SISTEMA RESPIRATÓRIO
   Prof. Ana Ferreira
Sistema respiratório
Morfologia do sistema
respiratório
Fossas nasais
Faringe
Laringe

      Canal formado por
      estruturas
      cartilagíneas
      sobrepostas, unidas
      entre       si     p...
Traqueia

           Estrutura     tubular
           constituída       por
           anéis
           cartilagíneos, inc...
Brônquios

Canais formados por
anéis cartilagíneos
completos            e
internamente
revestidos por uma
membrana mucosa
...
Bronquíolos

Tubos      finos     que
apresentam dilatações
na extremidade- SACOS
ALVEOLARES             e
possuem        ...
Sacos alveolares
Pequenas câmaras esféricas
onde ocorrem as trocas gasosas.
ALVÉOLOS PULMONARES.




Constituídos por uma ...
Pulmões

Órgãos elásticos e
esponjosos, de cor
rosada         que
contêm inúmeros
alvéolos
pulmonares.




 No pulmão esqu...
Pleura



Membrana dupla que
reveste e protege os
pulmões.
Diafragma




      Músculo largo e fino
      que separa a cavidade
      torácica da cavidade
      abdominal.
Entrada do ar nas vias
respiratórias
Como funcionam os pulmões?
          1. Contracção do diafragma e dos músculos
                         intercostais.


  ...
Inspiração
Como funcionam os pulmões?
          Relaxamento do diafragma e dos músculos
                        intercostais


      ...
Expiração
Inspiração e expiração
É o conjunto de uma inspiração
   Ciclos respiratórios                       seguida de uma expiração.




               ...
Trocas gasosas
Trocas Gasosas
As trocas gasosas que ocorrem nos pulmões a nível alveolar designa-se
                     HEMATOSE PULMONA...
Hematose pulmonar




1. Os alvéolos pulmonares apresentam elevada pressão de OXIGÉNIO e baixa
   PRESSÃO DE DIÓXIDO DE CA...
Hematose celular
Ao nível das células ocorrem também trocas gasosas, que se designam de
                          HEMATOSE...
Hematose celular




1. As células apresentam elevada PRESSÃO DE DIÓXIDO DE CARBONO e
   baixa PRESSÃO DE OXIGÉNIO.
2. Nos...
Doenças respiratórias
       Inflamação do pulmão causada por bactérias.
Doenças respiratórias
       Está relacionado com mutações em células.
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

RespiratóRio II

1.872 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

RespiratóRio II

  1. 1. SISTEMA RESPIRATÓRIO Prof. Ana Ferreira
  2. 2. Sistema respiratório
  3. 3. Morfologia do sistema respiratório
  4. 4. Fossas nasais
  5. 5. Faringe
  6. 6. Laringe Canal formado por estruturas cartilagíneas sobrepostas, unidas entre si por ligamentos e músculos. Serve de comunicação entre a faringe e a traqueia. No seu interior existem pregas membranosas que são as cordas
  7. 7. Traqueia Estrutura tubular constituída por anéis cartilagíneos, incom pletos na parte posterior.
  8. 8. Brônquios Canais formados por anéis cartilagíneos completos e internamente revestidos por uma membrana mucosa com células secretoras e ciliadas.
  9. 9. Bronquíolos Tubos finos que apresentam dilatações na extremidade- SACOS ALVEOLARES e possuem um revestimento interno semelhante aos brônquios.
  10. 10. Sacos alveolares Pequenas câmaras esféricas onde ocorrem as trocas gasosas. ALVÉOLOS PULMONARES. Constituídos por uma única camada de células.
  11. 11. Pulmões Órgãos elásticos e esponjosos, de cor rosada que contêm inúmeros alvéolos pulmonares. No pulmão esquerdo existem dois lobos e no pulmão direito três lobos.
  12. 12. Pleura Membrana dupla que reveste e protege os pulmões.
  13. 13. Diafragma Músculo largo e fino que separa a cavidade torácica da cavidade abdominal.
  14. 14. Entrada do ar nas vias respiratórias
  15. 15. Como funcionam os pulmões? 1. Contracção do diafragma e dos músculos intercostais. O diafragma baixa, o esterno é projectado ; as costelas movem-se para fora e para cima. Aumenta o volume da caixa torácica Os pulmões dilatam e aumentam de volume A pressão intrapulmonar diminui, ficando menor que a pressão atmosférica. O ar entra nos pulmões
  16. 16. Inspiração
  17. 17. Como funcionam os pulmões? Relaxamento do diafragma e dos músculos intercostais Diminui o volume da caixa torácica. Os pulmões diminuem de volume. A pressão intrapulmonar aumenta, ficando maior que a pressão atmosférica . O ar sai dos pulmões para o exterior.
  18. 18. Expiração
  19. 19. Inspiração e expiração
  20. 20. É o conjunto de uma inspiração Ciclos respiratórios seguida de uma expiração. Em repouso o número de inspirações e expirações efectuadas é de 13 a 17 por minuto. A ventilação pulmonar é essencial para a realização de trocas gasosas ao nível dos alvéolos pulmonares. O processo que possibilita a deslocação de gases dos locais onde a pressão é elevada para os locais onde a pressão é baixa designa-se DIFUSÃO OU HEMATOSE.
  21. 21. Trocas gasosas
  22. 22. Trocas Gasosas As trocas gasosas que ocorrem nos pulmões a nível alveolar designa-se HEMATOSE PULMONAR.
  23. 23. Hematose pulmonar 1. Os alvéolos pulmonares apresentam elevada pressão de OXIGÉNIO e baixa PRESSÃO DE DIÓXIDO DE CARBONO. 2. Nos CAPILARES SANGUÍNEOS, a pressão de DIÓXIDO DE CARBONO É ELEVADA e a pressão de oxigénio É BAIXA. 3. Assim, o oxigénio passa dos alvéolos pulmonares para o sangue e o dióxido de carbono desloca-se no sentido contrário.
  24. 24. Hematose celular Ao nível das células ocorrem também trocas gasosas, que se designam de HEMATOSE CELULAR.
  25. 25. Hematose celular 1. As células apresentam elevada PRESSÃO DE DIÓXIDO DE CARBONO e baixa PRESSÃO DE OXIGÉNIO. 2. Nos capilares sanguíneos, a pressão de oxigénio É ELEVADA e a pressão de dióxido de carbono É BAIXA. 3. O oxigénio difunde-se dos capilares para as células e o dióxido de carbono desloca-se em sentido contrário.- O SANGUE ARTERIAL PASSA A SANGUE VENOSO.
  26. 26. Doenças respiratórias Inflamação do pulmão causada por bactérias.
  27. 27. Doenças respiratórias Está relacionado com mutações em células.

×