Organismos geneticamente modificados

28.862 visualizações

Publicada em

Organismos Geneticamente Modificados

0 comentários
10 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
28.862
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
569
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
551
Comentários
0
Gostaram
10
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Organismos geneticamente modificados

  1. 1. 12ºA1 BIOLOGIA Anabell Suarez, nº3 Diogo Fernandes, nº4 Mariana Bonniz, nº17ORGANISMOS GENETICAMENTEMODIFICADOS ALGODÃO
  2. 2. ÍNDICE O que são OGM; Como se obtêm; Vantagens e Desvantagens; Problemas éticos e religiosos; Exemplo de OGM: algodão. Algodão “Bollgard”.
  3. 3. O que são OGM?
  4. 4. Como se obtêm? Os OGM são seres vivos criados em laboratório com técnicas da engenharia genética que permitem "cortar e colar" genes de um organismo noutro, mudando a forma do organismo e manipulando a sua estrutura natural a fim de obter características específicas. Não há limite para esta técnica pois por exemplo, é possível criar combinações nunca imaginadas entre seres vivos bastante distintos como animais com bactérias.
  5. 5. Vantagens Resistência à doença; Tolerância a herbicidas; Resistência a insectos; Menor acumulação de metais pesados; Maior resistência e durabilidade; Alimentos mais nutritivos; Aumento na produção de alimentos; Desenvolvimento de espécies com características desejáveis; Redução do dinheiro gasto em pesticidas; Podem ser cultivados em solos que normalmente não estão aptos para ser cultivados.
  6. 6. DesvantagensRiscos para a saúde humana Riscos para o meio ambiente •Perda da diversidade genética na Agricultura;Resistência das bactérias existentes no •Variedades de plantas susceptíveis aoorganismo humano a antibióticos. ataque de pragas e doenças;Alterações no sistema imunológico e •Poluição genética; em • Surgimento de pragas;vários órgãos vitais. •Extermínio de insectos benéficos para aAlergias alimentares. Agricultura; • Mudanças na vida microbiana do solo; • Irreversibilidade dos impactos na Natureza.
  7. 7. Problemas éticos e religiosos Ao ultrapassar a “barreira da espécie”, introduzindo genes de animaisem plantas, os alimentos transgénicos colocam também questões a nível éticoe religioso. Por exemplo parte significativa da população mundial não comecarne de porco, e os vegetarianos não comem proteínas de origem animal.Embora o DNA de todos os seres vivos seja constituído por unidades idênticaso que se transfere não é só uma estrutura química mas informação genética epropriedades físicas que poderão constituir uma interferência com opçõesreligiosas ou modos de vida.Por norma europeia todos os alimentos com mais de 1% de transgénicosdevem referir a frase: “este produto contém organismos geneticamentemodificados”.
  8. 8. ALGODÃO Vestígios de Algodão OGM – 2009; 10% adoptaram o algodão OGM; Algodão convencional em algodão OGM – 90%
  9. 9. Algodão “Bollgard” Comissão Técnica Nacional de Biossegurança (CTNBio) ; Variedade “Bollgard” ; Gene de resistência antibiótico, proteína Bt;
  10. 10. Algodão “Bollgard”  DNA recombinante  gene “Cry1Ac” da bactéria Bacilus thuringiensis  2 genes da bactéria Escherichia coli
  11. 11. Algodão “Bollgard”  Polinização cruzada;  Insectos desaparecem pelo efeito da proteína tóxica.
  12. 12. Benefícios do Algodão “Bollgard” Menos Insecticidas Menor custo de produção Economia de água Benefícios ao meio ambiente Menos agrotóxicos Melhores resultados
  13. 13. Bibliografia http://ambientes.ambientebrasil.com.br/biotecnologia/artigos_de_biotecnologia/c errado_esta_ameacado_pelo_algodao_transgenico.html; http://ogmesss.blogspot.com/2010/04/algodao-na-alimentacao-o.html; http://www.zoonews.com.br/noticias2/noticia.php?idnoticia=69762; http://www.monsanto.com.br/institucional/publicacoes/materiais_biotecnologia/p df/conheca_algodao_bolgard.pdf.

×