Cena 01

146 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
146
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
13
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cena 01

  1. 1. CENA 01. IGREJA DA SALVAÇÃO. FACHADA. EXT. NOITE.Lauro, um belo jovem de 19 anos, aproxima-se da igreja. LAURO — (chamando, baixinho) Lídia? Lídia?Ruídos no interior da igreja chamam a atenção de Lauro. Ele entra.CENA 02. IGREJA DA SALVAÇÃO. SALÃO. INTERIOR. NOITE.Penumbra. Lauro chama por Lídia. Uma fileira de lâmpadas sobre opequeno altar se acende. Salão preparado para cerimônia de casamento.Lauro sorri. As suas costas, ALGUÉM bate a porta de entrada. O barulhofaz com que Lauro se vire. Seu PV nos mostra EVA, uma balzaquianavisivelmente embriagada, vestida com roupas provocantes. As inúmeraspulseiras que lhe adornam os pulsos produzem um chiado estranho, como oguizo de uma serpente. EVA — Surpresa, Laurinho! LAURO — (assustado) Dona Eva? O que a senhora tá fazendo aqui? EVA — Corta esse papo de senhora, garotão! LAURO — Eu recebi um recado da Lídia, foi o Sidney quem me deu... EVA — Brincadeirinha minha. O Sidney, apesar daquele jeitinho lerdo dele, faz tudo o que a mamãe aqui pede. LAURO — Eu vou embora. EVA — Não vai não! Hoje você é meu! LAURO — O quê? Você tá louca?
  2. 2. EVA — Tô sim, Lauro! Tô louca de amor por você, e você sabe disso. Desde a primeira vez que te vi, não pude controlar. LAURO — Eu não sei do que você tá falando! Eu vou casar com a sua filha, a Lídia, esqueceu? EVA — (esfregando-se nele) Foi exatamente pra isso que eu armei esse encontro, Lauro! Pra pedir que você não se case, pra pedir que a gente fuja dessa cidade atrasada. Eu e você podemos dar o fora daqui. Tenho dinheiro pra isso! Eu e você por esse mundo afora.Lauro afasta-se de Eva, enojado. LAURO — Velha maluca! Eu tenho nojo de você. Eu sei das histórias que falam ao seu respeito, que você vive dando em cima dos garotões da cidade, mas comigo não!Eva pega sua bolsa sobre um banco, retira um revólver e o aponta paraLauro. EVA — Você vem comigo agora!CORTA PARA:CENA 02. IGREJA DA SALVAÇÃO. FACHADA. EXT. NOITE.Sidney, um rapazote abobalhado, aproxima-se, ressabiado.CENA 03. IGREJA DA SALVAÇÃO. SALÃO. INTERIOR. NOITE.Lauro diante Eva. Ela continua a coagi-lo. EVA — Eu quero você, Lauro! Você finge que não sabe, mas eu sei que você sabe, que você sente!

×