1    01
Eu era apenas uma jovem romântica esonhadora, cuja única companhiaeram os livros que me acompanharamdesde a minha mais ten...
Toda a minha história escrevi em umdiário, para que assim fosse perpetuada.Não vivi muito, mas o pouco que vivi foimais do...
Aprendi que nem tudo na vida é lenda, e quetoda lenda tem um fundo de verdade. Porcausa de meus sonhos constantes, fui ini...
Todos os meus sonhos e pesadelos eram com omosteiro de San Francisco, na Espanha - onde, porironia do destino, fui condena...
O fato é que desenvolvi por aquele mongemisterioso uma espécie de amor platônico eobsessivo. Onde quer que fosse, sua imag...
Através dos caminhos da magia, fiz minhaprimeira viagem astral. Nela pude descobrir queo monge era o meu amor de outras vi...
Descobri que fui uma grande e poderosa bruxa,e que por anos vivi refugiada com meu filho emuma floresta . Acolhi muitas pe...
Vi mulheres serem torturadas e crianças seremesmagadas e devoradas vivas por cães famintos.Em instantes, a beleza        d...
Shaara foi julgada por pessoas que seacreditavam acima do bem e do mal. Seusargumentos de nada valeram. Permaneceuem cativ...
Shaara foi levada à praça pública para ser maishumilhada e, depois, queimada viva. Antes demorrer, Shaara chamou por seu a...
Quando retornei da minha viagem astral, fuimuito bem acolhida por minhas irmãs e irmãosda tradição da serpente. Voltei mai...
Da tradição da serpente à dura realidade deter que voltar ao mundo real... Passei pordiversos obstáculos, até que finalmen...
O meu grande amor era um cavaleiro daordem dos templários e seu nome eraÂngelo Wallejo Morales.                        1  ...
Às vezes nos encontrávamos na cozinha domosteiro, outras na sacristia... Às vezes, poiseram tão raros nossos encontros...!...
Quando estávamos juntos, era perfeito. Se omundo acabasse, não nos faria a menordiferença. Nosso amor foi muito maior que ...
Acabei os meus tristes dias em uma masmorrasombria e úmida. Mas, mesmo separada do meugrande amor, nunca deixei de pensar ...
O lugar para onde fui era muito distante edesconhecido da mente humana. E, pormuito tempo, vaguei por entre as trevas.Até ...
E ainda hoje o vento silva no alto dodespenhadeiro, clamando por justiça everdade. Por isso, conto-lhes esta história.Meu ...
Ainda hoje os girassóis bailam com o vento,guardando para sempre o meu segredo.                           1               ...
“Às vezes, cometemos erros dos quais nuncanos perdoaremos. Não existe uma forma devoltarmos atrás. O melhor é pensar antes...
Resumo DO       LIVRO            O SEGREDO DOS GIRASSÓIS                O Diário de Anna Goldin                       Da a...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Resumo do segredo dos girassós livro de adriana matheus

536 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
536
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Resumo do segredo dos girassós livro de adriana matheus

  1. 1. 1 01
  2. 2. Eu era apenas uma jovem romântica esonhadora, cuja única companhiaeram os livros que me acompanharamdesde a minha mais tenra infância. 1 02
  3. 3. Toda a minha história escrevi em umdiário, para que assim fosse perpetuada.Não vivi muito, mas o pouco que vivi foimais do que a existência de muitos. 1 03
  4. 4. Aprendi que nem tudo na vida é lenda, e quetoda lenda tem um fundo de verdade. Porcausa de meus sonhos constantes, fui iniciadanos caminhos da magia. Por causa dessaescolha, fui condenada à prisão perpétua,encerrando os meus dias em um calabouçofrio e escuro, de onde lhes escrevo minhahistória de vida. 1 04
  5. 5. Todos os meus sonhos e pesadelos eram com omosteiro de San Francisco, na Espanha - onde, porironia do destino, fui condenada a permanecer até oresto dos meus dias. Porém, uma única coisadeixava-me intrigada: aquele monge misterioso,que sempre aparecia romanticamente em meussonhos e jogava-se de um despenhadeiro no final. 1 05
  6. 6. O fato é que desenvolvi por aquele mongemisterioso uma espécie de amor platônico eobsessivo. Onde quer que fosse, sua imagemsempre vinha-me à cabeça e sua voz ecoava emmeus ouvidos, trazida pelo som do vento. 1 6
  7. 7. Através dos caminhos da magia, fiz minhaprimeira viagem astral. Nela pude descobrir queo monge era o meu amor de outras vidas. Mastambém descobri que ele era o inquisidor queme condenou à fogueira em minha vida passada. 1 7
  8. 8. Descobri que fui uma grande e poderosa bruxa,e que por anos vivi refugiada com meu filho emuma floresta . Acolhi muitas pessoas que meprocuravam, pessoas que a Inquisição perseguiutambém. Mas, no dia em que fui capturada, vina minha frente o ódio e o desprezo nos olhosdelas, pois julgavam que eu era culpada pelogrande extermínio que houve naquela floresta. 1 8
  9. 9. Vi mulheres serem torturadas e crianças seremesmagadas e devoradas vivas por cães famintos.Em instantes, a beleza daquela florestatransformou-se no pânico vermelho que saía doscorpos daqueles inocentes. Porém, nada pudefazer porque não estava ali pessoalmente -somente o meu periespírito estava. Presencieidor, decepção e o medo nos olhos de minhaancestral. Mas, mesmo no meio de tantabarbárie, ela se manteve esguia e não baixou aguarda. Shaara era uma mulher forte edestemida, muito além do seu tempo e dos 1 9
  10. 10. Shaara foi julgada por pessoas que seacreditavam acima do bem e do mal. Seusargumentos de nada valeram. Permaneceuem cativeiro por muitos anos, até o fatídicodia de sua morte. 1 10
  11. 11. Shaara foi levada à praça pública para ser maishumilhada e, depois, queimada viva. Antes demorrer, Shaara chamou por seu amor, Edward,e ele respondeu no meio da multidão com umgrito que ecoou por toda a cidade. Os gritos docapitão foram levados com Shaara, junto com osseus últimos pensamentos – os quais nuncasaberemos... 1 11
  12. 12. Quando retornei da minha viagem astral, fuimuito bem acolhida por minhas irmãs e irmãosda tradição da serpente. Voltei mais madura esegura de mim, e também mais preparadapara enfrentar o meu destino. 1 12
  13. 13. Da tradição da serpente à dura realidade deter que voltar ao mundo real... Passei pordiversos obstáculos, até que finalmentetambém fui posta diante do meu destino: fuitrancada em um convento, onde por fim pudeconhecer o monge, cujo ancestral era Edward.Depois de ter-lhe contado sobre quem eu era,também me surpreendi em saber que elepertencia a uma tradição. 1 13
  14. 14. O meu grande amor era um cavaleiro daordem dos templários e seu nome eraÂngelo Wallejo Morales. 1 14
  15. 15. Às vezes nos encontrávamos na cozinha domosteiro, outras na sacristia... Às vezes, poiseram tão raros nossos encontros...! 1 15
  16. 16. Quando estávamos juntos, era perfeito. Se omundo acabasse, não nos faria a menordiferença. Nosso amor foi muito maior que opreconceito e a maldade da Inquisição.Nosso amor atravessou as barreiras dotempo para que nós nos encontrássemosnovamente. Esse amor viverá para sempre! 1 16
  17. 17. Acabei os meus tristes dias em uma masmorrasombria e úmida. Mas, mesmo separada do meugrande amor, nunca deixei de pensar nele - alembrança de seu rosto foi o que me sustentou depé por muito tempo. 1 17
  18. 18. O lugar para onde fui era muito distante edesconhecido da mente humana. E, pormuito tempo, vaguei por entre as trevas.Até que, finalmente, quis aceitar a luz.Depois de muita resignação, tive permissãode voltar e visitar Wallejo. Senti osofrimento no coração do meu grandeamor e presenciei o seu assassinato. 1 18
  19. 19. E ainda hoje o vento silva no alto dodespenhadeiro, clamando por justiça everdade. Por isso, conto-lhes esta história.Meu amor precisava que soubessem que elenunca assassinou ninguém. E que tambémnão era um suicida. Wallejo ficou por anosvagando em desespero, sem querer confiarnos irmãos. Era um espírito revoltado e semluz. Aceitou reencarnar, mas não nosencontramos em outra vida tão rapidamente.Também reencarnei algumas vezes, mas 1 19nunca fui feliz no amor, porque estava presa a
  20. 20. Ainda hoje os girassóis bailam com o vento,guardando para sempre o meu segredo. 1 20
  21. 21. “Às vezes, cometemos erros dos quais nuncanos perdoaremos. Não existe uma forma devoltarmos atrás. O melhor é pensar antes deseguir com as ideias e vontades. O ser humanoé frágil e fraco, porque sucumbe às vontades doaparelho. Não se preocupa com o mal que fazao espírito. Essas consequências podem levar avárias encarnações para que este espíritoaprenda a controlar as emoções e cresça - o quepode atrasar a sua evolução. Pense nisso. Muitapaz e muita luz”.(pelo espírito do : - Padre Ângelo WallejoMoralles - 1795 a 1838). 1 21Psicografia de : Adriana Matheus.
  22. 22. Resumo DO LIVRO O SEGREDO DOS GIRASSÓIS O Diário de Anna Goldin Da autora Adriana Matheus Pelo Espírito do Padre Ângelo Wallejo Moralles Editorara : Ixtlan Marcos Ferreira Barbosa (editoraixtlan@hotmail.com)Contato da autora:http//anairdameuslivros.blogspot.com Musica : A Viagem Roupa Nova 1 22

×