasmodium e malária
 
Micoses subcutâneas
Micoses subcutâneas Micoses subcutâneas
Micoses subcutâneas
 
Escabiose (sarna)
Escabiose (sarna)Escabiose (sarna)
Escabiose (sarna)
 
Micoses
MicosesMicoses
Micoses
 
AULA DE PARASITO.ppt
AULA DE PARASITO.pptAULA DE PARASITO.ppt
AULA DE PARASITO.ppt
 
Aula de microbiologia ppt
Aula de microbiologia   pptAula de microbiologia   ppt
Aula de microbiologia ppt
 
Bases Ii Aula 1 IntroduçãO à Parasitologia 24082009
Bases Ii   Aula 1   IntroduçãO à Parasitologia   24082009Bases Ii   Aula 1   IntroduçãO à Parasitologia   24082009
Bases Ii Aula 1 IntroduçãO à Parasitologia 24082009
 

Semelhante a fung (20)

2 s fungi_ maio 2015
2 s fungi_ maio 20152 s fungi_ maio 2015
2 s fungi_ maio 2015
 
Aula 8 Fungos.pdf
Aula 8 Fungos.pdfAula 8 Fungos.pdf
Aula 8 Fungos.pdf
 
Classificação taxonômica
Classificação taxonômicaClassificação taxonômica
Classificação taxonômica
 
Fungos
FungosFungos
Fungos
 
Reino fungi
Reino fungiReino fungi
Reino fungi
 
Reino fungi
Reino fungiReino fungi
Reino fungi
 
Fitopatologia estudo de fungos
Fitopatologia estudo de fungosFitopatologia estudo de fungos
Fitopatologia estudo de fungos
 
Microbiologia Agrícola UFMT - Aula 003
Microbiologia Agrícola UFMT - Aula 003Microbiologia Agrícola UFMT - Aula 003
Microbiologia Agrícola UFMT - Aula 003
 
Reino fungi
Reino fungiReino fungi
Reino fungi
 
Aula grupos vegetais pre
Aula grupos vegetais preAula grupos vegetais pre
Aula grupos vegetais pre
 
Generalidades De MicologìA
Generalidades De MicologìAGeneralidades De MicologìA
Generalidades De MicologìA
 
Botânica aula2 fungos
Botânica aula2 fungosBotânica aula2 fungos
Botânica aula2 fungos
 
Aula 7º ano - Reino Fungi
Aula 7º ano - Reino FungiAula 7º ano - Reino Fungi
Aula 7º ano - Reino Fungi
 
Fungos -2.ppt
Fungos -2.pptFungos -2.ppt
Fungos -2.ppt
 
REINO FUNGI.ppt
REINO FUNGI.pptREINO FUNGI.ppt
REINO FUNGI.ppt
 
Aula Morfologia e Citologia dos Fungos.pptx
Aula Morfologia e Citologia dos Fungos.pptxAula Morfologia e Citologia dos Fungos.pptx
Aula Morfologia e Citologia dos Fungos.pptx
 
Ppoint.Fungos.2009 C Nat.#
Ppoint.Fungos.2009 C Nat.#Ppoint.Fungos.2009 C Nat.#
Ppoint.Fungos.2009 C Nat.#
 
HERBÁRIO Ramularia areola – Mancha-de-Ramulária Verticillium dahliae – Murc...
HERBÁRIO  Ramularia areola – Mancha-de-Ramulária  Verticillium dahliae – Murc...HERBÁRIO  Ramularia areola – Mancha-de-Ramulária  Verticillium dahliae – Murc...
HERBÁRIO Ramularia areola – Mancha-de-Ramulária Verticillium dahliae – Murc...
 
Reino fungi (1)
Reino fungi (1)Reino fungi (1)
Reino fungi (1)
 
1239460666 reinofungi
1239460666 reinofungi1239460666 reinofungi
1239460666 reinofungi
 

Mais de Ana Claudia Rodrigues (20)

Questões para estudar
Questões para estudarQuestões para estudar
Questões para estudar
 
Atb mecanismos de ação 2
Atb mecanismos de ação   2Atb mecanismos de ação   2
Atb mecanismos de ação 2
 
Aula introdução aos atb 1
Aula introdução aos atb   1Aula introdução aos atb   1
Aula introdução aos atb 1
 
INTERAÇ
INTERAÇINTERAÇ
INTERAÇ
 
Aula 2 prm
Aula 2   prmAula 2   prm
Aula 2 prm
 
Prova microbiologia b2
Prova microbiologia b2Prova microbiologia b2
Prova microbiologia b2
 
Prova microbiologia b1
Prova microbiologia b1Prova microbiologia b1
Prova microbiologia b1
 
CQ
CQCQ
CQ
 
Aula equilíbrio ácido base
Aula equilíbrio ácido baseAula equilíbrio ácido base
Aula equilíbrio ácido base
 
Manual do antibiograma
Manual do antibiograma Manual do antibiograma
Manual do antibiograma
 
Espiroq
EspiroqEspiroq
Espiroq
 
TSA
TSATSA
TSA
 
TSA
TSATSA
TSA
 
Aula 5 - B
Aula 5 - BAula 5 - B
Aula 5 - B
 
Aula 6 - B
Aula 6 - BAula 6 - B
Aula 6 - B
 
Antibiograma aula
Antibiograma aulaAntibiograma aula
Antibiograma aula
 
Aula 8
Aula 8 Aula 8
Aula 8
 
tsa
tsatsa
tsa
 
Função panc e hepat alunos
Função panc e hepat   alunosFunção panc e hepat   alunos
Função panc e hepat alunos
 
íOns alunos
íOns   alunosíOns   alunos
íOns alunos
 

fung

  • 2. 2 Terminologia Micos: Fungos Micoses: doenças causadas por fungos Micologia: estudo dos fungos
  • 3. 3 Características Gerais Eucarióticos Macroformas (cogumelos) e microformas (leveduras e hifas): dimorfismo Parede rica em quitina Reprodução sexuada e assexuada Unicelulares ou multicelulares
  • 4. 4 FUNGOS Amplamente distribuídos na natureza (ar, água, solo, detritos orgânicos) 400 tipos causam doenças Eucarióticas, estruturas celulares altamente desenvolvidas Anaeróbios facultativos/aeróbios estritos Nutrição por absorção/heterotróficos Não realizam fotossíntese
  • 5. 5 Nutricionalmente os fungos são… Saprófitas Parasitas Realizam mutualismo
  • 6. 6 saprófitas Usam material inorgânico Importantes limpadores da natureza Recicladores de carbono, nitrogênio e nutrientes minerais essenciais
  • 7. 7 parasitas Usam material orgânico de organismos vivos prejudicando-os de alguma forma Grande variedade de hospedeiros
  • 8. 8 Mutualismo Beneficiam-se mutuamente na relação com outros organismos vivos: Mycorrhizae Liquens
  • 9. 9 Estrutura celular dos Fungos Cápsula (presente só em alguns fungos) Parede celular membrana Citoplasma Núcleo, membrana nuclear, nucleolo, RE, mitocôndria, vacúolos
  • 10. 10 CÁPSULA Estrutura: Polissacarídio Funções: -Antifagocítica(fator de virulência)   •     Existe só em alguns fungos Cryptococcus neoformans (levedura encapsulada)
  • 11. 11 PAREDE CELULAR Estrutura: Múltiplas camadas a. polissacarídeos (~90%): polímeros de hexoses e hexosaminas b. proteínas e glicoproteínas (~10%) Funções: Dá forma, rigidez e proteção contra o choque osmótico
  • 12. 12 MEMBRANA CELULAR Estrutura: Bicamada Fosfolipídios Esteróis (ergosterol, zimosterol)   Funções: a. Protege o citoplasma b. regula entrada e saída de solutos c. facilita síntese da cápsula e da parede celular
  • 13. 13 Fungi- classificação morfológica Levedura Filamentos (hifas) Dimórficos
  • 14. 14 LEVEDURAS Unicelular Microscópio.:Oval a redonda (3-15 µm) Reprodução por esporos /fissão Brotamento - pseudo-hifas Macroscópio.: colônia pálida e mucoide (similar às colônias de bactérias)
  • 16. 16 Colônias de Leveduras
  • 17. 17 Fungo Filamentoso Multicelulares Microscópio:Hifas (2-10 µm) esporos Macroscópio: textura: algodão/ lã/ aveludado/ granular... Pigmentação: observada pelo verso
  • 19. 19 Aspectos das Colônias Filamentosas
  • 20. 20 FUNGOS DIMÓRFICOS Capaz de crescer em forma de filamento ou levedura em diferentes condições ambientais (temperatura, CO2, nutrientes) Dimorfismo térmico (propriedade de um grupo de fungos patogênicos)
  • 21. 21 Classificação taxonômica •     Depende principalmente do tipo de esporo sexual Filo -a Classe -ea Ordem -ida Família -idae Gênero Espécie
  • 22. 22 MORFOLOGIA Levedura Blastoconidias – esporos q se formamporbrotamento pseudo-hifas – leveduras q ficamunidas Tubogerminativo Hifas Septadas Cenocítica (contínua) ramificada
  • 23. 23
  • 24. 24 HIFAS SEPTADAS NÃO SEPTADAS
  • 25. MICÉLIO Nome do conjunto de hifas emaranhadas de um fungo. O micélio vegetativo é a parte correspondente a sustentação e absorção de nutrientes, se desenvolvendo no interior do substrato. O micélio que se projeta na superficie e cresce acima do meio de cultivo é o micélio aéreo. Quando o micélio aéreo se diferencia para sustentar os corpos de frutificação ou propágulos, constitui o micélio reprodutivo 25
  • 26. REPRODUÇÃO ASSEXUADA Fragmentação Esporulação – os esporos podem formar futuras hifas Brotamento 26
  • 27. 27 REPRODUÇÃO SEXUADA Plasmogamia (fusão celular) Cariogamia (fusão nuclear) Meiose
  • 28. 28 Classificação taxonômica ESPORO SEXUALCLASSE Zigospora--------Zigomicetos Basidiospora----Basidiomicetos Ascospora-----Ascomicetos Nenhum/desconhecido- Deuteromicetos (“Fungo Imperfeito”)
  • 29. 29 MICELIOS NÃO SEPTADO SEPTADOS ASCOMICETOS – hifas perfuradas BASIDIOMICETOS – parede quitinosa DEUTEROMICETOS – fungos imperfeitos ZIGOMICETO
  • 30. 30
  • 31. 31
  • 32. 32
  • 33. 33
  • 34. 34
  • 35. 35
  • 36.
  • 38.
  • 39. 38 ESPOROS ASSEXUADAS 1. Artrosporo 2. Blastósporo 3. Chlamidosporo 4. Macroconídios 5. Microconídios 6. Esporangiósporo
  • 40.
  • 41. 41 CONÍDIOS Blastoconídio Artroconídio Clamidoconídio Picnidioconídio Esporangiósporos Ascósporos ESTRUTURAS DE REPRODUÇÃO
  • 50. 50 Filamentos-Definições Hifa  Micélios: a. Vegetativa b. Aérea
  • 51. 51 Classificação de Hifas BASEADA EM: A. Existência de septos Septada Não-septada B. Morfologia Raquete espiral Nodular Raiz (rizóide)
  • 52. 52 DIAGNÓSTICO LABORATORIAL DAS MICOSES •    Exame microscópico direto Gram, hidróxido potássio (KOH), branco calcoflúor, tinta da Índia, etc. •     Cultura Agar Sabouraud-dextrose Agar Micobiotic, etc. •     Sorologia
  • 53. 53 Exame microscópico KOH 20% -Tinta Parker (2:1) KOH 10 a 20% Lactofenol-azul de algodão Giemsa (Histoplasmose) Tinta da China ou Nankin (Criptococose) Ziehl-Neelsen (Kinyoun) Metenamina Prata (Grocott)
  • 54. 54 Cultivo em Lâmina
  • 57. 57 MICOSES Superficiais (cabelo, unhas, córnea) Cutâneas Subcutânea Sistêmica (profunda) Oportunistas
  • 58. 58 Micoses Superficiais Piedra negra (Piedraia hortae) Piedra branca (Trichosporon beigeli) Tinha nigra (Phaeoannelomyces wernickii) Pitiriase versicolor (Malassezia furfur) Onicomicose (Candida spp, Aspergillus spp., Fusarium spp.)
  • 59. 59
  • 60. 60
  • 61. 61 Micoses cutâneas Dermatomicose Microsporum spp. Trichophyton spp. Epidermophyton floccosum
  • 62. 62
  • 63. 63
  • 64. 64 Micoses subcutâneas Maduromicose –micetoma- Acremonium spp., Exophiala jeanselmei, Pseudallescheria boydii, Nocardia spp. Cromoblastomicose Cladosporium carionii, Fonsecae spp., Phialophora spp.
  • 65. 65 Micoses subcutâneas Feohifomicose Alternaria spp., Cladosporium spp., Xylohypha emmonsii, Exophiala spp., Phialophora spp., Wangiella dermatidis Esporotricose Sporothrix schenckii
  • 67. 67 Micoses profundas Blastomicose Blastomyces dermatidis Coccidiodomicose Coccidiodis immitis Criptococose Criptococcus neoformans
  • 68. 68 Micoses profundas Histoplasmose Histoplasma capsulatum Paracoccidioidomicose Paracoccidioides brasiliensis Esporotricose Sporothrix schenckii
  • 72. 72 Micoses oportunistas Aspergilose (Aspergillus fumigatus, A. flavus, A. niger, A. terreus) Candidíase (Candida albicans, Candida spp.) Geotricose (Geotrichum candidum)
  • 73. 73 Micoses oportunistas Feohifomicose (Alternaria spp., Curvularia spp., Exophiala spp., Wangiella spp.) Hialohifomicose (Acremonium spp., Fusarium spp., Paecilomyces spp., Penicillium spp., Scedosporium spp.) Zigomicose(Rhizopus spp., Mucor spp., Cunninghamella spp.)