DESCOBERTA
Eu só descobri que te amava
Quando passei a ter prazer em fazer
O que mais te agradava.
Eu só descobri que te a...
Alma desalmada
Sentimos falta daqueles que não podem mais serem vistos
Mas de que adianta serem vistos se não pode tocá-lo...
CLAMA-TE
Pensamentos estranhos te invadem
Frutos de uma mente poderosa
Desconexa com o presente
Mas ligada a um futuro pró...
Eu me sacrifiquei para lhe dar a resposta.
Perdi o paraíso e me sentenciei ao inferno em seu nome.
E então, você me recomp...
A Canção da Destruição
Sou um homem mortal
Eu estou no comando
Sinto-me como um deus
Posso ouvir vozes gritando
Assim como...
Um poema para um grande poeta.
Aqui, neste lugar.
Erros e desperdícios
Tanto tempo se passando
E quem sou eu para te fazer...
Breve Poesias.
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Breve Poesias.

117 visualizações

Publicada em

Escrito por Amanda Coelho.

Publicada em: Turismo
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
117
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Breve Poesias.

  1. 1. DESCOBERTA Eu só descobri que te amava Quando passei a ter prazer em fazer O que mais te agradava. Eu só descobri que te amava Quando teus sorrisos passaram a serem tão importantes Quantos os meus. Eu só descobri que te amava Quando criei em mim o hábito de te respeitar. Eu só descobri que te amava Quando tudo virou de pernas pro ar E fui capaz de resistir. Porque o contrário de tudo isso, É o inverso do amor.
  2. 2. Alma desalmada Sentimos falta daqueles que não podem mais serem vistos Mas de que adianta serem vistos se não pode tocá-los? Para que tocá-los se não podemos senti-los? Ah, morte... Egoísta... Egocêntrica... Excêntrica Aos que a alcançam, encontram a paz Deixam para traz Heranças, lembranças, saudades Tempo, tempo, tempo... É o que preciso. Superá-lo? Jamais! Conformar-me? Paciência meu caro, Pois chegará a sua vez De mais uma vez Uma alma desalmada ser.
  3. 3. CLAMA-TE Pensamentos estranhos te invadem Frutos de uma mente poderosa Desconexa com o presente Mas ligada a um futuro próximo. Então clama-te: O que é tudo isso? O que estou fazendo aqui? Ah querido! Sua mente parece tão estranha para mim. Uma mensagem de outro mundo, Algo que ainda não conseguiu entender. Então clama-te: Será que isso será minha salvação? Ou será a minha destruição? Seja o que for que seja breve, Pois eu não posso mais suportar. Ah querido! Sua mente parece tão estranha para mim. Você olha a si mesmo, Com lagrimas nos olhos, Mas este não é você hoje E sim o que se tornara amanhã. Então clama-te: O que posso fazer para mudar tudo isso? Será que a estrada que sigo terá como final este pesadelo melancólico? Ah querido! Sua mente parece tão estranha para mim.
  4. 4. Eu me sacrifiquei para lhe dar a resposta. Perdi o paraíso e me sentenciei ao inferno em seu nome. E então, você me recompensa com o primeiro ultimo beijo, O beijo de minha morte E de sua salvação.
  5. 5. A Canção da Destruição Sou um homem mortal Eu estou no comando Sinto-me como um deus Posso ouvir vozes gritando Assim como o Encantador de Serpentes Nós dançamos como marionetes Balançando para a doce sinfonia Da destruição Comporto-me feito um robô Meu cérebro de metal me consome Imploro para que alguém me perceba Antes que minha cabeça exploda-me. A Terra começa a se mexer Produzindo um barulho ensurdecedor. Os gigantes perecem E agradecendo ao mundo Faço-me imponente.
  6. 6. Um poema para um grande poeta. Aqui, neste lugar. Erros e desperdícios Tanto tempo se passando E quem sou eu para te fazer esperar? Dê-me apenas mais uma chance, Mais um suspiro. Porque você sabe Que eu te amo E lhe amei o tempo todo. Estivo longe por um tempo, Eu sinto sua falta E continuo acreditando Que você estará comigo. E você não irá embora Paro de respirar se eu não vê-lo mais. De joelhos, clamo-te: - Dê-me o ultimo suspiro, uma única chance! Porque com você querido, Eu resistiria a todo o inferno para tocar a tua mão. Eu daria tudo por nós Qualquer coisa. Mas querido, eu não vou desistir Porque você sabe, Eu te amei o tempo todo E eu sinto a sua falta.

×