áCidos nucleicos

3.427 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.427
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
39
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
156
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

áCidos nucleicos

  1. 1. ÁCIDOS NUCLÉICOS DNA RNA
  2. 2. <ul><li>em 1953  James Watson e Francis Crick propuseram um modelo de estrutura tridimensional do DNA </li></ul><ul><li>estudos de difração de raios X de Rosalind Franklin e Maurice Wilkins e em estudos químicos da molécula. </li></ul>
  3. 3. CARACTERÍSTICAS <ul><li>MACROMOLÉCULA </li></ul><ul><li>RELAÇÃO COM O NÚCLEO </li></ul><ul><li>HEREDITARIEDADE </li></ul>
  4. 4. NUCLEOTÍDEOS PENTOSE P BASE NITROGENADA
  5. 6. BASES NITROGENADAS <ul><li>Pertencem a 2 famílias e compostos, e são 5 no total:      • Bases Púricas, ou Purinas: Adenina e Guanina </li></ul>     • Bases Pirimídicas, ou Pirimidinas: Citosina, Timina Uracila
  6. 8. PENTOSES
  7. 9. DNA ÁCIDO DESOXIRRIBONUCLÉICO
  8. 10. NUCLEOTÍDEO DE DNA <ul><li>PENTOSE = DESOXIRRIBOSE </li></ul><ul><li>FOSFATO </li></ul>A DENINA C ITOSINA G UANINA T IMINA * PENTOSE P BASE NITROGENADA <ul><li>BASES NITROGENADAS </li></ul>
  9. 11. PONTE DE HIDROGÊNIO 3´ 3´ 5´ 5´
  10. 12. <ul><li>(ligações fosfodiéster) </li></ul>Ocorre entre o fosfato do carbono 5 da pentose de um nucleotídeo e a hidroxila do carbono 3 da pentose do nucleotídeo seguinte     A cadeia resultante é bastante polar, e possui:      • Uma extremidade 5’ --> Fosfato de carbono 5 da pentose livre      • Uma extremidade 3’ --> Hidroxila de carbono 3 da pentose livre       As ligações fosfodiéster podem ser quebradas enzimaticamente por enzimas chamadas NUCLEASES, que se dividem em:      • Endonucleases --> Quebram ligações no meio da molécula;      • Exonucleases --> Quebram ligações nas extremidades da molécula
  11. 15. PAPÉIS BIOLÓGICOS DO DNA <ul><li>HEREDITARIEDADE </li></ul><ul><li>FORMAÇÃO DE RNAm </li></ul><ul><li>CONTROLE METABÓLICO </li></ul>
  12. 16. DUPLICAÇÃO DE DNA (SEMICONSERVATIVA) DNA POL FITA NOVA FITA VELHA NUCLEOTÍDEOS LIVRES
  13. 20. <ul><li>PENTOSE = RIBOSE </li></ul><ul><li>FOSFATO </li></ul>RNA ÁCIDO RIBONUCLÉICO NUCLEOTÍDEO PENTOSE P BASE NITROGENADA <ul><li>BASES NITROGENADAS </li></ul>A DENINA C ITOSINA G UANINA U RACILA *
  14. 21. MOLÉCULA DE RNA
  15. 22. PAPÉIS DO RNA MENSAGEIRO RIBOSSÔMICO TRANSPORTADOR 3
  16. 23. RIBOSSOMO
  17. 26. <ul><li>RNA </li></ul><ul><li>TRANSPORTADOR </li></ul><ul><li>(RNA t) </li></ul>
  18. 27. <ul><li>RNA MENSAGEIRO(RNA M ) </li></ul>
  19. 28. SÍNTESE DE RNA m (TRANSCRIÇÃO) RNA POL RNA m
  20. 30. SÍNTESE PROTÉICA (TRADUÇÃO) LIGAÇÃO PEPTÍDICA AMINOÁCIDOS G C G U C G A A A G G G A U U C G C U U U A G C RNA m A A A U A A POLISSOMO
  21. 32. <ul><li>DNA  4 BASES N 2 </li></ul><ul><li>RNA  4 BASES N 2 </li></ul>NÚMERO DE CÓDONS __ __ __ A T C G A T C G A T C G = 64 4 X 4 X 4 20 AMINOÁCIOS
  22. 34.  qualquer alteração permanente do DNA.  Pode ocorrer em qualquer célula, tanto em células da linhagem germinativa como em células somáticas.  As mutações envolvem Mutações Cromossômicas (quebra ou rearranjo dos cromossomos) e Mutações Gênicas.
  23. 35. GENE <ul><li>DARWIN ( FATORES ) </li></ul><ul><li>PORÇÃO DE DNA QUE SERVE DE MOLDE PARA FORMAÇÃO DE UM RNA m </li></ul>GENE/CÍSTRON RNA m
  24. 36. <ul><li>1 GENE = 1 PROTEÍNA (???) </li></ul><ul><li>PAPÉIS BIOLÓGICOS DAS PROTEÍNAS : DEFESA, ESTRUTURAL E ENZIMÁTICO </li></ul><ul><li>GENÓTIPO X FENÓTIPO </li></ul>AÇÃO GÊNICA
  25. 37. <ul><li>VEGETAIS ENXERTADOS </li></ul><ul><li>OS TRANSGÊNICOS </li></ul><ul><li>PROJETO GENOMA HUMANO </li></ul><ul><li>TERAPIAS GENÉTICAS </li></ul>MANIPULAÇÃO GENÉTICA
  26. 38. REFERÊNCIAS http://www.icb.ufmg.br/prodabi http://academic.brooklyn.cuny.edu/biology http://www.enq.ufsc.br/labs/probio http://www.virtual.epm.br

×