SlideShare uma empresa Scribd logo

ISTS

matéria: biologia objeto de conhecimento: infecções virais sexualmente transmissíveis

1 de 24
Baixar para ler offline
BIOLOGIA
Infecções virais
sexualmente transmissíveis
Aluna: Ana Clara James Zacarias da Rocha
INTRODUÇÃO
Introdução:
As Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) são causadas por vírus,
bactérias ou outros microrganismos. Elas são transmitidas por meio do
contato sexual (oral, vaginal, anal) sem o uso de camisinha masculina
ou feminina, com uma pessoa que esteja infectada. A transmissão de
uma IST pode acontecer, ainda, da mãe para a criança durante a
gestação, o parto ou a amamentação. De maneira menos comum, as IST
também podem ser transmitidas por meio não sexual, pelo contato de
mucosas ou pele não íntegra com secreções corporais contaminadas.
A terminologia Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) passou a ser
adotada em substituição à expressão Doenças Sexualmente
Transmissíveis (DST), porque destaca a possibilidade de uma pessoa ter e
transmitir uma infecção, mesmo sem sinais e sintomas. Se não tratadas
adequadamente, podem provocar diversas complicações e levar a
pessoa, inclusive, à morte.
INFECÇÕES
AIDS
A aids é uma doença crônica que danifica o sistema imunológico e a
capacidade do organismo de se defender contra outras infecções, como
a tuberculose. A sigla AIDS significa síndrome da imunodeficiência
adquirida (acquired immunodeficiency syndrome em inglês).
A infecção é causada pelo vírus HIV e é o estágio mais avançado da
infecção por HIV. O HIV é um vírus sexualmente transmissível, mas que
também pode ser transmitido pelo sangue infectado e de forma vertical,
ou seja, a mãe com HIV passa o vírus para o filho na gravidez, parto ou
amamentação.
A aids não tem cura, mas já existem medicamentos disponíveis capazes
de garantir uma vida com mais qualidade e mais longa para o paciente.
Os remédios de tratamento geralmente são um combinado de três
drogas e cada paciente decide com seu médico a melhor opção.
AIDS
Alguns sintomas da AIDS:
1. Dores locais: no abdômen
2. Dores circunstanciais: ao engolir
3. No corpo: fadiga, febre, mal-estar, perda de apetite, suor noturno ou
suor
4. No aparelho gastrointestinal: diarreia, diarreia aquosa, diarreia
persistente, náusea ou vômito
5. No peso: perda de massa muscular e fraqueza, perda de peso ou
perda de peso não intencional severa
6. Na região genital: dores ou inchaço
7. Na garganta: dificuldade em engolir ou dor e tosse seca.
8. Na pele: erupções ou pústulas
9. Na boca: língua branca ou úlceras
10. Também é comum: dor de cabeça, inchaço dos gânglios, infecção
oportunista, pneumonia ou sapinho

Recomendados

Doenças sexualmente transmissíveis e sida
Doenças sexualmente transmissíveis e sidaDoenças sexualmente transmissíveis e sida
Doenças sexualmente transmissíveis e sidaRicardo Pais
 
Doenças Sexualmente Transmissíveis
Doenças Sexualmente TransmissíveisDoenças Sexualmente Transmissíveis
Doenças Sexualmente Transmissíveislipe98
 
Metodos contraceptivos
Metodos contraceptivosMetodos contraceptivos
Metodos contraceptivosmartins1977
 
Doenças sexualmente transmissíveis
Doenças sexualmente transmissíveisDoenças sexualmente transmissíveis
Doenças sexualmente transmissíveisEdvaldo S. Júnior
 
Doenças Sexualmente Transmissiveis - por Eduarda Minassa Gobbi
Doenças Sexualmente Transmissiveis - por Eduarda Minassa GobbiDoenças Sexualmente Transmissiveis - por Eduarda Minassa Gobbi
Doenças Sexualmente Transmissiveis - por Eduarda Minassa GobbiEduarda Gobbi
 
DST / IST - Infecções Sexualmente Transmissíves
DST / IST - Infecções Sexualmente TransmissívesDST / IST - Infecções Sexualmente Transmissíves
DST / IST - Infecções Sexualmente TransmissívesPibid Biologia Cejad
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Infecções Sexualmente Transmissíveis
Infecções Sexualmente TransmissíveisInfecções Sexualmente Transmissíveis
Infecções Sexualmente Transmissíveiseborges
 
Prevencao do HIV e Outras ISTs Identificando as Oportunidades de Acao
Prevencao do HIV e Outras ISTs Identificando as Oportunidades de AcaoPrevencao do HIV e Outras ISTs Identificando as Oportunidades de Acao
Prevencao do HIV e Outras ISTs Identificando as Oportunidades de AcaoAlexandre Naime Barbosa
 
Trabalho sobre Sexualidade
Trabalho sobre SexualidadeTrabalho sobre Sexualidade
Trabalho sobre SexualidadeCocax8
 
Metodos contraceptivos
Metodos contraceptivosMetodos contraceptivos
Metodos contraceptivosCésar Milani
 
Adolescência e puberdade
Adolescência e puberdadeAdolescência e puberdade
Adolescência e puberdademirian1967
 
Doenças sexualmente transmissíveis
Doenças sexualmente transmissíveisDoenças sexualmente transmissíveis
Doenças sexualmente transmissíveisAngela Boucinha
 
IST´s (Infecções Sexualmente Transmissíveis)
IST´s (Infecções Sexualmente Transmissíveis)IST´s (Infecções Sexualmente Transmissíveis)
IST´s (Infecções Sexualmente Transmissíveis)António Matias
 
Aula Planejamento Familiar
Aula Planejamento FamiliarAula Planejamento Familiar
Aula Planejamento FamiliarUnis
 
Métodos contraceptivos
Métodos contraceptivosMétodos contraceptivos
Métodos contraceptivosIsabel Lopes
 
Educação Para A Saúde - Sexualidade
Educação Para A Saúde - SexualidadeEducação Para A Saúde - Sexualidade
Educação Para A Saúde - Sexualidadedulcemarr
 
As ist´s e as suas consequências
As ist´s e as suas consequênciasAs ist´s e as suas consequências
As ist´s e as suas consequênciasLuisa Morais
 
Gravidez na adolescência e métodos contraceptivos
Gravidez na adolescência e métodos contraceptivosGravidez na adolescência e métodos contraceptivos
Gravidez na adolescência e métodos contraceptivosjessica sanielly
 

Mais procurados (20)

Infecções Sexualmente Transmissíveis
Infecções Sexualmente TransmissíveisInfecções Sexualmente Transmissíveis
Infecções Sexualmente Transmissíveis
 
DSTs
DSTsDSTs
DSTs
 
Prevencao do HIV e Outras ISTs Identificando as Oportunidades de Acao
Prevencao do HIV e Outras ISTs Identificando as Oportunidades de AcaoPrevencao do HIV e Outras ISTs Identificando as Oportunidades de Acao
Prevencao do HIV e Outras ISTs Identificando as Oportunidades de Acao
 
DST
DSTDST
DST
 
DSTs
DSTsDSTs
DSTs
 
Metodos contraceptivos spe
Metodos contraceptivos speMetodos contraceptivos spe
Metodos contraceptivos spe
 
Infecções sexualmente transmissíveis
Infecções sexualmente transmissíveisInfecções sexualmente transmissíveis
Infecções sexualmente transmissíveis
 
Trabalho sobre Sexualidade
Trabalho sobre SexualidadeTrabalho sobre Sexualidade
Trabalho sobre Sexualidade
 
DST
DSTDST
DST
 
Metodos contraceptivos
Metodos contraceptivosMetodos contraceptivos
Metodos contraceptivos
 
Adolescência e puberdade
Adolescência e puberdadeAdolescência e puberdade
Adolescência e puberdade
 
Aula 01 dst
Aula 01  dstAula 01  dst
Aula 01 dst
 
Doenças sexualmente transmissíveis
Doenças sexualmente transmissíveisDoenças sexualmente transmissíveis
Doenças sexualmente transmissíveis
 
IST´s (Infecções Sexualmente Transmissíveis)
IST´s (Infecções Sexualmente Transmissíveis)IST´s (Infecções Sexualmente Transmissíveis)
IST´s (Infecções Sexualmente Transmissíveis)
 
Aula Planejamento Familiar
Aula Planejamento FamiliarAula Planejamento Familiar
Aula Planejamento Familiar
 
Métodos contraceptivos
Métodos contraceptivosMétodos contraceptivos
Métodos contraceptivos
 
Educação Para A Saúde - Sexualidade
Educação Para A Saúde - SexualidadeEducação Para A Saúde - Sexualidade
Educação Para A Saúde - Sexualidade
 
As ist´s e as suas consequências
As ist´s e as suas consequênciasAs ist´s e as suas consequências
As ist´s e as suas consequências
 
Gravidez na adolescência e métodos contraceptivos
Gravidez na adolescência e métodos contraceptivosGravidez na adolescência e métodos contraceptivos
Gravidez na adolescência e métodos contraceptivos
 
Aids
AidsAids
Aids
 

Semelhante a ISTS

Modulo-IV-Apresentacao-DST-Aids-2016.pdf
Modulo-IV-Apresentacao-DST-Aids-2016.pdfModulo-IV-Apresentacao-DST-Aids-2016.pdf
Modulo-IV-Apresentacao-DST-Aids-2016.pdfHilderlanArajo
 
Tema Hiv Aids Spe 08 04 2008
Tema Hiv Aids Spe 08 04 2008Tema Hiv Aids Spe 08 04 2008
Tema Hiv Aids Spe 08 04 2008renalinhares
 
Primeiros Socorros Modulo VI
Primeiros Socorros Modulo VIPrimeiros Socorros Modulo VI
Primeiros Socorros Modulo VIemanueltstegeon
 
Apresentacaodst11 110620070941-phpapp02 (1)
Apresentacaodst11 110620070941-phpapp02 (1)Apresentacaodst11 110620070941-phpapp02 (1)
Apresentacaodst11 110620070941-phpapp02 (1)Alina del Carmen Cowen
 
Doencas em geral
Doencas em geralDoencas em geral
Doencas em geralescola
 
Acção Sexualidade
Acção SexualidadeAcção Sexualidade
Acção Sexualidadecdays
 
DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS - DSTs
DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS - DSTsDOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS - DSTs
DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS - DSTsSaúde Hervalense
 
Infecções Sexualmente Transmissíveis mais comuns
Infecções Sexualmente Transmissíveis mais comunsInfecções Sexualmente Transmissíveis mais comuns
Infecções Sexualmente Transmissíveis mais comunsRodrigodAlincourt
 
As doenças sexualmente transmíssíveis
As doenças sexualmente transmíssíveisAs doenças sexualmente transmíssíveis
As doenças sexualmente transmíssíveispedrobrandao39
 
Dsts
DstsDsts
DstsURCA
 
Doenças Sexualmente Transmissíveis e Métodos Contracetivos
Doenças Sexualmente Transmissíveis e Métodos ContracetivosDoenças Sexualmente Transmissíveis e Métodos Contracetivos
Doenças Sexualmente Transmissíveis e Métodos Contracetivoslucia_nunes
 

Semelhante a ISTS (20)

Slideshare dst's
Slideshare dst'sSlideshare dst's
Slideshare dst's
 
Modulo-IV-Apresentacao-DST-Aids-2016.pdf
Modulo-IV-Apresentacao-DST-Aids-2016.pdfModulo-IV-Apresentacao-DST-Aids-2016.pdf
Modulo-IV-Apresentacao-DST-Aids-2016.pdf
 
Tema Hiv Aids Spe 08 04 2008
Tema Hiv Aids Spe 08 04 2008Tema Hiv Aids Spe 08 04 2008
Tema Hiv Aids Spe 08 04 2008
 
Primeiros Socorros Modulo VI
Primeiros Socorros Modulo VIPrimeiros Socorros Modulo VI
Primeiros Socorros Modulo VI
 
IST E AIDS.pptx
IST E AIDS.pptxIST E AIDS.pptx
IST E AIDS.pptx
 
Apresentacaodst11 110620070941-phpapp02 (1)
Apresentacaodst11 110620070941-phpapp02 (1)Apresentacaodst11 110620070941-phpapp02 (1)
Apresentacaodst11 110620070941-phpapp02 (1)
 
Doencas em geral
Doencas em geralDoencas em geral
Doencas em geral
 
Acção Sexualidade
Acção SexualidadeAcção Sexualidade
Acção Sexualidade
 
DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS - DSTs
DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS - DSTsDOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS - DSTs
DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS - DSTs
 
sida
sidasida
sida
 
Texto de imuno iii
Texto de imuno iiiTexto de imuno iii
Texto de imuno iii
 
Doenças infeciosas
Doenças infeciosas Doenças infeciosas
Doenças infeciosas
 
Infecções Sexualmente Transmissíveis mais comuns
Infecções Sexualmente Transmissíveis mais comunsInfecções Sexualmente Transmissíveis mais comuns
Infecções Sexualmente Transmissíveis mais comuns
 
O Que é A Sida
O Que é A SidaO Que é A Sida
O Que é A Sida
 
As doenças sexualmente transmíssíveis
As doenças sexualmente transmíssíveisAs doenças sexualmente transmíssíveis
As doenças sexualmente transmíssíveis
 
Herpes vírus e vírus hiv
Herpes vírus e vírus hivHerpes vírus e vírus hiv
Herpes vírus e vírus hiv
 
Dsts
DstsDsts
Dsts
 
DST – Doenças Sexualmente Transmisíveis
DST – Doenças Sexualmente TransmisíveisDST – Doenças Sexualmente Transmisíveis
DST – Doenças Sexualmente Transmisíveis
 
DST
DSTDST
DST
 
Doenças Sexualmente Transmissíveis e Métodos Contracetivos
Doenças Sexualmente Transmissíveis e Métodos ContracetivosDoenças Sexualmente Transmissíveis e Métodos Contracetivos
Doenças Sexualmente Transmissíveis e Métodos Contracetivos
 

Último

2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...excellenceeducaciona
 
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...azulassessoriaacadem3
 
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...azulassessoriaacadem3
 
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...excellenceeducaciona
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...excellenceeducaciona
 
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...azulassessoriaacadem3
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...azulassessoriaacadem3
 
CRUZADINA E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
CRUZADINA  E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docxCRUZADINA  E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
CRUZADINA E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docxJean Carlos Nunes Paixão
 
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...excellenceeducaciona
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...azulassessoriaacadem3
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...azulassessoriaacadem3
 
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...excellenceeducaciona
 
A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...
A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...
A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...azulassessoriaacadem3
 
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...excellenceeducaciona
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...azulassessoriaacadem3
 
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...azulassessoriaacadem3
 
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...azulassessoriaacadem3
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...azulassessoriaacadem3
 
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.azulassessoriaacadem3
 

Último (20)

2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
 
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
 
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
 
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoriaAtividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
 
CRUZADINA E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
CRUZADINA  E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docxCRUZADINA  E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
CRUZADINA E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
 
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
 
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
 
A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...
A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...
A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...
 
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
 
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
 
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
 
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
 

ISTS

  • 3. Introdução: As Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) são causadas por vírus, bactérias ou outros microrganismos. Elas são transmitidas por meio do contato sexual (oral, vaginal, anal) sem o uso de camisinha masculina ou feminina, com uma pessoa que esteja infectada. A transmissão de uma IST pode acontecer, ainda, da mãe para a criança durante a gestação, o parto ou a amamentação. De maneira menos comum, as IST também podem ser transmitidas por meio não sexual, pelo contato de mucosas ou pele não íntegra com secreções corporais contaminadas. A terminologia Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) passou a ser adotada em substituição à expressão Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST), porque destaca a possibilidade de uma pessoa ter e transmitir uma infecção, mesmo sem sinais e sintomas. Se não tratadas adequadamente, podem provocar diversas complicações e levar a pessoa, inclusive, à morte.
  • 5. AIDS A aids é uma doença crônica que danifica o sistema imunológico e a capacidade do organismo de se defender contra outras infecções, como a tuberculose. A sigla AIDS significa síndrome da imunodeficiência adquirida (acquired immunodeficiency syndrome em inglês). A infecção é causada pelo vírus HIV e é o estágio mais avançado da infecção por HIV. O HIV é um vírus sexualmente transmissível, mas que também pode ser transmitido pelo sangue infectado e de forma vertical, ou seja, a mãe com HIV passa o vírus para o filho na gravidez, parto ou amamentação. A aids não tem cura, mas já existem medicamentos disponíveis capazes de garantir uma vida com mais qualidade e mais longa para o paciente. Os remédios de tratamento geralmente são um combinado de três drogas e cada paciente decide com seu médico a melhor opção.
  • 6. AIDS Alguns sintomas da AIDS: 1. Dores locais: no abdômen 2. Dores circunstanciais: ao engolir 3. No corpo: fadiga, febre, mal-estar, perda de apetite, suor noturno ou suor 4. No aparelho gastrointestinal: diarreia, diarreia aquosa, diarreia persistente, náusea ou vômito 5. No peso: perda de massa muscular e fraqueza, perda de peso ou perda de peso não intencional severa 6. Na região genital: dores ou inchaço 7. Na garganta: dificuldade em engolir ou dor e tosse seca. 8. Na pele: erupções ou pústulas 9. Na boca: língua branca ou úlceras 10. Também é comum: dor de cabeça, inchaço dos gânglios, infecção oportunista, pneumonia ou sapinho
  • 8. HERPESSIMPLES Herpes simples é uma infecção causada pelo vírus herpes humano (HSV 1 e 2) que se caracteriza pelo aparecimento de pequenas bolhas agrupadas especialmente nos lábios e nos genitais, mas que podem surgir em qualquer outra parte do corpo. A transmissão se dá pelo contato direto das lesões com a pele ou a mucosa de uma pessoa não infectada. O vírus de herpes humano pode permanecer latente no organismo e provocar recidivas de tempos em tempos. Vacinas estão sendo testadas para tratamento e prevenção da doença, mas nenhuma comprovou ser totalmente eficaz. No entanto, existem medicamentos antivirais que ajudam a diminuir o período de evolução da crise herpética e os sintomas.
  • 9. HERPESSIMPLES É comum encontrar na herpes simples alguns principais sintomas, como: 1. A irrupção das lesões cutâneas – pequenas bolhas cheias de líquido claro ou amarelado que formam crostas quando se rompem. 2. Coceira; 3. Ardor; 4. Agulhadas; 5. Formigamento e que desaparecem em uma semana aproximadamente; 6. No caso especifico do herpes genital, podem ocorrer febre e ardor ao urinar. Algumas pessoas se referem também à sensação de choque, sintoma explicado pela afinidade desse vírus com as terminações nervosas. A primeira infecção costuma ser mais grave e o restabelecimento completo, mais demorado. Nas recidivas, os sintomas são os mesmos, mas menos intensos.
  • 11. HEPATITEB A hepatite B é uma doença infecciosa causada pelo vírus da hepatite B, ou HBV, que provoca alterações no fígado. aso a doença não seja identificada e tratada, pode evoluir para a fase crônica, que pode ser assintomática ou ser caracterizada por comprometimento grave do fígado, podendo evoluir para um caso de cirrose. A hepatite B é considerada uma Infecção Sexualmente Transmissível (IST), uma vez que o vírus pode ser encontrado no sangue, sêmen e secreções vaginais, podendo ser facilmente transmitido para outra pessoa durante a relação sexual desprotegida. O tratamento da hepatite B varia de acordo com a fase da doença, sendo recomendado na hepatite aguda a realização de repouso, hidratação e cuidados com a dieta, enquanto que na hepatite crônica o tratamento normalmente é feito com remédios prescritos pelo hepatologista, infectologista ou clínico geral.
  • 12. HEPATITEB Os sinais e sintomas iniciais da hepatite B incluem: 1. Enjoos; 2. Vômitos; 3. Cansaço; 4. Febre baixa; 5. Falta de apetite; 6. Dor abdominal; 7. Dor nas articulações e nos músculos. Os sintomas como cor amarelada na pele e olhos, urina escura e fezes claras significam que a doença está se desenvolvendo e está havendo lesões. É possível evitar o contágio por meio do uso de preservativo e da vacinação.
  • 14. HTLV O HTLV é chamado também de vírus linfotrópico da célula humana. Ele é um vírus da mesma família do vírus da imunodeficiência humana (HIV) e age de forma similar, infectando células T do corpo humano. Muitos pacientes acabam não apresentando sintomas do vírus em si, mas podem surgir doenças em decorrência da infecção pelo vírus HTLV. O HTLV é transmitido por meio do contato sexual sem a devida proteção, do compartilhamento de seringas e agulhas, em transfusões sanguíneas e de mãe para filho, durante a gestação, o parto ou mesmo na amamentação. Pacientes com HTLV podem apresentar sintomas em decorrência da infecção pelo vírus. São condições como a leucemia e o linfoma, além de problemas neurológicos e dermatites.
  • 15. HTLV Alguns pacientes com HTLV podem apresentar, ainda: 1. gânglios inchados; 2. alterações na visão; 3. fraqueza; 4. dormência; 5. formigamento nos membros; 6. dor no corpo; 7. paraparesia espástica tropical (pode comprometer o movimento das pernas e o controle da bexiga); 8. dermatite.
  • 16. HPV O HPV ou CONDILOMA ACUMINADO é uma infecção viral transmitida por contato pele a pele ou por via sexual, capaz de infectar a pele e as mucosas que revestem certas partes do corpo humano, como o interior da boca, da garganta, da faringe, do ânus, da vulva, do pênis e da vagina, fazendo com que o paciente desenvolva verrugas e lesões precursoras. Família do vírus HIV é um retrovírus com genoma RNA, da Família Retroviridae (retrovírus) e subfamília Lentivirinae. A transmissão ocorre por relações sexuais, transmitido durante o sexo, seja ele vaginal, anal ou oral; compartilhamento de objetos íntimos ( lençóis, toalhas e roupas íntimas) com pessoa portadora do vírus ou contaminação no nascimento: mães portadoras do vírus podem transmiti-lo ao bebê na passagem pelo canal vaginal durante o parto.
  • 17. HPV Muitas pessoas com HPV não desenvolvem nenhum sintoma, mas ainda podem infectar outros indivíduos pelo contato sexual. Porém, as pessoas que acabam por ter sintomas relatam: 1. Verrugas nos órgãos genitais ou na pele circundante; 2. Coceira; 3. Câncer cervical; 4. O aparecimento de prurido; 5. Queimação; 6. Dores em diversas partes do corpo; 7. Sangramento. Espalham-se rapidamente, podendo se estender ao clitóris, ao monte de Vênus e aos canais perineal, perianal e anal. Essas lesões também podem aparecer na boca e na garganta do homem e da mulher. Se não for tratado, o HPV torna-se a principal causa do desenvolvimento do câncer de colo do útero.
  • 19. CITOMEGALOVÍRUS Citomegalovírus são Herpes-vírus com alta especificidade com relação ao hospedeiro e que pode causar infecção no ser humano, no macaco e em roedores, levando à aparição de células grandes. No caso específico do ser humano, produz a doença de inclusão citomegálica. Tem sido encontrado em indivíduos com tumores benignos ou malignos, e em portadores de HIV. As pessoas infectadas podem eliminar o citomegalovírus na urina ou na saliva de forma intermitente. O vírus é também expelido no muco do colo uterino (a parte inferior do útero), no sêmen, nas fezes e no leite materno. Assim, o vírus é transmitido pelo contato sexual e não sexual. Na gravidez, o citomegalovírus pode ser transmitido para o bebê pela placenta e na hora do parto, principalmente se a gestante foi infectada pela primeira vez na gravidez, podendo causar problemas como parto prematuro, surdez, mal formações do feto ou retardo mental.
  • 20. CITOMEGALOVÍRUS O tratamento para a infecção pelo citomegalovírus pode ser realizado com medicamentos antivirais, como Ganciclovir e Foscarnet, por exemplo, no entanto possuem elevada toxicidade para as células do sangue e para os rins, não sendo esse tratamento recomendado pelo médico, apenas em situações especiais como na gravidez. Assim, normalmente é recomendado o uso de medicamentos analgésicos. Este tratamento normalmente dura cerca de 14 dias e pode ser feito em casa com o uso dos remédios indicados pelo médico, repouso e ingestão adequada de água Sintomas da infecção por citomegalovírus: 1. Febre; 2. Mal-estar; 3. Fadiga; 4. Aumento do fígado e do baço;
  • 23. FORMASDEPREVENÇÃO 1. Todos os indivíduos entre 13 e 64 anos devem fazer exame para HIV pelo menos uma vez por ano. 2. Exame anual de HPV, gonorreia, sífilis, hepatite b, entre outros, em homens, mulheres e pessoas que utilizam drogas injetáveis. 3. Vacinas - são muito seguras, efetivas e recomendadas para prevenir hepatite B e infecções pelo vírus HPV. 4. Preservativos - O uso correto da camisinha é altamente efetivo na prevenção de ISTs. Ela deve ser usada no sexo vaginal, anal e oral. Mesmo em relacionamentos estáveis é recomendado manter o preservativo, uma vez que o parceiro pode adquirir o vírus de outra pessoa, de diversas maneiras: sexo fora do relacionamento, compartilhamento de seringas (comum em usuários de drogas ilegais) ou uso de piercings e instrumentos hospitalares ou de manicure não esterilizados. Os preservativos são pouco menos efetivos na proteção contra herpes e HPV.