SlideShare uma empresa Scribd logo

Favicon no blogger

Como colocar um icon que identifique o seu blog nos favoritos.

1 de 15
Baixar para ler offline
FAVICON NO BLOGGER
Design
Elementos da Página
O QUE SÃO FAVICONS
   Favicons (palavra derivada de favorite (favorito) e icon (ícone)) são pequenas
    imagens no formato *.ico com de cerca de 16x16 pixels que ficam guardados em
    um site para visualização pelo navegador.

   Os navegadores Internet Explorer até a versão 6, só exibem os favicons quando
    um site é adicionado aos favoritos. Neste caso, apenas no menu correspondente
    aos favoritos pode-se encontrar a imagem.

   Nos navegadores Firefox,Opera e Internet Explorer 7(+), os favicons podem ser
    encontrados também nas abas e na barra de endereço.

   Os favicons também tem teor de acessibilidade pois ajudam os utilizadores
    comuns a identificar uma página quando ela está exibida numa lista ou numa
    barra de abas. Visando isto, muitos favicons são imagens simplificadas
    do logotipo da marca que representam.

   Na ausência de um favicon, os navegadores exibem seu próprio ícone ou um
    ícone padrão como uma folha em branco.
                                                                       Fonte: wikipedia.org
ONDE ADICIONAR ESTA FUNCIONALIDADE NO
BLOGGER

   Vá a Painel – Separador Design- Elementos
    Página- Favicon

                                                1º

                        2º
         3º

                             4º
NO BLOGGER
 Selecione
 “Escolher
 ficheiro”

 Nota: o
 tamanho
 da
 imagem
 tem de ser
 inferior a
 100 kb
NO BLOGGER

 Selecione
 a imagem
 ou o
 favicon
 que
 pretende
 usar e
 clique em
 “Abrir”.
NO BLOGGER
 Clique  em
 “Guardar”
 e o seu
 favicon
 ficará
 visível.

Recomendados

Guia para ativar sua loja ou site grátis no facebook
Guia para ativar sua loja ou site grátis no facebookGuia para ativar sua loja ou site grátis no facebook
Guia para ativar sua loja ou site grátis no facebookMegafashion
 
Tabla karem
Tabla karemTabla karem
Tabla karem1991alex
 
russian november word of the day
russian november word of the dayrussian november word of the day
russian november word of the daygloria0369
 
Adoption video
Adoption videoAdoption video
Adoption videofamilyof30
 
Dinar pasatapas
Dinar pasatapasDinar pasatapas
Dinar pasatapasclubsocial
 
Script For Final Product
Script For Final ProductScript For Final Product
Script For Final ProductShushana_B
 

Mais conteúdo relacionado

Destaque (18)

Layout3
Layout3Layout3
Layout3
 
Feliznavidad
FeliznavidadFeliznavidad
Feliznavidad
 
Factores que inciden_segun_el_discurso_matematico_escolar[1]
Factores que inciden_segun_el_discurso_matematico_escolar[1]Factores que inciden_segun_el_discurso_matematico_escolar[1]
Factores que inciden_segun_el_discurso_matematico_escolar[1]
 
11111
1111111111
11111
 
Certificado Feedback
Certificado FeedbackCertificado Feedback
Certificado Feedback
 
Recto
RectoRecto
Recto
 
Clipping cnc 26082014 versao de impressao
Clipping cnc 26082014   versao de impressaoClipping cnc 26082014   versao de impressao
Clipping cnc 26082014 versao de impressao
 
Traslado
TrasladoTraslado
Traslado
 
Circuito de lápiz óptico ir
Circuito de lápiz óptico irCircuito de lápiz óptico ir
Circuito de lápiz óptico ir
 
MENÚ Nº 1 LOLITA RESTAURANTE
MENÚ Nº 1 LOLITA RESTAURANTEMENÚ Nº 1 LOLITA RESTAURANTE
MENÚ Nº 1 LOLITA RESTAURANTE
 
Clipping cnc 08082014 versao de impressao
Clipping cnc 08082014   versao de impressaoClipping cnc 08082014   versao de impressao
Clipping cnc 08082014 versao de impressao
 
La granja yahaira rojas campos (plan)
La granja yahaira rojas campos (plan)La granja yahaira rojas campos (plan)
La granja yahaira rojas campos (plan)
 
Wedding 2
Wedding 2Wedding 2
Wedding 2
 
Pruebacfie
PruebacfiePruebacfie
Pruebacfie
 
027
027027
027
 
Googledoc
GoogledocGoogledoc
Googledoc
 
Cecafé resumo das exportações de café fevereiro 2015
Cecafé   resumo das exportações de café fevereiro 2015Cecafé   resumo das exportações de café fevereiro 2015
Cecafé resumo das exportações de café fevereiro 2015
 
Clipping cnc 25092015 versão de impressão
Clipping cnc 25092015   versão de impressãoClipping cnc 25092015   versão de impressão
Clipping cnc 25092015 versão de impressão
 

Semelhante a Favicon no blogger

Joomla
JoomlaJoomla
Joomlanasjo
 
Word press manual-2-9-editor-v2
Word press manual-2-9-editor-v2Word press manual-2-9-editor-v2
Word press manual-2-9-editor-v2neysans
 
Wordpress, Guia/Manual do Publicador
Wordpress, Guia/Manual do PublicadorWordpress, Guia/Manual do Publicador
Wordpress, Guia/Manual do PublicadorRenato Vieira
 
WordPress 2.9: Manual do Editor
WordPress 2.9: Manual do EditorWordPress 2.9: Manual do Editor
WordPress 2.9: Manual do EditorGuga Alves
 
3 como publicar_imagens_no_blog_aft
3 como publicar_imagens_no_blog_aft3 como publicar_imagens_no_blog_aft
3 como publicar_imagens_no_blog_aftblogbrasil
 
Projeto: "Uma Escola Informatizada"
Projeto: "Uma Escola Informatizada"Projeto: "Uma Escola Informatizada"
Projeto: "Uma Escola Informatizada"Professorespalmeiras
 
Tutorial de Administração de site em CMS XOOPS
Tutorial de Administração de site em CMS XOOPSTutorial de Administração de site em CMS XOOPS
Tutorial de Administração de site em CMS XOOPSLuis Marcelo Zanlucki
 
2 como publicar_textos_no_blog_aft
2 como publicar_textos_no_blog_aft2 como publicar_textos_no_blog_aft
2 como publicar_textos_no_blog_aftblogbrasil
 
Moodle tutorial- leandro padilha
Moodle tutorial- leandro padilhaMoodle tutorial- leandro padilha
Moodle tutorial- leandro padilhaJorge Dantas
 
1ª prova pós web 1ª chamada
1ª prova pós web 1ª chamada1ª prova pós web 1ª chamada
1ª prova pós web 1ª chamadaAlexandre Ernesto
 

Semelhante a Favicon no blogger (20)

Joomla
JoomlaJoomla
Joomla
 
Word press manual-2-9-editor-v2
Word press manual-2-9-editor-v2Word press manual-2-9-editor-v2
Word press manual-2-9-editor-v2
 
Wordpress, Guia/Manual do Publicador
Wordpress, Guia/Manual do PublicadorWordpress, Guia/Manual do Publicador
Wordpress, Guia/Manual do Publicador
 
WordPress 2.9: Manual do Editor
WordPress 2.9: Manual do EditorWordPress 2.9: Manual do Editor
WordPress 2.9: Manual do Editor
 
3 como publicar_imagens_no_blog_aft
3 como publicar_imagens_no_blog_aft3 como publicar_imagens_no_blog_aft
3 como publicar_imagens_no_blog_aft
 
Projeto de design editorial digital
Projeto de design editorial digitalProjeto de design editorial digital
Projeto de design editorial digital
 
Tutoriais cefet (1)
Tutoriais cefet (1)Tutoriais cefet (1)
Tutoriais cefet (1)
 
Tutorial Wiki
Tutorial WikiTutorial Wiki
Tutorial Wiki
 
Projeto: "Uma Escola Informatizada"
Projeto: "Uma Escola Informatizada"Projeto: "Uma Escola Informatizada"
Projeto: "Uma Escola Informatizada"
 
Autcoletiva
AutcoletivaAutcoletiva
Autcoletiva
 
Joomla simples funcional
Joomla simples funcionalJoomla simples funcional
Joomla simples funcional
 
Manual WordPress 2.7
Manual WordPress 2.7Manual WordPress 2.7
Manual WordPress 2.7
 
Tutorial de Administração de site em CMS XOOPS
Tutorial de Administração de site em CMS XOOPSTutorial de Administração de site em CMS XOOPS
Tutorial de Administração de site em CMS XOOPS
 
Dreamweaver
DreamweaverDreamweaver
Dreamweaver
 
2 como publicar_textos_no_blog_aft
2 como publicar_textos_no_blog_aft2 como publicar_textos_no_blog_aft
2 como publicar_textos_no_blog_aft
 
Moodle tutorial- leandro padilha
Moodle tutorial- leandro padilhaMoodle tutorial- leandro padilha
Moodle tutorial- leandro padilha
 
1ª prova pós web 1ª chamada
1ª prova pós web 1ª chamada1ª prova pós web 1ª chamada
1ª prova pós web 1ª chamada
 
Tutorial wiki
Tutorial wikiTutorial wiki
Tutorial wiki
 
Voki
VokiVoki
Voki
 
Webnode
WebnodeWebnode
Webnode
 

Mais de Anabela Protásio

Mais de Anabela Protásio (20)

Storybird - iniciar
Storybird - iniciarStorybird - iniciar
Storybird - iniciar
 
Aprender divertido módulo1
Aprender divertido módulo1Aprender divertido módulo1
Aprender divertido módulo1
 
Manual Paint V98XP
Manual Paint V98XPManual Paint V98XP
Manual Paint V98XP
 
Ferramentas da web ao serviço da formação
Ferramentas da web ao serviço da formaçãoFerramentas da web ao serviço da formação
Ferramentas da web ao serviço da formação
 
Ferramentas web ao serviço da formação 28 05
Ferramentas web ao serviço da formação 28 05Ferramentas web ao serviço da formação 28 05
Ferramentas web ao serviço da formação 28 05
 
Guia basico -blogger-interface_atualizado
Guia basico -blogger-interface_atualizadoGuia basico -blogger-interface_atualizado
Guia basico -blogger-interface_atualizado
 
Guia básico wix
Guia básico wixGuia básico wix
Guia básico wix
 
Potencialidades_Slideshare 2
Potencialidades_Slideshare 2Potencialidades_Slideshare 2
Potencialidades_Slideshare 2
 
Guia básico do slideshare
Guia básico do slideshareGuia básico do slideshare
Guia básico do slideshare
 
Slideshare integração com o facebook, linkedIn e blogs
Slideshare integração com o facebook, linkedIn e blogsSlideshare integração com o facebook, linkedIn e blogs
Slideshare integração com o facebook, linkedIn e blogs
 
Posterweb2
Posterweb2Posterweb2
Posterweb2
 
Icem siie poster-web2 zero_convertido
Icem siie poster-web2 zero_convertidoIcem siie poster-web2 zero_convertido
Icem siie poster-web2 zero_convertido
 
Gestão tempo
Gestão tempoGestão tempo
Gestão tempo
 
Uiips artigo ferramentas_ web_ ao_ serviço_ da_formação
Uiips artigo ferramentas_ web_ ao_ serviço_ da_formaçãoUiips artigo ferramentas_ web_ ao_ serviço_ da_formação
Uiips artigo ferramentas_ web_ ao_ serviço_ da_formação
 
Ferramentas web ao serviço da formação final
Ferramentas web ao serviço da formação finalFerramentas web ao serviço da formação final
Ferramentas web ao serviço da formação final
 
Slide share
Slide shareSlide share
Slide share
 
Slideshare
SlideshareSlideshare
Slideshare
 
Web2.Zero na educação
Web2.Zero na educaçãoWeb2.Zero na educação
Web2.Zero na educação
 
WIX
WIXWIX
WIX
 
@gendatejo
@gendatejo@gendatejo
@gendatejo
 

Último

5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...azulassessoriaacadem3
 
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...azulassessoriaacadem3
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...azulassessoriaacadem3
 
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...azulassessoriaacadem3
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...azulassessoriaacadem3
 
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...apoioacademicoead
 
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...excellenceeducaciona
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...azulassessoriaacadem3
 
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...excellenceeducaciona
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...apoioacademicoead
 
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...excellenceeducaciona
 
Considere a imagem abaixo: Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...
Considere a imagem abaixo:  Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...Considere a imagem abaixo:  Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...
Considere a imagem abaixo: Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...azulassessoriaacadem3
 
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...azulassessoriaacadem3
 
1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...
1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...
1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...azulassessoriaacadem3
 
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdfAtividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdfRuannSolza
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...azulassessoriaacadem3
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...excellenceeducaciona
 
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.azulassessoriaacadem3
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Mary Alvarenga
 

Último (20)

5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
 
GABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docx
GABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docxGABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docx
GABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docx
 
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
 
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
 
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
 
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
 
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
 
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
 
Considere a imagem abaixo: Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...
Considere a imagem abaixo:  Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...Considere a imagem abaixo:  Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...
Considere a imagem abaixo: Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...
 
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
 
1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...
1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...
1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...
 
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdfAtividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
 

Favicon no blogger

  • 2. O QUE SÃO FAVICONS  Favicons (palavra derivada de favorite (favorito) e icon (ícone)) são pequenas imagens no formato *.ico com de cerca de 16x16 pixels que ficam guardados em um site para visualização pelo navegador.  Os navegadores Internet Explorer até a versão 6, só exibem os favicons quando um site é adicionado aos favoritos. Neste caso, apenas no menu correspondente aos favoritos pode-se encontrar a imagem.  Nos navegadores Firefox,Opera e Internet Explorer 7(+), os favicons podem ser encontrados também nas abas e na barra de endereço.  Os favicons também tem teor de acessibilidade pois ajudam os utilizadores comuns a identificar uma página quando ela está exibida numa lista ou numa barra de abas. Visando isto, muitos favicons são imagens simplificadas do logotipo da marca que representam.  Na ausência de um favicon, os navegadores exibem seu próprio ícone ou um ícone padrão como uma folha em branco. Fonte: wikipedia.org
  • 3. ONDE ADICIONAR ESTA FUNCIONALIDADE NO BLOGGER  Vá a Painel – Separador Design- Elementos Página- Favicon 1º 2º 3º 4º
  • 4. NO BLOGGER  Selecione “Escolher ficheiro”  Nota: o tamanho da imagem tem de ser inferior a 100 kb
  • 5. NO BLOGGER  Selecione a imagem ou o favicon que pretende usar e clique em “Abrir”.
  • 6. NO BLOGGER  Clique em “Guardar” e o seu favicon ficará visível.
  • 7. ONDE PODE CRIAR O SEU FAVICON  http://www.favicon.cc/ Ou  Num programa de imagem
  • 8. EM FAVICON  Registe-se no website  Importe uma imagem que considere que representa o seu blog.  Clique em escolher ficheiro do seu computador e seleccione uma imagem
  • 9. EM FAVICON (CONTINUAÇÃO)  Por fim clique em upload e o favicon irá carregar e converter a imagem.
  • 10. EM FAVICON (CONTINUAÇÃO)  Este é o resultado uma imagem pixelizada que pode editar em color picker.
  • 11. EM FAVICON (CONTINUAÇÃO)  Pode também editar o título e colocar tags (etiquetas) no seu favicon
  • 12. EM FAVICON (CONTINUAÇÃO)  Pode pre- visualizar, publicá-lo sobre uma licença aberta.  Fazer o download do seu favicon para o seu computador.
  • 13. Depois de criado pode vê-lo em My created favicons, onde estão diponíveis o código html, a possibilidade de edição e de download do favicon
  • 14. NUM PROGRAMA DE IMAGEM  Crie uma imagem quadrada com menos de 100k