Contabilidade ua04

28 visualizações

Publicada em

INTRODUÇÃO A CONTABILIDADE EMPRESARIAL

Publicada em: Aperfeiçoamento pessoal
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
28
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Contabilidade ua04

  1. 1. Contabilidade 27Conceituação e as Fontes Financiadoras da Atividade da Empresa UNIDADE04 Prezado(a) aluno (a) foi apresentado à você em aulas anteriores, iniciando um processo contínuo baseado em teorias e práticas, os livros utilizados para manter o registro de todos os fatos ocorridos nas empresas. Nesta unidade será apresentado o método, mundialmente conhecido, utilizado para registrar a aplicação de recursos quando debitadas a (s) conta (s) e a origem dos recursos quando creditadas as contas. Assim, é pelo método das partidas dobradas que ocorre o registro e o controle das mutações ocorridas no patrimônio. O registro, de toda prática de gestão, é uma forma de dar transparência na utilização de recursos e garantir a todos os investidores de capital a disponibilização de relatórios para consulta, quando for necessário. Bons estudos, afinal você está percebendo que a contabilidade será sua aliada no exercício da profissional como administrador. Aproveite! Introdução No decorrer deste material você conhecerá diferentes temas. Confira abaixo: ●● Método das Partidas Dobradas; ●● Uma breve história sobre este método; ●● Contas: conceituação, função e elementos patrimoniais. Tópicos Abordados Ao estudar esta unidade de aprendizagem, você poderá: ●● O objetivo desta unidade é Apresentar o método, conhecido e praticado mundialmente, conhecido como das partidas dobradas. Por intermédio dele se registra a vida da empresa nos livros mencionados na unidade 3 e, quando necessário, servirá como fonte de consulta aos atos praticados pelos administradores nas decisões na gestão patrimonial. A escrituração existe desde o homem das cavernas e foi evidenciada nas gravuras esculpidasnasparedesdascavernas.Eraumaformadeexpressar,aindaquerudimentar,ocontrolepatrimonial. ●● Com o advento do crescimento das empresas, pós-revolução industrial, também cresceu o nível de exigência nocontrolepatrimonialqueobjetivamaistransparêncianaformadecaptaçãoeaplicaçãoderecursosutilizados pelas empresas. Ainda mencionando a Lei nº 10.406/02, Capítulo IV, Artigo nº 1.179, do novo Código Civil, a escrituração é descrita assim: O empresário e a sociedade empresária são obrigados a seguir um sistema de contabilidade, mecanizada ou não, com base na escrituração uniforme de seus livros, em correspondência com a documentação, e a levantar anualmente o balanço patrimonial e o de resultado econômico. Objetivo
  2. 2. Contabilidade 28Conceituação e as Fontes Financiadoras da Atividade da Empresa UNIDADE04 Método das Partidas Dobradas Uma breve história sobre este método. Este método mundialmente é conhecido e usado até nossos dias para registrar nas contas toda movimentação de natureza econômico-financeira realizadas no dia-a-dia das empresas, admite-se ter nascido numa região da Itália denominada “Toscana” entre 1250 e 1280, entretanto, não se conhece o inventor ou inventores. Sabe-se que este método era ensinado numa escola “Escolas de Abaco” junto com a Aritmética Comercial, acredita-se desde o século XIV. O processo de registros contábeis que se consagrou por uma “equação” ou igualdade entre o débito e o crédito de contas, surgiu na Itália, acredita-se, entre os anos de 1250 e 1280 e ninguém conseguiu, até os nossos dias, identificar o seu autor, nem apresentar provas de aplicação antes da época referida. A contribuição relevante do método das partidas dobradas foi permitir a visualização da situação de uma determinada entidade no presente através do registro dos fatos passados ao longo da continuidade empresarial. A posição financeira e econômica da empresa em dado momento é, na realidade, um resumo de acontecimentos passados. Qualquer decisão de negociação tomada por um gestor baseia-se em causa e efeito. O método das partidas dobradas consiste também numa relação de causa e efeito, ou seja, o uso de recursos financeiros nas decisões é registrado através de um débito que evidencia a aplicação de recursos e um crédito para evidenciar a origem dos recursos envolvidos e com a correspondência do mesmo valor. Resumindo: para cada débito haverá sempre um crédito correspondente de mesmo valor. Contas: conceituação, função e elementos patrimoniais As contas, como instrumentos de registros, nasceram com as primeiras manifestações inteligentes do homem e, mesmo antes que ele tivesse inventando a escrita ou soubesse calcular. A conta, pois, associa- se a um “jogo de números” a respeito de “coisas” amealhadas e, assim, substitui a “memória” por um “registro organizado”. Existem inúmeros conceitos sobre contas, entretanto, para assimilar o assunto de forma clara, assim: conta é o nome técnico. Logo, representando um dos elementos patrimoniais, elas possuem natureza de acordo com o posicionamento do elemento representado.
  3. 3. Contabilidade 29Conceituação e as Fontes Financiadoras da Atividade da Empresa UNIDADE04 Veja, a seguir, os conceitos atribuídos às contas e a escrituração por dois renomados autores da literatura contábil. Conta é uma classe de elementos patrimoniais expressos em unidade de valor. (Braga, 1998, p.66). Registrar ou escriturar é gravar um fato, mantendo a MEMÓRIA do mesmo. (Sá, 1980, p.21). Escritura-se baseado em DOCUMENTOS ou COMPROVANTES. O que se registra precisa ter-se COMPROVAÇÃO. (Sá, 1980, p. 21). Nãohaveráregistrodequalquerfatofinanceironosistemacontábilsemadevidacomprovaçãopordocumento. Isto comprova a veracidade dos fatos, idoneidade na gestão e na aplicação dos recursos financeiros no dia a dia nas empresas, assim, gera confiabilidade nos resultados operacionais com transparência na gestão evidenciados nos saltos existentes nas contas que estão contidas nos relatórios contábeis. Resumindo... Uma conta representa um dos elementos patrimoniais – Bens, Direitos e Obrigações – além do P.L, porque foi dito que PL não é elemento e sim um grupo de contas que evidencia os recursos próprios da empresa. A finalidade de uma conta é registrar toda movimentação financeira ocorrida no dia-a-dia das empresas. No quadro abaixo, observe algumas contas, suas funções e o elemento patrimonial que ela representa:
  4. 4. Contabilidade 30Conceituação e as Fontes Financiadoras da Atividade da Empresa UNIDADE04 Avaliação a Distância Respostas: verificar respostas no ambiente. 1 - Conceitue, com suas palavras, a conta, utilizada na contabilidade. 2 - Conceitue, com suas palavras, débito e crédito. 3 - Informe as variações ocorridas no ativo, passivo ou patrimônio liquido. Sinalize assim: ( + ) para indicar aumentos, ( - ) para indicar diminuição e ( sv ) indicar sem variação, no caso de a transação não gerar variação em algum dos componentes.
  5. 5. Contabilidade 31Conceituação e as Fontes Financiadoras da Atividade da Empresa UNIDADE04 4 - Classifique as contas patrimoniais abaixo preenchendo os espaços vazios nas colunas como se pede: Coluna: Bens, Direitos ou Obrigações (B, D ou O). Positivo ou Negativo (+/-). Ativo ou Passivo(A/P). Devedor ou Credor (Dv/Cr). Respostas: 4 - verifique a resposta no ambiente virtual. Objetivando ampliar seus conhecimentos acerca dos assuntos abordados, sugiro que acesse os seguintes endereços eletrônicos (sites): www.sebrae.com.br; www.cvm.org.br e deliberação CVM nº 29 de 05 de fevereiro de 1986. Atividade Obrigatória
  6. 6. Contabilidade 32Conceituação e as Fontes Financiadoras da Atividade da Empresa UNIDADE04 Síntese Assegurar a continuidade da atividade da empresa é uma meta a ser perseguida por todo administrador. Eficiência na administração financeira traz resultados satisfatórios que garantem principalmente solvência no cumprimento dos compromissos assumidos perante terceiros. Os fornecedores de mercadorias certamente se esforçarão para renovar nossos estoques e garantir o cumprimento no prazo de entrega junto aos clientes e assim mais velocidade no giro dos negócios. O registro dos fatos no sistema contábil gera relatórios que servirão de base para as futuras tomadas de decisão e o controle permanente na administração dos recursos que, quando mal administrados, conduzem as empresas ao infarto financeiro. ●● FERRARI, Ed Luiz. Contabilidade Geral e 1.000 questões. 26 ed. ver. Niterói, RJ., Impetus, 2010. ●● IUDÍCIBUS, Sérgio de. MARION, José Carlos. Contabilidade comercial: atualizado conforme Lei nº 11.638/07 e MP nº 449/08. 8ª ed. São Paulo: Atlas, 2009. ●● RIBEIRO, Osni Moura. Contabilidade Básica Fácil. 26ª ed. ampl. e atual. São Paulo: Saraiva, 2009. Bibliografia Recomendada

×