AS ATITUDES E A SATISFAÇÃO NO TRABALHO*
 Atitudes – Conceito
 São afirmações avaliatórias ou julgamentos (favoráveis ou ...
As atitudes no trabalho
 Revelam avaliações positivas ou negativas que trabalhadores têm em relação a diversos aspectos d...
Satisfação com o trabalho e desempenho:
Funcionários felizes são mais produtivos.
Empresas onde prevalece a satisfação com...
(* Robbins, Judge, Sobral. Comportamento Organizacional. Atitudes e Satisfação no Trabalho. Capítulo 3. SP: Pearson
Prenti...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

As atitudes e as satisfações no trabalho

74 visualizações

Publicada em

AS ATITUDES E AS SATISFAÇÕES NO TRABALHO

Publicada em: Recrutamento e RH
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
74
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

As atitudes e as satisfações no trabalho

  1. 1. AS ATITUDES E A SATISFAÇÃO NO TRABALHO*  Atitudes – Conceito  São afirmações avaliatórias ou julgamentos (favoráveis ou desfavoráveis) com relação a objetos, pessoas ou eventos.  Refletem uma predisposição individual com relação a alguma situação ou fenômeno. Se “Gosto da minha profissão!”, expresso atitude sobre minha atividade profissional.  Componentes das Atitudes: Cognitivo: crença ou opinião sobre um objeto, pessoa ou situação. Afetivo: afeto e emoções sobre um objeto, pessoa ou situação. Comportamental: intenção de comportar-se de determinada maneira com relação a alguém ou alguma coisa.  Cognitivo -----à avaliação  Afetivo -----à sentimento  Comportamental -----à Ação Meu salário é baixo. (cognitivo) Estou aborrecido por causa do meu salário. (afetivo) Vou procurar outro emprego que me pague melhor. (comportamental) Relações entre os componentes da Atitude  Os componentes cognitivo, afetivo e comportamental estão sempre relacionados.  Cognição e afeto são quase sempre inseparáveis.  Nas organizações as atitudes são importantes por causa do componente comportamental. Dissonância Cognitiva É qualquer incompatibilidade entre duas ou mais atitudes ou entre comportamento e atitude. As atitudes determinam o comportamento? Gosto de carne bovina. Como bife com fritas. As atitudes seguem o comportamento? As pessoas mudam o que dizem para não contradizer o que fazem. Um pesquisador importante faz críticas severas ao comportamento de uma grande empresa sobre sua responsabilidade social. Em seguida essa empresa lhe oferece um cargo de gestor com alto salário e ele aceita. Poderá oferecer sugestões para minimizar as críticas sobre responsabilidade social (redução da dissonância) ou se retirar da empresa pela grande dissonância. Não se consegue evitar a dissonância completamente. Altas recompensas acompanhadas de altas dissonâncias podem reduzir a tensão. Quanto mais se fala sobre a atitude com relação a algo, mais se lembra dela e maior é a probabilidade que ela tem de moldar o comportamento.
  2. 2. As atitudes no trabalho  Revelam avaliações positivas ou negativas que trabalhadores têm em relação a diversos aspectos do ambiente de trabalho.  Satisfação com o trabalho Sentimento positivo com relação ao trabalho, resultado de uma avaliação de suas características.  Envolvimento com o trabalho Grau de identificação psicológica com o trabalho. Considera o desempenho como fator de valorização pessoal.  Empowerment Psicológico Crença dos funcionários sobre o grau em que influenciam o ambiente de trabalho, a própria competência, a importância de seu trabalho e sua autonomia percebida.  Comprometimento organizacional Grau de identificação com a organização, com seus objetivos e o desejo de manter-se como parte dela.  Comprometimento afetivo Vínculo emocional com a organização e crença em seus valores.  Comprometimento instrumental Estado psicológico de necessidade de permanência na organização.  Comprometimento Normativo Obrigação de permanecer na organização por razões morais e éticas.  Percepção de suporte organizacional Crença em que a organização valoriza suas contribuições e se preocupa com o seu bem-estar.  Engajamento do funcionário Envolvimento, satisfação e entusiasmo de um funcionário com o trabalho que exerce. Satisfação com o trabalho: -> Como medir? -> Quais as causas do nível de satisfação no trabalho? -> Como o grau de satisfação afeta as empresas? Dados da pesquisa sobre satisfação no trabalho com 24 países encomendada pelo BID: - mais de 80% dos latinos americanos. - 90% dos brasileiros. A satisfação se refere ao trabalho de maneira geral, com os colegas e supervisores. Estão menos satisfeitos com salários e oportunidades de promoção. Aspectos mais altos de satisfação: Condições físicas do local de trabalho: 73% Flexibilidade de horário: 61% Colegas: 69% Aspectos mais baixos de satisfação: Plano de aposentadoria: 34% Remuneração: 28% Estresse no trabalho: 27%
  3. 3. Satisfação com o trabalho e desempenho: Funcionários felizes são mais produtivos. Empresas onde prevalece a satisfação com o trabalho tendem a obter melhor desempenho. Satisfação com o trabalho e comportamentos de cidadania organizacional Funcionários satisfeitos falam bem da organização, ajudam os colegas e buscam ultrapassar as expectativas com relação ao trabalho. Satisfação com o trabalho e a satisfação dos clientes  Funcionários satisfeitos incrementam a satisfação e a fidelidade dos clientes.  Clientes descontentes pode aumentar a insatisfação dos funcionários. Satisfação e absenteísmo Funcionários insatisfeitos faltam mais ao trabalho. Abono de faltas por motivo de saúde estimulam faltas. A oferta de empregos interfere na taxa de absenteísmo. Satisfação e rotatividade A rotatividade é influenciada pelo grau de satisfação. As oportunidades de emprego facilitam esse processo. O nível de qualificação favorece a rotatividade. Satisfação e desvio de conduta no trabalho: Usar o horário de trabalho para navegar na internet. Levar para casa material de trabalho para uso pessoal. Funcionários que não gostam de seu trabalho se vingam de várias formas. Uso de drogas, furtos, consumo de álcool, impontualidade. Outros impactos: A satisfação no trabalho afeta os resultados da empresa.  Preço das ações: Empresas com o moral elevado cresceu 19,4%. Empresas com o moral média ou baixa cresceu 10%. Muitos gestores não se preocupam com a satisfação de seus funcionários. Conclusões:  Os gestores devem se interessar pelas atitudes de seus funcionários,pois elas sinalizam potenciais problemas e influenciam comportamentos.  Funcionários satisfeitos e comprometidos, têm menores taxas de rotatividade, absenteísmo e comportamentos desviantes.  Funcionários satisfeitos têm melhores desempenhos.  Gestores devem tomar iniciativas que gerem atitudes positivas.  Gestores podem aumentar a satisfação tornando o trabalho mais desafiador e interessante.  Alta remuneração não garante a criação de um ambiente de trabalho satisfatório.  Melhorar as atitudes dos funcionários resulta na melhoria da eficácia organizacional.
  4. 4. (* Robbins, Judge, Sobral. Comportamento Organizacional. Atitudes e Satisfação no Trabalho. Capítulo 3. SP: Pearson Prentice Hall, 2010, pp. 65-90)

×