SlideShare uma empresa Scribd logo

Presentation 3º Congresso Internacional de Design de Informação | Curitiba 2007

1 de 26
Baixar para ler offline
Andrés Guevara e
a reformulação gráfica
da revista A Maçã
Andrés Guevara and
the new design project for
the A Maçã magazine

Aline Haluch
Introdução
• A imprensa no Rio de Janeiro no início do século XX
A modernização da imprensa e a presença
das revistas ilustradas no cotidiano

• Humberto de Campos e A Maçã
• Da leveza do desenho de Ivan à ruptura gráfica de Guevara
• O design como diferencial n’A Maçã
• A Maçã: arte, técnica e design
• Conclusão
Introdução
A Modernidade de impõe ao passado colonial
1898 Início da Belle Époque carioca

Rio de Janeiro 1920: centro político, cultural e financeiro do país;
Remodelação urbana realizada em três planos:

• Modernização do Porto
• Saneamento da cidade
• Reforma Urbana
Arte e Cultura
Modernismo no Rio de Janeiro
• Novos padrões de consumo e desenvolvimento da publicidade;
Confronto entre o desejo pela tradição e o desejo pelo novo

• Valores da Belle Époque dão origem a valores modernistas

Design, Indústria e Comércio
• O design fez parte da reconfiguração da vida social cultura material e visual da época.

• O trabalho do designer pode ter surgido organicamente
do processo produtivo da divisão de tarefas.
A modernização da imprensa
e a presença das revistas ilustradas
A partir de 1880
• Novas tecnologias / modernização da cidade
• Novas técnicas de impressão e reprodução
• Expansão da prática do reclame;
Profissionalização dos homens-de-letras
• Imprensa:

Pode ter sido uma das primeiras áreas de atuação do designer.

Revistas Ilustradas:
arte, técnica e literatura no 1900
• Inovações técnicas permitiram uso da

gravura em escala industrial;
• Nascimento de uma tradição cultural
carioca, e hoje nacional: a revista semanal;
• A ilustração criava códigos e dava
identidade às publicações, definindo seu
público.

Recomendados

Criação publicitária - As raízes do design gráfico - Dickson
Criação publicitária - As raízes do design gráfico - DicksonCriação publicitária - As raízes do design gráfico - Dickson
Criação publicitária - As raízes do design gráfico - DicksonFernando Souza
 
Hd 2016.1 aula.14 - art deco e streamline
Hd 2016.1 aula.14 - art deco e streamlineHd 2016.1 aula.14 - art deco e streamline
Hd 2016.1 aula.14 - art deco e streamlineTicianne Darin
 
Design
DesignDesign
Designbrshrs
 
A Vanguarda e as Origens do Modernismo: 1914 a 1940
A Vanguarda e as Origens do Modernismo: 1914 a 1940A Vanguarda e as Origens do Modernismo: 1914 a 1940
A Vanguarda e as Origens do Modernismo: 1914 a 1940sammbelli
 
Hd 2016.1 aula.15 - design pós-moderno
Hd 2016.1 aula.15 - design pós-modernoHd 2016.1 aula.15 - design pós-moderno
Hd 2016.1 aula.15 - design pós-modernoTicianne Darin
 
Hd 2016.1 aula.11_bauhaus
Hd 2016.1 aula.11_bauhausHd 2016.1 aula.11_bauhaus
Hd 2016.1 aula.11_bauhausTicianne Darin
 
Hd 2016.1 aula.16 - panorama do design no brasil
Hd 2016.1 aula.16 - panorama do design no brasilHd 2016.1 aula.16 - panorama do design no brasil
Hd 2016.1 aula.16 - panorama do design no brasilTicianne Darin
 
Hd 2016.1 aula 7_influências das vanguardas europeias - futurismo
Hd 2016.1 aula 7_influências das vanguardas europeias - futurismoHd 2016.1 aula 7_influências das vanguardas europeias - futurismo
Hd 2016.1 aula 7_influências das vanguardas europeias - futurismoTicianne Darin
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

História do Design Impresso
História do Design ImpressoHistória do Design Impresso
História do Design ImpressoÉrica Rigo
 
Fichamento - Uma introdução a história do design
Fichamento - Uma introdução a história do designFichamento - Uma introdução a história do design
Fichamento - Uma introdução a história do designVinicius Gomes
 
Hd 2016.1 aula 4_a_revolução industrial arts and crafts
Hd 2016.1 aula 4_a_revolução industrial arts and crafts Hd 2016.1 aula 4_a_revolução industrial arts and crafts
Hd 2016.1 aula 4_a_revolução industrial arts and crafts Ticianne Darin
 
Web Design > Movimentos artisticos
Web Design > Movimentos artisticosWeb Design > Movimentos artisticos
Web Design > Movimentos artisticosFelipe Fernandes
 
A arte - Trabalho Historia
A arte - Trabalho HistoriaA arte - Trabalho Historia
A arte - Trabalho HistoriaMelissa Matos
 
Pg movimentos artísticos
Pg   movimentos artísticosPg   movimentos artísticos
Pg movimentos artísticosmartojana
 

Mais procurados (20)

Aula 03 história do design gráfico
Aula 03   história do design gráficoAula 03   história do design gráfico
Aula 03 história do design gráfico
 
Aula 02 história do design gráfico
Aula 02   história do design gráficoAula 02   história do design gráfico
Aula 02 história do design gráfico
 
História do Design Impresso
História do Design ImpressoHistória do Design Impresso
História do Design Impresso
 
Fichamento - Uma introdução a história do design
Fichamento - Uma introdução a história do designFichamento - Uma introdução a história do design
Fichamento - Uma introdução a história do design
 
Hd 2016.1 aula 4_a_revolução industrial arts and crafts
Hd 2016.1 aula 4_a_revolução industrial arts and crafts Hd 2016.1 aula 4_a_revolução industrial arts and crafts
Hd 2016.1 aula 4_a_revolução industrial arts and crafts
 
16 artistas conceituais
16 artistas conceituais16 artistas conceituais
16 artistas conceituais
 
Aula 08 história do design gráfico
Aula 08   história do design gráficoAula 08   história do design gráfico
Aula 08 história do design gráfico
 
Aula 01 história do design gráfico
Aula 01   história do design gráficoAula 01   história do design gráfico
Aula 01 história do design gráfico
 
Aula 06 história do design gráfico
Aula 06   história do design gráficoAula 06   história do design gráfico
Aula 06 história do design gráfico
 
Aula 05 história do design gráfico
Aula 05   história do design gráficoAula 05   história do design gráfico
Aula 05 história do design gráfico
 
Cubismo no Brasil
Cubismo no BrasilCubismo no Brasil
Cubismo no Brasil
 
Construtivismo Russo
Construtivismo RussoConstrutivismo Russo
Construtivismo Russo
 
Jussara fino
Jussara finoJussara fino
Jussara fino
 
Web Design > Movimentos artisticos
Web Design > Movimentos artisticosWeb Design > Movimentos artisticos
Web Design > Movimentos artisticos
 
Arte moderna slide
Arte moderna slideArte moderna slide
Arte moderna slide
 
A arte - Trabalho Historia
A arte - Trabalho HistoriaA arte - Trabalho Historia
A arte - Trabalho Historia
 
Tg Aula6 2008
Tg Aula6 2008Tg Aula6 2008
Tg Aula6 2008
 
Pg movimentos artísticos
Pg   movimentos artísticosPg   movimentos artísticos
Pg movimentos artísticos
 
Art Decó
Art DecóArt Decó
Art Decó
 
Arte Urbana.pptx
Arte Urbana.pptxArte Urbana.pptx
Arte Urbana.pptx
 

Destaque

Obamacare india alliance
Obamacare india allianceObamacare india alliance
Obamacare india allianceArjun Bhaskaran
 
Apresentação SipCode Brasil
Apresentação SipCode BrasilApresentação SipCode Brasil
Apresentação SipCode BrasilSipCode Brasil
 
Guía de usos_y_estilo_en_las_redes_sociales_del_gobierno_vasco
Guía de usos_y_estilo_en_las_redes_sociales_del_gobierno_vascoGuía de usos_y_estilo_en_las_redes_sociales_del_gobierno_vasco
Guía de usos_y_estilo_en_las_redes_sociales_del_gobierno_vascoMiaBayo
 
Escenario Periodismo digital
Escenario Periodismo digitalEscenario Periodismo digital
Escenario Periodismo digitalPablo Capurro
 
Sintesis informativa 19 10 2012
Sintesis informativa 19 10 2012Sintesis informativa 19 10 2012
Sintesis informativa 19 10 2012megaradioexpress
 
Redes sociales
Redes socialesRedes sociales
Redes socialesSonia_smc
 
VI CONGRESSO DA APLOP – Passeio pelo Tejo
VI CONGRESSO DA APLOP – Passeio pelo TejoVI CONGRESSO DA APLOP – Passeio pelo Tejo
VI CONGRESSO DA APLOP – Passeio pelo Tejoaplop
 
MODS2FRBRoo : Ein Tool zur Anbindung von bibliographischen Daten an eine Onto...
MODS2FRBRoo : Ein Tool zur Anbindung von bibliographischen Daten an eine Onto...MODS2FRBRoo : Ein Tool zur Anbindung von bibliographischen Daten an eine Onto...
MODS2FRBRoo : Ein Tool zur Anbindung von bibliographischen Daten an eine Onto...Becker Hans-Georg
 
Exposición Ley General de Siciedades Comerciales 479-08
Exposición Ley General de Siciedades Comerciales 479-08Exposición Ley General de Siciedades Comerciales 479-08
Exposición Ley General de Siciedades Comerciales 479-08Titomusic
 
Actividad 9 procedimieto de empresa mercantil
Actividad 9 procedimieto  de empresa mercantilActividad 9 procedimieto  de empresa mercantil
Actividad 9 procedimieto de empresa mercantilJosseline Guevara
 
Sintesis informativa 26 10 2012
Sintesis informativa 26 10 2012Sintesis informativa 26 10 2012
Sintesis informativa 26 10 2012megaradioexpress
 
Las TIC para la competitividad de las empresas de la agricultura en Costa Rica
Las TIC para la competitividad de las empresas de la agricultura en Costa RicaLas TIC para la competitividad de las empresas de la agricultura en Costa Rica
Las TIC para la competitividad de las empresas de la agricultura en Costa RicaHugo Chavarria
 
Bibliotheken und Lebenslanges Lernen
Bibliotheken und Lebenslanges LernenBibliotheken und Lebenslanges Lernen
Bibliotheken und Lebenslanges LernenKarsten Schuldt
 
Internet y CO2 en PuntoCom de Semanaeconomica.com
Internet y CO2 en PuntoCom de Semanaeconomica.comInternet y CO2 en PuntoCom de Semanaeconomica.com
Internet y CO2 en PuntoCom de Semanaeconomica.comFreddy Linares
 

Destaque (20)

Obamacare india alliance
Obamacare india allianceObamacare india alliance
Obamacare india alliance
 
Tecnologías hoy
Tecnologías hoyTecnologías hoy
Tecnologías hoy
 
Las redes sociales sele
Las redes sociales seleLas redes sociales sele
Las redes sociales sele
 
Apresentação SipCode Brasil
Apresentação SipCode BrasilApresentação SipCode Brasil
Apresentação SipCode Brasil
 
Slides eproinfo
Slides eproinfoSlides eproinfo
Slides eproinfo
 
Guía de usos_y_estilo_en_las_redes_sociales_del_gobierno_vasco
Guía de usos_y_estilo_en_las_redes_sociales_del_gobierno_vascoGuía de usos_y_estilo_en_las_redes_sociales_del_gobierno_vasco
Guía de usos_y_estilo_en_las_redes_sociales_del_gobierno_vasco
 
Escenario Periodismo digital
Escenario Periodismo digitalEscenario Periodismo digital
Escenario Periodismo digital
 
Sintesis informativa 19 10 2012
Sintesis informativa 19 10 2012Sintesis informativa 19 10 2012
Sintesis informativa 19 10 2012
 
Distintivo de Igualdad
Distintivo de IgualdadDistintivo de Igualdad
Distintivo de Igualdad
 
Uso del dni
Uso del dniUso del dni
Uso del dni
 
Redes sociales
Redes socialesRedes sociales
Redes sociales
 
Informativo 05
Informativo 05Informativo 05
Informativo 05
 
VI CONGRESSO DA APLOP – Passeio pelo Tejo
VI CONGRESSO DA APLOP – Passeio pelo TejoVI CONGRESSO DA APLOP – Passeio pelo Tejo
VI CONGRESSO DA APLOP – Passeio pelo Tejo
 
MODS2FRBRoo : Ein Tool zur Anbindung von bibliographischen Daten an eine Onto...
MODS2FRBRoo : Ein Tool zur Anbindung von bibliographischen Daten an eine Onto...MODS2FRBRoo : Ein Tool zur Anbindung von bibliographischen Daten an eine Onto...
MODS2FRBRoo : Ein Tool zur Anbindung von bibliographischen Daten an eine Onto...
 
Exposición Ley General de Siciedades Comerciales 479-08
Exposición Ley General de Siciedades Comerciales 479-08Exposición Ley General de Siciedades Comerciales 479-08
Exposición Ley General de Siciedades Comerciales 479-08
 
Actividad 9 procedimieto de empresa mercantil
Actividad 9 procedimieto  de empresa mercantilActividad 9 procedimieto  de empresa mercantil
Actividad 9 procedimieto de empresa mercantil
 
Sintesis informativa 26 10 2012
Sintesis informativa 26 10 2012Sintesis informativa 26 10 2012
Sintesis informativa 26 10 2012
 
Las TIC para la competitividad de las empresas de la agricultura en Costa Rica
Las TIC para la competitividad de las empresas de la agricultura en Costa RicaLas TIC para la competitividad de las empresas de la agricultura en Costa Rica
Las TIC para la competitividad de las empresas de la agricultura en Costa Rica
 
Bibliotheken und Lebenslanges Lernen
Bibliotheken und Lebenslanges LernenBibliotheken und Lebenslanges Lernen
Bibliotheken und Lebenslanges Lernen
 
Internet y CO2 en PuntoCom de Semanaeconomica.com
Internet y CO2 en PuntoCom de Semanaeconomica.comInternet y CO2 en PuntoCom de Semanaeconomica.com
Internet y CO2 en PuntoCom de Semanaeconomica.com
 

Semelhante a Presentation 3º Congresso Internacional de Design de Informação | Curitiba 2007

Trabs Molezinha
Trabs MolezinhaTrabs Molezinha
Trabs Molezinhayannvp1
 
Aula 3 ef - artes
Aula 3   ef - artesAula 3   ef - artes
Aula 3 ef - artesWalney M.F
 
Seminários história da arte 1 b 09
Seminários história da arte 1 b   09Seminários história da arte 1 b   09
Seminários história da arte 1 b 09Gabriela Lemos
 
Movimentos artísticos início século XX
Movimentos artísticos início século XXMovimentos artísticos início século XX
Movimentos artísticos início século XXDenise Lima
 
Modernismo brasileiro2
Modernismo brasileiro2Modernismo brasileiro2
Modernismo brasileiro2CEF16
 
Publicidade e Propaganda entre 1920 e 1930
Publicidade e Propaganda entre 1920 e 1930Publicidade e Propaganda entre 1920 e 1930
Publicidade e Propaganda entre 1920 e 1930Felipe Marques
 
Vanguardas Europeias - Cubismo
Vanguardas Europeias - CubismoVanguardas Europeias - Cubismo
Vanguardas Europeias - CubismoLuan Lucena
 
Raizes do design editorial
Raizes do design editorialRaizes do design editorial
Raizes do design editorialHelena Jacob
 
Seminários história da arte 1 b 06
Seminários história da arte 1 b   06Seminários história da arte 1 b   06
Seminários história da arte 1 b 06Gabriela Lemos
 
ILU2 momentos memoraveis fotografia de moda no pós guerra
ILU2 momentos memoraveis fotografia de moda no pós guerraILU2 momentos memoraveis fotografia de moda no pós guerra
ILU2 momentos memoraveis fotografia de moda no pós guerraSchânya Maximiano
 
Trabalho de Filosofia - Arte Moderna
Trabalho de Filosofia - Arte ModernaTrabalho de Filosofia - Arte Moderna
Trabalho de Filosofia - Arte ModernaGabriel Gonçalves
 
Movimento modernista e a semana da arte moferna de 1922
Movimento modernista e a semana da arte moferna de 1922Movimento modernista e a semana da arte moferna de 1922
Movimento modernista e a semana da arte moferna de 1922Cristiane Seibt
 

Semelhante a Presentation 3º Congresso Internacional de Design de Informação | Curitiba 2007 (20)

Trabs Molezinha
Trabs MolezinhaTrabs Molezinha
Trabs Molezinha
 
Aula 3 ef - artes
Aula 3   ef - artesAula 3   ef - artes
Aula 3 ef - artes
 
Arte moderna
Arte modernaArte moderna
Arte moderna
 
Design
DesignDesign
Design
 
Seminários história da arte 1 b 09
Seminários história da arte 1 b   09Seminários história da arte 1 b   09
Seminários história da arte 1 b 09
 
Arte e literatura
Arte e literaturaArte e literatura
Arte e literatura
 
Movimentos artísticos início século XX
Movimentos artísticos início século XXMovimentos artísticos início século XX
Movimentos artísticos início século XX
 
Modernismo brasileiro2
Modernismo brasileiro2Modernismo brasileiro2
Modernismo brasileiro2
 
Publicidade e Propaganda entre 1920 e 1930
Publicidade e Propaganda entre 1920 e 1930Publicidade e Propaganda entre 1920 e 1930
Publicidade e Propaganda entre 1920 e 1930
 
Vanguardas Europeias - Cubismo
Vanguardas Europeias - CubismoVanguardas Europeias - Cubismo
Vanguardas Europeias - Cubismo
 
Arte moderna
Arte modernaArte moderna
Arte moderna
 
A Arte
A ArteA Arte
A Arte
 
Raizes do design editorial
Raizes do design editorialRaizes do design editorial
Raizes do design editorial
 
Seminários história da arte 1 b 06
Seminários história da arte 1 b   06Seminários história da arte 1 b   06
Seminários história da arte 1 b 06
 
ILU2 momentos memoraveis fotografia de moda no pós guerra
ILU2 momentos memoraveis fotografia de moda no pós guerraILU2 momentos memoraveis fotografia de moda no pós guerra
ILU2 momentos memoraveis fotografia de moda no pós guerra
 
Arte moderna
Arte modernaArte moderna
Arte moderna
 
Art Nouveau
Art NouveauArt Nouveau
Art Nouveau
 
Trabalho de Filosofia - Arte Moderna
Trabalho de Filosofia - Arte ModernaTrabalho de Filosofia - Arte Moderna
Trabalho de Filosofia - Arte Moderna
 
Movimento modernista e a semana da arte moferna de 1922
Movimento modernista e a semana da arte moferna de 1922Movimento modernista e a semana da arte moferna de 1922
Movimento modernista e a semana da arte moferna de 1922
 
Modernismo Modernismo
Modernismo   ModernismoModernismo   Modernismo
Modernismo Modernismo
 

Último

A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...excellenceeducaciona
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...azulassessoriaacadem3
 
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...azulassessoriaacadem3
 
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...azulassessoriaacadem3
 
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...azulassessoriaacadem3
 
Planejamento do 1º semestre de Ciências 2024 9º ano.pdf
Planejamento do 1º semestre  de Ciências 2024 9º ano.pdfPlanejamento do 1º semestre  de Ciências 2024 9º ano.pdf
Planejamento do 1º semestre de Ciências 2024 9º ano.pdfJanielleCristina1
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...azulassessoriaacadem3
 
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;azulassessoriaacadem3
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...azulassessoriaacadem3
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...azulassessoriaacadem3
 
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba InicialDomínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba InicialTeresaCosta92
 
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...azulassessoriaacadem3
 
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;azulassessoriaacadem3
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...azulassessoriaacadem3
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...azulassessoriaacadem3
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...azulassessoriaacadem3
 
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.azulassessoriaacadem3
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...azulassessoriaacadem3
 

Último (20)

A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
 
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
 
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
 
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
 
Planejamento do 1º semestre de Ciências 2024 9º ano.pdf
Planejamento do 1º semestre  de Ciências 2024 9º ano.pdfPlanejamento do 1º semestre  de Ciências 2024 9º ano.pdf
Planejamento do 1º semestre de Ciências 2024 9º ano.pdf
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
 
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptxSlides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
 
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
 
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba InicialDomínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
 
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
 
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
 
GABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docx
GABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docxGABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docx
GABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docx
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
 
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
 

Presentation 3º Congresso Internacional de Design de Informação | Curitiba 2007

  • 1. Andrés Guevara e a reformulação gráfica da revista A Maçã Andrés Guevara and the new design project for the A Maçã magazine Aline Haluch
  • 2. Introdução • A imprensa no Rio de Janeiro no início do século XX A modernização da imprensa e a presença das revistas ilustradas no cotidiano • Humberto de Campos e A Maçã • Da leveza do desenho de Ivan à ruptura gráfica de Guevara • O design como diferencial n’A Maçã • A Maçã: arte, técnica e design • Conclusão
  • 3. Introdução A Modernidade de impõe ao passado colonial 1898 Início da Belle Époque carioca Rio de Janeiro 1920: centro político, cultural e financeiro do país; Remodelação urbana realizada em três planos: • Modernização do Porto • Saneamento da cidade • Reforma Urbana
  • 4. Arte e Cultura Modernismo no Rio de Janeiro • Novos padrões de consumo e desenvolvimento da publicidade; Confronto entre o desejo pela tradição e o desejo pelo novo • Valores da Belle Époque dão origem a valores modernistas Design, Indústria e Comércio • O design fez parte da reconfiguração da vida social cultura material e visual da época. • O trabalho do designer pode ter surgido organicamente do processo produtivo da divisão de tarefas.
  • 5. A modernização da imprensa e a presença das revistas ilustradas A partir de 1880 • Novas tecnologias / modernização da cidade • Novas técnicas de impressão e reprodução • Expansão da prática do reclame;
  • 6. Profissionalização dos homens-de-letras • Imprensa: Pode ter sido uma das primeiras áreas de atuação do designer. Revistas Ilustradas: arte, técnica e literatura no 1900 • Inovações técnicas permitiram uso da gravura em escala industrial; • Nascimento de uma tradição cultural carioca, e hoje nacional: a revista semanal; • A ilustração criava códigos e dava identidade às publicações, definindo seu público.
  • 7. Principais revistas ilustradas do início do século XX: • Revista da Semana – 1900 • Kosmos - 1904 • Careta - 1908 • O Malho - 1902 • Fon-Fon – 1907 • Para Todos – 1918
  • 8. Humberto de Campos e A Maçã Humberto de Campos: o Conselheiro XX • Nasceu no Maranhão em 1886; • Aos 12 anos aprendiz de tipografia, paixão pelos livros, autodidata; • Renovação do design editorial brasileiro na déc.1920; • Conselheiro XX - contos satíricos são um sucesso de vendas; • Em 1922 fundou a revista A Maçã, onde assumiu outros pseudônimos; • Duplo sentido, sátira e ironia no texto e na ilustração;
  • 9. A Maçã Semanário galante - dirigido ao público masculino editado no Rio de Janeiro entre 1922 e 1929 • Lançada em 11 de fevereiro de 1922 em pleno carnaval, no Rio de Janeiro; • O pseudônimo era um recurso de escritores e ilustradores. A Maçã era uma revista mal-vista; • Ascensão social das prostitutas de luxo, mudanças de comportamento da mulher, traição, desejo, pecado; • Projeto gráfico inovador, diagramação incomum, destaque às ilustrações e vinhetas; • Consumida e repudiada ao mesmo tempo.
  • 10. 1. Quem fazia o desenho da página, planejamento do uso das vinhetas, ilustrações e textos? 2. Qual o papel do ilustrador na linguagem da revista? Será que o ilustrador e o diagramador trabalhavam juntos? 3. Será que o cronista dava palpites? 4. As mudanças da linguagem gráfica da revista foram planejadas? Quais as influências sofridas em seu projeto? 5. Pode-se alegar que não há projeto?
  • 11. Da leveza do desenho de Ivan
  • 12. à ruptura gráfica de Guevara O traço Art Nouveau migrou para o moderno Art Déco
  • 13. Planejamento gráfico Ivan / Manlius Mello, decorador de interiores, criador de anúncios 1º projeto gráfico, logotipos e principais vinhetas. Desenhos puramente ornamentais, decorativos, de traço levíssimo. Injustamente relegado a segundo plano em toda bibliografia consultada. Andres Guevara, O único paraguaio que venceu o Brasil! responsável pela reestruturação gráfica d’A Maçã em 1923 Caricaturas com traço cubista tem rápida inserção na imprensa. Década 1940 - grande reformador da imprensa brasileira. Diagramação calculada e sistematizada nos jornais. Responsável pelo design de vários jornais cariocas: Diário da Noite, Folha Carioca e Última Hora.
  • 14. 1. Uso da linguagem Art Nouveau, no editorial de 1922, impresso em apenas uma cor; 2. Editorial com o mesmo design mas impresso em duas cores; 3. Ruptura no design de Guevara em dezembro de 1923: a geometrização, o traço Art Déco, o uso de acabamentos tipográficos para criar desenhos e a aplicação definitiva das duas cores. 1 2 3
  • 15. Recurso Outra grande solução de projeto foi o uso da sobreposição (overprint) da segunda cor (mais escura) para solucionar o problema da falta de registro, recurso utilizado até hoje em produção gráfica.
  • 16. O novo projeto de capa de Andrés Guevara não possui mais o cabeçalho com o logotipo centralizado e a partir daí não há mais um padrão, o logotipo da revista passou a fazer parte da ilustração e acompanhava o estilo de cada capa, desenhada por diferentes ilustradores. Capa editada em 1922: cabeçalho que mostra a serpente circulando o logotipo da revista e ao lado a ruptura de Guevara, uso da tipografia com forte traço Art Déco e o desenho inconfundível
  • 17. 1922 O design como diferencial n’A Maçã A Maçã reflete modelos, propostas gráficas, estilo, moda, literatura e linguagem artística de uma década de grandes mudanças de comportamento e de pensamento.
  • 18. 1923 A mulher d’A Maçã é uma mulher poderosa, que não perde a oportunidade de humilhar e usar os homens; É também a mulher bela, vaidosa e amorosa.
  • 19. 1924 Tudo muda! Guevara entra em cena; Personagens políticos Recurso do retrato nas capas, formas mais simplificadas; Logotipo acompanha a linguagem da capa; Editorial valorizado, acabamentos tipográficos e diagramações inovadoras; Miolo estruturado, desenhos crescem na página.
  • 20. 1925 Capas com ilustrações que preenchem a capa toda; Novos recursos de linguagem visual: terceira dimensão, perfil e planos diferentes; Amadurecimento da publicação. Liberdade formal; Excelente uso das cores; Acabamentos tipográficos se intensifica; Miolo com uso mais objetivo da ilustração;
  • 21. 1926 Capas provocantes e explícitas em relação ao sexo; Editorial com grande variação na ornamentação e diagramação. Linguagem Art Déco; Estrutura arquitetônica; Diminuição no uso de vinhetas; Linguagem verbal ousada; Uso da fotografia.
  • 22. A Maçã: arte, técnica e design • surgimento e a popularização do Art Nouveau reflete todas as contradições que caracterizam a arte moderna. • O Art Nouveau tornou-se o primeiro estilo divulgado em escala maciça, possibilitando a reprodução industrial intensiva de suas formas em artigos de todas as espécies. (DENIS. 2000:88)
  • 23. A proliferação dos dois estilos foi surpreendente, especialmente na arquitetura e na área gráfica — onde as revistas ilustradas tiveram seus grandes momentos, com belas capas e novos acabamentos.
  • 24. A Maçã • Transformação do uso do ornamento No início predominavam ilustrações e caricaturas – a estes vão se somando os acabamentos tipográficos ascensão do movimento Art Déco: geometrização supressão gradativa da linha curva e ondulante do Art Nouveau. • Vermelho e preto: característica do Art Déco combinação bastante utilizada n’A Maçã
  • 25. Conclusão • A Maçã – projeto editorial cuidadoso, requintado, inegável seu valor estético, literário, histórico e de conteúdo gráfico. • Conceitos, recursos e inovações gráficas que são surpreendentes ainda hoje. • Profissionais pioneiros que ajudaram a consolidar as bases do design brasileiro. • Desenho Industrial em 1922; • Desenvolver a visão crítica: questionar as verdades que aprendemos como absolutas; • História do design a partir de uma perspectiva brasileira • Embasamento intelectual: essencial ao designer • Reinventar o cotidiano de maneira mais humana e criativa